TESE DE MESTRADO
               PLANO DE NEGÓCIOS:
INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM

             AUTOR:    CARLOS JORDÃO AL...
TESE DE MESTRADO: INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM
ESTRUTURA DA DEFESA
            BARRA DE GUIA À PLATEIA                  ...
TESE DE MESTRADO: INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM
ESTRUTURA DA DEFESA
            BARRA DE GUIA À PLATEIA                  ...
I          II             III      IV         V         VI        VII      VIII       IX
REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
CONCEITO DE...
I          II            III      IV          V        VI         VII       VIII        IX
REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
CONCEITO ...
I         II             III       IV           V            VI         VII            VIII      IX
REVISÃO BIBLIOGRÁFICA
...
I            II            III       IV            V          VI           VII       VIII            IX
METODOLOGIA DE INV...
I            II            III       IV            V          VI           VII       VIII            IX
METODOLOGIA DE INV...
I            II            III       IV            V          VI           VII          VIII            IX
METODOLOGIA DE ...
I            II            III       IV            V          VI           VII       VIII            IX
METODOLOGIA DE INV...
I         II             III         IV        V       VI          VII          VIII           IX
APRESENTAÇÃO DO PROJECTO...
I          II             III         IV        V       VI          VII          VIII           IX
APRESENTAÇÃO DO PROJECT...
I         II             III           IV            V             VI           VII           VIII           IX
APRESENTAÇ...
I         II             III         IV        V          VI          VII          VIII      IX
APRESENTAÇÃO DO PROJECTO
 ...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I                II              III              IV             V              VI                  VII        VIII       ...
I             II           III            IV               V                VI         VII        VIII           IX
ANÁLIS...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I            II            III          IV              V          VI           VII           VIII          IX
ANÁLISE DO ...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I           II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO MER...
I            II              III           IV              V             VI          VII           VIII              IX
AN...
I             II           III             IV              V            VI         VII            VIII          IX
ANÁLISE...
I            II            III          IV              V          VI           VII        VIII           IX
ANÁLISE DO ME...
I            II            III          IV              V          VI           VII            VIII           IX
ANÁLISE D...
I          II             III    IV           V         VI        VII        VIII          IX
CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS ...
I             II           III             IV           V             VI              VII             VIII               I...
I          II             III          IV          V         VI         VII        VIII         IX
CARACTERIZAÇÃO DOS PROD...
I         II             III       IV              V           VI          VII           VIII     IX
CARACTERIZAÇÃO DOS PR...
I           II            III          IV             V           VI           VII    VIII           IX
 PLANO DE MARKETIN...
I           II            III          IV             V           VI           VII    VIII           IX
 PLANO DE MARKETIN...
I                II               III               IV              V             VI              VII        VIII         ...
I              II            III          IV             V           VI           VII     VIII           IX
PLANO DE MARKE...
I            II            III          IV             V           VI           VII     VIII           IX
PLANO DE MARKETI...
I           II             III     IV            V        VI        VII        VIII       IX
ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJ...
I        II             III   IV         V        VI        VII       VIII        IX
ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJECTO
   ...
I               II            III            IV               V          VI            VII       VIII             IX
 ANÁL...
I                  II                  III               IV               V              VI                 VII           ...
