Bullying trabalho

3,801 views

Published on

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
  • 'Parents need to be protectors, they also need to teach their children social survival skills. Whether your child is a target or a bully, as a parent you must keep your own emotions in check. As a way of helping everyone especially the parents, who find it quite hard to manage time, I found this great Safety Service which featured a safety app which gets me connected to a Safety Network or escalate my call to the nearest 911 when needed, it has other cool features that are helpful for your kids with just a press of a Panic Button.#SafekidZone, Check it here: http://bit.ly/ZjYchC

    '
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
3,801
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
65
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Bullying trabalho

  1. 1. Bullying DEFINIÇÃO : Bullying é uma situação que se caracteriza por agressõesintencionais, verbais ou físicas, feitas de maneira repetitiva, por um oumais alunos contra um ou mais colegas. O termo bullying tem origem napalavra inglesa bully, que significa valentão, brigão. Mesmo sem umadenominação em português, é entendido como ameaça, tirania,opressão, intimidação, humilhação e maltrato. É exercido por um ou mais indivíduos, causando dor e angústia,com o objetivo de intimidar ou agredir outra pessoa. O bullying é um problema mundial, podendo ocorrer empraticamente qualquer contexto no qual as pessoas interajam, tais como ESCOLA
  2. 2. LOCAL DE TRABALHO FACULDADE Escola, faculdade/universidade, família, mas pode ocorrer tambémno local de trabalho e entre vizinhos. Há uma tendência de as escolasnão admitirem a ocorrência do bullying entre seus alunos; oudesconhecem o problema ou se negam a enfrentá-lo. Esse tipo deagressão geralmente ocorre em áreas onde a presença ou supervisãode pessoas adultas é mínima ou inexistente. Estão inclusosno bullying os apelidos pejorativos criados para humilhar os colegas.
  3. 3. CONSEQUÊNCIAS DO BULLYING Além de um possível isolamento ou queda do rendimento escolar Crianças e adolescentes que passam por humilhações racistas, difamatórias ou separatistas podem apresentar doenças psicossomáticas e sofrer de algum tipo de trauma que influencie traços da personalidade. Em alguns casos extremos, o Bullying chega a afetar o estadoemocional do jovem de tal maneira que ele opte por soluções trágicas,como o suicídio. O bullying pode ser dividido em dois tipos: o Bullying direto, aforma mais comum entre agressores masculinos; e o bullying indireto,forma mais comum entre as mulheres e crianças, sendo suacaracterística o isolamento social da vítima obtido por espalharcomentários, recusa em se socializar com a vítima, intimidar outraspessoas que desejam se socializar com a vítima, criticar o modo devestir ou outros aspectos socialmente significativos como etnia ereligião. Além desses meios utilizados pelo agressor, outros também são
  4. 4. considerados como agressões como insultar a vítima, ataques físicos,danificar pertences e expressões ameaçadoras. 10 passos para acabar com o Bullying 1. Respeite Trate as outras pessoas como gostaria de ser tratada, com respeito. Sempre. 2. Denuncie O bullying, assim como o cyberbullying (quando a zoação rola nainternet), é crime. Por isso, não tenha medo de fazer denúncias. Contecom a ajuda dos seus pais e até de advogados. 3. Exija Cobre que a sua escola tenha algum tipo de projeto anti-bullying. Éimportante que fique claro que há uma punição aos alunos que zoam osoutros (essa é uma das melhores formas de evitar o bullying!). 4. Explique Proponha palestras, peças de teatro, trabalhos... Tudo para ajudar a galera a entender o problema e, assim, combatê-lo. 5. Lute Lute para que sua escola crie um e-mail ou um serviço de telefone por onde seja possível denunciar casos de bullying.
  5. 5. 6. Pesquise Informe-se sobre o assunto. Só assim você poderá identificar oproblema. Parece coisa de doido, mas, apesar de o bullyingacontecer em 100% das escolas, muita gente não sabe o que ele é. 7. Tenha limites Zoar uma pessoa de vez em quando não tem nada de errado.Mas saiba parar. Sem se dar conta, você pode insistir na brincadeirae levar a vítima a ter ataques de ansiedade e até depressão. 8. Ajude Se você já foi vítima de bullying, seria legal fazer um blog parapostar sobre o assunto. Com certeza, daria para ajudar um monte demeninas que sofrem do problema e não sabem o que fazer. 9. Defenda Combine com as suas amigas: se alguém da turma for vítimade bullying, as outras entrarão na briga para defendê-la. Assim vocêsse sentirão mais seguras. 10. Tenha coragem Cuide da sua autoestima. Segura de si, você tem tudo para nãose tornar uma vítima de bullying e ainda terá força para enfrentarquem faz isso.
  6. 6. Video: http://www.youtube.com/watch?v=6R38MtEiIC4&feature=fvwrelSites:http://revistaescola.abril.com.br/crianca-eadolescente/comportamento/bullying-escola-494973.shtml http://www.brasilescola.com/sociologia/bullying.htm ~~ Alunas ~~ 7° B Ana Beatriz de Moura Fantucci N° 02 Hendriele Moraes Vieira Nº 17 Milena dos Reis Insfran N°28 Sarah Duarte da Silva N°30 OBRIGADO !

×