Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Formação animadores(as) CEBs _2015

165,486 views

Published on

Formação animadores(as) CEBs _2015

Published in: Spiritual
  • Be the first to comment

Formação animadores(as) CEBs _2015

  1. 1. CEBsPCJ2015 FORMAÇÃO PARA ANIMADORES DAS CEBs Paróquia Coração de Jesus - SJC Coordenação Paroquial CEBs 2015
  2. 2. CEBsPCJ2015 HOMENAGEM AS MULHERES DAS CEBs
  3. 3. CEBsPCJ2015 PREPARAÇÃO DA FORMAÇÃO Aplicação do Método: VER, JULGAR e AGIR Objetivos: - Mapear / Identificar os pontos a serem abordados; - Alinhamento da Equipe de Coordenação.
  4. 4. CEBsPCJ2015 CEBs: Ser Igreja viva nas ruas de nossa Paróquia, construir comunidades familiares as bases dos valores do Evangelho, despertar homens e mulheres para um viver em santidade, por meio de Jesus Cristo, levá-los a uma experiência total do Amor-caridade. “Ser Igreja hoje e sempre, a partir de onde moramos” Ser comunidades da Comunidade Mãe, a Igreja de Jesus Cristo NOSSO LEMA
  5. 5. CEBsPCJ2015 A Nossa Realidade Paroquial O FOCO - O CAMPO DA MISSÃO Isolamento das Pessoas - (medo, angustia, desprezo...) Aumento da População – de Pessoas Idosas Poder Aquisitivo – “O não precisar de Deus” O Mundo da Informação – “Redes Sociais” O Individualismo – “Eu e só Eu” Falta de unidade na PALAVRA
  6. 6. CEBsPCJ2015 Conhecer para Fazer Melhor: A ORGANIZAÇÃO E PLANEJAMENTO Consultar o Planejamento Paroquial; Estar atento a vida Paroquial; Conhecer as Atividades Diocesanas; (Jornal Expressão, guia diocesano, rádio...) Não conhecer as Atividades Paroquiais; Não conhecer os Projetos Paroquiais; Quem de vós, querendo fazer uma construção, antes não se senta para calcular os gastos que são necessários, a fim de ver se tem com que acabá-la? (Lc 14, 28) É Bom: É Ruim: Não conhecer os seus vizinhos – O Alvo da Missão.
  7. 7. CEBsPCJ2015 Zelo pelo que é de Deus: A PREPARAÇÃO DO ENCONTRO Estudar o Subsídio das CEBs; Ler Subsídio somente no momento do Encontro - ?????; Confrontar com a Liturgia Diária; Saber manusear a Bíblia; Conhecer os Cânticos Indicados; Fazer uma boa reflexão das Leituras; Fazer uma boa distribuição dos Trabalhos; Conhecer a realidade das Famílias. Cantar sem escolher previamente – falta de sintonia; Ler sem praticar – os erros dispersam as pessoas. Quem é, pois, o servo fiel e prudente que o Senhor constituiu sobre os de sua família, para dar-lhes o alimento no momento oportuno? (Mt 24, 45) É Bom: É Ruim:
  8. 8. CEBsPCJ2015 Levar Deus ao Outro: A ESCOLHA DA CASA Escolher as Casas entre as pessoas que ainda não participam; É Bom: É Ruim: Sempre na mesma Casa – demonstra falta de empenho; Envolver os Novos Moradores; Escolher a próxima casa no final do encontro; Escolha de última hora – pode causar constrangimento; Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós. (Jo 20,21) O chamado vem de Deus!
  9. 9. CEBsPCJ2015 É o Nosso Cartão de Visita: O ACOLHIMENTO Ir até os Novos Moradores; É Bom: É Ruim: A Descriminação; Ser agente de informação da Igreja; Ser um Vizinho Amigo e alegre; Não ter Convicção de Deus em sua Vida; Estar mau informado; Não conhecer a sua Missão; Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida por seus amigos.(Jo 15, 13) Ser portador do Amor de Deus.