I                  II                 III            IV          V               VI                   VII                 ...
I                II               III            IV                V           VI             VII            VIII         ...
I                II            III            IV           V               VI              VII             VIII          I...
I                II            III            IV            V              VI           VII         VIII             IX
 A...
I                  II            III            IV          V          VI          VII       VIII                IX
 ANÁLI...
I           II             III            IV            V            VI          VII        VIII           IX
ANÁLISE ECON...
I          II            III        IV           V          VI          VII     VIII        IX
CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES ...
ARE YOU IN?
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Master thesis presentation

1,146 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,146
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Master thesis presentation

  1. 1. TESE DE MESTRADO PLANO DE NEGÓCIOS: INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM AUTOR: CARLOS JORDÃO ALMEIDA ORIENTAÇÃO: PROF. DR.ª ELVIRA VIEIRA MATOSINHOS, 16 DE ABRIL DE 2009
  2. 2. TESE DE MESTRADO: INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM ESTRUTURA DA DEFESA BARRA DE GUIA À PLATEIA CAPITULOS DA DEFESA I II III IV V VI VII VIII IX CAPITULO XPTO SUBTÍTULO A SUBTÍTULO B SUBTÍTULO C 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 2
  3. 3. TESE DE MESTRADO: INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM ESTRUTURA DA DEFESA BARRA DE GUIA À PLATEIA CAPITULOS DA DEFESA Nº TÍTULO DO CAPITULO Nº DE SUBTÍTULOS I REVISÃO BIBLIOGRÁFICA 3 II METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO 4 III APRESENTAÇÃO DO PROJECTO 2 IV ANÁLISE DE MERCADO E CONCORRENTES 4 V CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS 2 VI PLANO DE MARKETING 4 VII ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJECTO 3 VIII ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS 7 IX CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES FUTURAS 2 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 3
  4. 4. I II III IV V VI VII VIII IX REVISÃO BIBLIOGRÁFICA CONCEITO DE PLANO DE NEGÓCIOS ESTRUTURAS DE PLANOS DE NEGÓCIO ESCOLHA DO MODELO IDEAL “ UM PLANO DE NEGÓCIOS É UMA MANEIRA SISTEMÁTICA DE TRATAR PROBLEMAS FUTUROS E DE OS ULTRAPASSAR (...) TRATA-SE DE UM INSTRUMENTO DO PRESENTE, DESENVOLVIDO ATRAVÉS DA EXPERIMENTAÇÃO E DOS ERROS, E UTILIZANDO A EXPERIÊNCIA E AS REALIZAÇÕES DA COMPANHIA NO PASSADO, PARA PODER PLANEAR A PARTIR DAÍ DE UMA FORMA MAIS REALISTA. ” (WEST, 1988: 26). “É UMA MENSAGEM SUA, USANDO UM MEIO TRADICIONAL E ACEITÁVEL QUE VISA UM DESTINATÁRIO. TANTO A NATUREZA DA SUA MENSAGEM COMO O MEIO SÃO AFECTADOS PELO SEU CONHECIMENTO DO RECEPTOR.” (TOUCHIE, 1991: 15). “A BUSINESS PLAN IS A SELLING DOCUMENT THAT CONVEYS THE EXCITEMENT AND PROMISE OF A BUSINESS TO ANY POTENTIAL BACKERS OR STAKEHOLDER (…) IS A SELLING DOCUMENT THAT CONVINCINGLY DEMONSTRATES THE ABILITY OF YOUR BUSINESS TO SELL ENOUGH OF ITS PRODUCT OR SERVICE TO MAKE A SATISFACTORY PROFIT AND BE ATTRACTIVE TO POTENTIAL BACKERS” ( BYGRAVE, 1997: 122). INSTRUMENTO / FERRAMENTA MEIO DE COMUNICAÇÃO VENDA E PROMOÇÃO OBTER FUNDOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 4
  5. 5. I II III IV V VI VII VIII IX REVISÃO BIBLIOGRÁFICA CONCEITO DE PLANO DE NEGÓCIOS ESTRUTURAS DE PLANOS DE NEGÓCIO ESCOLHA DO MODELO IDEAL DELOITTE & TOUCHE (2003) + - - REALÇA O PAPEL DO INVESTIDOR CLARA ORIENTAÇÃO PARA EMPRESAS JÁ EXISTENTES REALÇA O SUMÁRIO EXECUTIVO E ANÁLISE DE MERCADO CRUZ (2003) + - EXTREMO DETALHE EM TODA A ESTRUTURA DO P.N. - NÃO REALÇA O PAPEL DO INVESTIDOR ORIENTAÇÃO A EMPRESAS DE SERVIÇOS ORIENTAÇÃO PARA EMPRESAS DE ENGENHARIA JÁ EXISTENTES SANTANA (2003) + - MODELO SIMPLISTA E MUITO EFICAZ PARA PROMOVER NEGÓCIO ENFATIZA OS INVESTIDORES E AS START-UP’S 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 5
  6. 6. I II III IV V VI VII VIII IX REVISÃO BIBLIOGRÁFICA CONCEITO DE PLANO DE NEGÓCIOS ESTRUTURAS DE PLANOS DE NEGÓCIO ESCOLHA DO MODELO IDEAL CARACTERISTICAS NECESSÁRIAS ORIENTAÇÃO AO INVESTIDOR PROMOVER O PROJECTO SIMPLICIDADE DO MODELO OBTENÇÃO DE FINANCIAMENTO SUMÁRIO EXECUTIVO INFORMAÇÃO SOBRE OS PROMOTORES MODELO PROPOSTO POR: CARACTERIZAÇÃO DO NEGÓCIO SANTANA CARACTERIZAÇÃO DO PRODUTO E MERCADO (2003) ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJECTO ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 6
