Crianças índigo

9,464 views

Published on

Uma criança índigo é aquela que apresenta um conjunto de características psicológicas incomuns e um padrão de comportamento ainda não classificado pela ciência. Esse tipo de comportamento faz com que todos os que interagem com ela (principalmente seus pais) tenham de se adaptar a circunstâncias diferentes e a um tipo específico de criação. Ignorar essas características é obrigar essa nova vida a crescer em um ambiente instável e insatisfatório.

Published in: Education
1 Comment
8 Likes
Statistics
Notes
  • Importantíssimo para que possamos conhecer e compreendermos o desenvolvimento humano desde a infância, e para darmos suporte para a maravilhosa jornada dessa existência, para que estes seres queridos completem suas tarefas tão necessárias neste plano.
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here
No Downloads
Views
Total views
9,464
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
528
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
1
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Crianças índigo

  1. 1. CRIANÇAS ÍNDIGO Professora Vilma Maria Dardengo
  2. 2. Depois, uma mulher que trazia uma criança ao colo disse: Fala-nos das Crianças. E ele respondeu: Os vossos filhos não são vossos filhos. São os filhos e as filhas da Vida que anseia por si mesma. Eles vêm através de vós mas não de vós. E embora estejam convosco não vos pertencem. Podeis dar-lhes o vosso amor mas não os vossos pensamentos, pois eles têm os seus próprios pensamentos. Podeis abrigar os seus corpos mas não as suas almas. Pois as suas almas vivem na casa do amanhã, que vós não podereis visitar, nem em sonhos. Podereis tentar ser como eles, mas não tenteis torná-los como vós. Pois a vida não anda para trás nem se detém no ontem. Vós sois os arcos de onde os vossos filhos, quais flechas vivas, serão lançados. O arqueiro vê o sinal no caminho do infinito e Ele com o Seu poder faz com que as Suas flechas partam rápidas e cheguem longe. Que a vossa inflexão na mão do Arqueiro seja para a alegria; Pois assim como Ele ama a flecha que voa, Também ama o arco que se mantém estável. (Gibran Khalil Gibran, O Profeta )
  3. 3. O QUE É UMA CRIANÇAS ÍNDIGO? <ul><li>“ Uma criança índigo é aquela que apresenta um conjunto de características psicológicas incomuns e um padrão de comportamento ainda não classificado pela ciência. Esse tipo de comportamento faz com que todos os que interagem com ela (principalmente seus pais) tenham de se adaptar a circunstâncias diferentes e a um tipo específico de criação. Ignorar essas características é obrigar essa nova vida a crescer em um ambiente instável e insatisfatório”. </li></ul><ul><li>(Lee Carroll e Jan Tober). </li></ul>
  4. 4. <ul><li>O que é ser uma criança Índigo ? </li></ul><ul><li> E o que é a freqüência índigo ? </li></ul><ul><li> E o que é um chacra ? </li></ul><ul><li>Por que não vemos as nossas auras e os nossos chacras ? </li></ul>
  5. 5. CRIANÇAS ÍNDIGO <ul><li>Essas crianças são freqüentemente muito inteligentes e encantadoras, mas de convívio extremamente difícil. Conseguem ter idéias novas e brilhantes a cada dez segundos. Enquanto estamos apagando o incêndio que fizeram tentando derreter marshmallows, elas já estão com os peixes do aquário na banheira para ver se conseguem sobreviver em água quente. ( Natasha kern) </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Desde há alguns anos para cá que as crianças apresentam uma evolução gigante: nascem mais inteligentes, aprendem mais facilmente e dominam a tecnologia em geral, principalmente, computadores. Por estes motivos a escola tradicional é, às vezes, um aborrecimento para elas. </li></ul><ul><li>http://www.indigochild.com </li></ul>
