Licenciatura eBacharelado emLetras       Vera Menezes       (UFMG/CNPq)
O Curso Superior de Letras foi            fundado em 1859 por D. Pedro V,            em Lisboa. Os seus primeiros         ...
Fundação da Faculdade de Filosofia de           Minas Gerais (1939)Da esquerda para a direita: professores Arthur Versiani...
Professores Fundadores  • Arthur Versiani Velloso: formou-se em    Direito e tornou-se doutor em Filosofia  • Braz Pellegr...
Currículo obrigatório19 de outubro de 1962Art. 1º . - O currículo mínimo dos cursos que habilitam àlicenciatura em Letras ...
Três matérias escolhidas dentre as            seguintes       a) Cultura Brasileira       b) Teoria da Literatura       c)...
A formação pedagógica só foi contemplada pelolegislador 7 anos depois quando a resolução nº 9,de 10 de outubro de 1969, de...
Formação pedagógicaArt. 2º - Será obrigatória a Prática de Ensino das matériasque sejam objeto de habilitação profissional...
• A LDB de 1996 extinguiu a obrigatoriedade de currículos  mínimos e, em seu lugar, surgiram as diretrizes  curriculares.A...
• promovam articulação constante entre ensino, pesquisa   e extensão, além de articulação direta com a pós-   graduação;• ...
A carga horária das licenciaturas, de acordo com aresolução Nº 1 de 18/02/2002, é de 2800 horas,englobando 400 horas de pr...
• O preparo para o desenvolvimento de hábitos de  colaboração e de trabalho em equipe.• A aprendizagem orientada pelo prin...
• A previsão de um sistema de oferta de formação  continuada, que propicie oportunidade de retorno  planejado e sistemátic...
Portaria no 2.253 de 18 de outubro de 2001 prevê:• Art. 1o As instituições de ensino superior do sistema  federal de ensin...
DESAFIOS• Flexibilização, autonomia,• Ensino, pesquisa, extensão• Pensar novos formatos de atividades acadêmicas, além  de...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Licenciatura e Bacharelado em Letras

618 views

Published on

Refelxões sobre o curso de Letras

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
618
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
4
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Licenciatura e Bacharelado em Letras

