Apres educ ambiental comite 2010

2,649 views

Published on

Apres educ ambiental comite 2010

  1. 1. Educação AmbientalDaiana Cattelan
  2. 2. A Lei n° 9.795, de 27 de abril de 1999.Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências.DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL Art. 1º Entendem-se por Educação Ambiental os processos por meio dos quais o indivíduo e a coletividade constroem valores sociais, conhecimentos, habilidades, atitudes e competências voltadas para a conservação do meio ambiente, bem de uso comum do povo, essencial à sadia qualidade de vida e sua sustentabilidade. Art. 2º A educação ambiental é um componente essencial e permanente da educação nacional, devendo estar presente, de forma articulada, em todos os níveis e modalidades do processo educativo, em caráter formal e não-formal.
  3. 3. Art. 3º Como parte do processo educativo maisamplo, todos têm direito à educação ambiental,incumbindo:I - ao Poder Público, nos termos dos arts. 205 e225 da Constituição Federal, definir políticaspúblicas que incorporem a dimensão ambiental,promover a educação ambiental em todos osníveis de ensino e o engajamento da sociedade naconservação, recuperação e melhoria do meioambiente; No estado do Rio Grande do Sul a Lei 11730 de2002 institui a Política Estadual e define osresponsáveis pela implementação do ProgramaEstadual de Educação Ambiental (CREs eSEMA).
  4. 4. Objetivos da EA Um dos principais objetivos da Educação Ambiental,consiste em contribuir para a compreensão dacomplexidade do ambiente em suas dimensõesecológicas, econômicas, sociais, culturais, políticas, éticase tecnológicas, de maneira a sensibilizar a coletividadequanto a importância de sua organização e participação nadefesa de todas as formas de vida. Pretende-se, assim, incentivar a mobilização doscidadãos a partir do reconhecimento das causas e dasconseqüências dos impactos socioambientais que afligemo planeta, buscando satisfazer as necessidadesfundamentais da humanidade ao mesmo tempo em quesão respeitados os direitos das gerações futuras teremacesso a um ambiente saudável.
  5. 5. ALGUNS PRINCÍPIOS DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL1)A Educação é direito de todos; somos todos aprendizes eeducadores.2) A Educação Ambiental deve ter como base o pensamentocrítico e inovador, promovendo a transformação da sociedade.3) A Educação Ambiental é individual e coletiva. Tem opropósito de formar cidadãos com consciência local eplanetária.4) A Educação Ambiental não é neutra, mas ideológica. É umato político.5) A Educação Ambiental deve envolver uma perspectivaholística, enfocando a relação entre o ser humano, a naturezae o universo de forma interdisciplinar.
  6. 6. 6) A Educação Ambiental deve estimular a solidariedade, a igualdade eo respeito aos direitos humanos, valendo-se de estratégiasdemocráticas.7) A Educação Ambiental deve tratar as questões globais críticas, suascausas e inter-relações em uma perspectiva sistêmica, em seucontexto social e histórico.8) A Educação Ambiental deve facilitar a cooperação mútua eeqüitativa nos processos de decisão, em todos os níveis e etapas.9) A Educação Ambiental deve recuperar, reconhecer, respeitar, refletire utilizar a história indígena e culturas locais, assim como promover adiversidade cultural, lingüística e ecológica.10) A Educação Ambiental deve estimular e potencializar o poder dasdiversas populações, promovendo oportunidades para as mudançasdemocráticas de base que estimulem os setores populares dasociedade.
  7. 7. A Educação Ambiental tem como características ser um processo: Dinâmico integrativo; Transformador; Participativo; Abrangente; Globalizador; Permanente; Contextualizador;
  8. 8. Princípios Gerais: Sensibilização; Compreensão; Responsabilidade; Competência; Cidadania;
  9. 9. Ações Diretas para e Prática da Educação Ambiental Visitas; Passeios em trilhas ecológicas/desenhos; Parcerias com Secretarias de Educação de Municípios; Ecoturismo; Publicações periódicas; Educação ambiental para funcionários; Atividades com a comunidade e campanhas de conscientização ambiental; Programas de orientação ambiental;
  10. 10. O ensino tem por fundamental importância : Promoção do desenvolvimento sustentável para aumentar a capacidade do povo em abordar questões de meio ambiente e desenvolvimento. Conferir consciência ambiental e ética, Valores e atitudes, Técnicas e comportamentos em consonância com o desenvolvimento sustentável e que favoreçam a participação pública efetiva nas tomadas de decisão. Abordar a dinâmica do desenvolvimento do meio físico/biológico e do socioeconômico.
  11. 11. A educação ambiental é subdividida em:Formal e Informal ou também chamada de (não-formal). Sendo, que por formal, entende-se que éum processo institucionalizado que ocorrenas unidades de ensino, públicas eprivadas, englobando: educação básica,educação infantil, ensino fundamental eensino médio, também na educaçãosuperior, na educação especial, naeducação profissional e na educação dejovens e adultos.
