Your SlideShare is downloading. ×
Potiguar - Case Colunistas 2012
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Potiguar - Case Colunistas 2012

778
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
778
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide
  • Devemos
  • Acrescentar aqui a primeira marca da Potiguar e a primeira feita pela Quadrante.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Não se suprmi
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Acho bom utilizar os slides porque mudar.
  • Transcript

    • 1. Potiguar / Reposicionamento de marca
    • 2. O CenárioA Potiguar atua no mercado há cerca de 20 anos e hoje é uma das maioresredes de Home Center do Norte/Nordeste.Atualmente possui 4 lojas localizadas na cidade de São Luis/MA. Recentementepassou por um proceso de ampliação e reconfiguração de sua rede de lojas, oque demandou uma reestruturação no posicionamento da marca, visto que amesma ficou desalinhada com a nova estratégia adotada.
    • 3. O CenárioO trabalho é composto pelo redesenho da marca, sistema de sinalização,definição dos uniformes, aqui apresentados. Além disso, a Quadrantedesenvolveu ainda as peças de comunicação e papelaria institucional epromocional.
    • 4. A EstratégiaTraduzir os novos valores de forma consistente nos diversos pontos de contatocom o público, composto por indivíduos da comunidade local, colaboradores efornecedores.A Potiguar tinha o foco principal nas vendas, em uma estratégia construida paramarcar o espaço no mercado. Isso levou a alguma ações como ampliação,reconfiguração e até aquisição de nova loja. Desta forma a empresa afirmou-secomo líder de vendas no cenário local.
    • 5. A EstratégiaSendo assim foi necessário um processo de transição do conceito antigo,“Potiguar, o melhor em acabamento pro seu lar”, mais prático para “Minhafamília feliz” mais humanizado, que valoriza as relações entre as pessoas. Nestanova etapa do planejamento definiu-se a necessidade de ampliar e assegurar osentimento de amizade com seu público, visando a aproximação e o estimuloao relacionamento, de forma a fortalecer o aspecto humano. O objetivo eragerar o conceito de “Marca amiga”.
    • 6. O PORQUÊ DA MUDANÇA Necessidade de ampliar e assegurar o sentimento amigo com seu público.Ampliação e reconfiguração das lojas; Afirmação como líder de vendas no cenário local. Marca visual desalinhada com a proposta atual do cliente.
    • 7. A MARCA ANTIGA AVALIAÇÃO
    • 8. AVALIAÇÃO TIPOGRÁFICACaracteres modulares, Características desalinhadas rígidos e estruturais. com a nova narrativa.
    • 9. AVALIAÇÃO TIPOGRÁFICAFonte comum epadrão de sistema... Haettenschweiler
    • 10. O NOVO CONCEITO Humanizar a marca
    • 11. Valorização do indivíduo. Cada um é um consumidor em potencial. Isto contrapõe o foco no produto/preço.HUMANIZAÇÃO “Minha família feliz”
    • 12. “agora eu tenho o meu lugar” “e os meus filhos à brincar” “Minha família feliz” Fortalecer o aspecto humano. “Marca amiga”. Do jingle clássico, existem passagens com esse potencial.
    • 13. O consumo, mas de forma consciente e prazeroza. Demonstração de carinho e respeito. Aproximação e estimulo ao relacionamento.
    • 14. A NOVA MARCA
    • 15. Estudos tipográficosO desenho do logotiposeguiu o raciocínio damarca humanizada.
    • 16. REFINAMENTO Julgamento técnico/conceitual Estudos tipográficos
    • 17. Logotipo atual
    • 18. Redesenho proposta
    • 19. Uma marca forte, porémmais amiga, mais família.Com mais vida.
    • 20. Vermelho > afetividade. Relacionamento Azul > a seriedade da Paleta cromática empresa. A confiança.Verde-limão > a cor de apoio. Nova vida. Alegria. Expansividade.
    • 21. Acabamento: o cuidado naPadrão gráfico relação com seu consumidor.
    • 22. Mix de produtos: oportunizar aPadrão gráfico melhor escolha aos clientes.
    • 23. ...
    • 24. Uma marca que continue valorizando seus clientes e oferecendo produtos de qualidade...
    • 25. ...em um ambienteconfortável e receptivo, como um abraço de um amigo.
    • 26. “minha família feliz”
    • 27. “meus filhos à brincar”
    • 28. “alegria e satisfação”
    • 29. “agora eu tenho o meu lugar”
    • 30. ImplantaçãoApós a definição da nova marca iniciou-se a etapa de implantação da mesma,bem como a criação de elementos de apoio a nova identidade como sinalizaçãointerna e externa e uniformes.No interior da loja mobiliário, cores, grafismos, letreiros e iluminação compõemum layout intuitivo, que somados ao novo projeto de sinalização facilitam alocalização dentro da loja, garantindo ao usuário um ambiente mais acolhedor,com identidade única e de fácil reconhecimento. A mesma idéia está presentena área externa, e todo o projeto converge na mesma direção
    • 31. ResultadosO diferencial do projeto reside na atribuição de mais significado, força gráfica esimbólica à marca. Desta forma a nova estratégia de posicionamento daempresa se materializou em uma nova imagem e nova postura de atendimentoe relacionamento com o cliente.O período de transição entre a antiga e a nova marca foi considerado pequenoe superou as expectativas traçadas inicialmente. O público rapidamenteentendeu e se apropriou da nova imagem, reconhecendo positivamente amudança.
    • 32. quadrantedesign.com.br(98) 4009 7810