Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Amyris emotions isa15

893 views

Published on

It shows methods and tools that gives access to user emotions during a digital interface navigation

Published in: Design

Amyris emotions isa15

  1. 1. Amyris Fernandez, Ph. D. Buscando os Métodos mais Eficientes para Revelar Emoções
  2. 2. O que sabemos sobre compras Tanto a Economia como a Neurociência afirmam que todas as compras de produtos são emocionais e não racionais. Isto nos desafiou a encontrar métodos ou método mais eficiente para ter acesso a emoções.
  3. 3. Questionando os Métodos de Pesquisa O foco dos Testes está na execução da tarefa, apesar de usarmos o Thinking Aloud para entender o que o usuário pensa ou sente sobre a tarefa. Testes de Usabilidade dependem demais no expertise do entrevistador e na veracidade das informações obtidas do usuário para realizar as avaliações. Problema 1 = gente mente! Problema 2 = o entrevistador/pesquisador é humano e pode falhar!
  4. 4. Questionando os Métodos Os testes que usam Eye-Tracker obrigam a ficar calado e não verbalizar durante o teste. Ao verbalizar emoções depois, durante o debriefing, o entrevistado elabora as respostas de acordo com os códigos sociais onde está inserido. Não estamos medindo outras reações emocionais & Nenhuma das metodologias identifica a influência de emoções na tomada de decisão.
  5. 5. Objetivo da Pesquisa Entender como decisões de: Arquitetura de Informação, design, conteúdo e tecnologia influenciam na construção de emoções, e como esse conjunto aporta na decisão de compra.
  6. 6. São coisas diferentes Emoções - são parte da vida e sua manifestação é passível de reconhecimento, há padrões de comportamento e expressão facial, comportamento e de atividade de sistema autônomo, como a sudorese (DOLAN, 2002), Estados de Humor - é um sentimento contínuo, um estado permanente ou contínuo (DAMASIO, 2000; PRINZ, 2006), Sentimentos - são a representação subjetiva de uma emoção, sendo uma avaliação do conjunto de alterações de todos os subsistemas propostos por Scherer e reflete um estado de consciência relativo a essas alterações (DAVIDSON; SUTTON, 1995) .
  7. 7. Emoções Componente da Emoção Subsistema Função Emocional Cognitivo (apreciação) Processamento da informação Avaliação dos eventos e objetos Neurofisiológico (sintomas corporais) Suporte Sistema regulatório Motivacional (tendências à ação) Executivo Preparação e direção da ação Expressão Motora (facial e vocal) Ação Comunicação da reação e intenção de comportamento Sentimento Subjetivo (eperiência emocional) Monitoramento Monitoramento dos estados internos e de interção com o meio Adaptado de Scherer (2001)
  8. 8. Distinção entre Estados de Espírito e Emoções Distinção Emoções Humor Duração segundos a minutos horas ou dias Função desvia ações desvia cognição Natureza do evento antecendente Eventualidades Eventos Epecíficos Objeto em foco Eventos gerais e não específicos Emoções Difuso Intensidade relativa Alta Baixa Despertar autônomo Agudo / Talvez específico Variável / Difuso Substrato neural Ativação subcortical é predominante Mudanças neuroquímicas rápidas Ativação cortical é predominante Mudanças neuroquímicas mais duradouras Adaptado de Scherer (2001)
  9. 9. Estrutura das emoções • O cérebro reptiliano comanda as reações mais básicas: atração ou repulsa, agressão ou união, vontades e ações feitas sem “pensar”. • O cérebro límbico estrutura e controla os sentimentos. É ele que cria as expressões dos sentimentos, a forma como mostramos isso para o mundo e a intensidade do que sentimos.
  10. 10. Quem intermedia essas duas porções do cérebro?
  11. 11. Mas você acha que faz escolhas lógicas ...
  12. 12. Sexo Comida Pertencer ao grupo Perigo Perdas Queremos Evitamos Boa parte das nossas decisões de compra são inconscientes
  13. 13. Emoções podem gerar reações Comportamentais: expressões faciais (softwares de reconhecimento). Fisiológicas: batimentos cardíacos, frequência respiratória, alterações hormonais, fluxo sanguíneo, dilatação pupilar (eye-tracking). Neurológicas: aumento de atividade em certas áreas do cérebro visualizadas através de tomografia (PET), ressonância magnética (fMRI), eletroencefalografia (EEG) e magnetoencefalogarfia (MEG).
  14. 14. Exemplos em Interfaces de Comércio Eletrônico
  15. 15. O belo é aquilo que classificamos de belo o que se parece a nós ou que queremos ser! Somos narcísicos!
  16. 16. É aqui que tudo começa!
  17. 17. Produto nesta posição é menos importante! Produto nesta posição é menos importante! Logo tem importância marginal !
  18. 18. Onde os olhos ficam mais tempo Homens Mulheres Mulheres querem mais detalhes e mais informações sobre a roupa & Prestam muita atenção no rosto da modelo.
  19. 19. Onde as pessoas realmente prestam atenção - Home • Homens • Mulheres Foco em preço e opções de produtos. Homens e mulheres dão foco no produto central. Interesse em marcas. No produto que está na imagem. Identificação com a modelo. “Só hoje” chama a atenção.
  20. 20. Primeiro mapeia como faz para sair dali. Depois lê / vê da esquerda para a direita.
  21. 21. Maior foco no primeiro produto C1/L1.
  22. 22. Conclusão Reações comportamentais e fisiológicas podem ser identificadas e medidas através de softwares. Custo relativamente baixo Alta confiabilidade dos resultados Podemos inferir e/ou relacionar com resultados de vendas em comércio eletrônico e garantir melhores escolhas de AI, design e conteúdo nas futuras alterações de interface.
  23. 23. No dejes de completar nuestra encuentra online isa.ixda.org/2015/encuesta ¡Muchas gracias! Amyris Fernandez, Ph. D. +55 11 981221723 amyris@gmail.com

×