CETAOnews
                                              E
                                                  Editorial
    ...
O
    Orientação Profissional
    O auditor odontológico: uma nova carreira para o cirurgião-dentista
    Elias Cecílio Ne...
C
    Como Fazer
    Correção da mordida cruzada posterior em crianças
    Vivian Hlavai Comunian                         ...
C
    Cursos
                                           ORTODONTIA                                                   ENDOD...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Cetao news 06

1,304 views

Published on

O Centro de Estudos Treinamento e Aperfeiçoamento em Odontologia, CETAO, é uma Instituição de Ensino Superior, reconhecida pelo Ministério da Educação, que promove cursos de extensão e especialização em Odontologia. Fundada há 11 anos, está presente em 07 países, ministrando cursos para dentistas no Brasil e no exterior, onde destacam-se os cursos de aperfeiçoamento profissional ministrados em Portugal.Fundado com o propósito de tornar-se a melhor referência profissional para o cirurgião-dentista, o CETAO busca atender e ultrapassar as expectativas de seu corpo discente, empregando sempre as melhores técnicas e práticas odontológicas e empresariais. Com sede na cidade de São Paulo, dispõe de infra-estrutura completa para oferecer aos seus alunos um ambiente agradável e apropriado para o processo ensino-aprendizagem.

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Cetao news 06

  1. 1. CETAOnews E Editorial Depois da graduação, o aperfeiçoamento continua Dr. Alênio Calil Mathias de pós-graduação. Há 19 especialidades reconhecidas além de diagnosticar problemas bucais, determinando pelo Conselho. Hoje, a maioria dos profissionais se es- qual o tratamento necessário, de acordo com o estado pecializa em ortodontia, Implantodontia, Dentística e de saúde geral do paciente, cabe ao dentista diagnos- estética, Prótese e endodontia. essas áreas concentram ticar outras doenças que tenham manifestações bucais o maior número de atendimentos no país. Mas é preci- e orientar a pessoa sobre a importância da saúde bucal, so estar atento às novas tendências do mercado. Dentre prevenindo assim o aparecimento de novas doenças. as áreas mais promissoras para o exercício da odonto- assim, a atividade do dentista está integrada a de ou- logia, podemos destacar especialidades mais recentes, tros profissionais de saúde. Um profissional bem forma- como a odontogeriatria, devido ao envelhecimento da do encara o paciente como um todo e sabe que a saúde população, a ortopedia, voltada para as correções na bucal está relacionada à saúde geral do paciente. idade infantil, e o atendimento voltado a pessoas com a odontologia brasileira possui um bom conceito no necessidades especiais. mundo, já contamos com profissionais brasileiros tra- Para os que pretendem cursar odontologia, é importan- balhando com materiais, métodos e equipamentos de te informar-se sobre a saturação do mercado de traba- última geração. o dentista brasileiro também é reco- lho nessa área e sobre as dificuldades que se apresen- nhecido pela forma como conduz o tratamento, priori- tam, como excesso de faculdades - que formam mais zando o relacionamento com o paciente. profissionais do que o necessário - concentração de Dezembro - Ano 1 - Número 6 a graduação é apenas o primeiro passo da carreira 62% da categoria na Região Sudeste, falta de investi- do dentista. Continuar estudando é muito importan- mento público em programas de saúde bucal, baixa re- te para este profissional, pois os avanços científicos e muneração pelos convênios e os altos custos existentes a tecnologia são rapidamente absorvidos pela odon- para se montar um consultório. tologia. Neste contexto, os cursos de especialização e Destaco também a necessidade de o dentista aprimo- extensão tornam-se atividades constantes e rotineiras rar os seus conhecimentos de informática e da língua dos