  7. 7. I II III IV V VI VII VIII IX METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO O PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO OBJECTIVOS OBJECTO DE ESTUDO E ABORDAGEM TÉCNICAS DE PESQUISA CARACTERISITICAS DO PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO: VERIFICÁVEL EXEQUÍVEL RELEVANTE PISTAS PARA A INVESTIGAÇÃO O PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO DESTE PROJECTO: ENCONTRAR O MODELO DE PLANO DE NEGÓCIOS, AJUSTADO À CRIAÇÃO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM, QUE CONSIGA AFERIR SOBRE A SUA VIABILIDADE ECONÓMICO E FINANCEIRA. 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 7
  8. 8. I II III IV V VI VII VIII IX METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO O PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO OBJECTIVOS OBJECTO DE ESTUDO E ABORDAGEM TÉCNICAS DE PESQUISA OBJECTIVO GERAL DA INVESTIGAÇÃO: AFERIR A VIABILIDADE ECONÓMICA E FINANCEIRA DO MODELO DE NEGÓCIO PROPOSTO NO PLANO DE NEGÓCIOS DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM OBJECTIVOS ESPECIFICOS DA INVESTIGAÇÃO: CÁLCULO DO VALOR ACTUAL LIQUIDO (VAL) CÁLCULO DA TAXA INTERNA DE RENDIBILIDADE (TIR) CÁLCULO DO PERIODO DE RETORNO DO INVESTIMENTO (PRI) CÁLCULO DO RETORNO DO INVESTIMENTO (RI) 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 8
  9. 9. I II III IV V VI VII VIII IX METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO O PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO OBJECTIVOS OBJECTO DE ESTUDO E ABORDAGEM TÉCNICAS DE PESQUISA OBJECTO DE ESTUDO: A INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM, O SEU MODELO DE FUNCIONAMENTO E OS STAKEHOLDERS ABORDAGEM: QUALITATIVA QUANTITATIVA DADOS: PRIMÁRIOS SECUNDÁRIOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 9
  10. 10. I II III IV V VI VII VIII IX METODOLOGIA DE INVESTIGAÇÃO O PROBLEMA DE INVESTIGAÇÃO OBJECTIVOS OBJECTO DE ESTUDO E ABORDAGEM TÉCNICAS DE PESQUISA TÉCNICAS DE PESQUISA: DOCUMENTAL NÃO DOCUMENTAL DADOS SECUNDÁRIOS DADOS PRIMÁRIOS REVISÃO SOBRE MODELOS DE PLANOS DE NEGÓCIO INQUÉRITO A ALUNOS DO IPAM DE MATOSINHOS TENDÊNCIAS DE INVESTIMENTO (CMVM) INQUÉRITO A RESP. DE EMPRESAS INCUBADAS BENCHMARKETING (BANCA E INCUBADORAS) TÉCNICA AMOSTRAL INQUÉRITOS A ALUNOS DO IPAM AMOSTRA ESTRATIFICADA INQUÉRITOS A EMPRESAS INCUBADAS AMOSTRA NÃO PROBABILISTICA POR CONVENIÊNCIA 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 10
  11. 11. I II III IV V VI VII VIII IX APRESENTAÇÃO DO PROJECTO CARACTERIZAÇÃO DO NEGÓCIO CARACTERIZAÇÃO DA SOCIEDADE AS INCUBADORAS DE EMPRESAS EM PORTUGAL ORGANIZAÇÃO ALBERGA E PRESTA SERVIÇOS POR UM PAGAM PERIODO DE TEMPO LIMITADO JOVENS EMPRESAS ALCANÇAM VANTAGENS COMPETITIVAS MAIOR POSSIBILIDADE DE COMPETÊNCIAS COM BONS CRESCIMENTO E SOBREVIVÊNCIA RESULTADOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 11
  12. 12. I II III IV V VI VII VIII IX APRESENTAÇÃO DO PROJECTO CARACTERIZAÇÃO DO NEGÓCIO CARACTERIZAÇÃO DA SOCIEDADE A INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM ORGANIZAÇÃO ALBERGA, FINANCIA E PRESTA SERVIÇOS POR UM PAGAM PERIODO DE TEMPO ILIMITADO JOVENS EMPRESAS ALCANÇAM MAIS MAIOR POSSIBILIDADE ACESSO DIRECTO A MAIORES VANTAGENS DE CRESCIMENTO E FINANCIAMENTO COMPETÊNCIAS E COMPETITIVAS SOBREVIVÊNCIA MENORES CUSTOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 12
  13. 13. I II III IV V VI VII VIII IX APRESENTAÇÃO DO PROJECTO CARACTERIZAÇÃO DO NEGÓCIO CARACTERIZAÇÃO DA SOCIEDADE AS DUAS ÓPTICAS DO PROJECTO MAIOR GAMA DE SERVIÇOS DE APOIO AO EMPREENDEDOR DE PORTUGAL EMPREENDEDOR CONSULTORIA COM OS DOCENTES IPAM E INVESTIGADORES IDIM ACESSO DIRECTO A FINANCIAMENTO E CONDIÇÕES ÚNICAS DE AMORTIZAÇÃO MELHOR TAXA DE RETORNO SOBRE INVESTIMENTOS A PRAZO DE PORTUGAL INVESTIDOR POSSIBILIDADE DE RECEBIMENTO MENSAL DO JURO DO INVESTIMENTO CONTACTO DIRECTO COM JOVENS EMPREENDEDORES, ALARGANDO AS POSSIBILIDADES DE INVESTIMENTO 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 13
  14. 14. I II III IV V VI VII VIII IX APRESENTAÇÃO DO PROJECTO CARACTERIZAÇÃO DO NEGÓCIO CARACTERIZAÇÃO DA SOCIEDADE TIPO DE SOCIEDADE A EMPREENDER: SOCIEDADE ANÓNIMA FACILITANDO A TRANSMISSÃO DE TITULOS E A MUTAÇÃO DA ESTRUTURA ACCIONISTA ACÇÕES NOMINATIVAS POSSIBILITA O CONHECIMENTO DO REQUERENTE E ATÉ INVIABILIZAÇÃO DE TRANSMISSÃO CAPITAL SOCIAL 50.000 € - A SER DEPOSITADO NA DATA DE CONSTITUIÇÃO DA SOCIEDADE 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 14
  15. 15. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO ENVOLVENTE EXTERNA INICIATIVAS DE APOIO AO EMPREENDEDORISMO COMO 1º EMPREGO 3 POLÍTICOS AUMENTO DAS VERBAS PARA APOIOS AS PME’S E JOVENS EMPRESAS 2 PRESSÃO NAS INSTITUIÇÕES DE CRÉDITO PARA CONCESSÃO DE CRÉDITO 0 POLITICOS AUMENTO DAS DIFICULDADES NAOBTENÇÃO DO 1º CRÉDITO 4 ECONÓMICOS CONTRACÇÃO DO CONSUMO MUNDIAL / CRISE ECONÓMICA 0 AUMENTO DO DESEMPREGO ENTRE RECÉM LICENCIADOS 3 SOCIAIS AUMENTO DO Nº DE LICENCIADOS EM PORTUGAL 4 TECNOLÓGICOS CRESCENTE Nº DE NEGÓCIOS SEM NECESSIDADES DE ESPAÇOS FISICOS -3 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 15
