Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

RP 2.0 - novo campo de atuação

3,257 views

Published on

Apresentação para a disciplina 'tópicos específicos', texto de Carol Terra do livro RP digitais.

Published in: Education, Technology
  • Be the first to comment

RP 2.0 - novo campo de atuação

  1. 1. RELAÇÕES PÚBLICAS 2.0: NOVO CAMPO DE ATUAÇÃO PARA A ÁREA. POR CAROLINA FRAZON TERRA, DO LIVRO RP DIGITAIS
  2. 2. CAROL TERRA <ul><li>Diretora de mídias sociais da Agência Ideal. </li></ul><ul><li>Autora do livro Blogs Corporativos: modismo ou tendência, pela Difusão Editora. </li></ul><ul><li>Professora do curso de RP e PP da FECAP e da pós-graduação em Gestão da Comunicação Digital da ECA-USP. </li></ul><ul><li>Doutora e Mestre pelo Programa Ciências da Comunicação da ECA-USP. </li></ul><ul><li>Pesquisadora de novas tecnologias de comunicação. </li></ul>
  3. 3. O LIVRO RP DIGITAIS <ul><li>O livro está disponível na web em formato PDF para download gratuito. </li></ul><ul><li>Além de Carol Terra conta com artigos de mais 10 profissionais de relações públicas; </li></ul><ul><li>Organizado por Marcello Chamusca e Márcia Carvalho, ambos do Portal RP Bahia; </li></ul>
  4. 4. O QUE SÃO RP 2.0 Atividade de mediação e interação da organização com seus públicos na rede mundial de computadores; É necessário adaptar as ferramentas e as filosofias às mídias sociais, devido a interação direta com o consumidor. No mundo on line as marcas estão expostas e catalogadas pelo Google. O usuário substitui o “fale conosco” pelas redes sociais. O atendimento também merece atenção redobrada.
  5. 5. COMO A COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL LIDA COM O USUÁRIO-MÍDIA. <ul><ul><li>Divisão do mercado em duas áreas: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Econômica e social : as empresas tinham dificuldades com a área social e as mídias sociais online facilitam esse processo; </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Vivemos na era da economia digital , no qual exige das organizações dialogo , interação e criatividade . </li></ul></ul></ul><ul><li>Na década de 80 a comunicação organizacional consolidou-se como uma atuação estratégica. </li></ul><ul><li>A comunicação antes das mídias online pertencia à grandes conglomerados ; </li></ul><ul><li>A comunicação com as mídias online pertence a todos . </li></ul>
  6. 6. PESQUISAS O blogueiro é o intermediário, o formador de opinião , e a mensagem da organização deve chegar ao público-final ; <ul><li>34% dos blogueiros compartilham experiências com marcas. </li></ul><ul><li>37% fazem resenhas de produtos. </li></ul><ul><li>46%: leitura de comentários de outros internautas; </li></ul><ul><li>40%: visita ao site oficial; </li></ul><ul><li>33%: informações em outros portais </li></ul>Antes de comprar on ou offline. Sobre os Blogueiros.
  7. 7. 18% atribuem as mídias sociais à fidelidade do consumidor nas marcas. 21% os consideram importantes para a construção de uma marca digital. 37% dos executivos seniores consideram as mídias sociais online uma ferramenta estratégica para insigths. AS ORGANIZAÇÕES E A MÍDIAS ONLINE
  8. 8. Os leiautes de publicidade e a crise econômica fizeram com que as organizações optassem pelas mídias sociais online, boca-a-boca e menores investimentos. <ul><li>Falta de melhores práticas; </li></ul><ul><li>Ausência de controles; </li></ul><ul><li>Ausência de padrões de estratégias; </li></ul><ul><li>Falta de tempo e recursos. </li></ul>Porque mídias online? Pontos negativos.
  9. 9. ALGUMAS DICAS: <ul><li>A empresa pode escolher colaboradores que gostem de interagir na web 2.0, mas esses devem ter domínio do produto/serviço. </li></ul><ul><li>Conteúdos relevantes geram repercussão espontânea. </li></ul><ul><li>A organização precisa pensar com uma personalidade no ambiente 2.0. </li></ul><ul><li>É preciso ter credibilidade. </li></ul><ul><li>Compartilhar é poder. </li></ul><ul><li>A chave para usar as mídias sociais está em ter o que dizer e planejar como fazê-lo. A ferramenta em si e é secundaria, pois o contexto muda o tempo todo. </li></ul>
  10. 10. O boca-a-boca é um instrumento importante. Aposta num nicho de mercado. Conheça o público de sua marca. Ambiente no qual o cliente pode palpitar. Relação pessoa-pessoa, as organizações devem ter porta-vozes da marca. o5 dicas para conquistar consumidores na era digital.
  11. 11. Não use softwares automáticos. Não censure o seu público. Não deixe de responder. O que não fazer no ambiente digital.
  12. 12. As organizações precisam estar abertas para a voz do consumidor, pois este assume papel de co-produtor. As redes sociais estão alterando o comportamento das pessoas, logo há aí um novo desafio para a comunicação. A falta de controle do que é publicado é um problema para as organizações, todavia as respostas devem ser rápidas e não invasivas.
  13. 13. Canais de mídias: blogs, sites de relacionamento, redes sociais próprias, sites de compartilhamento de fotos e vídeos, wikis, microblogs etc. Como as marcas mais influentes e mais engajadas com seus públicos de interesse se posicionam no universo das redes sociais? Estudo. Amostra.
  14. 14. ENTRE AS MARCAS MAIS VALIOSAS DO MUNDO: De 73 marcas do ranking 70 possuem presença nas redes sociais. A Unilever, a Ambev, o Boticário e a Adidas são as marcas que mais demonstram engajamento nas redes sociais. O Twitter, o Flicker e o Youtube são as redes mais utilizadas pelas organizações. A Ambev é a empresa que mais possui canais, são 14. Enquanto o Mc Donalds do Brasil possui apenas dois canais.
  15. 15. Estar em uma grande quantidade de redes sociais ou ter poucas, mas boas, com alto nível de interação e engajamento? Reflexão: o que vale mais:
  16. 16. CONCLUIDO: RELAÇÕES PÚBLICAS 2.0 Um rico campo de atuação para o mercado da comunicação organizacional e das relações públicas. Para ser interessante à audiência é preciso fazer parte da tribo, criar comunidade, saber que a empresa é uma líder que deve levar as pessoas ao movimento. A tecnologia da informação invadiu o espaço da atividade de relações públicas e modificou a relação entre comunicadores e público.
  17. 17. Professora Elisete Baião Tópicos Específicos. Taís Oliveira 7º semestre de Relações Públicas &quot;Toda profissão tem um propósito moral. A Medicina tem a saúde. O Direito tem a justiça. Relações Públicas tem a Harmonia - Harmonia Social &quot;. (Seib e Fitzpatrick , Public Relations ethics, 1995)

×