profissionais que desejam ser bem sucedidos. inglesa porque o mundo está globalizado e o idioma terminada a graduação, chega o momento da especia- “oficial” é o inglês. lização. Dados do Conselho Federal de odontologia - CFo revelam que 57% dos dentistas no País têm curso O autor é membro do conselho diretivo do CETAO N Novidades O CETAO pelo mundo: Japão Habilitação em Homeopatia em outubro, o Cetao teve a honra de receber a visita Há muito tempo, a homeopatia é uma especialidade de cinco estudantes de odontologia da Nihon Uni- médica, farmacêutica e veterinária. Recentemente foi versity School of Dentistry da Província de Chiba, na reconhecida pela odontologia. cidade de Matsudo, Japão. o Cetao oferece o primeiro curso do Brasil de Habili- acompanhados pelo representante do Cetao-Japão, tação em Homeopatia, que tem como objetivo habili- Dr. Hiroshi Suzuki, durante a visita eles puderam co- tar e capacitar o cirurgião para utilizar a homeopatia nhecer a infra-estrutura da organização e a didática como prática integrante e complementar à saúde bu- aplicada aos dentistas brasileiros que escolheram esta cal de seus pacientes. entidade para aperfeiçoar seus conhecimentos. o curso de Habilitação em Homeopatia será coorde- Num clima de cordialidade e ao mesmo tempo res- nado pela profª Joyce Pereira de Mattos, com duração Expediente peitabilidade, profissionais japoneses e brasileiros da de 354 h/a e início em 13 de março de 2009. Boletim Informativo área puderam desfrutar do importante aprendizado do Cetao gerado pelo intercâmbio. Evento CETAO/INPES Diretor: alênio Calil Mathias No dia 4 de dezem- Redatora e Jornalista bro aconteceu o II Responsável: encontro Multidisci- Rosa Maria artusi plinar Cetao/INPeS, Mtb 21.459 realizado em suas rosa.artusi@terra.com.br instalações e contan- Colaboradora: do com a presença de Marinês Muniz cirurgiões-dentistas de diversas áreas da odontologia. as palestras e workshops abrangeram as especialida- Periodicidade: trimestral des de ortodontia, Prótese, Laser, Implante, Dentís- Tiragem: 2.000 exemplares tica e endodontia. o evento foi sem dúvida alguma Circulação: Interna um grande sucesso para o Cetao e para as empresas Dentsply, DMC e 3M Unitek, que participaram com Comunique-se conosco: seu apoio. Tel.: (11) 5051-2370 cetao@cetao.com.br
  2. 2. O Orientação Profissional O auditor odontológico: uma nova carreira para o cirurgião-dentista Elias Cecílio Neto Com a consolidação do setor de saúde suplementar e a expansão colegas de profissão é muito maior. este profissional também deve dos planos odontológicos, uma nova carreira foi aberta para o cirur- estar inteirado sobre as novidades em procedimentos e técnicas gião-dentista, a do auditor odontológico. acompanhando as ten- odontológicas, deve conhecer a legislação da área e ter conheci- dências deste novo mercado, o Cetao abriu um Curso de auditoria mentos básicos de estatística e informática, gestão empresarial em odontologia para preparar adequadamente este novo profissio- para fazer o controle e a previsão do mercado e saber transmitir nal, que prestará serviços para um plano de saúde odontológico. estes dados através de relatórios e estratégias empresariais à di- Dentre as atribuições do auditor da área odontológica estão a retoria da empresa. análise do plano de tratamento proposto pelo cirurgião-dentista Para fazer o Curso de auditoria em odontologia basta ser dentista, credenciado, o acompanhamento e a análise da documentação mas para ser auditor odontológico é necessário ser muito mais do odontológica, verificando sua consistência, indicação e ocasião da que dentista. É preciso um conhecimento mais profundo das di- realização do tratamento. este profissional é capacitado para con- versas especialidades, atualização constante, ética, compromisso ferir a adequação e o cumprimento dos requisitos acadêmicos dos legal e administrativo para se fazer auditoria odontológica com procedimentos feitos, sem