Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Floresta Atlântica

5,563 views

Published on

Trabalho dos alunos da AA09: Lucas Henrique, Paulo, Rita

  • Be the first to comment

Floresta Atlântica

  1. 1. BIOMAS BRASILEIROS: Floresta Atlântica Lucas Henrique Paulo Roberto Castellem Jr. Rita Carolina de Melo
  2. 2. SUMÁRIO <ul><li>Breve introdução ao assunto; </li></ul><ul><li>Localização; </li></ul><ul><li>Clima; </li></ul><ul><li>Solo; </li></ul><ul><li>Vegetação; </li></ul><ul><li>Fauna; </li></ul><ul><li>Principais problemas; </li></ul><ul><li>Principais agressões a Mata Atlântica; </li></ul><ul><li>Curiosidades; </li></ul><ul><li>Referências. </li></ul>
  3. 3. BREVE INTRODUÇÃO AO ASSUNTO... <ul><li>A floresta encontrada sobre serrarias costeiras denomina-se Floresta Pluvial Tropical, Floresta Ombrófila Densa ou, genericamente, Mata Atlântica; </li></ul><ul><li>Terceiro maior bioma brasileiro. </li></ul>
  4. 4. LOCALIZAÇÃO <ul><li>Distribuída ao longo de mais de 23 graus de latitude sul; </li></ul><ul><li>Compreende a região costeira do Brasil; </li></ul>
  5. 5. CLIMA <ul><li>Tropical; </li></ul><ul><li>Caracterizada por altas temperaturas; </li></ul><ul><li>Nebulosidade no alto das montanhas e umidade elevada; </li></ul><ul><li>Devido à proximidade do oceano, a dinâmica atmosférica regional e os traços do relevo. </li></ul>
  6. 6. CLIMA <ul><li>Distribuição das chuvas é bastante irregular; </li></ul><ul><li>Período mais frio e seco vai de maio a agosto (inverno) e o mais quente e chuvoso de novembro a março (verão); </li></ul><ul><li>As médias pluviométricas variam com a altitude, com cerca de 1.700mm na planície costeira, 2.000mm nas encostas e 3.000mm na faixa alto montanha, o que pode ser comparado à Amazônia; </li></ul><ul><li>No inverno a temperatura mínima pode atingir menos de 10°C e no verão, a máxima varia entre 37°C e 40°C. </li></ul>
  7. 7. SOLO <ul><li>Bastante raso; </li></ul><ul><li>Pobre, mas que tem a fertilidade garantida pela existência da “serrapilheira”; </li></ul><ul><li>O relevo é constituído por colinas e planícies costeiras, acompanhadas por uma cadeia de montanhas. </li></ul>
  8. 8. VEGETAÇÃO <ul><li>Exuberância e diversidade, é uma das mais ricas do planeta; </li></ul><ul><li>A Serra do Mar (SP) contém mais de 800 espécies de árvores; </li></ul><ul><li>A floresta pode ser dividida em extratos: </li></ul><ul><li>Dossel </li></ul><ul><li>Extratos arbustivos </li></ul><ul><li>Extratos herbáceos </li></ul>
  9. 9. FAUNA <ul><li>A Mata Atlântica abriga: </li></ul><ul><li>-Quase mil espécies de aves; </li></ul><ul><li>-370 espécies de anfíbios; </li></ul><ul><li>-200 de répteis; </li></ul><ul><li>-270 de mamíferos; </li></ul><ul><li>-Cerca de 350 espécies de peixes. </li></ul>
  10. 10. FAUNA <ul><li>A Floresta Atlântica possui uma grande biodiversidade de animais, além de muitos que já estão ameaçados de extinção, como: </li></ul><ul><li>- Onça-pintada - jaguatirica </li></ul><ul><li>- o mono-carvoeiro - macaco-prego </li></ul><ul><li>- o guariba - mico-leão-dourado </li></ul><ul><li>- vários sagüis - preguiça-de-coleira </li></ul><ul><li>- o caxinguelê - tamanduá </li></ul>
  11. 11. PRINCIPAIS PROBLEMAS <ul><li>Início da colonização européia: </li></ul><ul><li>A floresta nativa deu lugar às culturas de cana-de-açúcar, cacau e café, além da pecuária. </li></ul>
  12. 12. AS PRINCIPAIS AGRESSÕES À MATA ATLÂNTICA SÃO: <ul><li>1- Extração de madeira; </li></ul><ul><li>2- Moradia, construção de cidades; </li></ul><ul><li>3- Agricultura; </li></ul><ul><li>4- Industrialização, e conseqüentemente poluição; </li></ul><ul><li>5- Construção de rodovia. </li></ul><ul><li>6- Pesca predatória em seus rios; </li></ul><ul><li>7- Turismo desordenado; </li></ul><ul><li>8- Comércio ilegal de plantas e animais nativos; </li></ul><ul><li>9- Exportação ilegal de material genético; </li></ul><ul><li>10- Fragmentação das áreas preservadas. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  13. 13. CURIOSIDADES
  14. 15. Percentual da Mata Atlântica em 1500
  15. 16. ESTADO ÁREA DE DOMÍNIO ALAGOAS 52% BAHIA 31% CEARÁ 3% ESPÍRITO SANTO 100% GOIÁS 3% MATO GROSSO DO SUL 14% MINAS GERAIS 45% PARAÍBA 12% PARANÁ 32% PERNAMBUCO 18% PIAUÍ 9% RIO DE JANEIRO 99% RIO GRANDE DO NORTE 6% RIO GRANDE DO SUL 47% SANTA CATARINA 99% SÃO PAULO 80% SERGIPE 32%
  16. 17. REFERÊNCIAS <ul><li>CARVALHAL , Fabiana et al. Mata Atlântica . Disponível em:<http://www.ib.usp.br/ecosteiros/textos_educ/mata/historia/historia.htm>. Acesso em: 24 Ago 2010. </li></ul><ul><li>CARVALHO, Jose Candido de Melo. Atlas da fauna brasileira. 3. ed. atual. Brasília: FAE, 1995. 140p. </li></ul><ul><li>FAUNA. [200-?]. Disponível em: <http://www.apremavi.org.br/mata-atlantica/entrando-na-mata/fauna/>. Acesso em: 24 Ago 2010. </li></ul>
  17. 18. REFERÊNCIAS <ul><li>MATA ATLÂNTICA. [200-?]. Disponível em: <http://ambientes.ambientebrasil.com.br/natural/biomas/mata_atlantica.html> . Acesso em: 24 Ago 2010. </li></ul><ul><li>MARTINS , Mauro Sérgio et al. [200-?]. Mata atlântica . Disponível em: <http://educar.sc.usp.br/licenciatura/trabalhos/mataatm>. Acesso em: 24 Ago 2010. </li></ul>
  18. 19. DÚVIDAS???
  19. 20. OBRIGADO PELA ATENÇÃO!
  20. 21. Interior da Floresta Ombrófila Densa - Corupá - SC
  21. 22. VEGETAÇÃO
  22. 23. Fauna
  23. 24. Onça-pintada
  24. 25. Mono-carvoeiro
  25. 26. Guariba
  26. 27. Sagüi
  27. 28. Caxinguelê
  28. 29. Jaguatirica
  29. 30. Macaco-prego
  30. 31. Mico-leão-dourado
  31. 32. Preguiça-de-coleira
  32. 33. Tamanduá

×