BACTÉRIAS DO GÊNERO Listeria PRESENTES EM CARNE BOVINA NOS
             MUNICÍPIOS DE NITERÓI E RIO DE JANEIRO.

  SAMIRA ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

BactéRias Do GêNero Listeria Presentes Em Carne Bovina Nos MunicíPios De NiteróI E Rio De Janeiro

1,814 views

Published on

Minhas publicações na II Mostra UFF em Higiene e Tecnologia de Alimentos
2009

Published in: Travel, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,814
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

BactéRias Do GêNero Listeria Presentes Em Carne Bovina Nos MunicíPios De NiteróI E Rio De Janeiro

  1. 1. BACTÉRIAS DO GÊNERO Listeria PRESENTES EM CARNE BOVINA NOS MUNICÍPIOS DE NITERÓI E RIO DE JANEIRO. SAMIRA PIROLA SANTOS MANTILLA1; MARIA CARMELA KASNOWSKI1; ÉRICA BARBOSA SANTOS1; RAFAELLA AGÜERO DA SILVA2; LUIZ ANTÔNIO TRINDADE DE OLIVEIRA3; ROBSON MAIA FRANCO3 1 Programa de Pós-Graduação em Higiene Veterinária e Processamento Tecnológico de Produtos de Origem Animal - Universidade Federal Fluminense, Niterói-RJ. samiramantilla@yahoo.com.br 2 Aluna de Graduação em Medicina Veterinária - Universidade Federal Fluminense, Niterói-RJ. 3 Departamento de Tecnologia de Alimentos - Universidade Federal Fluminense, Niterói-RJ. RESUMO Listeria monocytogenes é um patógeno emergente capaz de ocasionar meningite e provocar abortos através da ingestão de alimentos contaminados, que não foram submetidos ao tratamento térmico adequado na eliminação de bactérias. O objetivo deste experimento foi analisar a ocorrência de bactérias do gênero Listeria em carnes bovinas comercializadas nos municípios de Niterói e Rio de Janeiro. Foram analisadas 30 amostras de carne bovina moída (corte acém) resfriada provenientes de estabelecimentos comercias do município de Niterói, RJ, e 30 amostras de carne bovina inteira e moída (corte acém) comercializadas no município do Rio de Janeiro. Utilizou- se a metodologia revisada do USDA. Das 30 amostras de carnes moídas oriundas de Niterói, 15 (50%) apresentaram contaminação por Listeria spp., sendo duas (6,7%) positivas para L. monocytogenes. Ao total, foram isoladas 83 cepas de Listeria spp., sendo 6 L. monocytogenes e 77 L. innocua Na tipificação sorológica, observou-se maior prevalência de L. monocytogenes pertencente ao sorotipo 4b (50%), sendo o mais comumente associado a surtos de listeriose de origem alimentar; o sorotipo ½ c também foi identificado. Em relação às amostras de carne provenientes do município do Rio de Janeiro, todas apresentaram-se contaminadas com Listeria spp. sendo isoladas 173 cepas. Das cepas, 121 eram L. innocua e 52 L. monocytogenes. Dessas, 45 (86,54%) pertenciam ao sorotipo 4b e 7 (13,46%) ao ½ b. As amostras contaminadas com L. monocytogenes são consideradas impróprias para o consumo segundo a legislação vigente, por veicularem um patógeno causador de enfermidades transmitidas por alimentos. Estes achados demonstram a necessidade da melhoria das condições higiênico-sanitárias dos estabelecimentos varejistas dos municípios de Niterói e Rio de Janeiro e a importância da utilização do tratamento térmico adequado para a obtenção de um alimento que não apresente riscos à saúde do consumidor.

×