desrespeitar a indicação do clínico, po- qualidade. rém, adequando estes aos autorizados pelas operadoras, conforme Para obter mais informações sobre a próxima turma do Curso de o plano contratado, visando sempre compatibilizar a preservação auditoria em odontologia do Cetao é só entrar em contato pelos da saúde dental e sistêmica do paciente com o que de melhor o telefones (11) 5051 2370/ 5051 6209, ou pelo e-mail: cetao@ plano oferece. Caso haja algum questionamento em relação ao cetao.com.br. o conteúdo programático completo do curso está que foi determinado pelo dentista que atende o beneficiário, o disponível no site do Cetao: www.cetao.com.br problema é discutido com o auditor odontológico. as habilidades de comunicação e de negociação deste profissional O autor é Especialista em Saúde Pública pela Faculdade de Saúde devem ser aprimoradas, porque na auditoria odontológica a in- Pública da USP, Perito Auditor – FUNDECTO e professor do curso de teração com pacientes, com especialistas de ponta e com outros auditoria em odontologia do CETAO. M Mercado de Trabalho Como planejar e atender às exigências do mercado Fernando Schiavetto temos destacado nesta nossa coluna os vários aspectos que en- que fazem com que o cirurgião dentista assuma outra premissa volvem a criação e a sustentabilidade da vantagem competitiva, desta escola em que a liderança se torna um elemento passivo para sempre nos orientando para os aspectos internos que compõem os fins de ler o ambiente e garantir uma adaptação adequada. traba- recursos tangíveis e intangíveis. lhando com tabelas dirigidas à sua precificação, estas organizações agora, passaremos a focar o ambiente externo. Na edição número impõem de certa forma sua vontade, obrigando o profissional a 3 deste Informativo, destacamos a importância de perceber os si- reagir a esta condição internamente, e é neste contexto que re- nais advindos do macro-ambiente. assim como é preciso um olhar lembramos os artigos anteriores e alertamos principalmente para atento às condições de mercado, estamos falando de outra escola a necessidade dos profissionais desenvolverem suas aptidões de do planejamento estratégico, a ambiental, que se caracteriza como gestores com a aplicação de conceitos da administração em seu um processo reativo. Mas o que é o ambiente? Nada mais que um próprio negócio. Reafirmamos que é imprescindível estabelecer um conjunto de forças gerais, o agente central no processo de geração padrão de custo adequado à sua remuneração e à sua estrutura, de estratégia. Uma das principais premissas desta escola é que ou gerenciando os estoques, estabelecendo o ponto de equilíbrio ope- a organização, neste caso o consultório, responde a essas forças racional e implantando duas importantes ferramentas de controle: gerais, ou será eliminada. Desta forma, destacaremos a dimensão Fluxo de Caixa e Demonstrativo do Resultado do exercício – DRe. da estabilidade para debatermos as atividades do consultório em Saber desenvolver seus recursos internos, uma base sólida de in- relação ao processo de formação estratégica, que - vale lembrar - formações gerenciais, aliados a uma equipe coesa, alinhada e bem serve de base para aplicação em qualquer atividade profissional. coordenada, pode garantir um poder de reação a esta condição ao analisarmos o ambiente em que a odontologia está inserida externa muito mais rápida e flexível, fazendo com que o seu cliente hoje, podemos perceber que ele mudou de estável para dinâmico perceba o dinamismo que impera no seu negócio, criando um indi- e temos dois pontos distintos que têm contribuído para esse fenô- cador de valor de confiabilidade, que denominamos aqui em nossa meno de forma significativa. a primeira e a mudança de demanda coluna como Marketing da Confiança. Continuaremos no próximo de clientes e a segunda são as ofertas dos concorrentes. Não é artigo debatendo a complexidade do ambiente em que atuamos. necessário muito esforço para relacioná-las ao nosso dia-a-dia. a atuação de grandes grupos, traduzido aqui como concorrência, que O autor é Consultor Empresarial – Megaas Assessoria Empresarial promete preços e condições diferenciados e faz com que nossos Ltda (Especializada em Odontologia) – Professor do CETAO e da clientes cheguem de forma diferente ao consultório. Destacamos Universidade Uninove nas áreas de Contabilidade e Administração. aqui também a atuação das empresas de convênio odontológico, www.megaas@megaas.com.br
