Arquitetura de Informação de websites: o caso
do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal
                   de Alag...
APRESENTAÇÃO

INTRODUÇÃO
 Objetivos
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
 Arquitetura de websites; Bibliotecas Universitárias; Justificat...
1 INTRODUÇÃO

A Internet possibilita as pessoas acessar,
recuperar, organizar e disponibilizar dados
e informações de form...
1 INTRODUÇÃO

OBJETIVOS

OBJETIVO GERAL
Analisar a Arquitetura da Informação dos websites das Bibliotecas
  Universitárias...
1 INTRODUÇÃO

  Contudo, faz-se necessário ressaltar algumas informações sobre
  nossa pesquisa:
Justificativa da Pesquisa...
2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
 2.1 Arquitetura de Informação de websites

                     Tornar o complexo claro (WURMAN, ...
2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
2.1 Arquitetura de Informação de websites
    Quadro 1. Sistemas da Arquitetura de Informação na w...
2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
2.1 Arquitetura de Informação de websites

  Quadro 2 – Variáveis da Arquitetura da Informação na ...
2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
2.1 Bibliotecas Universitárias

Bibliotecas Universitárias são unidades que objetivam a
organizaçã...
2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
2.1 Bibliotecas Universitárias e o Bibliotecário

   Para Schnell (1997 apud AMARAL, GUIMARÃES, 20...
3 PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS

  Pesquisa Exploratória.
  Segundo Severino (2007) é aquela que busca levantar informações
...
4 RESULTADOS
 1. Sistema de Organização (Identifica o agrupamento,
    categorização fractal da informação no ambiente
   ...
4 RESULTADOS

2. Sistema de Navegação (Especifica as formas do usuário
se navegar (se movimentar) no website, facilita tod...
4 RESULTADOS
3. Sistema de Rotulagem (Estabelece as maneiras de
padronização, de apresentação e representação dos
textos/s...
4 RESULTADOS

4. Sistema de Busca (define as possibilidades de
  perguntas que os usuários podem fazer, o conjunto
  de re...
5 CONSIDERAÇÕES FINAIS

 – O website não atende alguns critérios dos Sistemas de
   Arquitetura de Informação de websites....
REFERÊNCIAS
AGNER, Luis. Ergodesign e arquitetura de informação: trabalhando com o usuário. 2. ed. Rio de Janeiro: Quartet...
CONTATOS

        E-mail:

   zayr87@hotmail.com
    zayr10@gmail.com

         Orkut
      Zayr Cláudio

        Twitter
...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Ai congresso academico-ufal-2010 revisando

1,273
-1

Published on

Este trabalho é um recorte do Trabalho de Conclusão do autor. Buscou-se estudar a organização das informações no website do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal de Alagoas, sob o âmbito do objeto de estudo, a Arquitetura de Informação.

Este trabalho foi apresentado no IV CONGRESSO ACADÊMICO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS, outubro de 2010. Disponível em: <http: />.

Published in: Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,273
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ai congresso academico-ufal-2010 revisando