  16. 16. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO CARACTERISTICAS DO MERCADO DE INCUBADORAS EM PORTUGAL Nº DE INCUBADORAS MÉDIA DE OCUPAÇÃO GESTÃO DAS INCUBADORAS ≈ 30 55% A 66% INSTITUIÇÕES DE ENSINO PÚBLICO/PRIVADA 40% 60% MERCADO POUCO DESENVOLVIDO POUCOS SERVIÇOS E MUITAS VEZES INÚTEIS ORIENTAÇÃO A INVESTIMENTOS IMOBILIÁRIOS ALGUNS SERVIÇOS DE APOIO TÊM CUSTO EXTRA LIMITE DE ANOS DE INCUBAÇÃO 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 16
  17. 17. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO SERVIÇOS DISPONIBILIZADOS PELOS CONCORRENTES PACK BASE RECEPÇÃO ACESSO A INTERNET SEGURANÇA LIMPEZA COMUM PERCENTAGEM DE INCUBADORAS QUE PRESTAM MAIS SERVIÇOS QUE O PACK BASE 70% 70% 15% 10% condições especiais de acesso a consultoria condições especiais de acesso a contabilidade palestras e seminários gratuitos escritórios mobilados 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 17
  18. 18. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO OCUPAÇÃO DAS INCUBADORAS DE EMPRESAS AVALIAÇÃO DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO 10% 14% 55% 35% 50% < 25% 36% [1-2] [25%-50] [3] > 50% [4-5] ÍNDICE GLOBAL DE SATISFAÇÃO DAS EMPRESAS INCUBADAS [1-5] [6-8] [9-10] 10% 50% 40% 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 18
  19. 19. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO ANÁLISE SWOT ELEVADO Nº DE SERVIÇOS DE APOIO AO EMPREENDEDOR FINANCIAMENTO DE 25.000€ GARANTIDO A TODOS OS EMPREENDEDORES FORÇAS ELEVADOS CONHECIMENTOS E COMPETENCIAS DOS CONSULTORES DE APOIO QUALIDADE DOS PROCESSOS E DOS PROCEDIMENTOS ASSOCIAÇÃO AO IPAM DEPENDÊNCIA DO SUCESSO DOS EMPREENDEDORES ESTAGNAÇÃO DA OFERTA DE PRODUTOS FINANCEIROS A PRAZO FRAQUEZAS POLITICOS DEPENDÊNCIA DE INVESTIDORES PARA A CONCRETIZAÇÃO DO PROJECTO ECONÓMICOS AUMENTO DA DESCONFIANÇA NAS INSTITUIÇÕES DE INVESTIMENTOS SERVIÇOS PASSIVEIS DE IMITAÇÃO PELOS CONCORRENTES 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 19
  20. 20. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO ANÁLISE SWOT - CONTINUAÇÃO ELEVADO DESEMPREGO E PROMOÇÃO DO EMPREENDEDORISMO JOVEM MERCADO ALTAMENTE SENSIVEL AO EMPREENDEDORISMO E À MARCA IPAM OPORTUNIDADES ALIANÇA AO IPAM COMO PARCEIRO COMERCIAL E À ENSIGEST COMO PARCEIRA FINANCEIRA OPORTUNIDADE DE MERCADO DEVIDO À INEFICÁCIA DOS CONCORRENTES ENTRADA DE NOVOS CONCORRENTES COM O MESMO CONCEITO DE INCUBADORA AMEAÇAS POLITICOS VARIÁVEL PREÇO É ALTAMENTE CONDICIONANTE NA TOMADA DE DECISÃO DAS START-UP’S ECONÓMICOS NOVOS CONCEITOS DE NEGÓCIO, ELIMINANDO A NECESSIDADE DE ESPAÇOS FISICOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 20
  21. 21. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO FACTORES CRÍTICOS DE SUCESSO Atribuição directa de Processo de selecção dos empréstimos aos candidatos empreendedores aceites na IN-IPAM Equipa de gestão e apoio às Conjugação de esforços para empresas dinâmica e o sucesso de todas as competente empresas incubadas Avaliar constantemente o Instalações que estimulem a desempenho das empresas e criatividade e integração das comunicar nas edições IN- empresas incubadas IPAM 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 21
  22. 22. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO ENVOLVENTE EXTERNA LEGISLAÇÃO EXTENSA E DISPENDIOSA -4 POLÍTICOS NECESSIDADE DO AUMENTO DE NOVAS LINHAS DE APOIO A PME’S 4 AJUDAS PARA INVESTIMENTOS EM START-UP’S 5 POLITICOS DIMINUIÇÃO DAS TAXAS DE RETORNO DOS DEPÓSITOS A PRAZO 3 ECONÓMICOS ECONÓMICOS ESTAGNAÇÃO DA OFERTA DE PRODUTOS FINANCEIROS A PRAZO 3 AUMENTO DA DESCONFIANÇA NAS INSTITUIÇÕES DE INVESTIMENTOS -4 ELEVADA AVERSÃO À INCERTEZA EM PORTUGAL -3 SOCIAIS DIMINUIÇÃO DO ESTRATO DOS MAIORES INVESTIDORES (CLASSE MÉDIA) 0 TECNOLÓGICOS TECNOLOGIAS DE APROXIMAÇÃO E CONTROLO DOS INVESTIMENTOS 3 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 22
  23. 23. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO AS OPÇÕES DE FINANCIAMENTO MAIS ACESSIVEIS EM CADA ESTÁGIO DE VIDA DE UMA EMPRESA 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 23
  24. 24. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO OS 3 PRINCIPAIS APOIOS PARA AS JOVENS EMPRESAS CAPITAL DE RISCO BUSINESS ANGELS EMPRÉSTIMOS BANCA QUOTA NA EMPRESA UTILIZAM OS SEUS CONHECIMENTOS PRINCIPAL FONTE DE FINANCIAMENTO ANALISA OS PROJECTOS MENTORING DOS PROJECTOS PENHORAS PESSOAIS CRIAM ESTRUTURA FINANCEIRA QUOTA NA EMPRESA CUSTO DE AMORTIZAÇÃO ELEVADO CARACTERISTICAS DOS INVESTIDORES PORTUGUESES INVESTEM EM ACÇÕES MÉDIO PRAZO (1 A 3 ANOS) ATRIBUEM RISCO ALTO/MÉDIO RECEIAM OS CRASHS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 24
