Webcompany [Labs]: Realidade Virtual

619 views

Published on


Realidade Virtual é um termo que se aplica a ambientes simulados por computador, que podem ser tanto lugares existentes como mundos fantásticos! Hoje as principais experiências em realidade virtual são visuais, embora algumas projeções incluam som e novas interfaces, como informações táteis ou a detecção do movimento do corpo.
O preço de desenvolvimento, computadores e banda capazes de processar a quantidade de informações necessárias ainda é um dos maiores entraves à sua adoção em massa, ficando os principais exemplos de realidade virtual restritos a grandes corporações ou treinamentos no exército. No entanto, com os televisores 3D cada vez mais populares e ferramentas como o Kinect, desenvolvido pela Microsoft para o Xbox 360, têm trazido a realidade virtual cada vez mais próxima. Saiba mais sobre esse universo no Labs apresentado pelo Fábio Janssen.

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
619
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Webcompany [Labs]: Realidade Virtual

  1. 1. Virtual Reality ou Realidade Virtual
  2. 2. Todos estão pensando “WTF THIS” ? LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY
  3. 3. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY MINORITY REPORT
  4. 4. O QUE É O REALIDADE VIRTUAL? E um termo que se aplica a ambientes simulados por computador que pode simular a presença física em lugares no mundo real, bem como em mundos imaginários. A maioria dos atuais ambientes de realidade virtual são principalmente experiências visuais, exibido tanto em uma tela de computador ou através de displays especiais, mas algumas simulações incluem informações sensoriais adicionais, tais como som através de alto-falantes ou fones de ouvido. Alguns sistemas avançados, incluem informações táteis, geralmente conhecido como feedback de força, em aplicações médicas e jogos. Além disso, a realidade virtual abrange ambientes de comunicação remota que fornecem presença virtual de usuários com os conceitos de telepresença e telexistence ou um artefato virtual. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY Cave Treinamento Militar
  5. 5. AMBIENTE O ambiente simulado pode ser semelhante ao mundo real, a fim de criar uma experiência real, em simulações para piloto ou treinamento de combate ou pode diferir significativamente da realidade, tal como nos jogos. Na prática, atualmente é muito difícil criar uma alta fidelidade experiência de realidade virtual, em grande parte devido a limitações técnicas em poder de processamento, resolução de imagem, e largura de banda de comunicação, no entanto, os defensores da tecnologia tem esperança de que essas limitações serão superadas rapidamente. No livro “ A Metafísica da Realidade Virtual ” por Michael R. Heim , sete diferentes conceitos de realidade virtual são identificados: simulação, interação, artificialidade, imersão de telepresença, imersão de corpo inteiro, comunicação de rede, capacete e roupas de dados. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY
  6. 6. A expressão realidade virtual é cada vez mais usada e explorada nos dias de hoje. O mundo aposta no avanço da tecnologia e, por isso mesmo, existem hoje cada vez mais objectos e dispositivos que assumem a função de interface e que permitem ao indivíduo experimentar novas realidades. O imaginário da realidade virtual é hoje criado, recriado e descoberto por cada indivíduo que entra neste universo. A realidade virtual é considerada um modo de visualização, manipulação e interação com computadores, onde se substituem projetores e teclados por luvas de dados que controlam os movimentos do utilizador. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY FERRAMENTAS FUTURAS
  7. 7. Com o avanço tecnológico dos equipamentos computacionais, existem hoje inúmeros interfaces homem-computador que permitem ao indivíduo experimentar diversos ambientes virtuais em tempo real, interagindo com os mesmos. O objectivo é viver experiências num outro mundo, movimentando-se, fazendo escolhas e manipulando objectos. Através da percepção e da imagem captada o cérebro constrói um modelo que designamos de realidade. São criados mundos tridimensionais, onde cada um de nós pode interagir com diversos objectos e adquirir novas sensações. Mundos sensoriais onde a criatividade abre portas para o futuro. De fato, com o avanço tecnológico, hoje podemos diferenciar vários tipos de sistemas de VR que são constituídos por diferentes níveis de interações, de velocidade e de potência. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY AVANÇO TECNOLÓGICO
