Your SlideShare is downloading. ×
Racismo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Racismo

20,737
views

Published on


0 Comments
11 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
20,737
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
332
Comments
0
Likes
11
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Delegação Regional do NorteCentro de Formação Profissional do Sector Terciário do Porto Núcleo gerador Saberes FundamentaisDomínio de referência DR3 - Controvérsia Pública Nome: Amélia SoaresFormador: Paulo FerreiraMediadora: Cláudia CastanhoAmeliaccsoares@hotmail.com
  • 2. RACISMO
  • 3. ÍNDICE
    O que é o racismo
    Tipos de racismo
    Factores do racismo
    Racismo nas escolas
    Racismo no trabalho
    Xenofobia
    Chauvinismo
    O racismo em Portugal
    Meios jurídicos de combate ao racismo
    Organizações de apoio à vitima
    Conclusão
  • 4. O que é o Racismo
    Racismo é o modo de pensar onde se dá grande importância à noção da existência de várias raças humanas distintas e superiores umas às outras. Onde existe a convicção de que alguns indivíduos devido as suas características físicas hereditárias, e determinados traços de carácter e inteligência ou manifestações culturais, são superiores a outros.
  • 5. O racismo não é uma teoria científica, mas um conjunto de opiniões que foram concebidas ao longo dos tempos onde a principal função é valorizar as diferenças biológicas entre os seres humanos, em que alguns acreditam ser superiores aos outros de acordo com sua matriz racial. A crença da existência de raças superiores e inferiores foi utilizada muitas vezes para justificar actos da humanidade ao longo da história como é o caso da escravidão, do domínio de determinados povos sobre outros, os genocídios que ocorreram durante toda a história da humanidade e o complexo de inferioridade que muitos povos sentem em relação a outros.
  • 6. Apesar de toda a modernidade vivida pelas sociedades actuais, infelizmente ainda é comum encontrarmos casos de preconceito e discriminação por causa de diferenças raciais.
  • 7. A ciência afirma que biologicamente as raças não existem! A biologia só identificou uma raça: a raça humana.Existem é etnias.
    A palavra etnia é muitas vezes usada como um eufemismo para raça, ou como um sinónimo para grupo minoritário. Embora muitas vezes os dois conceitos estejam associados, a diferença entre ambos reside no facto de que etnia compreende os factores culturais, como a nacionalidade, a afiliação tribal, a Religião, a língua e as tradições, enquanto que raça compreende apenas os factores morfológicos, como cor de pele, constituição física, estatura ,etc.
  • 8. Tipos de Racismo
    Racismo individual – Realça-se nos lugares mais estranhos, nas atitudes, nos comportamentos e até nos interesses pessoais que estão socializados entre várias raças.
       Racismo institucional – demonstrado em dados oficiais, por exemplo aqueles que são discriminados no nosso sistema de trabalho, na Justiça, na Economia, na Política e nas instituições.      
  • 9. Racismo cultural – Manifesta-se nos valores, nas crenças, na religião, na língua, na música, na filosofia, na estética, entre outros.
     Racismo primário – É um fenómeno emocional ou passional, sem qualquer elaboração ou justificações.
  • 10. Racismo comunitarista ou diferencialista – É um racismo contemporâneo que se apropriou dos pontos centrais do anti-racismo, ou seja que raça não é natureza.
    Racismo ecológico ou ambiental – É a forma ou subespécie mais recente de discriminação, contra a “Mãe Terra”.
  • 11. Factores do racismo
    Etenia
  • 12. RELEGIÃO
  • 13. RAÇAS HUMANAS
  • 14. PRECONCEITO
  • 15. DISCRIMINAÇÃO
  • 16. Racismo nas Escolas
  • 17. Infelizmente ainda hoje assistimos a casos de racismo nas escolas, principalmente no primeiro e no segundo ciclo. Pois as crianças e os adolescentes nestas idades ainda não têm opiniões próprias formadas, sendo bastante influenciados pelos pais e pelos educadores Além disso os pais dão muito mimo aos filhos e incentivando-os as pensar que são melhores que os colegas e influenciam-nos com as suas ideias racistas.
  • 18. Racismo no Trabalho
