Srm

432 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
432
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Srm

  1. 1. Logística de Suprimento Gestão do Relacionamento com os Fornecedores – SRM Exercício Cliente/Fornecedor Logística de Suprimento FO R N E C E D O R E S DE SEGUNDA C AM AD A FO R N E C E D O R E S D E P R IM E IR A C AM AD A SUPPLY C H AIN C L IE N TE S D E P R IM E IR A C AM AD A C L IE N TE S DE SEGUNDA C AM AD A U N ID A D E PR O D U T IVA G es tão de com pra s e suprim entos Logística de Suprimento G e stão da Logística De Distribuição dis trib uiçã o fís ica Logística Empresarial L og ís tica G es tão de m ate ria is G e stão da c ade ia de S uprim entos Fatores de A q uisiçã o Fatores de V endas Logística de Suprimento Fatores de T ransform aç ão 1
  2. 2. Conceituação distribuição suprimento P F distribuição suprimento p M C F P Logística de Suprimento Supplier Relationship Management Abordagem de gestão que focaliza as atenções da empresa no desenvolvimento de adequado relacionamento com seus fornecedores Deve-se ter em mente que as empresas possuem variados relacionamentos, se colocando ora como cliente, ora como fornecedora Diversos softwares disponíveis no mercado de sistemas ERP estão absorvendo, como um de absorvendo seus módulos a gestão da cadeia de suprimentos do lado à montante, isto é, do subsistema de fornecimento Logística de Suprimento 2
  3. 3. Supplier Relationship Management Competidores Competidores Competidores p Competidores Clientes C Clientes Clientes Cl Clientes Finais F Finais inaisFinais Fi Empresa Intermediarios Intermediarios Intermediarios Intermediários Fornecedores Fornecedoress Fornecedores Fornecedores SRM Logística de Suprimento Supplier Relationship Management Objetivo: ● Prover a empresa de dados sobre o nível de p fornecedores em relação ao ç desempenho dos f atendimento das demandas da empresa ● Compartilhar informações com os mesmos de forma a permitir vantagens que possibilitem antecipar novos lançamentos face às tendências, reclamações e expectativas explicitadas por seus clientes sejam eles clientes, reais ou potenciais Logística de Suprimento 3
  4. 4. Supplier Relationship Management Questões: ● Como se fazer entender junto aos f fornecedores? ● Como medir o desempenho dos fornecedores? ● como atuar no processo de fornecimento para que a produção e a comercialização possam melhor atender os objetivos do cliente/empresa? Logística de Suprimento Seleção e avaliação de fornecedores Todo fornecedor em potencial é avaliado por seu provável cliente a partir de dois aspectos básicos: ● O projeto do produto O projeto em si Entregar no tempo, na qualidade e no custo definido ● Sua capacidade em p p produzi-lo. O cliente em potencial define critérios a serem atendidos (monitorados ao longo do tempo) Logística de Suprimento 4
  5. 5. Seleção e avaliação de fornecedores Critérios relativos a: ● Distribuição freqüência, confiabilidade em atender prazos, inexistência d d i i tê i de danos, etc t ● Qualidade padrão mínimo de defeitos pré-definido pelo cliente ● Custo preço mínimo pré-definido e capacidade de redução mediante solicitações ● Flexibilidade capacidade da empresa em atender com rapidez as solicitações de alterações de modelo, quantidades e prazos Logística de Suprimento Certificações Standard Dificuldade: ● fornecedor se adequar a diferentes critérios de diferentes clientes ● clientes acompanhar sistematicamente o l h desempenho de seus fornecedores Saída: certificações padrão ● ISO, Instituto Malcolm Baldridge Fornecedora avaliado por uma terceira parte ● atender parâmetros mínimos prépré estabelecidos ● empresa escolhe seus fornecedores dentre aqueles já certificados Logística de Suprimento 5
