E. E. M. Jacó Anderle
Física
Avaliação: 1º Ano
Josué T. P. Werner
LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA – LISTÃO – 3º Bimestre
OBS...
NOTATURMA
DATA
12) Num calorímetro, de capacidade térmica 100 cal/°C, estão
800 g de água a 80 °C. A quantidade de água a ...
E. E. M. Jacó Anderle
Física
Avaliação: 1º Ano
Josué T. P. Werner
LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA – LISTÃO – 3º Bimestre
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Av2 2º ano 3º bim listão

1,330 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,330
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
741
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Av2 2º ano 3º bim listão

  1. 1. E. E. M. Jacó Anderle Física Avaliação: 1º Ano Josué T. P. Werner LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA – LISTÃO – 3º Bimestre OBSERVAÇÕES • Utilize somente CANETA AZUL no preenchimento; • Preencha apenas uma alternativa por questão; • A questão será anulada caso possua mais de uma alternativa preenchida; • A questão será anulada caso seja entregue em branco; • Total de 20 questões valendo 0,5 ponto cada; • Não é necessário comprovar nenhum cálculo na resolução das questões. 01) Um amolador de facas, ao operar um esmeril, é atingido por fagulhas incandescentes, mas não se queima. Isso acontece porque as fagulhas: a) têm capacidade térmica muito pequena. b) têm temperatura muito baixa. c) têm calor específico muito grande. d) estão em mudança de estado. e) não transportam energia. 02) Quando dois corpos são colocados em contato, a condição necessária para que haja fluxo de calor entre eles é que: a) tenham capacidades térmicas diferentes. b) contenham diferentes quantidades de calor. c) tenham o mesmo calor específico. d) encontrem-se em temperaturas diferentes. e) contenham a mesma quantidade de calor. 03) Uma quantidade de calor, ΔQ, é transferida ao corpo X de massa M. A mesma quantidade de calor é transferida ao corpo Y de massa 2M. Verificou-se que X e Y sofreram o mesmo aumento de temperatura, Δt. Tendo em vista estas informações, é certo afirmar que: a) o calor específico de X é a metade do calor específico de Y. b) o calor específico de X é o dobro do calor específico de Y. c) os calores específicos de X e Y são iguais. d) nada se pode concluir sobre os calores específicos de X e Y. e) só se pode concluir que o calor específico de X é menor do que o calor específico de Y. 04) Para aquecer 500 g de certa substância de 20 °C a 70 °C, foram necessárias 4000 calorias. A capacidade térmica e o calor específico dessa substância são, respectivamente: a) 8 cal/°C e 0,08 cal/g.°C d) 95 cal/°C e 0,15 cal/g.°C b) 90 cal/°C e 0,09 cal/g.°C e) 120 cal/°C e 0,12 cal/g.°C c) 80 cal/°C e 0,16 cal/g.°C 05) Um bloco metálico tem capacidade térmica igual a 10 cal/°C. A quantidade de calor que devemos fornecer para que a temperatura do bloco varie de 20 °C para 25 °C é: a) 50 cal b) 100 cal c) 5 cal d) 10 cal e) 200 cal 06) 0 calor específico de uma substância é 0,2 cal/g.°C. Isso significa que, se 100 gramas dessa substância absorverem 600 calorias de energia térmica, sem mudança de estado, a sua temperatura, em °C, vai se elevar de: a) 50 °C b) 30 °C c) 10 °C d) 20 °C e) 40 °C 07) É preciso abaixar de 3 °C a temperatura da água do caldeirão, para que O nosso amigo possa tomar banho confortavelmente. Para que isso aconteça, quanto calor deve ser retirado da água? O caldeirão contém 10000 g de água e o calor específico da água é 1 cal/g.°C. a) 20 kcal b) 30 kcal c) 50 kcal d) 10 kcal e) Precisa-se da temperatura inicial da água para determinar a resposta. 08) 0 gráfico representa a variação da temperatura de um corpo sólido, em função do tempo, ao ser aquecido por uma fonte que libera energia à razão de 150 cal/min. Como a massa do corpo é de 100 g, o seu calor específico, em cal/g.