  12. 12. E por educação não-formal, como sendo:as ações e práticas educativas voltadas àsensibilização da coletividade sobre asquestões ambientais e à sua organização eparticipação na defesa da qualidade domeio ambiente . Entende-se que se caracteriza por suarealização fora da escola, envolvendoflexibilidade de métodos e de conteúdos eum público alvo muito variável em suascaracterísticas: faixa etária, nível deescolaridade, nível de conhecimento daproblemática ambiental, entre outrosaspectos.
  13. 13. Tanto o ensino formal como o informal sãoindispensáveis para modificar a atitude das pessoas, paraque estas tenham capacidade de avaliar os problemasdo desenvolvimento sustentável e abordá-los. Não se pode desconsiderar a educação formal doprocesso, uma vez que ela é parte integrante dofortalecimento da sociedade, mas é no campo daeducação não-formal que a educação ambiental aindaapresenta resultados mais expressivos em algumasáreas. Entretanto o resultado de alguns programas, projetose iniciativas realizadas pelo terceiro setor são bastanteanimadoras. É representativo o número de ONGs que fazem umtrabalho com resultados em termos de benefíciossocioambientais excelentes.
  14. 14. A educação ambiental na Gestão dos Recursos Hídricos Com relação à Política Nacional de RecursosHídricos, programas de educação ambientaldevem ser desenvolvidos no âmbito dos Comitêsde Bacia Hidrográfica baseados nas situaçõesconcretas vividas pelos seus integrantes. Portanto a participação popular na gestão dosrecursos hídricos, além de estar plenamente deacordo com a Política Nacional de EducaçãoAmbiental, é uma das formas de implementaçãoefetiva desta política.
  15. 15. O Papel dos Comitês de Bacias Hidrográficas na Educação Ambiental Os Comitês de Bacias Hidrográficas representam a instância básica de participação da sociedade no Sistema de Recursos Hídricos. Os mesmos são fundamentais neste modelo de gestão, pois funcionam como parlamentos, com representantes da sociedade civil, do poder público e dos usuários, estabelecendo a negociação em torno das múltiplas demandas por recursos hídricos. Estes Comitês tem como atribuição: Promover debates, Arbitrar em primeira instância os conflitos sobre o uso dos recursos hídricos, Estabelecer mecanismos de cobrança pelo uso de recursos hídricos, Aprovar e acompanhar a execução do Plano de Recursos Hídricos.
  16. 16. Trabalhos de Educação Sanitária e Ambiental realizados pelo Comitê Ijuí O comitê da Bacia do Rio Ijuí, realiza palestras deEducação Ambiental em escolas de municípios da nossaregião, abordando a realidade dos recursos naturaisonde vivemos, uso racional da água e qualidade de vida.Junto com a palestra é desenvolvido jogos educativoscom o objetivo de melhorar o entendimento do aluno paracom o uso consciente desses Recursos Naturais. Entidades que fazem parte do Comitê Ijuí, tambémrealizam programas de educação ambiental em suascomunidades.
  17. 17. O Papel do Estado do Rio Grande do Sul na Educação Ambiental O papel no estado do Rio Grande do Sul neste setor, é: Proporcionar as condições e subsídios necessários ao desenvolvimento sustentável; Mobilizar, envolver e formar cada cidadão e grupo social do estado, com o objetivo de garantir sua participação no controle social sobre gestão dos serviços de saneamento.
  18. 18. Um desses subsídios é o Saneamento Básico, que possui um amplo conceito que envolve um conjunto de ações, serviços e obras que tem por objetivo alcançar níveis crescentes de salubridade ambiental, por meio de: Abastecimento de água potável, Coleta e disposição sanitária de resíduos líquidos, sólidos e gasosos, Promoção da disciplina sanitária do uso e ocupação do solo, Drenagem urbana, Controle de vetores de doenças transmissíveis e demais serviços e obras especializadas.
  19. 19. O Papel do Governo Federal na Educação Sanitária e Ambiental Fornecer Formação continuada de educadores, educadoras, gestores e gestoras ambientais, no âmbito formal e não-formal; Construção de planos de formação continuada a serem implementados a partir de parcerias com associações, universidades, escolas, empresas, entre outros; Apoio à criação de redes de formação de educadores e educadoras, com a participação de universidades, empresas, organizações de terceiro setor e escolas; Produção de material técnico-pedagógico e instrucional de apoio aos processos formativos; Continuidade dos seminários anuais sobre o tema Universidade e Meio Ambiente; Oferta de suporte à qualificação de quadros profissionais das gerências, agências e departamentos de educação ambiental, assim como à adequação tecnológica dos mesmos; Inclusão da Educação Ambiental nas Instituições de Ensino; Incentivo à inclusão da dimensão ambiental nos projetos político-pedagógicos das instituições de ensino.
  20. 20. Só Depende de Nós.... "Depende de nós Quem já foi ou ainda é criança Que acredita ou tem esperançaQuem faz tudo para um mundo melhor Depende de nós Que o circo esteja armado Que o palhaço esteja engraçado Que o riso esteja no ar Sem que a gente precise sonhar Que os ventos cantem nos galhos Que as folhas bebam o orvalhoQue o sol descortine mais as manhãs Depende de nós Se esse mundo ainda tem jeito Apesar do que o homem tem feito Se a vida sobreviverá" OBRIGADA PELA ATENÇÃO!

×