  25. 25. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO AS MELHORES TANB’SOFERECIDAS PELA BANCA NUM DEPÓSITO A 3 ANOS 3,50% 3,00% BCP; 2,95% MONTEPIO; 2,79% BPN; 2,75% Média; 2,65% 2,50% BIG; 2,49% BES; 2,40% BANCO POPULAR; 2,52% 2,00% 1,50% 1,00% 0,50% 0,00% 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 25
  26. 26. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO SIMULAÇÃO DO RETORNO TOTAL BRUTO DE UMA APLICAÇÃO DE 50.000€ A 3 ANOS NOS DEPÓSITOS A PRAZO 4.125 € 4.425 € 4.185 € 3.735 € 3.600 € 3.780 € BPN BCP MONTEPIO BIG BES BANCO POPULAR 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 26
  27. 27. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO ANÁLISE SWOT OFERTA DE UMA TANB SUPERIOR A QUALQUER BANCO EM PORTUGAL FORÇAS INDEPENDÊNCIA DA SITUAÇÃO ECONÓMICA MUNDIAL VALORES SOCIAIS FALTA DE CREDIBILIDADE NA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM FRAQUEZAS ESTAGNAÇÃO DA OFERTA DE PRODUTOS FINANCEIROS A PRAZO PRODUTO DEPENDENTE DE MUITOS REQUISITOS LEGAIS POLITICOS ECONÓMICOS CRISE ECONÓMICA MUNDIAL OPORTUNIDADES ESTAGNAÇÃO DA OFERTA DE PRODUTOS FINANCEIROS A PRAZO POLITICOS DIFICULDADE DE ACESSO ÀS INSTITUTIÇÕES DE APOIO FINANCEIRO A START-UP’S ECONÓMICOS INSUCESSO DAS EMPRESAS INCUBADAS E FINANCIADAS PELO IPAM AMEAÇAS ESTAGNAÇÃO DA OFERTA DE PRODUTOS FINANCEIROS A PRAZO CRISE ECONÓMICA MUNDIA POLITICOS ECONÓMICOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 27
  28. 28. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE DO MERCADO E CONCORRÊNCIA ANÁLISE DO MERCADO DAS ANÁLISE DOS CONCORRENTES ANÁLISE DO MERCADO DOS ANÁLISE DOS CONCORRENTES DO INCUBADORAS DOS SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO PRODUTOS FINANCEIROS PRODUTO FINANCEIRO FACTORES CRÍTICOS DE SUCESSO Oferta de uma TANB de Promoção dos valores retorno do investimento sociais de apoio ao superior à média da empreendedorismo banca jovem Garantias de retorno do Independência dos investimento mercados financeiros 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 28
  29. 29. I II III IV V VI VII VIII IX CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS CARACTERIZAÇÃODO SERVIÇO DE INCUBAÇÃO IN-IPAM CARACTERIZAÇÃODO PRODUTO FINANCEIRO IN-IPAM O PACOTE DE INCUBAÇÃO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM ESCRITÓRIO COM ÁREA MÉDIA DE 25M2 TOC DISPONIVEL GRATUITAMENTE SEMPRE QUE REQUERIDO TELECOMUNICAÇÕES FIXAS E MÓVEIS GRATUITAS ORGANIZAÇÃO CONTABILISTICA DA EMPRESA INTERNET WIRELESS GRATUITA TÉCNICO DE INFORMATICA DISPONIVEL SEMPRE QUE REQUERIDO FINANCIAMENTO GARANTIDO DE 25.000 € RECEPÇÃO DE TELEFONEMAS E CORRESPONDÊNCIA 15h MENSAIS COM CONSULTORES E DOCENTES IDIM SALA DE REUNIÕES GRATUITA POR MARCAÇÃO MOBILIÁRIO DE ESCRITÓRIO COMPLETO LIMPEZA SEMANAL DE TODOS OS ESPAÇOS EDIÇÕES IN-IPAM COM NOTICIAS SOBRE AS EMPRESAS COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL DA EMPRESA 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 29
  30. 30. I II III IV V VI VII VIII IX CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS CARACTERIZAÇÃODO SERVIÇO DE INCUBAÇÃO IN-IPAM CARACTERIZAÇÃODO PRODUTO FINANCEIRO IN-IPAM ESTABELECIMENTO DO PREÇO DO PACOTE DE INCUBAÇÃO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM 10 8 6 4 2 0 1º semestre 2º semestre 3º semestre 4º semestre 5º semestre 6º semestre Facturação da empresa Custo de incubação SEMESTRE 1º 2º 3º 4º 5º 6º VALOR 750 € 1.250 € 1.250 € 1.500 € 1.500 € 1.500 € % DO VALOR DE MERCADO 30 % 50 % 50 % 60 % 60 % 60 % 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 30
  31. 31. I II III IV V VI VII VIII IX CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS CARACTERIZAÇÃODO SERVIÇO DE INCUBAÇÃO IN-IPAM CARACTERIZAÇÃODO PRODUTO FINANCEIRO IN-IPAM O PRODUTO FINANCEIRO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM DEPÓSITO A 3 ANOS INVESTIMENTOS DE VALOR VARIÁVEL, CONFORME OS PROJECTOS DEPÓSITO MENSAL DADOS JUROS NA CONTA DO INVESTIDOR APOIO PERSONALIZADO AO INVESTIDOR ESTABELECIMENTO DO RETORNO DO PRODUTO FINANCEIRO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM TEMPO REAL – BENCHMARKETING A INSTITUIÇÕES DE CRÉDITO CÁLCULO DA TAXA DE RETORNO DO PRODUTO FINANCEIRO DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM MÉDIA DA TAEG DA BANCA PARA UM EMPRÉSTIMO PARA O PROJECTO DO INVESTIMENTO MÉDIA MELHOR TANB DA BANCA PARA UM DEPÓSITO A 3 ANOS DO MESMO MONTANTE DO INVESTIMENTO 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 31
  32. 32. I II III IV V VI VII VIII IX CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS E SERVIÇOS CARACTERIZAÇÃODO SERVIÇO DE INCUBAÇÃO IN-IPAM CARACTERIZAÇÃODO PRODUTO FINANCEIRO IN-IPAM SIMULAÇÃO DA TAXA OFERECIDA PELA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM EM JANEIRO DE 2009 TAEG empréstimo banca; 8% TANB retorno IN-IPAM; 5,33% TANB retorno banca; 2,65% 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 32
