Difs inds2012

2,234 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,234
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,043
Actions
Shares
0
Downloads
75
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Difs inds2012

  1. 1. Diferenças Individuais MotorasDiferenças Individuais Motoras Uma explicação da AprendizagemUma explicação da Aprendizagem MotoraMotora Cássio M. Meira Jr.Cássio M. Meira Jr.
  2. 2. IntroduçãoIntrodução Diferenças individuaisDiferenças individuais Inato X AdquiridoInato X Adquirido Fundamentos e FunçõesFundamentos e Funções Seleção/PrediçãoSeleção/Predição PráticaPrática
  3. 3. ““Deus deu oDeus deu o domdom de jogador dede jogador de futebol para mim. Eu já nasci comfutebol para mim. Eu já nasci com isso. Hoje eu seria melhor que noisso. Hoje eu seria melhor que no tempo em que eu jogava porquetempo em que eu jogava porque naquele tempo a preparação físicanaquele tempo a preparação física era pior. Com o preparo físico queera pior. Com o preparo físico que os jogadores têm hoje, aliado aoos jogadores têm hoje, aliado ao dom divino de jogar bola, eu seriadom divino de jogar bola, eu seria muito melhor....”muito melhor....” Pelé – Programa Bem Amigos, SportvPelé – Programa Bem Amigos, Sportv (Março de 2004)(Março de 2004) IntroduçãoIntrodução
  4. 4. Traço geral ou qualidade de um indivíduo relacionadaTraço geral ou qualidade de um indivíduo relacionada com o desempenho de uma variedade de habilidadescom o desempenho de uma variedade de habilidades motoras, pois constitui-se num componentemotoras, pois constitui-se num componente subjacente e fundamental dessas habilidades; basesubjacente e fundamental dessas habilidades; base para as habilidades motoras; uma determinadapara as habilidades motoras; uma determinada capacidade pode estar na base de diferentescapacidade pode estar na base de diferentes habilidades, assim como uma determinadahabilidades, assim como uma determinada habilidade pode estar sustentada em diferenteshabilidade pode estar sustentada em diferentes capacidadescapacidades Magill (2000)Magill (2000) CapacidadeCapacidade (Física-Motora)(Física-Motora)
  5. 5. Capacidades e HabilidadesCapacidades e Habilidades CAPACIDADESCAPACIDADES FÍSICAS / MOTORASFÍSICAS / MOTORAS HABILIDADESHABILIDADES MOTORASMOTORAS Capabilities Condicionais Abilities Coordenativas Algum componente genéticoAlgum componente genético Mais sensíveis à práticaMais sensíveis à prática Forte componente genéticoForte componente genético Menos sensíveis à práticaMenos sensíveis à prática Energia Controle
  6. 6. Capacidades e HabilidadesCapacidades e Habilidades CapacidadesCapacidades HabilidadesHabilidades  InatasInatas  AdquiridasAdquiridas  Ganho limitadoGanho limitado  Ganho indefinidoGanho indefinido  PoucasPoucas  MuitasMuitas  Base para oBase para o desempenho emdesempenho em diferentes habilidadesdiferentes habilidades  Dependentes de sub-Dependentes de sub- grupos degrupos de capacidadescapacidades
  7. 7. CapacidadesCapacidades Quais são as capacidade relacionadas aoQuais são as capacidade relacionadas ao desempenho motor?desempenho motor?  Fleishman (1972, 1979) e Fleishman & QuaintanceFleishman (1972, 1979) e Fleishman & Quaintance (1984)(1984)  IdentificaçãoIdentificação de 2 grupos de capacidades:de 2 grupos de capacidades:  (perceptivo) motora / abilitie / coordenativa(perceptivo) motora / abilitie / coordenativa  (proficiência) física / capabilitie / condicional(proficiência) física / capabilitie / condicional
  8. 8. Capacidades CondicionaisCapacidades Condicionais  Coordenação globalCoordenação global  Equilíbrio globalEquilíbrio global  EstaminaEstamina  Flexibilidade de extensãoFlexibilidade de extensão  Flexibilidade dinâmicaFlexibilidade dinâmica  Força dinâmicaForça dinâmica  Força do troncoForça do tronco  Força estáticaForça estática  Força explosiva (PotênciaForça explosiva (Potência ou força rápida)ou força rápida)  Velocidade globalVelocidade global  Velocidade de sprintVelocidade de sprint  AgilidadeAgilidade  Resistência de forçaResistência de força  Força máximaForça máxima  Potência anaeróbiaPotência anaeróbia
