Relatorio final pronto!

509,856 views

Published on

Published in: Education

Relatorio final pronto!

  1. 1. UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA ANA CAROLINA BERTONI RA 2375466761RELATÓRIO FINAL DE ESTÁGIO - SERVIÇO SOCIAL SANTO ANDRÉ 2012
  2. 2. UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Relatório final de Estágio - Serviço SocialIDENTIFICAÇÃO :Nome da Estagiária: Ana Carolina Bertoni.Endereço: Rua Justiniano, nº 56, bairro: Jd. Santo Antônio, CEP: 09240-260,Santo André – SP.Telefone: (11) 8444-7882. e-mail: ac.bertoni87@bol.com.brNível do Estágio Supervisionado: Nível I.Local de Estágio: Hospital e Maternidade Bartira, Santo André.Nome do (a) Supervisor (a) Acadêmico (a): Amarildo Rodrigues.Nome do (a) Supervisor (a) de Campo: Sônia Cecília Berto.Carga horária: 124 horas. Início: 03/04/2012. Término: 28/06/2012.
  3. 3. I - INTRODUÇÃO O estágio aqui apresentado é exercido pela acadêmica de graduaçãodo Curso de Serviço Social da Universidade Anhanguera-Uniderp, pólo deensino UNIA-Santo André, realizado no Hospital Bartira que basicamente voltasua atenção para a área do atendimento social, mas especificamente a saúde,sendo este hospital pertencente à iniciativa privada. No âmbito do Curso de Serviço Social, o aprendizado pode melhorardialogar com prática do estágio, sendo que este ocorre sob a supervisãotécnica da assistente social do Hospital Bartira, local onde o mesmo érealizado, e da supervisão pedagógica do professor-tutor Amarildo , o qualestá vinculado à instituição de ensino Anhanguera-Uniderp.OBJETIVO GERALInteração dos três atores no processo aprendizado-estágio:• aluno, enquanto estagiário;• assistente social do campo: responsável pela supervisão técnica no Hospital;• docente, sendo o professor-tutor em sua atribuição pedagógica.OBJETIVO ESPECÍFICO No estágio supervisionado são trabalhadas as três dimensões daprática profissional: • Teórico-metodológica: com a apreensão do método e das teorias e, por conseguinte, da relação que faz com a prática. • Ético-política: diz respeito ao desenvolvimento da capacidade de analisar a sociedade e a própria profissão como campo de forças contraditórias, considerando-se o caráter eminentemente político do exercício profissional, assim como a consciência do profissional acerca da direção social que imprime em sua intervenção. • Técnico-operativa: refere-se mais estritamente aos elementos técnicos e instrumentais para o desenvolvimento da intervenção.
  4. 4. II - A ORGANIZAÇÃO: a) Identificação da Instituição: Hospital e Maternidade Bartira em Santo André – SP.b) Descrever e analisar de forma breve e a partir da sua experiênciaprática como estagiário a realidade da organização (missão, visão,valores, serviços, programas e projetos realizados junto à comunidade).R: A realidade da Organização está voltada principalmente aos valores e aoacolhimento, através de programas que visam à melhoria no atendimento e aintegração do público atendido. Quanto aos projetos realizados com acomunidade, pode-se destacar a Campanha do Agasalho e a CaminhadaAnual, que reúne moradores da região a fim de promover uma melhorqualidade de vida e conscientização sobre o tema.c) Situar o espaço de estágio dentro da organização, ou seja, localizar asua atuação como estagiário na rotina dos atendimentos,acompanhamentos e encaminhamentos dentro da instituição.R: Meu espaço como estagiária dentro da organização se faz através doacompanhamento observatório direto na rotina do Hospital, sob a orientaçãoda Supervisora de Campo.d) Descrever o alcance social dos projetos, programas e serviçosencontrados na Organização.R: O alcance dos projetos, programas e serviços encontrados na Organizaçãoabrangem os pacientes, familiares e comunidade.e) Descrever a vivência considerando o aprendizado teórico-metodológico articulado à prática do serviço, lembrando que algunseixos deverão estar comtemplados, tais como:
  5. 5. • Quais foram as políticas acessadas pelos usuários? R: Acesso às informações, desde o diagnóstico até o processo de tratamento ou internação. • Quais os instrumentais técnicos usados nesses atendimentos? R: O trabalho direto com as famílias e pacientes, tratando do processo saúde/doença, intermediando conflitos, fazendo encaminhamentos, transferências e prestando orientações aos usuários quanto aos seus direitos. A participação do assistente social dentro do hospital, acontece por meio de equipe multidisciplinar (psicóloga, médicos(as), enfermeiros(as)...), e sua meta principal é a de zelar pelo bem estar do paciente através do acompanhamento regular de cada caso. • Qual a concepção teórico-metodológica usada pelo estagiário e pelo Assistente Social (Supervisor de Campo)? R: Observação, entrevistas e conhecimento teórico do Serviço Social Institucionalizado. • O código de ética e os documentos legais da profissão estão sendo respeitados no momento do perfazer profissional? R: Sim, estão sendo respeitados.CONSIDERAÇÕES FINAIS: O estágio tem a intenção de favorecer condições de reflexão sobre aprática profissional, sendo que o estagiário deve ter uma visão crítico-analíticadas dificuldades e facilitadores dentro da dinâmica que acontece nas relaçõessociais existentes no campo de estágio, levando em consideração os desafiosa serem enfrentados dentro das instituições, quer pública, quer privada. É importante nesse processo estreitar laços de aprendizado com asupervisão no Serviço Social, de modo que haja vinculação do estagiário aos
  6. 6. objetivos e às orientações no aspecto formativo. Na minha primeira etapa como estagiária supervisionada, posso dizerque, através da observação nos atendimentos prestados, eu pude notar asnecessidades dos pacientes e familiares envolvidos, e as dificuldades, muitasvezes enfrentadas pelos mesmos, no momento, por exemplo, de se conseguirum tratamento especializado que o convênio não cubra ou algum tipo deencaminhamento. Para finalizar, o estágio prático está contribuindo não apenas com omeu lado como estudante, mas também, com o meu lado pessoal, pois, tenhoa oportunidade de vivenciar diretamente situações do dia-a-dia na profissão. Eassim, portanto, posso enriquecer as minhas teorias aprendidas em sala deaula, através da prática, o que se faz muito importante para a formaçãocompleta do profissional de Serviço Social.REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:COSTA, Selma Frossard. O planejamento do estágio em Serviço Social.Disponível em:http://www.uel.br/revistas/ssrevista/c_v1n1_planejamento.htm. Acesso em20 de junho de 2012.

×