V ENECE Coimbra, 2012

3,138 views

Published on

Conferência do V Encontro Nacional de Estudantes de Ciências da Educação

0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,138
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2,322
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • Na FAP de CAscais tento fazer a gestão dos projectos que eles têm implementado, em particular de um projecto PEP - Pais e Professores, em que o objectivo é aumentar a participação dos pais na escola, utilizando a "reactivação" dos Representantes dos Pais nas Turmas e a sua ligação com os DT. Para além disso, faço o apoio a outros projectos que eles vão assegurando. Estamos a criar um a área da prevenção.
  • http://www.recantodasletras.com.br/artigos/52057

    O conceito de identidade é também uma construção simbólica. A construção da identidade também diz respeito à apreensão e interpretação da realidade, uma vez que é um processo de representação simbólica, uma tentativa de compreensão de sua própria posição no mundo.
  • V ENECE Coimbra, 2012

    1. 1. Identidade, Socialização e Profissionalização Fernando Albuquerque Costa Universidade de Lisboa Instituto de Educação abril, 2012 Coimbra
    2. 2. Identidade Socialização Profissionalização
    3. 3. tópicos 1. A reflexão sobre a(s) licenciatura(s)… 2. Alguns percursos profissionais concretos… 3. A voz do empregador… 4. O que está em jogo?
    4. 4. A reflexão sobre a Licenciatura
    5. 5. Áreas de intervenção Animação socioeducativa Mediação escolar Formação/Gestão da formação Gestão de organizações Projetos educativos E-learning ...
    6. 6. Áreas de intervenção Educação não formal (área em expansão) Interculturalidade / transculturalidade (área de posicionamento estratégico)
    7. 7. Percursos profissionais
    8. 8. Rute http://www.novabase.pt/pt/
    9. 9. Joana http://nme.ist.utl.pt/
    10. 10. Olga http://www.cegoc.pt/e-learning-solutions/
    11. 11. Alguns percursos profissionais… http://www.facebook.com/FAPCascais
    12. 12. Rute http://www.etwinning.net/pt/
    13. 13. Maria https://www.facebook.com/maiscidadania
    14. 14. Elisabete http://www.fct.pt/
    15. 15. Alda e Mafalda http://www.b-training.pt/ “A B-Training, Consulting resulta da concretização de um sonho das suas fundadoras, ambas formadas em Ciências da Educação – especialização em Formação de Adultos pela Universidade de Lisboa ”.
    16. 16. A voz do empregador
    17. 17. Identidade Socialização Profissionalização O que está em jogo?
    18. 18. Identidade Processo de construção simbólica individual social Modo como o sujeito se percebe dentro de um determinado grupo; valorização emocional dessa pertença… Modo como o sujeito é percebido; atribuição em função de critérios, valores…
    19. 19. Competências  Gestão de projetos  Prestação de contas (accountability)  Gestão de conteúdos online  Proficiência na utilização das TIC  Inglês técnico… Competências de natureza mais técnica e instrumental:
    20. 20. Competências  Comunicação oral e escrita  Trabalho em equipa  Empreendedorismo  Inovação  Adaptabilidade a contextos transculturais… Relevância das competências transversais de natureza social e relacional:
    21. 21. Ser competente… In the European Qualifications Framework recommendation, ‘competence’ is seen as the most advanced element of the framework descriptors and is defined as the proven ability to use knowledge, skills and personal, social and/or methodological abilities, in work or study situations and in professional and personal development. Furthermore, competence is described in terms of responsibility and autonomy
    22. 22. foco em tipróprio!

    ×