Acções Futuras D1 Ana Silva

247 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
247
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Acções Futuras D1 Ana Silva

  1. 1. Acções FuturasA deixar de fazerTrabalho de técnico operacional (especialmente no caso das professoras bibliotecárias, muitas das vezes em hora de maior frequência da BE e a solo … ) o contacto com os alunos é agradável e imprescindível, pois somos “a cara” da BE, ninguém como nós sabe “vender” o produto, mas se fazemos quase todo o trabalho de atendimento, não vejo como aplicar o novo modelo de auto-avaliação.Delegar pouco as diferentes funções pela equipa, muitas vezes com a “desculpa” da falta de formação dos seus elementos: dividir tarefas e atribuir responsabilidades é urgente, porque quem quer fazer tudo, tem grandes probabilidades de fazer tudo mal.A continuar a fazerAs sessões de orientação, pesquisa e elaboração de trabalhos para os alunos de todos os anos, pelas razões óbvias, no que toca à melhoria significativa da sua autonomia e ao sucesso.A articulação com as restantes escolas do agrupamento Tem sido uma apostado nosso trabalho que nos leva ultimamente a maior fatia do tempo, mas estamos convencidos de que vamos colher muitos e bons frutos.A começar a fazerCentrar a actuação nos professores:Um trabalho mais articulado e planificado atempadamente com os coordenadores de departamento, de docentes, de educadores e de projectos, bem como acções de orientação na BE para professores, simultaneamente com pequenas formações em TIC (em conjunto com a equipa PTE) É no trabalho com os professores que reside a grande fatia do sucesso da BE enquanto estrutura imprescindível no seio da comunidade educativaRecolher evidências de modo mais sistemático, para traçar novos rumos e justificar a implementação de acções<br />

×