A história da igreja batista

21,720 views

Published on

5 Comments
19 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
21,720
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
64
Actions
Shares
0
Downloads
657
Comments
5
Likes
19
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A história da igreja batista

  1. 1. A HISTÓRIA DA IGREJA BATISTA TEXTO: 1 PEDRO 3.15-16
  2. 2. POR QUÊ CONHECER A HISTÓRIA  CONHEÇA MELHOR SUA DENOMINAÇÃO  CONHECER QUEM SOMOS  CONHECER O QUE CREMOS  RESPONDER OS QUESTIONAMENTOS HEREGES  DEFENDER SUA IDENTIDADE DENOMINACIONAL  ZELAR PELA SUA IGREJA
  3. 3. ORIGEM  A história mundial dos Batistas pode ser contada a partir de duas raízes principais: 1. Das suas doutrinas 2. 2. E do surgimento no cenário mundial com o nome Batista Após a reforma religiosa imprimida por Lutero e Companhia.Surgia um forte grupo chamado Anabatistas na Holanda.
  4. 4. ORIGEM  Finalmente, 1608 um grupo de refugiados ingleses que foram para a Holanda em busca da liberdade religiosa, liderados por John Smyth que era pregador e Thomas Helwys que era advogado, organizaram em Amsterdã, em 1609 uma igreja de doutrina Batistas, como era o sonho dos dois lideres.
  5. 5. ORIGEM  Como as perseguições na Inglaterra estavam aumento no período de 1534 a 1688, foi o jeito de muitos anabatistas (batistas) deixarem este país e rumarem para os Estados Unidos (Nova Inglaterra)  EM 1621- Encontraram em Roade Island um abrigo para sua fé. Formaram uma igreja anabatista em Newport neste mesmo ano. No ano seguinte fundaram uma igreja Batista em Providence(1639)
  6. 6. NO MUNDO  Em 1791, um jovem pastor inglês chamado William Carey sentindo forte compaixão pelas multidões pagãs da Índia, decidiu iniciar com o apoio de vários pastores, um movimento para o envio de missionário àquelas terras. Assim foi criada a Sociedade de Missões no Estrangeiro, que tem tido uma participação muito grande na expansão da obra Batista na Ásia e África além de outros continentes e inclusive no Brasil.
  7. 7. NO MUNDO  Adoniram e Ana Judson enviados em 1812 torna- se Batistas e evangelizam a Birmânia.  Dois ilustres homens são considerados fundadores das igrejas Batistas em solo americano, Roger Williams, que organizou a Primeira Igreja Batista de Providence em 1639, na colônia que ele fundou com o nome de Rode Island, e John Clark que organizou a Igreja Batista de Newport, também em Rods Island e conhecida desde 1648. Os batista se espalharam pelas diversas colônias da América do Norte e fora influentes na formação da constituição americana de 1781.
  8. 8. NO MUNDO  A partir daí, a obra missionária dos batistas iniciou um gigantesco crescimento. Chegando inclusive, através dos Batistas do Sul dos Estados Unidos, o Brasil. onde foi organizada, no dia 15 outubro de 1882, a Primeira Igreja Batista para Brasileiros em nossa terra e, deste trabalho, é que surgiu a Convenção Batista Brasileira.
  9. 9. NO BRASIL  O trabalho dos batistas no Brasil começou a se organizar a partir da região Sudeste, com a chegada de missionários, imigrantes norte-americanos, em Santa Bárbara do D’Oeste, São Paulo, que em 10 de Setembro de 1871 organizaram a Primeira Igreja Batista em terras brasileiras. Mas os cultos eram realizados em inglês, para servir aos imigrantes norte- americanos. O primeiro culto em português ocorreu dez anos depois com a chegada ao Brasil do missionário Willian Buck Bagby e sua esposa Anne Luther Bagby, que aprenderam o português no Colégio Presbiteriano de Campinas. Um dos instrutores do casal foi o ex-padre Antônio Teixeira de Albuquerque. Ele converteu-se ao protestantismo sozinho ao estudar a Bíblia. Tornou-se o primeiro brasileiro a ser consagrado pastor batista.