  33. 33. I II III IV V VI VII VIII IX PLANO DE MARKETING OBJECTIVOS OBJECTIVOS DE MARKETING ESTRATÉGIAS DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING OS OBJECTIVOS DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM FOMENTAR A EMPREGABILIDADE SUSTENTADA DOS EX-ALUNOS IPAM COM UM SERVIÇO PÓS-ACADÉMICO DE APOIO AO EMPREENDEDOR COMPROVAR A QUALIDADE DO ENSINO DO IPAM DEMONSTRANDO O SUCESSO DAS EMPRESAS DESENVOLVIDAS POR EX-ALUNOS IPAM AUMENTAR A NOTORIEDADE DO IPAM NO ÂMBITO DA PROMOÇÃO DO EMPREENDEDORISMO JOVEM. PROMOVER A MUDANÇA DE COMPORTAMENTOS NO FINANCIAMENTO A START-UP’S. DESENVOLVER UMA ALTERNATIVA SUSTENTADA AOS DEPÓSITOS A PRAZO OFERECIDOS PELA BANCA PORTUGUESA. AUMENTAR A ARGUMENTAÇÃO DA VENDA DE EDUCAÇÃO A NOVOS ALUNOS IPAM. NÃO É SÓ A GERAÇÃO MARKETING, MAS TAMBÉM A GERAÇÃO EMPREENDEDORA REFERENCIAR A IN-IPAM NO MERCADO DAS INCUBADORAS DE EMPRESAS E TORNAR ESTE PROJECTO-PILOTO NUM PROJECTO DE ÂMBITO NACIONAL ATÉ AO ANO DE 2013. 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 33
  34. 34. I II III IV V VI VII VIII IX PLANO DE MARKETING OBJECTIVOS OBJECTIVOS DE MARKETING ESTRATÉGIAS DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING OS OBJECTIVOS DE MARKETING DA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM PROMOVER A IN-IPAM A TODO O UNIVERSO IPAM DE MATOSINHOS DURANTE O PERÍODO DE CANDIDATURAS À INCUBADORA. POSICIONAR A INCUBADORA DE EMPRESAS NO IPAM COMO A REFERÊNCIA DA NOVA GERAÇÃO DE INCUBADORAS DE EMPRESAS CONSEGUIR ATÉ DEZEMBRO DE 2009 UM MÍNIMO DE 15 POTENCIAIS INVESTIDORES INSCRITOS ARRENDAR TODOS OS ESPAÇOS DISPONÍVEIS NO EDIFÍCIO IN-IPAM ATÉ DEZEMBRO DE 2010. 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 34
  35. 35. I II III IV V VI VII VIII IX PLANO DE MARKETING OBJECTIVOS OBJECTIVOS DE MARKETING ESTRATÉGIAS DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING SEGMENTAÇÃO ALUNOS E EX-ALUNOS IPAM INTENÇÕES DE CRIAR UMA EMPRESA ENTRE 2009/2010 15% DOS ALUNOS DO 3º ANO (1ºCICLO) 25% DOS ALUNOS DO 2º ANO (2º CICLO) 100% DOS POTENCIAIS EMPREENDEDORES ESCOLHERIAM A INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM PARA A SEDE DA SUA EMPRESA POSICIONAMENTO EXPECTATIVA DO TARGET DESEMPENHO IN-IPAM DESEMPENHO CONCORRENTES CARACTERISTICAS DO SERVIÇO DE INCUBAÇÃO IN-IPAM 1 2 3 4 5 1 2 3 4 5 1 2 3 4 5 Elevado número de serviços de apoio ao empreendedor Possibilidade de financiamento imediato, acessivel e competitivo Apoio de especialistas em áreas de apoio à gestão Numero de anos de incubação ilimitado O ÚNICO LOCAL ONDE AS GARANTIAS DE SUCESSO SÃO REAIS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 35
  36. 36. I II III IV V VI VII VIII IX PLANO DE MARKETING OBJECTIVOS OBJECTIVOS DE MARKETING ESTRATÉGIAS DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING MARKETING - MIX PRODUTO / SERVIÇO QUALIDADE PREMIUM VISTAS AS CARACTERISTICAS DO PRODUTO FINANCEIRO E O PACOTE DE INCUBAÇÃO PREÇO PREÇO PREMIUM PARA O SERVIÇO DE INCUBAÇÃO E DESNATAÇÃO PARA O PRODUTO FINANCEIRO DISTRIBUIÇÃO A ALUNOS E EX-ALUNOS DO IPAM DE MATOSINHOS PROMOÇÃO PROMOÇÕES DE VENDAS | PUBLICIDADE | MARKETING DIRECTO | RELAÇÕES PÚBLICAS PESSOAS DIRECTOR | CONTABILISTA | TÉCNICO DE INFORMÁTICA | RECEPCIONISTA | CONSULTORES IDIM PROCESSOS DIRECTOR TEM A RESPONSABILIDADE MÁXIMA NA COORDENAÇÃO E DELEGAÇÃO DOS PROCESSOS EVIDÊNCIAS FISICAS LOCAL DA INCUBADORA É DEFINIDO ATRAVÉS DA ORIENTAÇÃO AO SUCESSO DOS EMPRESÁRIOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 36
  37. 37. I II III IV V VI VII VIII IX PLANO DE MARKETING OBJECTIVOS OBJECTIVOS DE MARKETING ESTRATÉGIAS DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING ACÇÕES DE MARKETING CONCEITO DA ACÇÃO OBJECTIVO DA ACÇÃO ORÇAMENTO DA ACÇÃO CALENDARIZAÇÃO STAND INFORMATIVO DAR A CONHECER A IN-IPAM 3.500 € SET – OUT 2009 BANNER’S NO SITE IPAM.PT PROMOVER A IN-IPAM 0€ DESDE SET 2009 4 SEMINÁRIOS SOBRE ELUCIDAR POTENCIAIS 2.000 € OUT 2009 EMPREENDEDORISMO EMPREENDEDORES PRESS-RELEASE NA IMPRENSA ANGARIAR INVESTIDORES 5.000 € 7-12 DEZ 2009 ECONÓMICA JANTAR DE GALA ANGARIAR INVESTIDORES 6.000 € 23 DEZ 2009 EDIÇÕES IN-IPAM COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL 250 € / MÊS DESDE JAN 2010 EVENTO DE INAUGURAÇÃO APRESENTAR O PROJECTO 1.250 € FEV 2010 TOTAL ORÇAMENTO DE MARKETING 17.750 € 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 37
  38. 38. I II III IV V VI VII VIII IX ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJECTO DIMENSIONAMENTO E LOCALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO E ESTRUTURA DE FUNCIONAMENTO CONSTITUIÇÃO DO EDIFICIO IN-IPAM 15 ESCRITÓRIOS RECEPÇÃO SALA DE REUNIÕES 2 WC MISTOS LOCALIZAÇÃO DO EDIFICIO IN-IPAM GRANDE PORTO TRANQUILIDADE PREÇO ARRENDAMENTO BAIXO BOAS ACESSIBILIDADES ZONA RIBEIRINHA DE VILA DO CONDE 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 38