°C, será de: a) 7,50 b) 3,75 c) 0,75 d) 0,80 e) 1,50 09) Dois corpos, A e B, inicialmente às temperaturas TA = 60 °C e TB = 30 °C, são postos em contato e isolados termicamente do meio ambiente. Eles atingem o equilíbrio térmico à temperatura de 45 °C. Nestas condições, podemos afirmar que o corpo A: a) cedeu uma quantidade de calor maior do que a absorvida por B. b) cedeu metade da quantidade de calor que possuía para B. c) tem massa menor do que B. d) tem calor específico menor do que B. e) tem capacidade térmica igual à de B. 10) Uma panela de ferro de massa 2500 g está à temperatura de 20 °C. Derrama-se nela 1 litro de água a 80 °C. Admitindo-se que só haja trocas de calor entre a água e a panela, pode-se afirmar que o equilíbrio térmico se dará à temperatura de: a) 26 °C b) 32 °C c) 34 °C d) 68 °C e) 76 °C Dados: calor específico do ferro = 0,1 cal/g.°C. calor específico da água = 1,0 cal/g.°C. densidade absoluta da água = 1 kg/litro. 11) Um litro de água, a uma temperatura de 20 °C, é misturado com dois litros de água que estavam inicialmente à temperatura de 50 °C. No equilíbrio, a temperatura final da água será: a) 35 °C b) 30 °C c) 45 °C d) 43 °C e) 40 °C
  2. 2. NOTATURMA DATA 12) Num calorímetro, de capacidade térmica 100 cal/°C, estão 800 g de água a 80 °C. A quantidade de água a 20 °C que deve ser adicionada a fim de que a mistura tenha uma temperatura de equilíbrio de 40 °C é igual a: a) 1000 g b) 800 g c) 2000 g d) 1800 g e) 1600 g 13) Um calorímetro de capacidade térmica 40 cal/ °C contém 110 g de água (calor específico = 1 cal/g.°C) a 90 °C. A massa de alumínio (calor específico = 0.2 cal/g.°C) a 20 °C que devemos colocar nesse calorímetro para esfriar a água a 80 °C é: a) 75 g b) 180 g c) 125 g d) 150 g e) 200 g 14) Para a refrigeração do motor de um automóvel, tanto se pode usar o ar como a água (dados: car = 0,25 cal/g.°C; cágua = 1,0 cal/g.°C). A razão entre a massa de ar e a massa de água para proporcionar a mesma refrigeração no motor do automóvel deverá ser igual a: a) 0,25 b) 1,0 c) 1,2 d) 2,5 e) 4,0 15) Uma massa de 0,50 kg de água é aquecida em um recipiente durante 21 s, e sua temperatura aumenta 20 °C. Sabendo que o calor específico da água é 4200 J/kg.°C, ao calcular a potência média de aquecimento fornecida à massa de água, encontra-se o seguinte valor: a) 2000 W b) 500W c) 200 W d) 5000W 16) Dois corpos são aquecidos, separadamente, pela mesma fonte de calor, que fornece 120 calorias por minuto. Analisando o gráfico, verifica-se que a capacidade térmica do corpo A (CA) e a capacidade térmica do corpo B (CB) obedecem à relação: a) CA = 2.CB b) CA = 3.CB c) CA = CB/9 d) CA = CB/6 e) CA = CB/3 17) Uma pessoa bebe 200 gramas de água (calor específico igual a 1 cal/g.°C) a 20 °C. Sabendo-se que a temperatura de seu corpo é praticamente constante e vale 36,5 °C, a quantidade de calor absorvida pela água é igual a: a) 730 cal c) 15600 cal e) 0,01750 cal b) 3300 cal d) 1750 cal 18) Foram fornecidas 400 cal a 200 g de uma substância e a temperatura variou de 10 °C até 30 °C. O calor específico da substância, no intervalo de temperatura considerado, é igual a: a) 0,3 cal/g.°C c) 0,1 cal/g.°C e) 0,4 cal/g.°C b) 0,2 cal/g.°C d) 0,5 cal/g.°C 19) Uma fonte térmica tem potência constante de 200 cal/min. Um corpo de massa 100 g absorve totalmente a energia fornecida pela fonte e sua temperatura varia com o tempo de acordo com o gráfico. O calor específico da substância que constitui o corpo é: a) 0,8 cal/g.ºC b) 0,4 cal/g.°C c) 0,6 cal/g.°C d) 0,2 cal/g.ºC e) 1,0 cal/g.°C 20) Uma fonte térmica fornece calor, à razão constante, a 200 g de uma substância A (calor específico = = 0,3 cal/g.°C) e, em 3 minutos, eleva sua temperatura em 5 °C. Essa mesma fonte, ao fornecer calor a um corpo B, eleva sua temperatura em 10 °C, após 15 minutos. A capacidade térmica do corpo B é: a) 100 cal/°C c) 150 cal/°C e) 80 cal/°C b) 130 cal/°C d) 50 cal/°C Alunos(as) : ______________________________ ______________________________ ______________________________ ______________________________ GABARITO
  3. 3. E. E. M. Jacó Anderle Física Avaliação: 1º Ano Josué T. P. Werner LISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA – LISTÃO – 3º Bimestre

×