  1. 1. Arquitetura de Informação de websites: o caso do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal de Alagoas Zayr Cláudio G. da Silva Graduando em Biblioteconomia/UFAL Orientador: Prof. Me. Ronaldo Ferreira de Araújo MACEIÓ-AL 2010
  2. 2. APRESENTAÇÃO INTRODUÇÃO Objetivos FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Arquitetura de websites; Bibliotecas Universitárias; Justificativa da Pesquisa; Decurso da Pesquisa. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS Tipo da Pesquisa; Técnicas de Pesquisa. RESULTADOS Análise dos Sistemas da Arquitetura de Informação do website. CONSIDERAÇÕES FINAIS
  3. 3. 1 INTRODUÇÃO A Internet possibilita as pessoas acessar, recuperar, organizar e disponibilizar dados e informações de forma instantânea na web. O crescimento exponencial do ambiente web resultou no que teóricos glosam como caos informacional – a explosão da não- informação. Diante desse contexto surgem ferramentas para auxiliar no tratamento da informação na web.
  4. 4. 1 INTRODUÇÃO OBJETIVOS OBJETIVO GERAL Analisar a Arquitetura da Informação dos websites das Bibliotecas Universitárias da Região Nordeste OBJETIVOS ESPECÍFICOS Mapear os websites das Bibliotecas Universitárias do Nordeste; Especificar as características da Arquitetura da Informação dos websites em torno dos Sistemas da Arquitetura de Informação de websites; Demonstrar a necessidade do envolvimento do profissional bibliotecário na organização das informações nesses websites.
  5. 5. 1 INTRODUÇÃO Contudo, faz-se necessário ressaltar algumas informações sobre nossa pesquisa: Justificativa da Pesquisa: Web e as unidades de informação; Atuais usuários online; Arquitetura de Informação – Organiza e facilita a navegação desses usuários. Decurso da Pesquisa: Procedimentos Metodológicos; Outros websites analisados.
  6. 6. 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 2.1 Arquitetura de Informação de websites Tornar o complexo claro (WURMAN, 2005) A arte e a ciência de organizar e catalogar websites, intranets, comunidades online e software de modo que a usabilidade seja garantida (INSTITUTE OF INFORMATION ARCHITECTURE, 2010, Online). Estrutura ou mapa de informação que permite que as pessoas e/ou usuários encontre seus caminhos pessoais para o conhecimento (CAMARGO; VIDOTT, 2006).
  7. 7. 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 2.1 Arquitetura de Informação de websites Quadro 1. Sistemas da Arquitetura de Informação na web Fonte: Adaptado de Rosenfeld e Morville (2002 apud REIS, 2007, p. 71 e SILVA, DIAS, 2008).
  8. 8. 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 2.1 Arquitetura de Informação de websites Quadro 2 – Variáveis da Arquitetura da Informação na web Fonte: Adaptado de Rosenfeld, Morville (2002 apud SILVA, DIAS, 2008 e REIS, 2007).
  9. 9. 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 2.1 Bibliotecas Universitárias Bibliotecas Universitárias são unidades que objetivam a organização e disseminação de informações, visando às necessidades dos seus usuários, seja os discentes, técnicos ou docentes. As tecnologias de informação e comunicação possibilitaram uma mudança de comportamento dos usuários em relação ao uso da biblioteca e das fontes de informação. Visto que a maior parte dos usuários já domina as ferramentas de informática, especialmente a Internet, quando ingressam nas instituições de ensino, eles apresentam certo grau de autonomia em relação ao uso das tecnologias referidas (MORIGI; PAVAN, 2004, p. 122).
  10. 10. 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 2.1 Bibliotecas Universitárias e o Bibliotecário Para Schnell (1997 apud AMARAL, GUIMARÃES, 2002, p. 4) “a web continua a mudar a maneira de as bibliotecas oferecerem serviços, pois para atrair e conservar os seus usuários elas têm se ocupado do desenvolvimento de websites e estabelecido novos serviços eletrônicos baseados na Web.” O bibliotecário colabora com os provedores de recursos de tecnologia, e participa no desenvolvimento de bases de dados e nas ferramentas de buscas para uso efetivo da Internet para atender demandas informacionais específicas. Ele tem a possibilidade de exercer função como designer da informação na Web por ser conhecedor de sua área de atuação e conhecer o perfil de seus clientes (BLATTMANN; FACHIN; RADOS, 2000, não paginado).
  11. 11. 3 PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS Pesquisa Exploratória. Segundo Severino (2007) é aquela que busca levantar informações sobre um determinado objeto, delimitando assim um campo de trabalho, mapeando as condições de manifestação desse objeto. Determinou-se analisar o website do SIBI da UFAL, no âmbito do nosso objeto de pesquisa, a partir de métodos qualitativos tendo em vista os Quatro Sistemas Interdependentes da AI na web, a saber: a) Sistema de Organização; b) Sistema de Navegação; c) Sistema de Rotulagem; d) Sistema de Busca. Analisa-se os dados através da Análise de Conteúdo. Sendo uma análise de informações constantes de um documento, sob forma de discurso pronunciada em diferentes linguagens: escritos, orais, imagens, gestos. [...] compreende criticamente o sentido manifesto ou oculto das comunicações (SEVERINO, 2007).
