Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Biologia vírus

21,705 views

Published on

Silde sobre vírus e Viroses

  • Be the first to comment

Biologia vírus

  1. 1. VÍRUS Profª. M.Sc. Mary Ann Saraiva Bezerra
  2. 2. VÍRUS “Uma espécie viral compreende um grupo de vírus que compartilham a mesma informação genética.” REGRAS TAXONÔMICAS PARA VÍRUS I. Para o nome da espécie é usado sigla. Ex: HHV – human herpes vírus. II. Se existirem variedades, há designação por número. Ex: HHV-1 (herpes bucal) HHV-2 (herpes genital).
  3. 3. REGRAS TAXONÔMICAS PARA VÍRUS III. As famílias e gêneros são agrupados com base no material genético e estratégia de reprodução - Família - sufixo viridae. - Gêneros são escritos em itálico, com inicial maiúscula e com a terminação virus. -Ex: Vírus do Herpes família: Herpesviridae; gênero: Simplexvirus. ATENÇÃO: às vezes a mesma sigla é usada para gêneros diferentes. Ex: na família Herpesviridae há vários gêneros (Varicellavirus – da catapora; Lympocryptovirus – da mononucleose) e todos são identificados pela sigla HHV; mas, o que difere é a variedade: o Varicellavirus é HHV-3 e o HHV- Lympocryptovirus é o HHV-4. HHV-
  4. 4. 1. CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS VÍRUS Seres vivos acelulares Parasitas intracelulares obrigatórios. Composição química: DNA ou RNA e cápsula protéica (capsídeo), formada de várias subunidades de proteínas (capsômero). Mat. genético + capsídeo=nucleocapsídeo Material genético: RNAfu, RNAfd, DNAfu e DNAfd. VÍRUS DA SARS
  5. 5. 1. CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS VÍRUS Visíveis apenas ao M. eletrônico. As dimensões virais oscilam entre 17nm e 300nm (1nm=10-6mm). Sofrem mutações e têm capacidade de adaptação Especificidade: capsídeo tem proteínas LIGANTES Alguns vírus apresentam um envelope externo lipoprotéico ou glicoprotéico (retiram das membranas de células que parasitam). No envelope há proteínas LIGANTES. Não sobrevivem em meios artificiais de cultura.
  6. 6. BioS Atualidade - Vírus de DNA + RNA: Citomegalovírus e V. Hepatite B CÉLULAS PULMONARES COM INCLUSÃO DE CMV - Viróides - Virusóides
  7. 7. 2. REPRODUÇÃO VIRAL CICLO LISOGÊNICO -Virus temperados ou não virulentos. -EPISSOMO CICLO LÍTICO -Vírus líticos ou virulentos. ANIMAÇÃO 1
  8. 8. 2. REPRODUÇÃO VIRAL: DETALHES DO BACTERIÓFAGO FASES: 1. ADESÃO 2. PENETRAÇÃO 3. BIOSSÍNTESE 4. MATURAÇÃO 5. LIBERAÇÃO
  9. 9. TIPOS DE PENETRAÇÃO DOS VÍRUS Anotar!
  10. 10. 3. MATERIAL GENÉTICO VIRAL E SUA REPRODUÇÃO 3.1. Vírus de DNA: Exemplo: Vírus da varíola (poxvírus), do herpes (herpesvírus), da hepatite B (hepadnavírus) e do adenovírus (infectam o trato respiratório e digestório). DNA RNAm síntese de proteínas virais DNA + proteínas= novos vírus DNA Auto-replicação 3.2. Vírus de RNA simples: há três formas, reproduzindo-se basicamente conforme o esquema abaixo: RNA RNAm síntese de proteínas virais RNA + proteínas = novos vírus RNA Auto-replicação
  11. 11. 3. MATERIAL GENÉTICO VIRAL E SUA REPRODUÇÃO 3.3. Retrovírus: Exemplos: Vírus HIV (AIDS), vírus HTLV (tipo de Leucemia) RNA DNA viral RNAm viral síntese de proteínas virais T. reversa RNAviral NOVOS RETROVÍRU S
  12. 12. VÍRUS DE RNA: CADEIA +, CADEIA – e RETROVÍRUS DENGUE, RUBÉOLA GRIPE, HANTAVÍRUS HIV, HTLV

×