  8. 8. Quando falamos em ambiente virtual imersivo, falamos de tecnologia mais avançada, que cerca o indivíduo de imagens geradas por computador e que lhe retiram a possibilidade dos seus sentidos percepcionarem o mundo físico exterior. Desta forma o sentido de presença do utilizador aumenta, fazendo com que este tenha a sensação de estar de facto no local. Os dispositivos que provocam esta sensação são, por exemplo, os Capacetes Digitais e as Cavernas Digitais, onde são projectados gráficos em três dimensões. Por sua vez existem dispositivos que possuem um maior interacção, como é o caso das Luvas Digitais, óculos estereoscópicos, monitores e teclados 3D, que permitem o movimento e manipulação dos objectos. Tudo nos faz adquirir um conjunto de novas sensações. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY AMBIENTE IMERSIVO
  9. 9. Para além do lado lúdico e criativo característico dos sistemas de Realidade Virtual, existe uma expansão cada vez maior do virtual em várias áreas comerciais. É o caso da indústria dos jogos e entretenimento, das comunicações à distância, da simulação de treinos de aviões e segurança militar, robótica, medicina e até mesmo da arquitectura e urbanismo. A cada nova invenção, dá-se um passo para o futuro. Uma janela é aberta e nos mostra novos universos virtuais que se aproximam todos os dias da realidade que nos cerca. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY COMERCIALIZAÇÃO
  10. 10. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY BAIXA LATENCY É A CHAVE <ul><li>Latência: Tempo decorrido entre percepção da mudança e atualização da imagem relativa. </li></ul><ul><li>Latência acima de 5 0 msec podem causar náuseas. </li></ul><ul><li>O ouvido diz que houve movimento mas seus olhos dizem o contrário. </li></ul><ul><li>Náusea é um problema sério para plataformas de montion </li></ul><ul><li>Chamada de “mau do vômito” </li></ul>
  11. 11. Kinect Óculos 3D TV 3D LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY
  12. 12. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY
  13. 13. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY http://youtu.be/MQeHPnMCKWY Cave Virtual Reality http://youtu.be/M-wLOfjVfVc Kinect Controls Windows 7 Kinect Windows 7 Mouse Control V2 Demo http://youtu.be/JlwWp8ItCVA http://youtu.be/EzgGuforyWU SUVIX demo - VR environment using Kinect http://youtu.be/sBXf_HcEVlw Kinect SDK - Demo #8 - Natural User Interface - Progress Porque Kinect?
  14. 14. LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY Left 4 Dead- Virtual Reality http://youtu.be/L9vYUhoHeTM http://youtu.be/8MaJtZejsXM Counter Strike in Kinect for pc http://youtu.be/NBtcU3JHC0A Kinect with World of warcraft - Advanced mage http://youtu.be/bo7QUdrZAkA Call of Duty FPS on Kinect Hack (FAAST) with Wiimote (GlovePIE) http://youtu.be/388V4iqiN_4 Laboratório de realidade virtual http://youtu.be/R41xJrhYtTA FANTÁSTICO: Realidade virtual é a nova arma em tratamentos médicos
  15. 15. SDK OFICIAL DO KINECT PARA WINDOWS http://bit.ly/dE7jVP http://bit.ly/kkMOaK Kinect Instaler Kinect Instaler Step by Step LABS 16 /09/2011 – VIRTUAL REALITY Esta disponível para download o SDK oficial do Kinect para Windows desde 16/05/2011 De acordo com o site oficila, o SDK inclue as APIs para reconhecimento do usuário, seu contorno, posição e profundidade em relação à câmera, além de identificação de suas coordenadas, inclusive, do som. Outro ponto bem legal é o reconhecimento de fala, desenvolvido pelos pesquisadores da Microsoft, mas que pode demorar um pouco ainda para estar disponível em Português do Brasil. A empresa promete ampla documentação e uma comunidade online que, a exemplo de outras plataformas de programação da empresa, tende a ser bastante cooperativa. Documentation http://bit.ly/kXbayL

×