  9. 9. Capacidades CondicionaisCapacidades Condicionais  ForçaForça  Capacidade de exercer tensão contra umaCapacidade de exercer tensão contra uma resistênciaresistência  VelocidadeVelocidade  Capacidade de executar movimentos cíclicos ouCapacidade de executar movimentos cíclicos ou acíclicos com a maior rapidez possívelacíclicos com a maior rapidez possível  ResistênciaResistência  Capacidade de sustentar uma dada carga deCapacidade de sustentar uma dada carga de trabalho o maior tempo possível sem fadigatrabalho o maior tempo possível sem fadiga
  10. 10. Capacidades CondicionaisCapacidades Condicionais  AgilidadeAgilidade  Capacidade de mudar de direção em combinação deCapacidade de mudar de direção em combinação de movimentos velozesmovimentos velozes  FlexibilidadeFlexibilidade  Capacidade de mobilidade articular em uma ou maisCapacidade de mobilidade articular em uma ou mais articulaçõesarticulações
  11. 11. Capacidades CoordenativasCapacidades Coordenativas  Controle de velocidadeControle de velocidade  Coordenação multimembrosCoordenação multimembros  Estabilidade braço-mãoEstabilidade braço-mão  Destreza manualDestreza manual  Destreza digitalDestreza digital  Orientação de respostaOrientação de resposta  PontariaPontaria  Precisão de controlePrecisão de controle  Rapidez de pulso-dedosRapidez de pulso-dedos  Tempo de reaçãoTempo de reação  Velocidade de membroVelocidade de membro superiorsuperior  Acuidade visualAcuidade visual  Controle de forçaControle de força  Coordenação olho-mãoCoordenação olho-mão  Coordenação olho-péCoordenação olho-pé  Perseguição visualPerseguição visual  Tempo de reação deTempo de reação de escolhaescolha  Timing coincidenteTiming coincidente  RitmoRitmo Velocidade de membroVelocidade de membro inferiorinferior
  12. 12. Capacidades CoordenativasCapacidades Coordenativas  Traço herdado, relativamente duradouro eTraço herdado, relativamente duradouro e estável de um indivíduo que está na base deestável de um indivíduo que está na base de vários tipos de atividades motoras e cognitivas evários tipos de atividades motoras e cognitivas e habilidades; pensa-se ser largamente definidahabilidades; pensa-se ser largamente definida geneticamente e essencialmente inalterável pelageneticamente e essencialmente inalterável pela prática ou experiênciaprática ou experiência Schmidt & Lee, (2011); Schmidt & Wrisberg (2010)Schmidt & Lee, (2011); Schmidt & Wrisberg (2010)
  13. 13.  Coordenação multi-membrosCoordenação multi-membros  Capacidade de coordenar o movimento de vários membrosCapacidade de coordenar o movimento de vários membros simultaneamentesimultaneamente  Destreza manualDestreza manual  Capacidade de manipular objetos grandes com as mãosCapacidade de manipular objetos grandes com as mãos  Destreza dos dedosDestreza dos dedos  Capacidade de manipular objetos pequenos com os dedosCapacidade de manipular objetos pequenos com os dedos  Precisão de controlePrecisão de controle  Capacidade de movimentos rápidos e precisos por grandesCapacidade de movimentos rápidos e precisos por grandes grupos muscularesgrupos musculares  PontariaPontaria  Capacidade de apontar com acurácia um pequeno objeto noCapacidade de apontar com acurácia um pequeno objeto no espaçoespaço Capacidades CoordenativasCapacidades Coordenativas
  14. 14. Capacidades CoordenativasCapacidades Coordenativas  Estabilidade braço-mãoEstabilidade braço-mão  Fazer movimentos acurados de posicionamento de braço e mão,Fazer movimentos acurados de posicionamento de braço e mão, sem necessidade de força e velocidadesem necessidade de força e velocidade  Orientação da respostaOrientação da resposta  Capacidade de escolher rapidamente entre várias opções deCapacidade de escolher rapidamente entre várias opções de respostaresposta  Tempo de reaçãoTempo de reação  Capacidade de responder rapidamente a apresentação de umCapacidade de responder rapidamente a apresentação de um estímuloestímulo  Controle do grau de velocidadeControle do grau de velocidade  Capacidade de alterar a velocidade e a direção das respostas comCapacidade de alterar a velocidade e a direção das respostas com timing precisotiming preciso
