O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles

2,586 views

Published on

Published in: Technology, Business
1 Comment
2 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
2,586
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
19
Actions
Shares
0
Downloads
91
Comments
1
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

O Desenv, e a Utiliz. dos Recursos by Joel e MTeles

  1. 1. O DESENVOLVIMENTO E A UTILIZAÇÃO DOS RECURSOSEconomia C Joel Alcântara e Maria Teles 12ºB
  2. 2. Introdução Crescimento económico moderno Papel do estado e das Utilização indiscriminada dos Contributo do saber e daorganizações supra nacionais recursos inovação tecnológica Problemas ambientais Consequências para o desenvolvimento humano
  3. 3. Crescimento Económico Moderno Grandes transformações técnicas:Revolução • Máquinas que vieram a substituirIndustrial o trabalho do homem; • Utilização de novas fontes de Aumento da(finais do séc. energia (carvão, electricidade, Produtividade XVIII) petróleo e nuclear). • Forma de gerar emprego PD • Assegurar avanços técnicos Forte • Melhorar a vida das pessoas crescimento PED • PED Única forma de sair da económico pobreza Competição entre os países ocidentais Pós - 2ª Guerra Mundial (entre 1945 e 1973)
  4. 4. Crescimento Económico Moderno Industrialização Consequências ambientais •Aumento do consumo dos recursos disponíveis; • Aumento dos níveis de Aumento da poluição. população mundial
  5. 5. Diminuição da base de recursos disponíveis Atmosfera Aumento das Soloactividades humanas a sobre os recursos naturais Águas Biodiversidade
  6. 6. Diminuição da base de recursos disponíveis Economia EconomiaPopulação Mundial Economia Gases libertados com Economia efeito de estufa
  7. 7. Diminuição da base de recursos disponíveisFig.1 – Contribuições para o aquecimento global Fig.2 – Emissões de CO2 per capita(1990-1999)
  8. 8. Diminuição da base de recursos disponíveis Aumento da população mundial Aumento da Praticas de agricultura e criação área cultivada de gado mais intensivas • Destruição de florestas e de habitats naturais; • Aumento do uso de fertilizantes e outros químicos poluentes; • Uso de fertilizantes químicos que poluem os solos e os lençóis freáticos.
  9. 9. Diminuição da base de recursos disponíveis Pesca ilegal Não segue regras, leis ou regulamentosFig.3 – Embarcação piscatóriamoderna Actividade piscatória intensiva Pesca industrial Progresso técnico •Ficar longos períodos em mar; •Detectar cardumes (mesmo a grandes profundidades) Fig.4 – Embarcação piscatória tradicional
  10. 10. Diminuição da base de recursos disponíveis Aquecimento Global Poluição das águas Actividade piscatória intensiva•Esgotos (domésticos e industriais);•Descargas por parte dos barcos;•Pesticidas na actividade agrícola Alterações: •No nível das águas; •Na temperatura das águas; •Nas correntes oceânicas. Esgotamento da vida nuns mares e extinção de várias espécies de peixes
  11. 11. Aumento dos níveis de poluição Poluição atmosférica • Chuvas ácidas •Actividade industrial; •Circulação rodoviária. • Redução da camada de ozono • Perturbações no efeito de estufaFig.5 – Emissões de Dióxido de carbonorepresentam uma grande parte dapoluição atmosférica
  12. 12. Diminuição da base de recursos disponíveis Uso indiscriminado dos Crescimento económico recursos naturais Diminuição da base dos moderno (superior à velocidade de recursos disponíveis regeneração da natureza) Florestas e zonas Água potável verdes•Expansão das áreas urbanas e de cultive; •Poluição (atmosférica e dos•Extracção de madeiras para comércio. mares/rios/oceanos). Solos Biodiversidade produtivos•Ocupação (construção de edifícios); •Desflorestação;•Poluição (atmosférica e dos solos); •Caça ilegal;•Desflorestação. •Poluição das águas.
  13. 13. Aumento dos níveis de poluição atmosféricaFig.6 – Contribuições para o efeito de estufa Fig. 7 – Evolução faz emissões de CO2(em %) por parte de cada gás
  14. 14. Economia e o meio ambienteDesflorestação Destruição de Desertificação habitats naturais Degradação da Extinção de espécies qualidade das águas, animais e vegetais do ar e dos solos
  15. 15. Problemas económicos • Empobrecimento da “Crises biodiversidade; • Esgotamento dos recursos;Ecológicas” • Destruição da paisagem natural. Incapacidade da Natureza em absorver os resíduos produzidos pelas actividades humanas.
  16. 16. Intervenção do estadoCriação de leis ambientais, para regularas acções dos agentes económicos sobre Todos estes impostoso ambiente; e taxas “ecológicas” assentam no principio Aplicação de taxas de impostos “ecológicos”, sobre as acções poluidoras do poluidor-pagador. provocadas pelos agentes económicos; Proibir ou desincentivar a produção ou o consumo de um determinado bem, se for uma externalidade negativa; Tenra co-responsabilizar os agentes económicos Incentivar a sua produção, caso seja uma pelas acções poluidoras externalidade positiva. que efectuam e levá-los a tornarem-se menos agressivos para o ambiente.
  17. 17. Necessidade de acordos internacionaisAcções por parte dos População População local mundialagentes económicossobre o ambiente Diferentes interesses e Necessidade de consequências levam estabelecer a que hajam maior ou acordos menor cumprimento internacionais desses acordos
  18. 18. Inovação tecnológica Utilização de Exploração Agricultura combustíveis mineira alternativos Aproveitamento de Utilização de certosCriação de cereais fontes de energia fungos e algas quee vinhas resistentes alternativa (eólica, realizam a despoluiçãoà geada solar) e descontaminação

×