  10. 10. BATISTA NO BRASIL
  11. 11. NO BRASIL Naquele mesmo ano, o casal Bagby, Zachary Clay Taylor e sua esposa Kate S. Taylor dando sequência ao plano evangelístico, foram para Salvador, Bahia onde fundaram a Primeira Igreja Batista do Brasil. As organizações batistas americanas começaram a investir, mandando obreiros que aqui chegavam trazendo consigo o modelo da estrutura eclesiástica americana. Além da estrutura cuidadosamente organizada, as igrejas brasileiras fizeram questão de manter o modelo congregacional de governo,caracterizado pela autonomia de cada igreja local, uma marca dos batistas que predomina hoje. Em 1907, as igrejas passaram a se agrupar nas chamadas convenções, com o objetivo de gerir causas comuns. Este trabalho ampliou-se, buscando a cooperação entre as igrejas. Foi organizada, então, a CBB (Convenção Batista Brasileira) no dia 22 de Junho daquele mesmo ano.
  12. 12. CONVENÇÕES BATITAS  Na PB- A Convenção Batista Paraibana é uma organização religiosa, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, com sede e foro na Cidade de João Pessoa, Capital do Estado da Paraíba, fundada em 1924, por tempo indeterminado, constituída das igrejas batistas estabelecidas no território do Estado da Paraíba e a ela filiadas.
  13. 13. Convenções Batistas  No Brasil- José dos Reis Pereira, Salomão Ginsburg foi a primeira pessoa a pensar na organização de uma Convenção Nacional dos Batistas Brasileiros.  No dia aprazado, no prédio do ALJUBE, onde funcionava a PIB de Salvador, em sessão solene, foi realizada a primeira Assembléia da Convenção Batista Brasileira, composta de 43 mensageiros enviados por Igrejas e organizações.
  14. 14. Hierarquia das Igrejas Batista Conv.Batista Paraíbana Conv.Batista Brasileira Aliança Batista Mundial
  15. 15. Hierarquia da Igreja Batista Local PONTO DE PREGAÇÃO CONGREGAÇÃO IGREJA
  16. 16. HIERARQUIA DE UMA IGREJA BATISTA DIRETORIA EXECUTIVA LIDERANÇA ADMINISTRATIVA ORDEM DOS PASTORES CONVENÇÃO BATISTA ESTADUAL PASTOR VICE MODERADOR SECRETÁRIOS TESOUREIROS DIÁCONOS COMISSÃO DE FINANÇAS
  17. 17. MINISTÉRIOS PASTOR DIRETORIA EXECUTIVA JOVENS(GAMJCA) INFANTIL HOMENS(SHB)MULHERES(MCA) ADOLESCENTES(MENSAGEIRAS E EMBAIXADORES DO REI) ORAÇÃO MISSÕES E EVANGELISMO VISITAÇÃO RECEPÇÃO EDUCAÇÃO RELIGIOSA ADORAÇÃO CRIATIVA MINISTÉRIOS DIACONOS EVANGELISTAS MISSIONÁRIOS
  18. 18. ATRIBUIÇÕES  PASTOR: Compete, portanto, ao Pastor Titular a condução da Igreja, sempre na busca da Vontade de Deus, e respeitando o desejo da Igreja manifesto em suas assembléias. O Pastor também dirige o Conselho Administrativo e a Equipe de Ministerial, além de ser membro de todas as comissões da Igreja, por conta de sua função como Presidente. É prerrogativa do Pastor indicar os titulares dos ministérios, cujos nomes deverão ser homologados pela Assembléia.
  19. 19. ATRIBUIÇÕES  VICE MODERADOR:RESPONDER PELO PASTOR EM SUA AUSÊNCIA,AUXILIAR NAS ATIVIDADES DE FORMA INTERINA QUE CORRESPONDEM A FUNÇÃO DE PASTOR.  TESOUREIROS:NO GERAL SÃO DOIS.CUIDAM DA CONTABILIDADE DA IGREJA BEM COMO NA ADMINISTRAÇÃO DE SEUS RECURSOS  SECRETÁRIOS:TAMBÉM SÃO DOIS,EXECUTAM SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA AO PASTOR.
