Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Trabalho módulo 1 suporte básico de vida - daniela dantas

6,073 views

Published on

  • Be the first to comment

Trabalho módulo 1 suporte básico de vida - daniela dantas

  1. 1. Trabalho realizado por:Daniela Dantas nº810º AGD2Ano Letivo2011/2012Técnico de Apoio à Gestão DesportivaFormação - Bombeiros Voluntários deBarcelosProf. Cristina SardinhaPráticas de Atividades Físicas eDesportivas1
  2. 2. Índice Introdução ---------------------------------------------------------- 3 O que é Suporte Básico de Vida------------------------------ 4 Quantos/quais procedimentos existem?-------------------- 5 1º procedimento--------------------------------------------------- 6 2º procedimento------------------------------------------------- 7-8 3º procedimento. -------------------------------------------- 10-12 Como iniciar Suporte Básico de Vida.------------------ 13-14 Hemorragias -------------------------------------------------------------- 15 O que são hemorragias? ---------------------------------------------- 16 Hemorragias Capilares --------------------------------------------------17 Hemorragias Arteriais -------------------------------------------------- 18 Hemorragias Venosas -------------------------------------------------- 19 Queimaduras -------------------------------------------------------------- 20 Queimaduras 1º grau --------------------------------------------------- 21 Queimaduras 2º grau --------------------------------------------------- 22 Queimaduras 3º grau --------------------------------------------------- 23 Fraturas -------------------------------------------------------------------- 24 Fraturas Abertas -------------------------------------------------------- 25 Fraturas Fechadas ------------------------------------------------------ 26 Conclusão --------------------------------------------------------------------- 27 Bibliografia –------------------------------------------------------------- 282
  3. 3. Introdução Nos dias, 29 de Novembro e 6 deDezembro, a minha turma AGD2, do10º ano teve uma pequenaformação sobre Suporte Básico deVida, referente ao módulo dePrimeiros Socorros.O trabalho vai conter a explicaçãodo SBV e para que serve, vaitambém mostrar os procedimentose como fazê-los quando necessário.3
  4. 4. O que é Suporte Básico deVida? Suporte Básico de Vida ou SBV é oconjunto de medidas eprocedimentos técnicos que temcomo objetivo salvar a vitima,quando esta corre perigo de vida.4
  5. 5. Quantos/quais procedimentosexistem? Existem 3 procedimentos que devemseguir esta ordem : Avaliar as condições de segurançado local; Avaliar o estado de consciência davitima; VOS (ver, ouvir, sentir).5
  6. 6. 1º Procedimento Avaliar as condições de segurançado local, ou seja garantir asegurança da vitima e do socorristaprincipalmente.6
  7. 7. 2º Procedimento Avaliar o estado deconsciência da vitima. Como se faz?• Temos de tocar nos dois ombrose perguntar se está tudo bem,pois a vitima pode ser surda e sefalarmos apenas ela pode estarconsciente e nós pensarmos quenão pois ela não nos vairesponder, ou até porque podeter uma paralisia e não sentir.7
  8. 8.  Neste procedimento , caso a vitimaesteja inconsciente, fazemos o 1ºpedido de ajuda , gritando AJUDAVITIMA INCOSCIENTE !8
  9. 9. 3º Procedimento VOS (ver, ouvir, sentir ) Como se faz?• Em primeiro lugar, cortamos a roupada vitima,9
  10. 10. • logo de seguida coloca-se umamão na testa, os dedos indicador emédio no queixo, e empurra-se paratrás e encostamos o nosso ouvido àboca da vitima e olhamos para opeito para ver-mos se a vitimarespira. Este procedimento faz-sedurante 10 segundos.10
  11. 11. • Se a vitima respirar, coloca-se avitima em posição lateral desegurança e espera-se pela ajuda.11