  3. 3. C Como Fazer Correção da mordida cruzada posterior em crianças Vivian Hlavai Comunian 61% para rinite alérgica e 48% dos casos rante um período de aproximadamente 15 de asma, decorrentes do aumento da ca- minutos (1/4 de volta a cada 5 minutos). o a incidência de má oclusão nas dentições pacidade respiratória. responsável pela criança é instruído a ativar decídua e mista é bem significativa, sen- o disjuntor do tipo encapsulado utili- o parafuso ¼ de volta pela manhã e ¼ de do que a mordida cruzada posterior é um za um parafuso expansor do tipo Hyrax, volta à noite (0,25mm cada volta) por um dos problemas mais freqüentes. cujas extensões do fio contornam todos período de aproximadamente 7 a 14 dias. Uma das causas da mordida cruzada pos- os dentes posteriores na face palatina e a expansão é interrompida quando a lar- terior é a atresia maxilar conseqüente de vestibular. É o aparelho mais utilizado na gura maxilar é atingida e o aparelho é uma respiração bucal. Isto porque duran- dentição decídua e mista. mantido por pelo menos 3 meses como te a expiração e inspiração o ar passa so- Para a colagem do aparelho aos dentes é contenção, podendo ser considerado um mente pela cavidade bucal, aumentando utilizada resina fotopolimerizável ou ci- tratamento ortodôntico/ortopédico eficaz a pressão nesta área. Desta maneira, o mento de ionômero de vidro, ambos com e de curta duração. palato vai se remodelando e aprofundan- liberação de flúor. do, alterando assim a posição da maxila e após cimentação do aparelho, é dada uma A autora é aluna do curso de especialização conseqüentemente a posição dos dentes. volta completa no parafuso expansor du- em Ortodontia do CETAO. a atresia do arco não se corrige esponta- neamente: uma vez não tratada persistirá até a idade adulta. além disso, o trata- mento precoce é vantajoso porque é mais fácil expandir (disjuntar) a sutura palatina mediana em fase de maior crescimento; o efeito ortopédico liberado pelo aparelho é maior do que o efeito ortodôntico em crianças e, principalmente, possibilita melhora da função respiratória. trabalhos mostram reduções de 82% de infecções do trato respiratório superior, Figura 1 - Mordida cruzada posterior em paciente de 6 Figura 2 - Aparelho expansor encapsulado (disjuntor) anos de idade, dentição decídua Figura 3 - Disjuntor cimentado Figura 4 - Paciente após 10 dias de ativação diária Figura 5 - Paciente após remoção do aparelho inician- P (0,5mm) do parafuso expansor do a fase de dentição mista Pesquisa Biomateriais nio e contorno facial (nariz, orelha, face), dentre outros. Na odontologia são aqueles empregados as propriedades físicas desejadas quan- do em função. a tecnologia empregada no desenvolvimento e caracterização de Eleni Kairalla para substituição de osso alveolar (Hi- biomateriais e suas interfaces têm avan- droxiapatita, tricálciofosfato, copolíme- çado a passos largos e despertado gran- Biomateriais, por definição, são materiais ro PLa/PGa, Bioglass, alumina (al2o3), de interesse da comunidade científica. naturais, naturais modificados ou sinté- osso liofilizado, implantes endósseos (ti a equipe de pesquisadores do Cetao e ticos destinados a interagir com o tecido e ligas de ti ou de Co-Cr-Mo, Bioglass, do INPeS está iniciando os estudos com biológico. Podem ser metálicos, cerâ- al2o3, carbono LtI) e âncoras ortodônti- biomateriais. Quem se interessar, entre micos, poliméricos ou uma combinação cas (al2o3 