Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

19 aula transporte de produtos perigosos

5,594 views

Published on

.

Published in: Education

19 aula transporte de produtos perigosos

  1. 1. AULA 20 TRANSPORTE DE PRODUTOS PERIGOSOS
  2. 2. Introdução AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  3. 3. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  O transporte de produtos perigosos é um caso particular do transporte de mercadorias numa cadeia de fornecimento. Durante esta atividade, vários fatores passam a serem críticos e a imprudência pode significar não só a perda de mercadoria como um elevado risco para as pessoas envolvidas no transporte e para o meio ambiente envolvente.
  4. 4. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  5. 5. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Materiais perigosos  São considerados produtos perigosos todas as matérias com propriedades:  Explosivas;  Inflamáveis;  Radioativas;  Tóxicas;  Oxidantes;  Corrosivas;  Infectantes;  Perigosas no sentido lato da palavra.  Diversos
  6. 6. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Famílias de produtos  Os materiais perigosos que podem ser transportados são: • Líquidos inflamáveis; • Sólidos inflamáveis; • Gases comprimidos; • Gases liquefeitos; • Gases dissolvidos sobre pressão
  7. 7. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  A classificação adotada para os produtos considerados perigosos, considerando o tipo de risco que apresentam e conforme as recomendações para o Transporte de Produtos Perigosos das Nações Unidas é composta das seguintes classes:  Classe 1 – Explosivos  Classe 2 – Gases  Classe 3 – Líquidos inflamáveis  Classe 4 – Sólidos inflamáveis  Classe 5 – Substâncias oxidantes  Classe 6 - Sustâncias tóxicas  Classe 7 – Materiais radioativos  Classe 8 – Corrosivos  Classe 9 – Substâncias perigosas diversas
  8. 8. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Classe 1 – Explosivos  Subclasse 1.1- Substâncias e artefatos com risco de explosão em massa.  Subclasse 1.2- Substâncias e artefatos com risco de projeção.  Subclasse 1.3- Substâncias e artefatos com risco predominante de fogo.  Subclasse 1.4- Substâncias e artefatos que não apresentam risco significativo.  Subclasse 1.5- Substâncias pouco sensíveis
  9. 9. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Classe 2 – Gases comprimidos, liquefeitos, dissolvidos sob pressão ou altamente refrigerados  Subclasse 2.1- Gases inflamáveis;  Subclasse 2.2- Gases não-inflamáveis, não-tóxicos;  Subclasse 2.3- Gases tóxicos;
  10. 10. Transporte de Produtos Perigosos  Classe 3 – Líquidos inflamáveis Sinalize corretamente sua carga perigosa, de acôrdo as as classes correspondentes AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  11. 11. Transporte de Produtos Perigosos  Classe 4 – Esta classe subdivide-se em:  Subclasse 4.1- Sólidos inflamáveis;  Subclasse 4.2- Substâncias sujeitas à combustão espontânea;  Subclasse 4.3- Substâncias que, em contato com a água, emitem gases inflamáveis AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  12. 12. Transporte de Produtos Perigosos  Classe 5 – Esta classe se subdivide em:  Subclasse 5.1- Substâncias oxidantes;  Subclasse 5.2- Peróxidos orgânicos; AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  13. 13. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Classe 6 – Esta classe se subdivide em:  Subclasse 6.1- Substâncias tóxicas (venenosas);  Subclasse 6.2- Substâncias infectantes;
  14. 14. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Classe 7 – Substâncias radioativas  Classe 8 – Corrosivos
  15. 15. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Classe 9 – Substâncias perigosas diversas  Os produtos da classe 3, 4, 5 e 8 e da subclasse 6.1 classificam-se, para fins de embalagem, segundo três grupos, conforme o nível de risco que apresentam: • Grupo de embalagem I – Alto risco; • Grupo de embalagem II – Risco médio; • Grupo de embalagem III – Baixo risco;
  16. 16. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Os códigos de risco são aqueles que indicam o tipo de intensidade do risco, são formados por dois ou três algarismos (número de risco – 0 / 2 a 0 / X). A importância do risco é registrada da esquerda para a direita. Exemplo: Código Significado 33 60 72 83 Líquido muito inflamável Substância tóxica ou nociva Gás radioativo Substância corrosiva, inflamável
  17. 17. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Quando o risco associado a uma substância puder ser adequadamente indicado por um único número, este será seguido por zero (0). A repetição de um número indica, em geral, aumento da intensidade daquele risco específico.
  18. 18. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Os painéis de segurança são placas retangulares (dimensões: 30 cm de altura x 40 cm de comprimento), na cor laranja onde são alocados os números de risco (no máximo, 4 campos na cor preta) na parte superior e o número da ONU (Organização das Nações Unidas) na parte inferior com 4 algarismos na cor preta. A letra “X”, presente em alguns painéis antes dos algarismos, significa que a substância reage perigosamente com água.
  19. 19. Transporte de Produtos Perigosos X = reage perigosamente com a água 42 = sólido inflamável 3 = desprendendo gases inflamáveis 2257 = número ONU do potássio AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  20. 20. Transporte de Produtos Perigosos 88 = altamente corrosivo 1775 = número ONU do ácido fluorbórico AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  21. 21. Transporte de Produtos Perigosos • 66 = altamente tóxico • 1670 = número ONU da perclorometilmercaptana AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  22. 22. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Rótulo de risco é um losango, em cores diversas, que apresenta símbolos e ou expressões emolduradas, referente à classe do produto perigoso. Deve conter dois campos distintos, sendo que o campo superior é destinado ao símbolo de risco e o campo inferior para o número correspondente à classe, indicação da subclasse e indicação do grupo de compatibilidade.
