Racismo e Anti-racismo

3,057 views

Published on

Apresentação Geografia de População

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
3,057
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
94
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Racismo e Anti-racismo

  1. 1. CISMOTE-RACISMO
  2. 2. “CADA RACISTA É UM COVARDE QUE TEM MEDODE SI MESMO.O RACISMO É O PODER DE DESTRUIR”. JAMES BALDWIN
  3. 3. Qual o motivo de trazer o tema racismonestes século, uma vez que, nazismo efascismos já foram suficiente para provar áhumanidade que o principio da exclusão querege o racismo conduz inevitavelmente aoódio, á perseguição e á morte?
  4. 4. Preconceito: ( em francês, préjugé), isto é,algo já previamente julgado.O individuo preconceituoso é:* fechado em uma opinião* dogmático* não se assume como preconceituoso“ não sou preconceituoso, mas...”
  5. 5. DISCRIMINAÇÃO/ SEGREGAÇÃO:significa “separar”, “distinguir, “estabelecer diferenças”.Parte do principio que existem raças inferiores a outras.Na África do sul foi conhecido como apartheid.
  6. 6. RACISMO: segundo o dicionário francêspetit robert, a teoria racista levainevitavelmente à necessidade de ser“preservada a raça dita superior dequalquer cruzamento e ao direito de[ essa raça ] dominar outras”.
  7. 7. SENTIDO ESTRITOSENTIDO LATOESTEREÓTIPOSETNOCENTRISMO
  8. 8. “ racismo é a valorização, generalizada edefinitiva, de diferenças biológicas, reais ouimaginarias , em proveito do acusador e emdetrimento de sua vitima, a fim de justificaruma agressão”. Enciclopédia Universal, Paris, Seuil, 1972
  9. 9. DISCURSO ANTI-RACISTA• Diferença é riqueza• Afirmação da diferença gera desigualdade
  10. 10. “DIFERENÇA É RIQUEZA”"... esta musica eu fiz pra minha tia chamada Rita, que temos cabelos como os meus, mas que não gosta doscabelos. Ela é mais uma que enriquece os fabricantes dechapinha no Brasil. Este país tão branco, como vocêssabem... só tem alemão nesse país, não é mesmo? Entãoé pra minha tia e pras meninas que sempre disfarçam... epra mim também que tenho o meu cabelo, pra todos nós,Joãozinho, que é o nome do penteado que ela faz atéhoje..."
  11. 11. “AFIRMAÇÃO DA DIFERENÇA GERA DESIGUALDADE”
  12. 12. MONTAIGNE E O PRINCÍPIO DA TOLERÂNCIA“Nunca houve no mundo duas opiniõesiguais, nem dois fios de cabelo ou grãos.A qualidade mais universal é a diversidade.”
  13. 13. O “DIREITO À DIFERENÇA” E SUAS ARMADILHASFonte: UNIFEM – IPEA, 2003.
  14. 14. Fonte: UNIFEM – IPEA, 2003.
  15. 15. REFERÊNCIASPrograma Igualdade de Gênero e Raça – UNIFEM; Diretoria de Estudos Sociais - IPEARetrato das Desigualdades: Gênero e Raça, 2003.

×