  15. 15. Capacidades CoordenativasCapacidades Coordenativas  Velocidade de movimento do membro superiorVelocidade de movimento do membro superior  Capacidade de fazer um movimento rápido e global do membroCapacidade de fazer um movimento rápido e global do membro superiorsuperior  Rapidez de pulso e dedosRapidez de pulso e dedos  Capacidade de mover o pulso e dos dedos rapidamenteCapacidade de mover o pulso e dos dedos rapidamente  Coordenação olho-mão/olho-péCoordenação olho-mão/olho-pé  Capacidade de realizar movimentos com a mão/pé orientados pelaCapacidade de realizar movimentos com a mão/pé orientados pela visãovisão  TimingTiming  Capacidade de ajustar o movimento dos membros com eventosCapacidade de ajustar o movimento dos membros com eventos externosexternos
  16. 16. Capacidades MotorasCapacidades Motoras João: C1 C2 C3 C4 C5 C6 C7 C8 C9 José: C1 C2 C3 C4 C5 C6 C7 C8 C9 C1 C3 C4 C5 Habilidade Motora 1 C4 C5 C8 C9 Habilidade Motora 2
  17. 17. Capacidades e HabilidadesCapacidades e Habilidades Tempo deTempo de reaçãoreação TimingTiming Orientação daOrientação da respostaresposta DestrezaDestreza dos dedosdos dedos DestrezaDestreza manualmanual Precisão dePrecisão de controlecontrole EstabilidadeEstabilidade braço-mãobraço-mão CapacidadesCapacidades LutadorLutador ZagueiroZagueiro PilotoPiloto GinastaGinasta AtiradorAtirador SaltadorSaltador OrnamentalOrnamental CorredorCorredor HabilidadesHabilidades
  18. 18. Seqüência de Habilidades MotorasSeqüência de Habilidades Motoras Fetais Espontâneos e Reflexos Rudimentares Básicas Básicas Combinadas Específicas Progressão variável Ordem invariável (da concepção até o nascimento) (do nascimento até ± 4 meses) (± 4 meses a ± 2 anos) (± 2 anos a ± 7 anos) (± 7 anos a ± 12 anos) (acima de ± 12 anos)
  19. 19. Habilidades Motoras BásicasHabilidades Motoras Básicas RASTEJARRASTEJAR ROLARROLAR CORRERCORRER SALTARSALTAR RECEBERRECEBER ARREMESSARARREMESSAR ANDARANDAR REBATERREBATER QUICARQUICAR CHUTARCHUTAR LOCOMOÇÃOLOCOMOÇÃO MANIPULAÇÃOMANIPULAÇÃO ESTABILIZAÇÃOESTABILIZAÇÃO SENTAR-SESENTAR-SE FICAR EM PÉFICAR EM PÉ GIRARGIRAR APOIAR-SEAPOIAR-SE INVERTIDAMENTEINVERTIDAMENTE EQUILIBRAR-SEEQUILIBRAR-SE
  20. 20. Habilidades Motoras EspecíficasHabilidades Motoras Específicas  Determinadas pela cultura (Por ex.: fundamentosDeterminadas pela cultura (Por ex.: fundamentos das modalidades esportivas, movimentos laborais,das modalidades esportivas, movimentos laborais, passos e sequências de dança)passos e sequências de dança)  São baseadas em uma técnica, definida comoSão baseadas em uma técnica, definida como informação disponível de antemão sobre a maneirainformação disponível de antemão sobre a maneira de realizar um movimento específico ou acerca dode realizar um movimento específico ou acerca do meio de alcançar um objetivo no ambiente commeio de alcançar um objetivo no ambiente com eficiência (Tani, Meira Jr. & Santos, 2006)eficiência (Tani, Meira Jr. & Santos, 2006)  Podem ser executadas isoladamente ou combinadasPodem ser executadas isoladamente ou combinadas com outros fundamentoscom outros fundamentos  Dependem das capacidadesDependem das capacidades
  21. 21. ExemploExemplo Coordenação Multimembros Saque Velocidade de braço Pontaria Precisão de controle Controle de velocidade Força estática Timing coincidentePerseguição visual Controle de força Equilíbrio global
  22. 22. ExemploExemplo Toque do voleibol Destreza manual Golpes de esgrima Passe do pólo aquático Rebatida do tênis de campo Lance livre do basquetebol Jogar peteca
  23. 23. Literatura RecomendadaLiteratura Recomendada Capítulo “Diferenças Individuais”Capítulo “Diferenças Individuais” Schmidt, Richard A. & Wrisberg, Craig A. (2010).Schmidt, Richard A. & Wrisberg, Craig A. (2010). Aprendizagem eAprendizagem e performance motora: uma abordagem da aprendizagem baseada naperformance motora: uma abordagem da aprendizagem baseada na situaçãosituação. Porto Alegre: Editora Artmed. (CAPÍTULO 2). Porto Alegre: Editora Artmed. (CAPÍTULO 2) Magill, Richard A. (2000).Magill, Richard A. (2000). Aprendizagem motora: conceitos e aplicaçõesAprendizagem motora: conceitos e aplicações.. São Paulo: Editora Edgard Blücher. (CAPÍTULO 7)São Paulo: Editora Edgard Blücher. (CAPÍTULO 7)

×