  23. 23. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Dimensões do rótulo de risco 1) para embalagens a) tamanho dos lados: 100 mm b) moldura: 5 mm 2) para uso em caminhões: a) tamanho dos lados: 300 mm b) moldura: 12,5 mm 3) para uso em veículos utilitários a) tamanho dos lados: 250 mm b) moldura: 12,5 mm
  24. 24. Transporte de Produtos Perigosos Modulação da moldura Nota: O número da classe ou subclasse de risco deve ser colocado no ângulo inferior da moldura do rótulo de risco. AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  25. 25. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  26. 26. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  27. 27. AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  28. 28. Documentação obrigatória para transporte terrestre de produtos perigosos Fonte: Prevenção 2011 AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS Fundamento Técnico/Legal CRLV – Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo Código de Trânsito Brasileiro - CTB e Lei Nº 9.503, de 23/09/97, art.120, art. 133. C.N.H – categoria correspondente ao veículo Código de Trânsito Brasileiro - CTB e Lei Nº 9.503, de 23/09/97, art.159, . Treinamento específico para condutores de veículos transportadores de PP - Curso Mope Art. 15 do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos; Resolução CONTRAN nº 168/04. Certificado de Capacitação para o transporte rodoviário de produtos perigosos a granel, expedido pelo INMETRO Art. 22, I do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos; Portaria nº 197/04 do INMETRO. Documento fiscal do produto transportado Art. 22, II do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos. Ficha de emergência e envelope para o transporte terrestre de produtos perigosos - Características, dimensões e preenchimento Art. 22, III, alíneas “a” e “b” do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos; NBR 7503. Tacógrafo Art. 5º do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos. Simbologia - rótulos de risco e painel de segurança Art. 2º do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos; NBR 7500. Conjunto de equipamentos para emergências no transporte terrestre de produtos perigosos Art. 3º do Regulamento do Transporte Terrestre de Produtos Perigosos , NBR-9735.
  29. 29. AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS
  30. 30. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  A fiscalização do transporte rodoviário de produtos perigosos, em todo o país, é feita pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (INMETRO), por meio dos órgãos integrantes da Rede Nacional de Metrologia Legal (IPEM – Instituto de Pesos e Medidas – Órgão Estadual), que atuam em conjunto com a Polícia Federal na fiscalização do transporte dessas cargas.
  31. 31. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Nessa fiscalização são verificados:  Se o veículo transportador e o equipamento, no qual a carga está acondicionada, atendem aos regulamentos técnicos exigidos para a finalidade.  Se o motorista traz consigo o Certificado de Inspeção de Produtos Perigosos, que: Quando é relacionado ao veículo, tem validade de um ano, e quando é relacionado ao equipamento que acondiciona a carga, tem de um a três anos de validade, dependendo do tipo de carga.
  32. 32. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Os órgãos delegados realizam também a verificação metrológica dos equipamentos (medição da capacidade volumétrica dos equipamentos transportadores de carga perigosa), é importante ressaltar que esta fiscalização abrange apenas os veículos e equipamentos transportadores do produto perigoso a granel, como:  Combustíveis  Corrosivos  Inflamáveis  Etc.
  33. 33. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Identificação dos produtos perigosos A identificação de riscos de produtos perigosos para o transporte rodoviário é realizada por meio da sinalização da unidade de transporte, composta por um painel de segurança, de cor alaranjada, e um rótulo de risco, bem como pela rotulagem das embalagens interna e externa. Estas informações obedecem aos padrões técnicos definidos na legislação do transporte de produtos perigosos. As informações inseridas no painel de segurança e no rótulo de risco, conforme determina a legislação, abrangem o Número de Risco e o Número da ONU, no Painel de Segurança, e o Símbolo de Risco e a Classe/Subclasse de Risco no Rótulo de Risco, conforme mostra a Figura.
  34. 34. Transporte de Produtos Perigosos Painel de Segurança e Rótulo de Risco AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS Figura 1
  35. 35. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Número de risco Conforme visto na Figura 1, o número de risco é fixado na parte superior do Painel de Segurança e pode ser constituído por até três algarismos (mínimo de dois), que indicam a natureza e a intensidade dos riscos, conforme estabelecido na Resolução n° 420, de 12/02/2004, da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT)/Ministério dos Transportes (Tabela).
  36. 36. Transporte de Produtos Perigosos AULA 20 – TRANSPORTE DE PRODUTOS  Significado dos algarismos dos números de risco Algarismo Significado 2 Desprendimento de gás devido à pressão ou à reação química. 3 Inflamabilidade de líquidos (vapores) e gases ou líquido sujeito a auto- aquecimento. 4 Inflamabilidade de sólidos ou sólido sujeito a auto-aquecimento. 5 Efeito oxidante (intensifica o fogo). 6 Toxicidade ou risco de infecção. 7 Radioatividade. 8 Corrosividade. 9 Risco de violenta reação espontânea. X Substância que reage perigosamente com água (utilizado como prefixo do código numérico).
  37. 37. LISTA DE ATIVIDADES 1Explique com suas palavras transporte de produtos perigosos. 2 Que tipo de materiais são considerados produtos perigosos? 3Quais são os materiais perigosos que podem ser transportados? 4- Qual é a classificação adotada para produtos perigosos? 5Explique código de risco. 6Defina painéis de segurança. 7- Explique rótulo de risco. 8- Defina fiscalização do transporte rodoviário de produtos perigosos. 9- Como funciona a identificação de produtos perigosos? 10- Explique números de risco.
  38. 38. FIM

×