  12. 12.  Se não respirar faz-se o 2º pedido deajuda, chama-se o 112.• Na chamada devemos de dizercomo nos chamamos, ondeestamos, o que temos e o queprecisamos12
  13. 13. Depois iniciamos o SBV Se for adulto, fazemos 30 compressões (atécnica é pôr a parte que está entre amão e o pulso , no eixo do tórax ,entre opeito, e por as mãos entrelaçadas, e odedo anelar na direção da zona mamilar,e o tórax tem que descer cerca de 5/6cm). E quando acabar a 30ª compressãofaz 2 insuflações, e assim sucessivamente,até ficar consciente, se caso se mexerparamos de fazer o SBV e fazemosnovamente o VOS.13
  14. 14.  Se for criança, fazemos 1 min de SBV, fazemos 5 insuflações de inicio deseguida 15 compressões (a técnicaé a mesma, mas só se usa uma mãopois a criança é mais sensível epode-se fraturar uma costela)quando acabar a 15º compressão,faz-se 2 insuflações.14
  15. 15. 15
  16. 16. O que são hemorragias? Hemorragia é a perda de sanguedo sistema circulatório.As Hemorragias podem ser :• Capilares• Arteriais• Venosas16
  17. 17. Hemorragias Capilares As hemorragias capilares ocorrementre a pele (derme e epiderme-camadas).17
  18. 18. Hemorragias Arteriais As hemorragias arteriais ocorrem nasartérias, o sangue sai em jato cada vezque o coração bombeia, pode-seaplicar gelo porque assim o sangue vaicoagular. Na hemorragia arterialpode-se colocar uma compressa equando esta estiver molhada ou sujanunca se deve tirar a primeiracompressa colocar sempre á segundapor cima da primeira só se estivermesmo cheio de sangue é que temosde colocar uma nova.18
  19. 19. Hemorragias Venosas As hemorragias venosas ocorremnas veias e quando ocorrem, podesair só um sangue corrente, quequando pressionado pode parar.(por ex. : quando vamos tirar sanguepara analisar, logo depois sai algumsangue e por isso pressiona-mos azona e pouco depois deixa de sair).19
  20. 20. 20
  21. 21. QueimadurasAs queimaduras podem ser :• 1º grau• 2º grau• 3º grau21
  22. 22. Queimaduras 1º grau As queimaduras de 1ºgrau,geralmente não são muito graves,devemos deixar debaixo da águacorrente e podemos colocar umacompressa. Destaca-se com a zonavermelha e com dor.22
  23. 23. Queimaduras 2º grau As queimaduras de 2ºgrau vãoprovocar bolhas de água (nuncadevemos rebentá-las). Devemos regarcom água/soro. Provoca uma dorintensa. . Em qualquer grau dequeimadura, devemos sempre deixar aparte da roupa intata da zona daqueimadura, principalmente no 2º grau porcausa das bolhas de agua pois podearrancar pele.23
  24. 24. Queimaduras 3º grau As queimaduras de 3ºgrau há umadestruição na derme e na epiderme.Não vai provocar dor pois houveuma destruição total das camadas.Destaca-se por uma parte escura.Devemos regar sempre comágua/soro.24
  25. 25. 25
  26. 26. FraturasAs fraturas podem ser :• Abertas• Fechadas26
  27. 27. Fraturas Abertas Fratura aberta é quando há umadescontinuidade do osso e ocorreum rompimento da pele, ou seja oosso sai fora.27
  28. 28. Fraturas Fechadas Fratura fechada é quando há umadescontinuidade do osso e nãoocorre nenhum rompimento napele, ou seja o osso não sai fora.28
  29. 29. Conclusãoo Espero que tenham gostado dotema e do trabalho, porque euadorei.o Não sabia que o suporte básico devida consistia naquelesprocedimentos e que podiam salvarvidas sem sermos uns profissionais noassunto.o Acho o tema muito interessante eútil .29
  30. 30. Bibliografia Relatórios das palestras dos BombeirosVoluntários de Barcelos. http://www.slideshare.net/robsoncosta/suporte-bsico-vida-presentation http://pt.wikipedia.org/wiki/Suporte_b%C3%A1sico_de_vida http://www.google.pt/search?hl=pt-PT&q=sbv+wikkipedia&gs_sm=e&gs_upl=9468l16690l0l16956l46l22l0l0l0l5l1208l3914l5.12.2.7-1l22l0&bav=on.2,or.r_gc.r_pw.,cf.osb&biw=1366&bih=655&wrapid=tlif132362036013210&um=1&ie=UTF-8&tbm=isch&source=og&sa=N&tab=wi&ei=G9jkTsGlOYrxsgatjKWKCQ30

×