ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBISTES
DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA
REGIÃO NORDESTE: “NOVOS” ESTRATOS DE UM
TCC...
APRESENTAÇÃO
1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS
O Contexto Inicial, Conceitos e Teóricos.
Arquitetura da Informação é...
2 ARQUITETU...
CONTEXTO INICIAL
Crescimento Exponencial – Advento da Imprensa (séc.
XV)
Evolução

das

Tecnologias

Comunicação (TIC)
Ava...
Arquitetura da Informação
(AI) é ...
CONCEITOS E TEÓRICOS
Visão de Richard Wurman¹ (2005)
... como ciência e arte de criar instruções
para ambientes organizado...
CONCEITOS E TEÓRICOS
Para Rosenfeld e Morville (2006)
... organização de combinações, rótulos e esquemas de
navegação dent...
ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE
BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO
NORDESTE

PROBLEMÁTICA & JUSTIFICATI...
ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE
BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO
NORDESTE
OBJETIVO GERAL
Analisar a ...
OS SISTEMAS DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO
NA WEB
Quadro 1. Sistemas da Arquitetura de Informação na web

Fonte: Adaptado de...
MATERIAIS E MÉTODOS
Materiais: Paint e Internet
Tipo de Pesquisa: Exploratória (Qualitativa e Quantitativa)
Técnica: Análi...
RESULTADOS
1. Sistema de Organização (Identifica o agrupamento, categorização da
informação no ambiente digital).

Figura ...
RESULTADOS
2. Sistema de Navegação (Especifica as formas do usuário se navegar (se
movimentar) no website, facilita todo o...
RESULTADOS
3. Sistema de Rotulagem (Estabelece as maneiras de padronização, de
apresentação e representação dos textos/sig...
RESULTADOS
4. Sistema de Busca (define as possibilidades de perguntas que os
usuários podem fazer, o conjunto de respostas...
CONSIDERAÇÕES FINAIS
 Usuários mais atentos e com conhecimentos teóricos e práticas
sobre o mundo digital;
 Visar às nec...
REFERÊNCIAS
ALBUQUERQUER, A. R. R.; LIMA-MARQUES, M. Sobre os fundamentos da arquitetura da Informação. Perspectivas em
Ge...
“O maior problema da área não é encontrar leis de informação, mas
fazer com que o conhecimento teórico de muitas diferente...
Zayr.Biblio

@Zayr.Biblio

OBRIGADO !
zayr87@hotmail.com
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Conferência em Arquitetura da Informação.2013. Novos estratos do Tcc do autor.

527 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Conferência em Arquitetura da Informação.2013. Novos estratos do Tcc do autor.

