Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Intercâmbio jovem outras formas de fazer férias

365 views

Published on

Artigo para debate em aula. O intercâmbio jovem como outra forma de fazer férias.

Published in: Devices & Hardware
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Intercâmbio jovem outras formas de fazer férias

  1. 1. Intercâmbio jovemDiscussão acerca do texto e de outras formas de fazer férias.As férias do Verão - e não só - podem ser aproveitadas para fazer voluntariado, apostarna cidadania ativa, participar em ações de formação e desenvolver a solidariedade. Equando tudo isso é grátis e pode ser feito fora de Portugal, num país europeu, não hárazão para não o fazer.Esta é a ideia-chave da Proatlântico, uma associação que gere bolsas de intercâmbiopara jovens entre os 13 e os 30 e programas de voluntariado para jovens entre os 16 eos 30 anos. Desde 2006, a associação já levou mais de 120 pessoas para participar emprojetos em vários países.As primeiras candidaturas aos "estágios" do Serviço Voluntário Europeu estão abertasaté hoje, dia 13 de março, e podem ser consultadasem http://www.sve.pt/vagas/abertas . Nesta fase, há um total de 84 lugaresreservados só para os portugueses que queiram ir para os 21 destinos disponíveis.Grécia, Roménia, Polónia, Rússia, Reino Unido, Espanha, Turquia ou Áustria são apenasalguns exemplos. As estadias variam entre um mínimo de 14 dias e um máximo de 12meses e incluem, sempre, formação. (…)Os voluntários participantes têm asseguradas as despesas de viagem e alojamento, oseguro de viagem, apoio social e linguístico e transporte local. Neste momento, há umtotal de 27 portugueses em missões deste tipo, em países que incluem o Brasil ou aArgentina, além da Europa. E também há 15 voluntários estrangeiros em Portugal, adar apoio à Misericórdia, à Casa Pia ou a várias IPSS relacionadas com crianças ouidosos. (…)Nuno Chaves reconhece que ainda há muitos jovens a deixar escapar estaoportunidade. "Parece uma espécie de campo de férias no estrangeiro, mas é umprograma de formação que assenta na troca de experiências e na aprendizagem nãoformal. Ainda existe grande desconhecimento e é uma oportunidade que está a passarao lado de muitos jovens", explica à VISÃO.(…)em Revista Visão (adapt.)http://visao.sapo.pt/intercambio-jovem=f652050Visto em 15/10/2012

×