  7. 7. <ul><li>São inteligentes, intuitivas, sensíveis, com bastante energia, com tendência hiperativa, perceptivas, muito criativas, dotadas de inteligência espiritual ligada ao Universo e as leis da Natureza. </li></ul><ul><li>Não aceitam sistemas tradicionalistas, autoritarismos, corrupção, injustiça e mentira. </li></ul>CARACTERÍSTICAS DAS CRIANÇAS ÍNDIGO:
  8. 8. AS DEZ CARACTERÍSTICAS MAIS COMUNS DAS CRIANÇAS ÍNDIGO? <ul><li>Elas nascem, sentem-se (e agem) como nobres. </li></ul><ul><li>Acreditam “merecer estar neste mundo” e se surpreendem quando outras pessoas não pensam da mesma maneira. </li></ul><ul><li>Não têm problema de auto-estima. Costumam dizer com freqüência aos pais “quem são”. </li></ul><ul><li>Têm dificuldades em lidar com autoridades absolutas (sem explicação ou possibilidade de questionamento). </li></ul><ul><li>Recusam-se a desempenhar determinadas tarefas. Esperar em uma fila, por exemplo, é algo difícil para elas. </li></ul><ul><li>Frustam-se com sistemas ou tarefas que seguem rotinas ou rituais repetitivos em que não possam usar a criatividade. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Costumam identificar maneiras mais eficazes de fazer as coisas tanto em casa quanto na escola, o que as torna verdadeiras “destruidoras de sistemas” (não se adaptam a qualquer tipo de convenção). </li></ul><ul><li>Parecem não se relacionar bem com pessoa alguma que não seja igual a elas. Se não encontram ninguém com quem possam compartilhar suas idéias e opiniões fecham-se e sentem-se incompreendidas. A escola normalmente é uma experiência difícil para elas em termos sociais. </li></ul><ul><li>Não respondem a técnicas de disciplina associada à culpa (“espere só até seu pai chegar em casa e ver o que você fez”). </li></ul><ul><li>Não têm vergonha ou problema em expressar suas necessidades. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>SER ÍNDIGO </li></ul><ul><li>Nem sempre apresentam QI elevadíssimo, porém, são, geralmente, muito inteligentes; </li></ul><ul><li>Sempre entre os 30% mais inteligentes, mas não são, necessariamente, talentosos; </li></ul><ul><li>Usam quase exclusivamente, o lado direito do cérebro; </li></ul><ul><li>Predomínio do uso de algum dos dois lados do cérebro; </li></ul><ul><li>Apresentam, geralmente, grande equilíbrio emocional; </li></ul><ul><li>Todos nascem com a predisposição para crer em Deus; </li></ul><ul><li>A maioria cultiva esses e outros valores espirituais desde a infância; </li></ul><ul><li>Dificilmente se desequilibram emocionalmente; </li></ul><ul><li>Desequilibrados, retomam facilmente a serenidade. </li></ul><ul><li>SER DE TALENTO </li></ul><ul><li>Apresentam altíssimo QI; </li></ul><ul><li>Revelam grande inteligência que os coloca sempre à frente dos demais; </li></ul><ul><li>Usam quase exclusivamente o lado esquerdo do cérebro; </li></ul><ul><li>Usam apenas a intuição criativa; </li></ul><ul><li>Apresentam, geralmente, sérios problemas emocionais; </li></ul><ul><li>Alguns chegam a Deus depois de um longo processo de entendimento. Einstein, por exemplo; </li></ul><ul><li>Poucos preocupam-se com valores espirituais (paz, justiça, tolerância, alegria); </li></ul><ul><li>Facilmente se desequilibram emocionalmente; </li></ul><ul><li>Quando desequilibrados custam a retomar a serenidade. </li></ul>