  1. 1. ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBISTES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO NORDESTE: “NOVOS” ESTRATOS DE UM TCC Zayr Claudio Gomes da Silva Bacharel em Biblioteconomia (2011) Orientação: Prof. Me. Ronaldo Ferreira MACEIÓ-AL 2013
  2. 2. APRESENTAÇÃO 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS O Contexto Inicial, Conceitos e Teóricos. Arquitetura da Informação é... 2 ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO NORDESTE Problemática e Justificativa Objetivos Sistemas da Arquitetura da Informação Métodos e Materiais Resultados (foram reformulados, tendo em vista o avanço das TICS, especificamente os websites analisados na pesquisa) 3 CONSIDERAÇÕES FINAIS 4 REFERÊNCIAS
  3. 3. CONTEXTO INICIAL Crescimento Exponencial – Advento da Imprensa (séc. XV) Evolução das Tecnologias Comunicação (TIC) Avanço da Internet e a Web Explosão da Não-Informação da Informação e
  4. 4. Arquitetura da Informação (AI) é ...
  5. 5. CONCEITOS E TEÓRICOS Visão de Richard Wurman¹ (2005) ... como ciência e arte de criar instruções para ambientes organizados. Para Davenport (1998) ... um projeto bem-implementado que estrutura os dados [e informações] em formatos, categorias e relações específicas. ¹A Arquitetura da Informação foi uma expressão criada pelo autor na década de 70.
  6. 6. CONCEITOS E TEÓRICOS Para Rosenfeld e Morville (2006) ... organização de combinações, rótulos e esquemas de navegação dentro de um sistema de informação. ... arte e a ciência de estruturação e classificação de sites web e intranets de forma a ajudar as pessoas a localizarem e a gerenciarem a informação. ___ Arte e a ciência de organizar e catalogar websites, intranets, comunidades online e software de modo que a usabilidade seja garantida” (INSTITUTE OF INFORMATION ARCHITECTURE, 2010).
  7. 7. ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO NORDESTE PROBLEMÁTICA & JUSTIFICATIVAS A priori justificativa pessoal (relação com tecnologia); Websites como meio de comunicação para disseminação da informação para unidade de informação Tratamento da informação em websites de acordo com as necessidades informacionais; Integração de conhecimentos entre a AI e Biblioteconomia. Quais as características na Arquitetura da Informação dos websites de Bibliotecas Universitárias de acordo com os sistemas da Arquitetura da Informação na web?
  8. 8. ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: O CASO DA REGIÃO NORDESTE OBJETIVO GERAL Analisar a Arquitetura da Informação dos websites de Bibliotecas Universitárias da Região Nordeste OBJETIVOS ESPECÍFICOS Mapear os websites das Bibliotecas Universitárias da Região Nordeste; Identificar as características da Arquitetura da Informação em websites de Bibliotecas Universitárias de acordo com os sistemas da AI.
  9. 9. OS SISTEMAS DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NA WEB Quadro 1. Sistemas da Arquitetura de Informação na web Fonte: Adaptado de Rosenfeld e Morville (2002, apud REIS, 2007, p. 71 e SILVA; DIAS, 2008).
  10. 10. MATERIAIS E MÉTODOS Materiais: Paint e Internet Tipo de Pesquisa: Exploratória (Qualitativa e Quantitativa) Técnica: Análise de Conteúdo Universo da Pesquisa: 10 Websites
  11. 11. RESULTADOS 1. Sistema de Organização (Identifica o agrupamento, categorização da informação no ambiente digital). Figura 1 – Website do SiBi/UFAL Fonte: http://www.sibi.ufal.br/. Acesso: 2013 Figura 2 – Website do SiBi/UFAL Fonte: http://www.sibi.ufal.br/. Acesso: 2010
  12. 12. RESULTADOS 2. Sistema de Navegação (Especifica as formas do usuário se navegar (se movimentar) no website, facilita todo o caminho ao objetivo; orientação.) Figura 3 – Website do SiBi/UFAL Fonte: : http://www.sibi.ufal.br/. Acesso: 2013. Figura 4– Website do SiBi/UFBA Fonte: http://www.bibliotecacentral.ufba.br/. Acesso: 2011.
  13. 13. RESULTADOS 3. Sistema de Rotulagem (Estabelece as maneiras de padronização, de apresentação e representação dos textos/signos na interface). Figura 5 – Website do SiBi/UFAL Fonte: http://www.sibi.ufal.br/. Acesso: 2010 Figura 6 – Website do SiBi/UFAL Fonte: http://www.sibi.ufal.br/. Acesso: 2013
  14. 14. RESULTADOS 4. Sistema de Busca (define as possibilidades de perguntas que os usuários podem fazer, o conjunto de respostas que irá obter e alguns métodos de busca).  Alguns websites não contêm motor de busca - SiBi/UFAL, BC/UFPB;  Motor de Busca com apenas uma opção (Palavras-Chave) SIBI/UFBA; e com três opções de busca (qualquer palavra, todas as palavras, frase exata), além de disponibilizar outro motor de busca personalizado do Google - BU/UFC;  Não foi identificado nenhum motor de busca com operadores booleanos (and, or, not).
  15. 15. CONSIDERAÇÕES FINAIS  Usuários mais atentos e com conhecimentos teóricos e práticas sobre o mundo digital;  Visar às necessidades informacionais - evitar idiossincrasias;  Participação do profissional Bibliotecário na gestão de conteúdos informacionais em websites de unidades de informação;  Arquitetura da Informação na web como campo científico  Relação da área com a Ciência da Informação e Biblioteconomia.
  16. 16. REFERÊNCIAS ALBUQUERQUER, A. R. R.; LIMA-MARQUES, M. Sobre os fundamentos da arquitetura da Informação. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 1, Número Especial, p. 60-72, out., 2011. Disponível em: <http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/pgc/issue/view/891/showToc>. Acesso em: 4 set. 2013. AGNER, L. Ergodesign e arquitetura de informação: trabalhando com o usuário. 2. ed. Rio de Janeiro: Quartet, 2009. DAVENPORT, T. H. Ecologia da informação: por que só a tecnologia não basta para o sucesso na era da informação?. São Paulo: Futura, 1998. INSTITUTE OF INFORMATION ARCHITECTURE. Definição de Arquitetura da Informação. Disponível em: <http://iainstitute.org/pt/>. Acesso em: 22 mar. 2010. PINHEIRO, L.V. R. Processo evolutivo e tendências contemporâneas da ciência da informação. João Pessoa, Informação e Sociedade: estudos, v. 15, n. 1, p. 13-48, jan./jul., 2005. Disponível em: <http://revista.ibict.br/pbcib/index.php/pbcib/article/view/70>. Acesso em: 7 fev. 2011 REIS, G. A. Centrando a arquitetura de informação no usuário. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação)-Escola de Comunicação e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27151/tde-23042007-141926/>. Acesso em: 5 maio 2010. SILVA, P. M.; DIAS, G. A. A arquitetura da informação centrada no usuário: estudo do website da biblioteca virtual em saúde (bvs). Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Florianópolis, n. 26, 2º sem. 2008. Disponível em: <http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/viewFile/7200/6647>. Acesso em: 23 mar. 2010. WURMAN, R. S. Ansiedade da informação: um guia para quem comunica e dá instruções. v. 2. São Paulo: Cultura, 2005.
  17. 17. “O maior problema da área não é encontrar leis de informação, mas fazer com que o conhecimento teórico de muitas diferentes áreas de pesquisa [assim como a Arquitetura da Informação] interajam com a experiência prática, de forma frutífera e prática, em relação a algumas metas bem definidas” (PINHEIRO, 2005).
  18. 18. Zayr.Biblio @Zayr.Biblio OBRIGADO ! zayr87@hotmail.com

×