  20. 20. ATRIBUIÇÕES  DIÁCONOS: Cabe também ao diácono, preparar e servir a santa ceia do Senhor, de acordo com os costumes praticados por sua igreja; praticar a filantropia: campanha de alimentos, agasalho, material escolher, campanhas de ajuda aos missionários, promoção de empregos, entre outras atividades correlatas; recolher as ofertas; trabalhar na portaria da igreja; evangelizar; entre outras tarefas que possam ser determinadas por seu pastor.
  21. 21. ATRIBUIÇÕES  LIDERES DE MINISTÉRIOS:COORDENAM AS ATIVIDADES FIM DE SEU MINISTÉRIO,SÃO RESPONSAVEIS PELA DISCIPLINA E TESTEMUNHO DO MINISTÉRIO.ORGANIZAM OS EVENTOS E INSTRUEM TREINAMENTOS.  EX:O LIDER DE DANÇA-TREINA O MINISTÉRIO TECNICAMENTE E TEOLOGICAMENTE,ORGANIZAA AGENDA DO MINISTÉRIO,CRIAR AS COREOGRAFIAS,FAZ AS ESTRATÉRGIAS MINISTÉRIAIS.
  22. 22. ATRIBUIÇÃO  EDUCADORA RELIGIOSA: Nesta função cabe-lhe fazer sondagens sobre as reais necessidades dos membros da igreja e do contexto onde está inserida. Estas podem ser coletivas ou particulares.Cuida da escola bíblica e de seu material.
  23. 23. MANUTENÇÃO DE UMA IGREJA  As decisões da igreja Batista são tomadas através de uma sessão democrática e pública.  A igreja é mantida pelos dízimos e ofertas.Desta 10% vai para a convenção estadual para o Plano Cooperativo (O dízimo das igrejas).
  24. 24. DATAS COMEMORATIVAS BATISTAS  JANEIRO – Mês da Assembléia da CBB  01 Dia da Confraternização Universal  21 19º Aniversário da Sociedade de Homens Batistas (1994- 2013)  21 45º Aniversário do Grupo de Ação Missionária (1968-2013)  FEVEREIRO – Mês da Aliança Batista Mundial Mês UFMBB - Jovens Cristãs em Ação  03 Dia da Aliança Batista Mundial - 1º domingo do mês  14 Dia do Conselheiro de Embaixador do Rei MARÇO – Mês de Missões Mundiais  03 Dia da Esposa do Pastor - 1º domingo do mês 08 Dia Internacional da Mulher  10 Dia de Missões Mundiais - 2º domingo do mês
  25. 25. DATAS COMEMORATIVAS BATISTAS  ABRIL – Mês da Escola Bíblica Dominical Mês UFMBB - Mulher Cristã em Ação em Foco  28 Dia da Escola Dominical – 4º domingo do mês  28 Dia Mundial de Oração e Testemunho do Homem Batista  30 Dia Nacional da Mulher  MAIO – Mês da Família  05 Dia Batista de Ação Social – 1º domingo do mês  12 Dia das Mães – 2º domingo do mês  26 Dia da Comunicação Batista - 4º domingo do mês  JUNHO – Mês do Pastor 02 Dia Internacional de Oração pelas Crianças em Crise 02 Dia do Homem Batista - 1º domingo do mês  04 96º Aniversário do Trabalho Masculino no Brasil (1916-2011)  09 Dia do Pastor – 2º domingo do mês  23 Dia de Educação Cristã Missionária – Aniversário da UFMBB  26 Dia do Missionário Batista
  26. 26. DATAS COMEMORATIVAS BATISTAS  JULHO – Mês de Missões Estaduais Mês UFMBB - Mensageiras do Rei em Foco  21 Dia do Jornal Batista – 3º domingo do mês  AGOSTO – Mês da Juventude e dos Adolescentes 04 Dia do Adolescente Batista – 1º domingo do mês  11 Dia dos Pais – 2º domingo do mês 18 Dia do Jovem Batista – 3º domingo do mês  25 Dia do Embaixador do Rei – 65º Aniversário (1948-2013)  SETEMBRO - Mês de Missões Nacionais  08 Dia de Missões Nacionais – 2º domingo do mês
  27. 27. DATAS COMEMORATIVAS BATISTAS  OUTUBRO – Mês das Crianças Mês UFMBB - Amigos de Missões em Foco  12 Dia Batista de Evangelismo Pessoal  13 Dia da Criança Batista – 2º domingo do mês 15 Dia Batista do Brasil  27 Dia do Plano Cooperativo – 4º domingo do mês 31 Dia da Reforma Protestante NOVEMBRO – Mês da Educação Teológica 04 Dia Batista de Oração Mundial – 1ª segunda-feira do mês 10 ADBB – Dia do Diácono Batista – 2º domingo 17 Dia da Educação Teológica – 3º domingo do mês 28 Dia Nacional de Ação de Graças – Última 5ª feira do mês DEZEMBRO – Mês da Bíblia 08 Dia da Bíblia – 2º domingo do mês 25 Natal de Jesus

×