  • 19. As mulheres são o maior alvo de discriminação, embora não se fale muito sobre este assunto. Outros motivos para haver discriminação no trabalho é o aspecto físico as suas tendências politicas e religiosas e a sua cor de pele. Por exemplo as pessoas gordas Estas pessoas são postas de lado no seu local de trabalho e recebendo mesmo salários mais baixos.
  • 20. Xenofobia
  • 21. A xenofobia é normalmente associada à aversão a outras raças e culturas. Mas também à fobia em relação a pessoas ou grupos diferentes, com os quais o indivíduo habitualmente não entra em contacto e evita. Existem dois tipos de xenófobos: os mais extremistas, que defendem que todos os que possuem cultura e/ou etnia diferentes devem ser exterminados, e os xenófobos moderados, que defendem que os povos com culturas diferentes, não devem imigrar para as terras do seu povo, visando preservar a sua cultura e garantir que aquilo que seu povo construiu seja apenas do seu povo. Por esta razão a xenofobia tende normalmente a ser vista como a causa de preconceitos.  
  • 22. Xenofobia é também um distúrbio psiquiátrico ao medo excessivo e descontrolado ao desconhecido ou diferente As pessoas que apresentam este medo persistente, irracional e excessivo tendem a evitar o contacto com estranhos, pois esta situação provoca-lhes uma extrema angústia, ansiedade, aumento da tensão arterial e da frequência cardíaca. Nos casos mais graves interfere significativamente com as rotinas normais da pessoa, funcionamento ocupacional, relacionamentos e actividades sociais desenvolvidas.
  • 23. Chauvinismo
  • 24. O termo chauvinismo teve origem em França, devido a Nicolas Chauvin, um soldado de Napoleão que se tornou um patriota fanático.
    O chauvinismo significa um patriotismo exagerado, um amor exaltado à pátria, um sentimento de nacionalismo exacerbado, entusiasmo excessivo pelo que é nacional e menosprezo sistemático por tudo que é estrangeiro. 
  • 25. O racismo em Portugal
  • 26. Em Portugal, o racismo é considerado crime pelo código penal, sendo uma circunstância de afronta importante como móbil de um crime.
    No entanto, poucos são os relatórios e as estatísticas acerca da situação em Portugal no que diz respeito à discriminação racial, apesar de haver registo de casos de violência. Desde a década de 1980 que Portugal passou a ser um destino importante para os imigrantes.
  • 27. Os africanos chegaram a Portugal em grande número, em busca de melhores condições de vida e para fugirem das permanentes situações de guerra em África. É certo que o tempo da colonização e do colonialismo já vão longe mas ainda subsiste no povo português uma certa aversão às minorias, em particular em relação às comunidades africanas e ciganas que residem em Portugal.  
  • 28. Não podemos, dizer que Portugal é um país racista. Podemos sim afirmar que ainda existe algum preconceito face às minorias étnicas na mente de muitos portugueses
  • 29. MEIOS JURIDICOS DE COMBATE AO RACISMO
    A legislação que proíbe as descriminações no exercício de direitos, por motivos baseados na raça, cor nacionalidade ou origem étnica: é a Lei nº 134/99, de 28 de Agosto; Decreto-Lei nº 111/2000, de 4 de Julho.
  • 30. Organizações de apoio às vitimas de racismo
    • SOS RACISMO foi criado em 10 de Dezembro de 1990
    • 31. A AI foi criada pelo advogado britânico Peter Benenson em 1961
    • A Organização das Nações Unidas nasceu oficialmente a 24 de Outubro de 1945.
  • 32. Conclusão
  • 33. Com este trabalho elaborei uma análise mais aprofundada sobre o tema do racismo e todos os factores que, directa ou indirectamente, estão relacionados e nos afecta a todos .É desalentar que é um tema sobre o qual há muita informação, talvez por ser um tema que sempre foi divulgado ao longo da história da humanidade.
    Depois de ter terminado, fiquei ciente que o racismo e a xenofobia e o chauvinismo dependem única e exclusivamente da mente de cada um. Começou porque o permitimos, continua porque assim o queremos e acabará quando todos nos mentalizarmos que este tipo de preconceito só degrada a relação com “o outro”.Por muitas organizações que haja, a luta contra o racismo e a xenofobia e o chauvinismo é uma luta interior de cada um.
  • 34. Netgrafia:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Racismo_em_Portugal
    http://www.notapositiva.com/trab_estudantes
    http://www.google.pt/images?
    http://www.youtube.com/
    http://www.g-sat.net/filosofia

×