  1. 1. Licenciatura eBacharelado emLetras Vera Menezes (UFMG/CNPq)
  2. 2. O Curso Superior de Letras foi fundado em 1859 por D. Pedro V, em Lisboa. Os seus primeiros professores foram António José Viale, Rebelo da Silva e Lopes de Mendonça. Jornalista, Jornalista, romancista,Latinista historiador, dramaturgo e romancista e folhetinista político português,
  3. 3. Fundação da Faculdade de Filosofia de Minas Gerais (1939)Da esquerda para a direita: professores Arthur VersianiVelloso, Braz Pellegrino, Lúcio José dos Santos, PadreClóvis Sousa e Silva e José Lourenço de Oliveira.
  4. 4. Professores Fundadores • Arthur Versiani Velloso: formou-se em Direito e tornou-se doutor em Filosofia • Braz Pellegrino: médico • Lúcio José dos Santos: engenheiro • Padre Clóvis Sousa e Silva • José Lourenço de Oliveira: curso de Humanidades no Colégio do Caraça. Leciona latim
  5. 5. Currículo obrigatório19 de outubro de 1962Art. 1º . - O currículo mínimo dos cursos que habilitam àlicenciatura em Letras compreende 8 (oito) matériasescolhidas na forma abaixo indicada, além das matériaspedagógicas fixadas em Resolução Especial:1. Língua Portuguesa2. Literatura Portuguesa3. Literatura Brasileira4. Língua Latina5. Linguística6. Três matérias escolhidas dentre as seguintes
  6. 6. Três matérias escolhidas dentre as seguintes a) Cultura Brasileira b) Teoria da Literatura c) Uma língua estrangeira moderna d) Literatura correspondente à língua escolhida na forma da letra anterior e) Literatura Latina f) Filologia Românica g) Língua Grega h) Literatura Grega
  7. 7. A formação pedagógica só foi contemplada pelolegislador 7 anos depois quando a resolução nº 9,de 10 de outubro de 1969, determinou o seguinte:•Art. 1º - Os currículos mínimos dos cursos que habilitem aoexercício do magistério, em escolas de 2º grau,abrangerão as matérias de conteúdo fixadas em cada casoe as seguintes matérias pedagógicas:a) Psicologia da Educação (focalizando pelo menos osaspectos da Adolescência e Aprendizagem)b) Didáticac) Estrutura e Funcionamento de Ensino de 2º Grau
  8. 8. Formação pedagógicaArt. 2º - Será obrigatória a Prática de Ensino das matériasque sejam objeto de habilitação profissional, sob forma deestágio supervisionado e desenvolver-se em situação real,de preferência em escola da comunidade.Art. 3º - A formação pedagógica prescrita nos artigosanteriores será ministrada em, pelo menos, um oitavo (1/8)das horas de trabalho fixadas, como duração mínima, paracada curso de licenciatura.Art. 4º - As disposições dessa resolução terão vigência apartir do ano letivo de 1970, revogadas as disposições emcontrário.
  9. 9. • A LDB de 1996 extinguiu a obrigatoriedade de currículos mínimos e, em seu lugar, surgiram as diretrizes curriculares.As diretrizes para o curso de Letras, aprovadas em 03 deabril de 2001, afirmam que os cursos de graduação emLetras deverão ter estruturas flexíveis que:• facultem ao profissional a ser formado opções de conhecimento e de atuação no mercado de trabalho;• criem oportunidade para o desenvolvimento de habilidades necessárias para se atingir a competência desejada no desempenho profissional;• dêem prioridade à abordagem pedagógica centrada no desenvolvimento da autonomia do aluno;
  10. 10. • promovam articulação constante entre ensino, pesquisa e extensão, além de articulação direta com a pós- graduação;• propiciem o exercício da autonomia universitária, ficando a cargo da Instituição de Ensino Superior definições como perfil profissional, carga horária, atividades curriculares básicas, complementares e de estágio. O currículo deixa de ter como foco as disciplinas epassa a ser entendido como “todo e qualquer conjunto deatividades acadêmicas que integralizam um curso” e oprofessor passa a ter duplo papel já que se espera que ele,além de se responsabilizar pelos conteúdos, tenha afunção de orientador, influindo na “qualidade da formaçãodo aluno”.
  11. 11. A carga horária das licenciaturas, de acordo com aresolução Nº 1 de 18/02/2002, é de 2800 horas,englobando 400 horas de prática; 400 de estágio curricularsupervisionado; 1800 horas de aulas para os conteúdoscurriculares de natureza científico-cultural; e 200 horaspara outras formas de atividades acadêmico-científico-culturais.Alguns pontos centrais das diretrizes são:• O preparo para o uso de tecnologias da informação e da comunicação e de metodologias, estratégias e materiais de apoio inovadores com as escolas de formação garantindo, com qualidade e quantidade, recursos pedagógicos como biblioteca, laboratórios, videoteca, entre outros, além de recursos de tecnologias da informação e da comunicação;
  12. 12. • O preparo para o desenvolvimento de hábitos de colaboração e de trabalho em equipe.• A aprendizagem orientada pelo princípio metodológico geral, que pode ser traduzido pela ação-reflexão-ação e que aponta a resolução de situações-problema como uma das estratégias didáticas privilegiadas.• A pesquisa, com foco no processo de ensino e de aprendizagem, uma vez que ensinar requer, tanto dispor de conhecimentos e mobilizá-los para a ação, como compreender o processo de construção do conhecimento.• A previsão de eixo articulador da formação comum com a formação específica e das dimensões teóricas e práticas.
  13. 13. • A previsão de um sistema de oferta de formação continuada, que propicie oportunidade de retorno planejado e sistemático dos professores às agências formadoras.• O incentivo à flexibilidade almejando que cada instituição formadora construa projetos inovadores e próprios, integrando os eixos articuladores nelas mencionados.• O estágio curricular articulado com o restante do curso e a dimensão prática transcendendo o estágio e promovendo a articulação das diferentes práticas, numa perspectiva interdisciplinar.
  14. 14. Portaria no 2.253 de 18 de outubro de 2001 prevê:• Art. 1o As instituições de ensino superior do sistema federal de ensino poderão introduzir, na organização pedagógica e curricular de seus cursos superiores reconhecidos, a oferta de disciplinas que, em seu todo ou em parte, utilizem método não presencial, com base no art. 81 da Lei no 9.394, de 1.996, e no disposto nesta Portaria.• § 1o As disciplinas a que se refere o caput, integrantes do currículo de cada curso superior reconhecido, não poderão exceder a vinte por cento do tempo previsto para integralização do respectivo currículo.
  15. 15. DESAFIOS• Flexibilização, autonomia,• Ensino, pesquisa, extensão• Pensar novos formatos de atividades acadêmicas, além de um conjunto de disciplinas (ex. projetos integradores)• Explorar o potencial da tecnologia (ex. aulas gravadas; objetos de aprendizagem)• Pensar em novos tempos e em novos espaços• Fazer da escola de ensino básico uma parceira real da formação do professor• Incluir experiências semelhantes ao Internato Rural da área da saúde

×