  10. 10. CEBsPCJ2015 A persistência na Missão: A DIVULGAÇÃO / O CONVITE Convite Pessoal – “olho no olho” (está é a melhor abordagem) É Bom: É Ruim: Convidar por email – devido estar próximo; Uso do Telefone – com moderação; Banner no Local e na Rua. Convite de última hora. A que caiu na terra boa são os que ouvem a palavra com coração reto e bom, retêm-na e dão fruto pela perseverança. (Lc 8, 15) Convite impresso deixado na Caixa do Correio;
  11. 11. CEBsPCJ2015 A Alegria se traduz nos Detalhes: A PREPARAÇÃO DO AMBIENTE Seguir o Subsídio da CEBs; É Bom: É Ruim: Preparação de última hora – transmite falta de zelo ; Local com espaço e luminosidade; Destacar sempre a Bíblia; Levar o Padroeiro da Comunidade; Usar Cartazes - promover os dons da comunidade – o fazer; Excesso de Símbolos – pode criar confusão; Não saber explicar o sentido dos Símbolos. Jesus enviou Pedro e João, dizendo: “Ide e preparai-nos a páscoa para comermos” (Lc 22, 8)
  12. 12. CEBsPCJ2015 Um Perfil que vem de Deus: O ANIMADOR DAS CEBs Ter uma boa Espiritualidade; É Bom: É Ruim: Falar demais – não dar oportunidades; Ter Disciplina; Ser o Facilitador; Ser Caridoso; Ser o Filtro; Ser imparcial, mas firme nos objetivos da Palavra. Não Cumprir Horário – sinal de desorganização; Interromper as pessoas bruscamente – cria medo ou... Disse-lhe seu senhor: - Muito bem, servo bom e fiel; já que foste fiel no pouco, eu te confiarei muito. Vem regozijar-te com teu senhor. (Mt 25, 21)
  13. 13. CEBsPCJ2015 Falar com Deus - Ouvir a Deus A ORAÇÃO O Momento com DEUS (a chegada): - O pedir Perdão; - As Preces pessoais; - Os Agradecimentos; - O Louvor – alegria em estar ali. É Bom: É Ruim: Orações longas – Desvia a concentração do outro; Rezar o Terço.... Somente uma pessoa rezar – deve trabalhar o grupo. Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei. (Mt 11, 28) Buscar uma maturidade espiritual do grupo.
  14. 14. CEBsPCJ2015 Todos devem entender: A MENSAGEM DA PALAVRA Ter o momento de Escuta; É Bom: É Ruim: Quando usada para o bem próprio – nas justificativas; Ser Entendida por Todos; A Mensagem deve provocar as pessoas; Deve Produzir uma inquietude – para o fazer. Quando é distorcida – colocar outro parecer; Não só de pão vive o homem, mas de toda a palavra de Deus (Lc 4, 4) Quando é omitida – é não deixar Deus falar.
  15. 15. CEBsPCJ2015 Fiz-me fraco com os fracos, a fim de ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, a fim de salvar a todos. (1Cor 9,22) Exercício maior do cristão: A PARTILHA / PARTICIPAÇÃO Que Todos falem - alegria; É Bom: É Ruim: Só um falar - monotonia; Mas um de cada vez - respeito; Que todos ouçam - obediência; O Entendimento se dá a partir da somatória das opiniões; Conversas Paralelas; Assuntos Alheios; Medo de falar – isso não deve existir;
  16. 16. CEBsPCJ2015 A Palavra de Deus materializando: O GESTO CONCRETO Levar os participantes a sair do comodismo; É Bom: É Ruim: Não dar importância ao apelo da Palavra de Deus. Viver somente a dimensão da escuta - viver só na oração; Não colocar-se a serviço da Palavra – não ir ao outro. Olhar a Realidade da Rua; Partilhar Serviços e Responsabilidades; Tornar Jesus Cristo conhecido; Planejar / Combinar visitas e serviços. Zaqueu, entretanto, de pé diante do Senhor, disse-lhe: Senhor, vou dar a metade dos meus bens aos pobres e, se tiver defraudado alguém, restituirei o quádruplo. (Lc 19, 8)
  17. 17. CEBsPCJ2015 AS DICAS AOS ANIMADORES Leituras indispensáveis: Ser uma pessoa Orante:  Aquele que reza, faz grande amizade com Deus;  Ter Deus como Amigo, é jamais estar sozinho;  Construir um mundo irmão é mostrar lhes o “Amigo Deus”.

×