  12. 12. 4 RESULTADOS 1. Sistema de Organização (Identifica o agrupamento, categorização fractal da informação no ambiente digital). 1. Divisão nas informações do SIBI e BC; 2. Na parte principal da homepage tem muitas informações que poderiam estar em um submenu; 3. Informações diferentes no mesmo local.
  13. 13. 4 RESULTADOS 2. Sistema de Navegação (Especifica as formas do usuário se navegar (se movimentar) no website, facilita todo o caminho ao objetivo). Onde estou? Aonde posso ir? Onde estive? 1. Menu apesar de ser breve facilita a navegação do usuário; 2. Alguns links não abrem, como exemplo o MORE-Mecanismo online que gera referências); 3. Deveria estruturar melhor o menu superior esquerdo.
  14. 14. 4 RESULTADOS 3. Sistema de Rotulagem (Estabelece as maneiras de padronização, de apresentação e representação dos textos/signos na interface). 1. Rotulagem demasiada; 2. Poderia inserir diversos rótulos da homepage em um só sub-menu. Ex.: Base de Dados; 3. O funcionamento é da Biblioteca ou do Setor Via Pesquisa. Deve-se evitar informações ambíguas.
  15. 15. 4 RESULTADOS 4. Sistema de Busca (define as possibilidades de perguntas que os usuários podem fazer, o conjunto de respostas que irá obter e alguns métodos de busca). O wesbite não disponibiliza nenhuma forma de busca! Possibilidades de Busca! Motor de Busca próprio; Motor de Busca Personalizada do Google; Mapa do webiste;
  16. 16. 5 CONSIDERAÇÕES FINAIS – O website não atende alguns critérios dos Sistemas de Arquitetura de Informação de websites. – Rotulagem Demasiada – Links não funcionam – Reforçamos a necessidade da participação do profissional Bibliotecário na elaboração de um website, tendo em vista as teorias estudadas e as perspectivas que temos como usuário do website.
  17. 17. REFERÊNCIAS AGNER, Luis. Ergodesign e arquitetura de informação: trabalhando com o usuário. 2. ed. Rio de Janeiro: Quartet, 2009. AMARAL, Sueli; GUIMARÃES, Tatiara Paranhos. Sites de Bibliotecas universitárias brasileiras. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS - SNBU. 2002. Anais Eletrônicos... Disponível em: <http://www.sibi.ufrj.br/snbu/snbu2002/oralpdf/131.a.pdf>. Acesso em: 22 ago. 2010. BLATTMANN, Ursula; FACHIN, Gleisy Regina Bóries; RADOS, Gregório J. Varvakis. Bibliotecário na posição do arquiteto da informação em ambiente web. In. SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSI TÁRIAS, 2000. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina. 2000. Disponível em: <http://www.ced.ufsc.br/~ursula/papers/arquinfo.html>. Acesso em: jun 2009. CAMARGO, Liriane Soares de Araújo de.; VIDOTTI, Silvana A. Borseti Gregório. Arquitetura da informação para biblioteca digital personalizável. Santa Catarina, Enc. Bibli. Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Florianópolis, n. esp., 1º sem. 2006. Disponível em: <http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/viewFile/346/389>. Acesso em: 29 jul. 2009. FERREIRA, Lusimar Silva. Bibliotecas universitárias brasileiras: análise de estrutura centralizadas e descentradas, São Paulo: Pioneira, 1980. INSTITUTO DE ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO. Definição de Arquitetura da Informação. Disponível em: <http://iainstitute.org/pt/>. Acesso em: 22 mar. 2010. MORIGI, Valdir José; PAVAN, Cleusa. Tecnologias da informação e comunicação: novas sociabilidades nas bibliotecas universitárias. Ciência da Informação, Brasília, v. 33, n. 1, p. 117-125, jan./abr., 2004, Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100- 19652004000100014&script=sci_abstract&tlng=pt >. Acesso em: 13 abr. 2010. REIS, Guilhermo Almeida dos. Centrando a arquitetura de informação no usuário. 2007b. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação)--Escola de Comunicação e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007b. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27151/tde-23042007-141926/>. Acesso em: 5 maio 2010. SEVERINO, Antonio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. rev. e atual. São Paulo: Cortez, 2007. SILVA, Patrícia Maria da; DIAS, Guilherme Ataíde. A arquitetura da informação centrada no usuário: estudo do website da biblioteca virtual em saúde (bvs). Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, Florianópolis, n. 26, 2º sem. 2008. Disponível em: <http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/eb/article/viewFile/7200/6647>. Acesso em: 23 mar. 2010. SISTEMA DE BIBLIOTECAS (SIBI). Disponível em: <http://www.sibi.ufal.br/>. Acesso em: 12 jul. 2010. WURMAN, Richard Saul. Ansiedade da informação: um guia para quem comunica e dá instruções. v. 2. São Paulo: Cultura, 2005.
  18. 18. CONTATOS E-mail: zayr87@hotmail.com zayr10@gmail.com Orkut Zayr Cláudio Twitter @zayr_biblio OBRIGADO !
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×