  39. 39. I II III IV V VI VII VIII IX ASPECTOS OPERACIONAIS DO PROJECTO DIMENSIONAMENTO E LOCALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO E ESTRUTURA DE FUNCIONAMENTO 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 39
  40. 40. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES Investimento por ano 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Imobilizado Incorpóreo Despesas de Instalação 15.000 0 0 0 0 0 Despesas de I&D 15.000 0 0 0 0 0 Total Imobilizado Incorpóreo 30.000 0 0 0 0 0 Imobilizado Corpóreo Terrrenos e Recursos Naturais 170.000 0 0 0 0 0 Edificios e Outras Construções 100.000 0 0 0 0 0 Equipamento de Transporte 25.000 0 0 0 0 0 Equipamento Administrativo 17.500 0 0 0 0 0 Total Imobilizado Corpóreo 312.500 0 0 0 0 0 Total Investimento 342.500 0 0 0 0 0 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 40
  41. 41. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES Fornecimentos e Serviços Externos 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Nº Meses 0 12 12 12 12 12 Taxa de crescimento 0% 3,00% 3,00% 3,00% 3,00% 3,00% Tx IVA CF CV Valor Mensal 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Electricidade 20% 80% 20% 350 0 4.326 4.456 4.589 4.727 4.869 Combustiveis 20% 0% 100% 200 0 2.472 2.546 2.623 2.701 2.782 Agua 5% 80% 20% 175 0 2.163 2.228 2.295 2.364 2.434 Despesas de representação 20% 0% 100% 300 0 3.708 3.819 3.934 4.052 4.173 Comunicação 20% 70% 30% 100 0 1.236 1.273 1.311 1.351 1.391 Seguros 20% 100% 120 0 1.483 1.528 1.574 1.621 1.669 Honorários 20% 100% 2.000 0 24.720 25.462 26.225 27.012 27.823 Publicidade e propaganda 20% 0% 100% 250 0 3.090 3.183 3.278 3.377 3.478 Limpeza, higiene e conforto 20% 100% 200 0 2.472 2.546 2.623 2.701 2.782 Vigilância e segurança 20% 100% 100 0 1.236 1.273 1.311 1.351 1.391 TOTAL FSE 0 46.906 48.313 49.763 51.256 52.793 FSE - Custos Fixos 0 35.968 37.047 38.158 39.303 40.482 FSE - Custos Variáveis 0 10.939 11.267 11.605 11.953 12.311 TOTAL FSE 0 46.906 48.313 49.763 51.256 52.793 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 41
  42. 42. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Nº Meses 0 14 14 14 14 14 Incremento Anual (Vencimentos + Sub. Almoço) 0% 3,00% 3,00% 3,00% 3,00% 3,00% Quadro de Pessoal 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Administração / Direcção 1 1 1 1 1 Administrativa Financeira 1 1 1 1 1 Manutenção 1 1 1 1 1 Outros 1 1 1 1 1 TOTAL DE COLABORADORES 0 4 4 4 4 4 Remuneração base mensal 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Administração / Direcção 750 773 796 820 844 869 Administrativa Financeira 700 721 743 765 788 812 Manutenção 600 618 637 656 675 696 Outros 500 515 530 546 563 580 Remuneração base anual - TOTAL Colaboradores 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Administração / Direcção 0 10.815 11.140 11.474 11.818 12.172 Administrativa Financeira 0 10.094 10.397 10.709 11.030 11.361 Manutenção 0 8.652 8.912 9.179 9.454 9.738 Outros 0 7.210 7.426 7.649 7.879 8.115 TOTAL 0 36.771 37.874 39.010 40.181 41.386 Outros Custos 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Segurança Social Gerência / Administração 0 2.298 2.367 2.438 2.511 2.587 Outro Pessoal 0 6.165 6.349 6.540 6.736 6.938 Seguros Acidentes de Trabalho 0 368 379 390 402 414 Subsídio Alimentação 0 5.912 6.090 6.273 6.461 6.655 TOTAL OUTROS CUSTOS 0 14.743 15.185 15.641 16.110 16.593 TOTAL CUSTOS PESSOAL 0 51.514 53.059 54.651 56.291 57.980 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 42
  43. 43. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Investimento = Capital Fixo + FMN 343.375 -12.295 -1.637 -707 222 -886 Margem de segurança 2% 2% 2% 2% 2% 2% Necessidades de financiamento 350.200 -12.500 -1.700 -700 200 -900 Fontes de Financiamento 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Meios Libertos 5.656 52.779 112.439 127.346 99.840 124.420 Capital Social 50.000 Empréstimos de Sócios / Suprimentos 0 0 0 0 Financiamento bancário e outras Inst. Crédito 300.000 TOTAL 355.656 52.779 112.439 127.346 99.840 124.420 Amortização do financiamento Capital em dívida (início período) 300.000 300.000 240.000 180.000 120.000 60.000 Taxa de Juro 5% 5% 5% 5% 5% 5% Juro Anual 0 15.000 12.000 9.000 6.000 3.000 Reembolso Anual 60.000 60.000 60.000 60.000 60.000 Imposto Selo (0,4%) 0 60 48 36 24 12 Serviço da dívida 0 75.060 72.048 69.036 66.024 63.012 Valor em dívida 300.000 240.000 180.000 120.000 60.000 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 43
