Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Palestra Homossexualidade

1,653 views

Published on

Apresentação voltada para informatização e também para o esclarecimento de dúvidas dos jovens e adolescentes que ainda vivem no meio de uma sociedade preconceituosa e cheia de "tabus" sobre a homossexualidade.

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Palestra Homossexualidade

  1. 1. ACADÊMICO DE PSICOLOGIA: VINICIUS BRUNO 4º PERÍODO FACULDADE PITAGORAS DE UBERLANDIA.
  2. 2.  A homossexualidade refere-se à situação na qual o interesse e o desejo sexual dirigem-se a pessoas do mesmo sexo. É uma das possibilidades verificadas de manifestação da sexualidade e afetividade humana.  A homossexualidade pode estar relacionada a várias causas, como a determinação genética, proposta pelo geneticista Dean Hamer ao descobrir genes, designado por ele de GAY-1
  3. 3.  Daryl Bem, psicólogo da Universidade de Cornell (EUA) ao pesquisar a formação intra- familiar concluiu que alguns fatores como o tipo de relação com a mãe, com o pai, o tipo de investimento familiar podem determinar a homossexualidade.  A teoria psicanalítica aponta que a homossexualidade pode estar relacionada com a forte ligação com a mãe, ao passo que o pai é uma figura passiva. A homossexualidade não é compreendida como um transtorno médico ou psiquiátrico.
  4. 4.  A homossexualidade é uma escolha. “MITO” Ninguém escolhe ter homossexualidade. O desejo emocional e sexual por pessoas do mesmo sexo ou do oposto surge de uma porção de fatores no decorrer da infância de cada indivíduo. Vários fatores levam os indivíduos à heterossexualidade ou à homossexualidade. O que as pessoas podem escolher é se irão ou não ter comportamentos homossexuais.
  5. 5.  Homossexuais são pessoas que gostariam de trocar de sexo. “MITO Só travestis e transexuais, têm desejo de trocar de sexo, geralmente os homossexuais não têm este tipo de problemas com o seu próprio corpo.
  6. 6.  Homossexuais são pessoas angustiadas e infelizes. “VERDADE” Pois a maior dificuldade que o homossexual enfrenta é a auto-aceitação da sua orientação sexual. Normalmente ele cresce com muito medo de que seu "segredo" seja descoberto, fica angustiado por não saber exatamente o motivo da sua "diferença" e culpado por sentir desejos considerados "não naturais". Após aceitação desta “diferença”, angustia e infelicidade passa dando lugar a vidas normais.
  7. 7.  Todos os homossexuais masculinos têm trejeitos femininos e vice-versa. “MITO” De forma alguma. O que caracteriza a orientação sexual é a presença da atração por pessoas do mesmo sexo, e só isso. No mais, homossexuais, masculinos e femininos, variam tanto quanto os heterossexuais. Podendo ou não ter trejeitos do sexo oposto.
  8. 8.  Homossexualidade é contagioso. “MITO” Não, pois se é definido como um comportamento de um indivíduo, não tem como ser transmissível.
  9. 9.  Gays: É o homem que sente atração por outros homens.  Lésbicas: É aquela mulher que sente atração por outras mulheres.  Travestis: É aquele que se veste com o que seriam roupas do sexo oposto.  Transexuais: É aquele que não se identifica com o corpo que nasceu, toma hormônios pra mudar a aparência física tanto de homem para mulher quanto de mulher para homem
  10. 10.  A homofobia define o ódio, o preconceito, a repugnância que algumas pessoas nutrem contra os homossexuais. Aqueles que abrigam em sua mente esta fobia ainda não definiram completamente sua identidade sexual, o que gera dúvidas, angústias e certa revolta, que são transferidas para os que professam essa preferência sexual.  O termo homofobia foi empregado inicialmente em 1971, pelo psicólogo George Weinberg.
  11. 11.  Alguns assimilam a homofobia a um tipo de xenofobia, o terror de tudo que é diferente. Mas esta concepção não é bem aceita, porque o medo do estranho não é a única fonte, pois há também causas culturais, religiosas – principalmente crenças cristãs (católicas, protestantes), judias ou muçulmanas -, políticas, ideológicas – grupos de extrema-esquerda e de extrema direita -, e outras que se entrelaçam igualmente no preconceito.  Geralmente os fundamentalismos não cedem espaço à homossexualidade.
  12. 12.  Há, porém, dentro dos grupos citados, aqueles que defendem e apóiam os direitos dos homossexuais. Há, porém, dentro dos grupos citados, aqueles que defendem e apóiam os direitos dos homossexuais. Dentro das normas legais, também há variantes, ou seja, há leis que entre casais do mesmo sexo e casais do sexo oposto se diversificam. E, por mais estranho que pareça, em pleno século XXI, alguns países aplicam até mesmo a pena de morte contra homossexuais.  Já no Brasil não se usa esse método e o pais possui uma lei que protege os homossexuais contra homofobia, essa lei é a PLC 122/2006 ou PL122
  13. 13. “ O que eu gosto nos adolescentes é que eles ainda não endureceram. Nós todos confundimos endurecimento e força. Devemos buscar a força, mas não a insensibilidade.” Anais Nin

×