Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Upcoming SlideShare
Pensamanto e linguagem - Vygotsky
Next
Download to read offline and view in fullscreen.

0

Share

Download to read offline

Apresentacao vygotsky 1

Download to read offline

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to like this

Apresentacao vygotsky 1

  1. 1. LEV SEMYOVITCH VYGOTSKY (RÚSSIA: 17/11/1896 – 11/06/1934) • O percurso acadêmico desse pensador foi marcado pela interdisciplinaridade, transitando por diversos campos do conhecimento. • De 1914 a 1917 estudou Direito e Literatura na Universidade de Moscou, Filosofia e História na Universidade Popular de Shanyavskii, além de Medicina em Moscou e Kharkov. • Interessado em pesquisar sobre o desenvolvimento psicológico do ser humano, particularmente as anormalidades físicas e mentais, dedicou-se mais sistematicamente à Psicologia, a partir de 1924. Fonte de informação: Vygotsky, uma síntese. René Van Der Veer e Jaan Valsiner, 1999. 3º ed. Edições Loyola.
  2. 2. Vygotsky evidenciou-se por construir sua obra, buscando uma abordagem alternativa, a qual possibilitasse, dentro da Psicologia, uma síntese, algo de novo, anteriormente não existente, em relação às concepções idealistas e mecanicistas predominantes em sua época. Assim, ele propôs uma abordagem integrativa, que vê o homem enquanto: corpo e mente; ser biológico e social; membro da espécie humana e participante de um processo histórico. Fonte de Informação: Aulas de Infância, aprendizado e desenvolvimento infantil II, ministradas p/ Profº Ivone Garcia. Especialização em Educação Infantil da Faculdade de educação da UFG turma 2000.
  3. 3. Principais aspectos abordados em sua obra. • As funções mentais superiores (funções psicológicas) são produto da atividade cerebral, por isso tem um suporte biológico; • O funcionamento psicológico é fundamentado nas relações sociais do indivíduo com o meio, e são desenvolvidas num processo histórico; • A relação homem/mundo é mediado por um sistema simbólico.
  4. 4. Teoria de Vygotsky. Fonte: Psicologia na Educação. Cláudia Davis e Zilma de Oliveira – Cortez, 1994. • Visão de desenvolvimento baseada num organismo vivo, cujo pensamento é construído num ambiente histórico e cultural; • O indivíduo tem possibilidades para sua construção social, a partir do acesso que tem a “instrumentos” (desenvolvidos em gerações precedentes e que podem ser: físicos ou simbólicos). • Há uma interação contínua entre as mutáveis condições sociais e a base biológica do cptº humano.
  5. 5. • Partindo de estruturas orgânicas elementares (determinadas pela maturação), estruturas complexas vão surgindo, conforme as experiências sociais. • A fala (e o como ela é utilizada na interação social), é sobremaneira importante na organização do pensamento complexo e abstrato individual. • O pensamento infantil é guiado pela fala e pelo cptº dos mais experientes, e aos poucos, a criança adquire capacidade de se auto-regular.
  6. 6. • A criança interioriza a fala, os gestos de forma particular. Ela interioriza e transforma o social ao mesmo tempo, ou seja, ela é um ser ativo. • A partir da própria fala, a criança apreende melhor mo meio físico e social, pois com a fala ela modifica a qualidade do conhecimento e do pensamento do mundo. • Ao internalizar instruções, a criança modifica suas funções psicológicas superiores: percepção, atenção, memória, capacidade para solucionar problemas. • Dessa forma, formas historicamente determinadas e socialmente organizadas de lidar com informações influenciam o conhecimento individual, a consciência de si e do mundo.
  7. 7. • A construção do real, (a apropriação feita da experiência social) pela criança, parte do social e paulatinamente, é internalizada por ela. • O surgimento da linguagem reorganiza o processo mental infantil, pois, a palavra dá forma ao pensamento, criando novas modalidades de atenção, memória e imaginação. Ela sistematiza o pensamento e orienta o seu comportamento. • Até + ou – os três anos de idade, a fala acompanha o cptº da criança (ela descreve o que faz), em seguida a fala começa a preceder o cptº da criança (ela anuncia o que irá fazer). • A fala adquire uma função característica do pensamento complexo: o planejamento da ação. • Após os seis anos, o falar em voz alta é substituído por sussurros, até desaparecer e se tornar uma fala interna (aspecto integral do pensamento e que o direciona).
  8. 8. • Pensamento e linguagem são interligados. • Na interação dos dois que se produz o pensamento verbal. • A importância atribuída por Vygotsky, ao pensamento verbal (interação entre pensamtº e linguagem) que para ele, as estruturas básicas da linguagem passam a constituir a estrutura básica da sua forma de pensar.
  9. 9. A construção do pensamento complexo e do abstrato. • O processo de formação do pensamento é acentuado pela vida social e pela constante comunicação que se estabelece entre crianças e adultos, a qual permite a assimilação da experiência de muitas gerações. • Percebe-se aí, a importância da linguagem. • Quanto mais o adulto nomeia e relaciona os objetos para a criança, mais ela constrói formas complexas de conceber a realidade.
  10. 10. Desenvolvimento e Aprendizagem. • Em Vygotsky, aprendizagem e desenvolvimento são processos distintos e interdependentes que interagem afetando-se mutuamente. Para ele: • As medidas tradicionais de desenvolvimento (testes) focalizam somente o que as crianças são capazes de realizar sozinhas; • Inteligência é habilidade para aprender, e não resultado de aprendizagens prévias, já realizadas; • A diferença entre crianças deve-se as diferenças qualitativas em seu ambiente social; • As diferenças encontradas nos diferentes ambientes sociais das crianças promovem aprendizagens diversas que passam ativar processos de desenvolvimento também diversos. Diante disso, a aprendizagem precederia o desenvolvimento intelectual, ao invés de segui-lo ou de ser com ele coincidente?
  11. 11. A zona de desenvolvimento proximal “Distância entre o nível de desenvolvimento real, que se costuma determinar através da solução independente de problemas, e o nível de desenvolvimento potencial, determinado através da solução de problemas sob orientação de um adulto ou em colaboração com companheiros mais capazes”. (A Formação Social da Mente - VYGOTSKY, 1998, p. 112) Assim, a ZDP se constitui em: Funções do desenvolvimento que estão à caminho de se completar. Onde: As trocas que se dão no plano verbal, entre o professor e o aluno, influenciam decisivamente, na forma como as crianças tornam mais complexo o seu pensamento e processam novas informações.
  12. 12. Sintetizando: “Em Vygotsky, o processo de desenvolvimento nada mais é que a apropriação ativa do conhecimento disponível na sociedade em que a crianças nasceu. É preciso que ela aprenda e integre em sua maneira de pensar o conhecimento da sua cultura. O funcionamento intelectual mais complexo desenvolve-se graças a regulações realizadas por outras pessoas que, gradualmente, são substituídas por auto-regulações. Em especial, a fala é apresentada, repetida e refinada, acabando por ser internalizada, permitindo À criança processar informações de uma forma mais elaborada” (DAVIS e OLIVEIRA, 1994, p. 54)

Views

Total views

2,155

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

15

Actions

Downloads

14

Shares

0

Comments

0

Likes

0

×