  6. 6. Política de fornecimento Fórmula Usual ● Atuar junto aos vendedores para reduzir custo de materiais ● Antagonismo entre empresa e fornecedores. Nova Fórmula ● Parceria com os fornecedores ● Cooperação mútua pad ões padrões de qualidade/especificações, qua t dades, qua dade/espec cações, quantidades, prazos, preços e condições de entrega Compra na fonte correta ● Fornecedor exclusivo ou múltiplo? Logística de Suprimento Fornecedor exclusivo ou múltiplo? Vantagens Fornecimento Exclusivo Múltiplo Fornecimento 1. Qualidade potencialmente 1. Comprador pode forçar o melhor devido a maiores preço para baixo através possibilidades de sistemas da competição de de d garantia d qualidade; ti da lid d fornecedores; f d 2. Relações mais fortes e mais 2. Possibilidade de mudar de duráveis; fornecedores caso 3. Maior dependência favorece ocorram falhas no maior comprometimento e fornecimento; esforço; 3. Várias fontes de 4. Melhor comunicação; conhecimento e 5. Cooperação mais fácil no especialização desenvolvimento de novos disponíveis. produtos e serviços; 6. Mais economia de escala; 7. Maior confidencialidade. Logística de Suprimento 6
  7. 7. Fornecedor exclusivo ou múltiplo? Desvantagem Fornecimento Exclusivo Múltiplo Fornecimento 1. Maior vulnerabilidade a 1. Dificuldade de encorajar o problemas caso ocorram comprometimento do falhas no fornecimento; fornecedor; 2. Fornecedor individual mais 2 F d i di id l i 2. Mais 2 M i difí il difícil afetado por flutuações no desenvolvimento sistemas volume de demanda; de garantia da qualidade 3. Fornecedor pode forçar eficazes; preços para cima caso não 3. Maior esforço requerido haja alternativas de para comunicação; fornecimento. 4. Fornecedores tendem a investir menos em novos processos; 5. Maior dificuldade de obter economia de escala. Logística de Suprimento Importância Estratégica índice Logística de Suprimento 7
  8. 8. Programa de Resposta Rápida (PRR) Situação convencional: empurrar produtos para o mercado (baixos preços/elevada quantidade) seduzindo o consumidor a ● promoções, brindes e campanhas. Os PRR opõe-se às políticas de antecipação à demanda que dependem de previsões e empurram os produtos pela cadeia; Exige maior conhecimento acerca dos níveis de estoque existentes nos elos subseqüentes Produção Puxada Logística de Suprimento O dilema do estoque Logística de Suprimento 8
  9. 9. Iniciativas Efficient Consumer Response (ECR) ● Resposta Eficiente ao Consumidor Quick Response (QR) ● Resposta Rápida Collaborative Planning Forecasting and Replenishment (CPFR) ● Previsão, Reabastecimento e Planejamento Colaborativo Vendor Managed Inventory (VMI) ● Inventário Gerenciado pelo Fornecedor Logística de Suprimento Práticas e técnicas do ECR Cross Docking ● Sistemas de distribuição nos quais produtos p recebidos no depósito ou no CD não são armazenados, mas sim preparados para serem enviados aos pontos de venda ● Mercadorias chegam de fabricantes, são transferidas para veículos e entregues aos varejistas o mais rápido possível ●P Pouco tempo no d ó i (10 15 h) depósito (10-15 Logística de Suprimento 9
  10. 10. Cross-docking Logística de Suprimento Logística de Suprimento 10
  11. 11. Exercício – Cliente/Fornecedor 1) FORNECEDOR ● Com base nos critérios definidos a seguir, coloque-se na condição de fornecedor e indique quais sãos as suas melhores qualidades, distribuindo 70 pontos entre os critérios acima (0 a 10 para cada critério). ● Defina a sua estratégia de atuação no mercado Logística de Suprimento Critérios 1) Distância (posicionamento geográfico) 2) Tempo médio de entrega 3) Variabilidade de lotes de entrega 4) Variabilidade de modelos (sortimento) 5) Flexibilidade (competência técnica em atender requisitos de inovação 6) Preço 7) Condições de pagamento 8) Know How 9) Cumprimento de prazos 10)Qualidade Logística de Suprimento 11
  12. 12. Exercício - Cliente/Fornecedor 2) CLIENTE ● Coloque-se agora na condição de cliente decide-se pelo fornecedor que melhor atenda as suas expectativas. Pondere cada característica (1 a 5) de acordo com seus interesses (sendo que pode haver 2 características com peso 1, 2 com peso 2, 2 com peso 3, etc.). Logística de Suprimento 12

×