  11. 11. MUDANÇA DE PARADIGMA EDUCACIONAL <ul><li>Pais e Professores precisam mudar a mentalidade: </li></ul><ul><li>O índigo precisa aceitar que é um ser diferente dos demais. </li></ul><ul><li>Para desenvolver-se, necessita estar rodeado por familiares que compreendam que é diferente e o apóiem no seu desenvolvimento. </li></ul><ul><li>Na escola, precisa da mesma aceitação e do mesmo apoio. Por isso, propomos a Pedagogia de Valores como o sistema mais apropriado para o seu desenvolvimento. </li></ul><ul><li>De nada adiantará insistir nos antigos paradigmas, que usavam autoritarismo, penalidades, etc. </li></ul><ul><li>Nas primeiras etapas de sua vida, principalmente, durante os primeiros sete anos, decide basicamente se aceita ou não sua condição. </li></ul><ul><li>Não pode desenvolver seu potencial apenas por si mesmo. Necessita da parceria de pais e professores que se adaptem à sua condição atípica, em lugar de, como acontece frequentemente, pretender adaptá-la a uma educação voltada aos que não possuem os mesmos recursos de que os índigos dispõem . </li></ul><ul><li>(Egídio Vecchio) </li></ul>
  12. 12. <ul><li>Se não observarmos essas colocações, continuaremos a observar maravilhosos jovens índigos perdidos, sem rumo, doentes, diagnosticados e assistidos erroneamente. </li></ul><ul><li>“ O que aconteceria se chegassem a este mundo sabendo quem são, com a sensação de pertencer a uma família e ninguém se lembrasse de vocês, e, ao contrário, os tratassem como se fossem restos da sociedade em lugar de criaturas maravilhosas que são e não pudessem fazer nada para evitar tudo isso?” </li></ul><ul><li>(Lee Carroll) </li></ul>
  13. 13. OBSTÁCULOS AO DESENVOLVIMENTO DOS ÍNDIGOS <ul><li>Incutir-lhes medo, sem compreender a autêntica verdade de como funcionam as coisas; </li></ul><ul><li>Preocupá-lo desnecessariamente; </li></ul><ul><li>Fazer um drama trágico por coisas que sempre podem ser solucionadas; </li></ul><ul><li>Mostrar a ele aspectos baixos e negativos da vida como se essa fosse a única realidade humana; </li></ul><ul><li>Não confiar na sua pureza de intenções; </li></ul><ul><li>Ter intenção pouco firme em assuntos que colocam em jogo os valores humanos. </li></ul>
  14. 14. NÃO USE FRASES NEGATIVAS <ul><li>“ Você vai cair”; “Deixe que eu faço, você não pode ajudar”; “coitado do meu filho”; “Não adianta, você nunca aprenderá”; “Por que não faz como seu irmão?” “Quando você vai parar de errar?” </li></ul>
  15. 15. FACILIDADES AO DESENVOLVIMENTO DOS ÍNDIGOS <ul><li>Orientá-lo para conscientizar-se de que tem um “Eu Superior”ou potencial de muito poder; </li></ul><ul><li>Ensiná-lo a não se preocupar com o futuro de modo que conserve seu coração em paz e alegria; </li></ul><ul><li>Treiná-lo para não entrar em faixas de energias inadequadas, negativas; </li></ul><ul><li>Orientá-lo de modo que possa ativar seus valores de justiça, alegria e paz; </li></ul><ul><li>Ensinar-lhe a meditar para perguntar a Deus: “O que quer que eu saiba?” </li></ul><ul><li>Ensinar-lhe que todo problema é criado por ele e que ele, do mesmo modo como teve poder para criar o problema, tem, também, poder no seu “Eu Superior” para solucioná-lo. </li></ul>
  16. 16. CRIANÇAS CRISTAL <ul><li>“ As crianças cristal são os chamados pacificadores, pois trazem atributos de paz e equilíbrio para poderem continuar o trabalho começado pelas crianças índigo. Ambas as crianças representam um desafio para a sociedade, especialmente para os pais. A forma de tratar as crianças vai ter que mudar”. </li></ul><ul><li>(Tereza Guerra) </li></ul>