ou Vitallium recobertos com em contato pelo telefone 5051-2370 ou destes, e apresentam um vasto campo de Bioglass). e-mail: elenikairalla@inpes.org.br. aplicação, incluindo próteses de córnea, estes exemplos nos dão a dimensão do lentes intra-oculares, marcapassos, caté- desafio enfrentado pela bioengenharia teres, válvulas cardíacas, próteses auditi- no intuito de desenvolver dispositivos A autora é Pesquisadora do CETAO e vas, de quadril, de joelho, próteses para biocompatíveis, ou seja, não-tóxicos ao Coordenadora do Escritório de Projetos do reconstrução de defeitos ósseos do crâ- tecido do hospedeiro, que apresentem INPES
  4. 4. C Cursos ORTODONTIA ENDODONTIA Coordenador: Prof. Milton Missaka Coordenador: Prof. Dr. Celso Luiz Caldeira Equipe: Prof. Renato Cipriano / Prof. Luís Ricardo de Equipe: Prof. Dr. Giulio Gavini / Prof. Ms. Érico de Paula eduardo / Prof. Carlos do Canto arruda / Profª. Mello Lemos / Prof. Dr. Danilo Minor Shimabuko / Yone Kawakami Prof. Ms. eduardo akisue / Profa. Ms. Carmen Vianna Periodicidade: 1º, 2º e 3º semestre | semanal / 4º, 5º e abrão 6º semestre | quinzenal Periodicidade: Semanal: 4ª feira: 13h30 às 21h30 Seleção: fevereiro | 2009 Seleção: março | 2009 Início do curso: março | 2009 Início do curso: março | 2009 DENTÍSTICA E ESTÉTICA - Reabilitação Estética ODONTOPEDIATRIA Especialização – 1º semestre de 2009 e Funcional com Resinas Compostas e Cerâmicas Coordenadora: Profª Drª. Sandra Kalil Bussadori Coordenadores: Prof. Dr. Ronaldo Hirata e Prof. Dr. Equipe: Profª. Drª. elaine Marcílio Santos / Profª. Ca- Oswaldo Scopin de Andrade rolina Cardoso Guedes / Profª. Lara Jansiski Motta / Equipe: Prof. Sidney Kina / Prof. Márcio Seto / Prof. Profª. Dóris Rocha Ruiz / Profª. Rosana aby-azar Jimmy Liu / Prof. Cristian Higashi / Prof. antonio Periodicidade: Semanal - 4ª feira: 8h00 às 18h00 Sakamoto / Profa. aline Santade Seleção: fevereiro | 2009 Periodicidade: Módulos mensais: 2ª feira: 14h00 às Início do curso: março | 2009 19h00 / 3ª feira: 08h00 às 19h00 / 4ª feira: 08h00 às 12h00 ORTOPEDIA FUNCIONAL Inscrições: até 31 de janeiro | 2009 Coordenadora: Profa. Adriana Andrade Marchi Seleção: fevereiro | 2009 Equipe: Profa. Dra. Cristina Lucia Feijó ortolani / Prof. Início do curso: 23 de março | 2009 antonio Gomes Henriques / Prof. Silvio Potter Marchi Periodicidade: Semanal – 4ª feira: 8h00 às 18h00 IMPLANTODONTIA Seleção: março|2009 Coordenador: Prof. Mauro Tosta Início do curso: março | 2009 Equipe: Prof. Dr. José Lupi da Veiga / Prof. Dr. Gastão Soares de Moura Filho HABILITAÇÃO EM HOMEOPATIA Periodicidade: Mensal | 4ª feira: 13h00 às 22h00 | 5ª Coordenadora: Profa. Ms. Joyce Pereira de Mattos e 6ª feiras: 8h00 às 20h00 Professores convidados Seleção: fevereiro | 2009 Periodicidade: Módulos quinzenais | 6a feira: 14h00 Início do curso: março | 2009 às 22h00 – Sábados: 8h00 às 18h00 Seleção: 13 de março | 2009 PERIODONTIA – Com ênfase em Início do curso: 27 de março | 2009 Implantodontia Coordenador: Prof. Dr. Luiz Alves de Lima Equipe: Prof. Ivan Pasin / Prof. Ricardo Sekiguchi / CoNteÚDo PRoGRaMÁtICo DoS CURSoS Profª. Valéria Gondin acesse o site: www.cetao.com.br Periodicidade: Mensal | 4ª , 5ª , 6ª e sábado: 8h00 às 18h00 Informações e Inscrições: Seleção: fevereiro | 2009 tel (11) 5051-2370 www.cetao.com.br Início do curso: 25 de março | 2009 e-mail: cetao@cetao.com.br PRÓTESE DENTÁRIA Coordenadora: Profa. Dra. Ana Cristi- na Perasso Guariglia Equipe: Profª. Drª. Dalva Cruz Laganá / Prof. Mario t. Kawagoe ELIMIX DENTAL Com. Prods. Odontologicos Ltda - ME A Elimix Dental possui uma ampla linha de produtos odontológicos da mais alta qualidade. Periodicidade: Quinzenal: 4ª e 5ª fei- Para sua comodidade temos um show room no CETAO. ras: 14h00 às 22h00 Venha nos visitar. Seleção: fevereiro | 2009 tel:5055-1984/9293-5621 email:elimix_dental@hotmail.com av. Indianópolis, 153 moema - cep 04063-000 São Paulo-SP - Brasil Início do curso: março | 2009

×