Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Processo criativo

742 views

Published on

Processo criativo e design thinking.

Published in: Design
  • Be the first to comment

Processo criativo

  1. 1. Onde domina a resignação não há Design. (Bonsiepe 2000)
  2. 2. NOVA visão do design para inovar e solucionar problemas; PENSA com a cabeça do consumidor; OUVE, pesquisa, recolhe dados. ACERTA na busca por soluções.
  3. 3. VIA: OLOGIA
  4. 4. Tim Brown, CEO da Ideo cunhou o termo para expressar a diferença entre ser designer e pensar como designer. Abordagem mais estratégica. Brown explica: enquanto os designers aprendem a solucionar as restrições, os design thinkers navegam nelas com criatividade. Isso acontece porque o foco é desviado do problema para o projeto.
  5. 5. COMO FAZER? Identificar o problema ou desejo do cliente; Definir o ambiente e personagens do estudo; Executar as etapas que são realizadas e avaliadas por uma equipe multidisciplinar, que traz olhares diversificados e oferecem interpretações variadas sobre o estudo.
  6. 6. ETAPAS 1. Descobrir -> Buscar as necessidades do usuário 2. Interpretar -> Desenvolver um ponto de vista 3. Idealização -> Gerar ideias para soluções 4. Experimentação -> Testar protótipos para chegar ao melhor 5. Evoluir - > Convergência de ideias
  7. 7. 1º etapa: observação e experimentação prática. Aproximação entre designer e usuários. ETAPAS: DISVOVERY ETNOGRAFIA “É o momento de ir pra rua, para os ambientes que compõem o universo do problema, ver e entender as pessoas afetadas pelo processo, seus hábitos, relacionamentos e diversos outros fatores que fazem parte da realidade do que está sendo estudado. Essa é a fase de etnografia, ou observação da realidade.” (Fonte: Ologia).
  8. 8. 1º etapa: observação e experimentação prática. Pesquisa sobre o comportamento do consumidor online através do Monitoramento. Descobrir o que internautas pensam e falam de determinado produto ou serviço. ETAPAS: DISVOVERY NETNOGRAFIA
  9. 9. ETAPAS: INTERPRETATION 2º etapa: organizar dados e ideias para desenvolver hipóteses, oportunidades, desafios. e soluções.
  10. 10. ETAPAS: IDEATION 3º etapa: momento de refinar as ideias com o Brainstorm. O que é gerado nesta etapa deve ter potencial para se tornar a solução final. Momento que pode ser revisado e analisado ao longo de todo o processo.
  11. 11. ETAPAS: EXPERIMENTATION 4º etapa: as ideias criadas nesta etapa são as primeiras tentativas de solução baseadas nos objetivos do negócio, na viabilidade tecnológica e nas necessidades humanas. A vantagem do Design Thinking é que os protótipos gerados são testados durante o processo e antes de se tomar decisões finais.
  12. 12. ETAPAS: EVOLUTION 5º etapa: avaliar o que funcionou e não funcionou e chegar a solução final.
  13. 13. APRESENTAÇÃO Depois de tanto material rico em informações, se tem conteúdo suficiente para elaborar uma bela apresentação.
  14. 14. CASE: POSITIVO OBJETIVO: Entender o que a classe média baixa do Brasil esperava de um computador; PESQUISA: Visita a dez casas na periferia de São Paulo e Rio de Janeiro; SOLUÇÃO: Foi identificado que as pessoas queriam um visual mais chamativo e praticidade na hora transportar o computador. O produto final foi o modelo Faces.
  15. 15. CASE: HAVAIANAS OBJETIVO: Criar um novo produto; PESQUISA: Feita nas praias brasileiras, além de Austrália, Índia, China, Estados Unidos, França e Inglaterra. Foi descoberto que o público tinha um espírito vibrante e apreciação pela simplicidade, autenticidade, diversão, alegria e conforto físico; SOLUÇÃO: Foi desenvolvido uma linha de sete bolsas emborrachadas úteis e coloridas, mantendo a herança brasileira da marca.
  16. 16. NA PRÁTICA: NATURA
  17. 17. NA PRÁTICA: NATURA ETNOGRAFIA
  18. 18. NA PRÁTICA: NATURA NETNOGRAFIA
  19. 19. NA PRÁTICA: NATURA PONTOS DE ATENÇÃO IDENTIFICADOS • Homem é fiel ao produto; • Homem sabe o que quer; • Homem é prático; • Mercado em expansão para o segmento; • Homem adora indicação;
  20. 20. NA PRÁTICA: NATURA CONSIDERAÇÕES
  21. 21. Portal criado para que homem entenda, conheça e “sinta” o mundo de fragrâncias e cosméticos Natura. O desafio foi dar características para cada produto da linha Masculina e assim levar o produto certo para cada perfil de consumidor. Trabalho desenvolvido no curso da Ibmec. Integrantes: Clarissa, Daniela, Raoni e Guilherme.
  22. 22. seres humanos são DESIGN THINKERS por natureza.
  23. 23. Design Thinking – Referências (algumas)  http://vimeo.com/7953312;  Texto: Arbex, Dafne Fonseca. Design Thinking como um processo iterativo para a inovação.  E-book: Design Thinking – Inovação em Negócios - http://livrodesignthinking.com.br/  Filme: Design & Thinking: http://youtu.be/uilcaXYnluU  Livro: ‘Design Thinking: uma metodologia poderosa para decretar o fim das velhas ideias’ Tim Brown

×