  17. 17. CRIANÇA ÍNDIGO X CRIANÇA HIPERATIVA <ul><li>HIPERATIVO : uma criança hiperativa tem um movimento mais compulsivo e move-se inclusive quando dorme. pede atenção continuamente mas não presta atenção, necessita sempre de estar com alguém e aprende por repetição. </li></ul><ul><li>ÍNDIGO : sabe concentrar-se sempre que tenha um estímulo criativo e pede para que lhe dêem atenção. Aprende por explicação porque pode escutar, o hiperativo, não. </li></ul><ul><li>A diferença é que o hiperativo não pode concentrar-se em nenhum lugar, devido à sua disfunção neurobiológica, em maior ou menor medida. </li></ul><ul><li>A criança índigo atua compassadamente e o hiperativo não controla bem o espaço, tem problemas de psicomotricidade e não é consciente de que pode fazer danos aos demais. </li></ul>
  18. 18. CRIANÇA ÍNDIGO X CRIANÇA HIPERATIVA <ul><li>O índigo é prudente, o hiperativo não tem sentido de temor; o índigo precisa de explicação, o hiperativo de repetição. </li></ul><ul><li>Ao começar a falar, o índigo faz frases inteiras, o hiperativo faz frases curtas, repetitivas e com falta de conexão e coerência com a realidade temporal/espacial. </li></ul><ul><li>Uma diferença fundamental é que o índigo expressa suas emoções. As crianças índigo são chamadas ‘rompedoras de sistemas”. Os Cristais são ‘pacificadores’. </li></ul><ul><li>PALAVRAS-CHAVE PARA CONHECER UM ÍNDIGO : LIDERANÇA, ENTUSIASMO, INOVAÇÃO, ORIGINALIDADE, CRIATIVIDADE, CARISMA E AUTONOMIA. </li></ul><ul><li>Crises significam oportunidades;é a missão do índigo, oportunidade para transformação da justiça coletiva. </li></ul><ul><li>http://www.ritalindeath.com </li></ul>
  19. 19. FOSTES UMA CRIANÇA ÍNDIGO? <ul><li>Sentias-te diferente em relação a outra criança quando eras pequeno? </li></ul><ul><li>Sentias vontade de estar sozinho no recreio da tua escola e, por vezes, fugias das confusões, isolando-te? </li></ul><ul><li>Tinhas dificuldade em arranjar amigos que entendessem as tuas idéias? </li></ul><ul><li>Sentias-te distante de tua família? Daquilo que apresentavam como valores principais ou, máximas que repetiam com freqüência, como se fossem leis universais, mas que te pareciam pura loucura? </li></ul><ul><li>Na escola não te interessavam as matérias e preferias desligar-te daquilo que os professores ensinavam, por achares pouco criativo, interessante ou afastado de qualquer interesse para o teu futuro? </li></ul><ul><li>Sentias-te muito melhor e mais feliz quando te encontravas sozinho, junto da natureza ou junto dos animais? </li></ul><ul><li>Achavas que havia muitas outras coisas, muito mais para viver, do que aquilo que os teus pais, professores e colegas sabiam ou falavam? </li></ul>
  20. 20. FOSTES UMA CRIANÇA ÍNDIGO ? <ul><li>Acreditavas na tua intuição e punha-la à prova frequentemente com êxito? </li></ul><ul><li>Aborrecias-te com as conversas que ouvias em casa ou em transportes públicos e/ou outros locais que tinhas de freqüentar diariamente? </li></ul><ul><li>Sentias-te revoltado com a injustiça, a guerra, a fome, o mau-trato de animais ou plantas e não conseguias ver filmes de violência ou quaisquer tipos de maus tratos à pessoas, crianças ou animais? </li></ul><ul><li>Sabias e sentias, com a percepção íntima, que tinhas, nesta vida uma importante missão (apesar de não saber qual era?) </li></ul><ul><li>Na infância, recordas ter tido algumas experiências psíquicas, sonhos vividos e algumas habilidades mágicas ou experiências que tenhas tido? </li></ul><ul><li>Se responderes a 4 ou mais questões afirmativamente, perceberás que já existia em ti a energia índigo, desde bastante cedo. </li></ul>
