Implementação Certificação DGERT

2,625 views

Published on

A Definitivamente, Lda., como empresa consultora em Gestão da Qualidade, foi convidada para efectuar as Certificações DGERT e A3ES no CISCAL - (Centro de Investigação Aplicada do ISCAL), com sede na Av. Miguel Bombarda nº20, no Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Lisboa.

A Certificação DGERT é a que permite qualquer entidade/instituição ser formadora e poder desenvolver as suas próprias formações segundo um referencial legislado pelo estado Português. Assim, terá de ser efectuado o Manual de atividade formativa, de forma a utilizar sempre o mesmo modelo de conceber a formação. Este modelo é constituidp pelo manual pedagógico, recursos didáticos, avaliação de formandos e formadores e efetuar o controlo do plano das atividades, etc. ….

A A3ES pressupõem certificar o CISCAL, de forma a ser uma instituição de ensino superior Acreditada.

Sejam amigos do CISCAL no Facebook.

https://www.facebook.com/profile.php?id=100002534776747


www.definitivamente-iberica.com

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,625
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
43
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Implementação Certificação DGERT

  1. 1. IMPLEMENTAÇÃO DETALHADADO SISTEMA DE CERTIFICAÇÃO DO CISCAL APRESENTAÇÃO REDUZIDA
  2. 2. OBJECTIVO DE CERTIFICAÇÃO EM 2 FASES ACREDITAÇÃO 1ª Fase INSERIDA NA SISTEMA 2ª FASE. CERTIFICAÇÃO DGERT 2ª Fase SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO CERTIFICAÇÃO SGQ ISO 9001:2008 SGQ ISO 9001:2008
  3. 3. IMPLEMENTAÇÃO:CISCAL ENTIDADE FORMADORA ACREDITADA PELO DGERT
  4. 4. ESTRUTURA DE IMPLEMENTAÇÃO – DGERT ETAPA 1 Consultar legislação aplicável, página web,Recolha documental documentação existente, etc. ETAPA 2 Análise do contexto, estratégia da atividade formativa.Análise documental Definir áreas de educação e formação onde está inserido. Destinatários e público alvo. ETAPA 3 Colaboradores internos e externos adequados à ofertaEstrutura Formativa formativa. Previsão de recursos humanos e físicos necessários. Definição de requisitos da estrutura e organização interna. ETAPA 4 Nomeação do gestor da formação, do coordenadorConceção do modelo pedagógico, dos formadores e dos colaboradores. de organização Definição dos processos-chave e âmbito de actuação. formativa Elaboração do Manual da Qualidade da Atividade Formativa (MQAF), procedimentos, metodologia pedagógica, instrumentos e suporte por cada fase do ciclo formativo .
  5. 5. ESTRUTURA DE IMPLEMENTAÇÃO – DGERT ETAPA 5 Plano estratégico com plano de atividades anuais. Planificação daatividade formativa Análise das necessidades formativas do mercado, conceção e revisão dos referenciais de formação em função da atividade planeada. ETAPA 6 Se o sistema está conforme a Portaria nº 851/2010 e Verificação guia da certificação Verificação do enquadramento face á acreditação. ETAPA 7 Auditoria interna à organização da atividade do CISCAL. Análise e Análise e autoavaliação dos recursos, procedimentos, autoavaliação práticas, metodologias e instrumentos segundo requisitos da certificação ETAPA 8 Preparar as evidências aplicáveis para pedido certificação Pedido de Certificação Preenchimento dos formulários electrónicos e entrega de documentos.
  6. 6. CRONOGRAMA - CALENDARIZAÇÃO DO PROJECTOProjecto de Implementação Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 Sem 6 Sem 7 Sem 8 Sem 9 Sem 10 Etapa 1 Etapa 2 Etapa 3 Etapa 4 Etapa 5 Etapa 6 Etapa 7 Etapa 8
  7. 7. CUSTOS EXTERNOS ESTIMADOS DAS TAXAS DGERT Certificação inicial da entidade formadora: € 500,00 Por cada área de formação além de 3: € 150,00 Auditorias DGERT: € 750,00 - 1 local
  8. 8. CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO DOS PROJECTOSO desenvolvimento dos trabalhos nos prazos definidos pressupõe a boa colaboração dos colaboradores do CISCAL . Nesteâmbito, são da responsabilidade desta entidades as seguintes ações:  Fornecer a documentação base para realização dos trabalhos, nomeadamente Estatutos, normas de funcionamento, documentos de suporte aos processos, etc.;  Identificar a documentação considerada propriedade do CISCAL, e que deverá ser devolvida pela Definitivamente, Lda. no final do projecto (garantindo esta empresa total confidencialidade pelo uso de toda a informação disponibilizada, seja ou não considerada propriedade do CISCAL);  Criar ou providenciar condições de acesso às instalações do CISCAL;  Nomear um interlocutor interno para garantir a intermediação entre a Definitivamente, Lda. e o CISCAL, para promoção de contactos com os colaboradores do CISCAL, agendamento de sessões de trabalho e ações de formação, disponibilização da informação solicitada, acompanhamento geral do projeto, etc.;  Garantir o envolvimento dos colaboradores no projeto, através da divulgação e coordenação interna do projeto;  Aprovar atempadamente os documentos e informações necessários para o desenvolvimento dos trabalhos.

×