  44. 44. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INCUBAÇÃO 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Serviço de incubação A 67.500 0 0 36.000 0 Serviço de incubação B 93.750 131.250 0 60.000 60.000 Serviço de incubação C 112.500 270.000 144.000 216.000 TOTAL 0 161.250 243.750 270.000 240.000 276.000 TOTAL PRESTAÇÕES SERVIÇOS 0 161.250 243.750 270.000 240.000 276.000 IVA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 20% 0 32.250 48.750 54.000 48.000 55.200 TOTAL VOLUME DE NEGÓCIOS 0 161.250 243.750 270.000 240.000 276.000 IVA 0 32.250 48.750 54.000 48.000 55.200 TOTAL VOLUME DE NEGÓCIOS + IVA 0 193.500 292.500 324.000 288.000 331.200 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 44
  45. 45. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES Demonstração de resultados previsional 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Prestações de Serviços 0 161.250 243.750 270.000 240.000 276.000 Volume de Negócios 0 161.250 243.750 270.000 240.000 276.000 Outros custos variáveis (FSE) 0 10.939 11.267 11.605 11.953 12.311 Margem Bruta de Contribuição 0 150.311 232.483 258.395 228.047 263.689 FSE- Custos Fixos 0 35.968 37.047 38.158 39.303 40.482 Resultado Económico 0 114.344 195.437 220.237 188.744 223.207 Custos com o Pessoal 0 51.514 53.059 54.651 56.291 57.980 % de Vendas 32% 22% 20% 23% 21% EBITDA 0 62.830 142.377 165.586 132.453 165.227 Amortizações 22.625 22.625 22.625 12.625 2.000 2.000 Ajustamentos / Provisões 0 0 0 0 0 0 EBIT -22.625 40.205 119.752 152.961 130.453 163.227 Custos Financeiros 0 15.060 12.048 9.036 6.024 3.012 Proveitos Financeiros 0 0 0 0 0 0 RESULTADO FINANCEIRO 0 -15.060 -12.048 -9.036 -6.024 -3.012 RAI -22.625 25.145 107.704 143.925 124.429 160.215 Impostos sobre os lucros 0 630 26.926 35.981 31.107 40.054 RESULTADO LÍQUIDO -22.625 24.515 80.778 107.944 93.322 120.161 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 45
  46. 46. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES Balanço previsional 2009 2010 2011 2012 2013 2014 ACTIVO Imobilizado Imobilizado Incorpóreo 30.000 30.000 30.000 30.000 30.000 30.000 Imobilizado Corpóreo 312.500 312.500 312.500 312.500 312.500 312.500 Amortizações Acumuladas 22.625 45.250 67.875 80.500 82.500 84.500 Créditos de curto prazo Dívidas de Clientes 0 5.375 8.125 9.000 8.000 9.200 Disponibilidades 6.625 6.692 79.485 152.367 185.440 261.641 TOTAL ACTIVO 326.500 309.317 362.235 423.367 453.440 528.841 CAPITAL PRÓPRIO Capital Social 50.000 50.000 50.000 50.000 50.000 50.000 Reservas e Resultados Transitados -22.625 1.891 83.762 193.892 289.896 Resultados Líquidos -22.625 24.516 81.871 110.130 96.004 123.987 TOTAL CAPITAIS PRÓPRIOS 27.375 51.891 133.762 243.892 339.896 463.883 PASSIVO Dívidas a 3º - M/L Prazo Dívidas a Instituições de Crédito 300.000 240.000 180.000 120.000 60.000 0 Dívidas a 3º - Curto Prazo Dívidas a Fornecedores 0 4.536 4.672 4.812 4.956 5.105 Estado e Outros Entes Públicos -875 12.890 43.801 54.663 48.588 59.853 TOTAL PASSIVO 299.125 257.426 228.473 179.475 113.544 64.958 TOTAL PASSIVO + CAPITAIS PRÓPRIOS 326.500 309.317 362.235 423.367 453.440 528.841 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 46
  47. 47. I II III IV V VI VII VIII IX ANÁLISE ECONÓMICA E PROJECÇÕES FINANCEIRAS INVESTIMENTO F.S.E. CUSTOS COM O FINANCIAMENTO VOLUME DE DEMONSTRAÇÃO BALANÇO E PESSOAL NECESSÁRIO NEGÓCIOS DE RESULTADOS INDICADORES PRINCIPAIS INDICADORES ECONÓMICOS E FINANCEIROS 2010 2011 2012 2013 2014 AUTONOMIA FINANCEIRA 17% 37% 58% 75% 88% SOLVABILIDADE TOTAL 20% 59% 136% 299% 714% ENDIVIDAMENTO TOTAL 83% 63% 42% 25% 12% LIQUIDEZ GERAL 69% 181% 271% 361% 417% INDICADORES DE AVALIAÇÃO DO PROJECTO RETORNO DO INVESTIMENTO 20% (MÉDIA 5 ANOS) VALOR ACTUAL LÍQUIDO 996.355 € PROJECTO COM VIABILIDADE ECONÓMICA E FINANCEIRA TAXA INTERNA DE RENTABILIDADE 46,55 % PERIODO DE RETORNO DO INVESTIMENTO 5 ANOS 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 47
  48. 48. I II III IV V VI VII VIII IX CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES FUTURAS CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES FUTURAS CONCLUSÕES OS OBJECTIVOS ESPECIFICOS FORAM CUMPRIDOS. O OBJECTIVO GERAL FOI CONFIRMADO. A IN-IPAM É ECONÓMICAMENTE VIÁVEL SERVIÇO PERTINENTE PARA A ESTRUTURA IPAM – UM SERVIÇO PÓS VENDA DE EMPREENDEDORISMO CONCEITO DE INCUBADORA DE EMPRESAS QUE MELHOR RESPONDE ÀS NECESSIDADES DE MERCADO A INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM É UM INVESTIMENTO SEGURO E RECUPERÁVEL EM 5 ANOS DISTRIBUIÇÃO ENORME GAMA DE SERVIÇOS ÚNICOS E EXCLUSIVOS PARA ALUNOS E EX-ALUNOS IPAM PROMOÇÃO TER UMA EMPRESA NA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM É UMA VANTAGEM COMPETITIVA FULCRAL PARA OS EMPREENDEDORES RECOMENDAÇÕES FUTURAS PROMOÇÃO APROFUNDAR INVESTIGAÇÃO NO ÂMBITO DO PRODUTO FINANCEIRO. EXISTIRÃO OUTRAS FORMAS DE FINANCIAR OS EMPREENDEDORES COM EMPRESAS NA INCUBADORA DE EMPRESAS DO IPAM., SEM QUE PARA ISSO O IPAM CORRA RISCOS COM GARANTIAS DE PAGAMENTO AOS INVESTIDORES 16 | ABRIL | 2009 CARLOS JORDÃO ALMEIDA 48
  49. 49. ARE YOU IN?

×