  21. 21. Sites: <ul><li>http://www.cultivaelespiritu.com.ar </li></ul><ul><li>http://www.indigochild.com </li></ul><ul><li>http://www.near-death.com/experiences </li></ul><ul><li>http://www.planetlightworker.com </li></ul><ul><li>http://www.conates.tripod.com.ve/ninos_indigo/id15.html </li></ul><ul><li>http://www.institutodainteligencia.blogspot.com </li></ul><ul><li>http://www.calphysics.org/zpe.html </li></ul><ul><li>http://www.stampscapes.com/hand1.html </li></ul><ul><li>http://www.pan-portugal.com </li></ul><ul><li>http://www.harmonia.interiorcom </li></ul>
  22. 22. BIBLIOGRAFIA <ul><li>CARROLL, Lee, TOBER, Jan. Crianças Índigo . Tradução: Yma Vick. São Paulo: Butterfly, 2005. </li></ul><ul><li>GUERRA, Tereza. Crianças Índigo. Carcavelos: Angelorum, 2004. </li></ul><ul><li>GUERRA, Tereza. O poder Índigo. Carcavelos: Angelorum, 2005. </li></ul><ul><li>VIRTUE, Doreen. As Crianças Cristal. Tradução: Maria Joaquina Piteira. Lisboa: Sinais de fogo, 2004. </li></ul><ul><li>VECCHIO, Egídio. Educando Crianças Índigo. São Paulo: Butterfly, 2006. </li></ul>
  23. 23. Uma criança índigo é uma criança que tem e que expressa a freqüência índigo.
  24. 24. <ul><li>É a vibração do chacra frontal. </li></ul>
  25. 25. Segundo a medicina tradicional chinesa, que é a medicina milenar, mais séria, mais verdadeira e com mais resultados de mudanças que existe – a medicina oriental – segundo a medicina oriental, o nosso corpo é formado por energia elétrica e energia magnética. Temos e vivemos constantemente dentro de um campo eletromagnético formado por 72.000 possibilidades de conexão, de possibilidades, de canais que interatuam, formando a nossa rede energética. O lugar onde coincide todo este entrançado energético ou aura, é sobre a linha média imaginária do nosso corpo, configurando aquilo que se chama os vórtices energéticos ou chacras. O sistema de chacras é o sistema de vórtices energéticos no qual se baseia a acupuntura, a digitopuntura, a cinesiologia, etc . Temos sete vórtices energéticos .
  26. 26. Não vemos porque são formados pela partícula mais pequenina que existe: o elétron... que não é visível para o olhar comum. ou seja: não tem a massa física suficiente para ser visto. Portanto, não podemos ver os chacras, a menos que tenhamos visão áurica ou sejamos videntes. Se traduzíssemos em cor o chacra frontal, que unifica as qualidades do hemisfério cerebral direito e do hemisfério cerebral esquerdo, veríamos que tem a cor índigo, azul-cobalto ...
  27. 27. Se cada um se traduzisse em comprimento de onda em relação a uma cor, daria uma cor determinada dentro do espectro, da mesma gama que o nosso arco-íris.
  28. 28. As chamadas crianças índigo nascem já com este chacra, com este vórtice energético, acrescido das qualidades de ambos os hemisférios cerebrais mais desenvolvidas que o normal
  29. 29. EGÍDIO VECCHIO <ul><li>Radicado no Brasil desde o ano de 1972, é argentino,doutor em psicologia, psicopedagogia e psicologia clínica. </li></ul><ul><li>Reside em Porto alegre onde está à frente do Instituto Portal do Índigo e da Escola Brasileira de Reiki </li></ul>
  30. 30. TEREZA GUERRA <ul><li>Licenciada em filosofia pela Universidade de Lisboa. Possui pós-graduações em filosofia e no âmbito da educação e também mestrado em ciências da Educação. </li></ul><ul><li>Desde 1980, tem orientado a sua investigação no domínio da Psicologia Transpessoal, Método de Controlo da Mente, Evolução da consciência, tendo graduações nas referidas áreas e Mestrado em Reiki. </li></ul>

×