A Carta Formal e Informal

134,244 views

Published on

Published in: Education
4 Comments
16 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
134,244
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3,103
Actions
Shares
0
Downloads
1,323
Comments
4
Likes
16
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

A Carta Formal e Informal

  1. 1. Texto utilitário - A CARTA <ul><li>A carta </li></ul><ul><li>Intencionalidade comunicativa da carta </li></ul><ul><li>Tipos de carta </li></ul><ul><li>Estrutura da carta </li></ul><ul><li>Sobrescrito </li></ul>
  2. 2. A CARTA <ul><li>Instrumento de comunicação em </li></ul><ul><li>que um “ EU ” específico se dirige a um </li></ul><ul><li>“ TU”, também específico, através de </li></ul><ul><li>um canal que é o papel. </li></ul>
  3. 3. Esquema de comunicação Papel (canal) mensagem EU TU Destinador (Emissor) Destinatário (Receptor) envia a mensagem recebe a mensagem
  4. 4. Intencionalidade da carta <ul><li>Permite comunicar com alguém que se encon-tra ausente para : </li></ul><ul><li>dar notícias; </li></ul><ul><li>mandar cumprimentos; </li></ul><ul><li>fazer pedidos; </li></ul><ul><li>reclamar; </li></ul><ul><li>apresentar-se. </li></ul>
  5. 5. Intencionalidade da carta <ul><li>Por isso, é necessário adequar os diferentes registos de língua em função das situações e dos interlocutores : </li></ul><ul><li>- registo corrente; </li></ul><ul><li>- registo familiar; </li></ul><ul><li>- registo cuidado </li></ul>
  6. 6. Tipos de carta <ul><ul><li>Carta Formal: </li></ul></ul><ul><ul><li>- carta oficial ; </li></ul></ul><ul><ul><li>- carta comercial ; </li></ul></ul><ul><ul><li>- carta resposta a um pedido de emprego. </li></ul></ul>
  7. 7. Tipos de carta <ul><ul><li>Carta Informal : </li></ul></ul><ul><ul><li>- familiar (a um amigo ou familiar); </li></ul></ul><ul><ul><li>- de amor. </li></ul></ul>
  8. 8. <ul><li>António Oliveira </li></ul><ul><li>R. De S. Francisco, 101, R/C VILA MAIOR, 05/01/08 </li></ul><ul><li>5742 VILA MAIOR </li></ul><ul><li>Ao Senhor Director </li></ul><ul><li>do Departamento de Pessoal </li></ul><ul><li>do Ministério da Justiça </li></ul><ul><li>Rua da Prata </li></ul><ul><li>1000 Lisboa </li></ul><ul><li>Exmo. Sr. </li></ul><ul><li>Tendo conhecimento de que V. Exa. abriu inscrições para o lugar de monitores de Informática, venho candidatar-me, apresentando, em separado, o meu curriculum vitae . </li></ul><ul><li>Apresento a V. Exa. Os meus respeitosos cumprimentos. </li></ul><ul><li>António Oliveira </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Viana, 15 de Dezembro de 2005 </li></ul><ul><li>Ilmos. Srs. Castro & Irmão </li></ul><ul><li>Rua do Bonjardim, 150 </li></ul><ul><li>Porto </li></ul><ul><li>Amigos e Srs. </li></ul><ul><li>Muito grato lhes ficarei se me remeterem, com a maior brevidade possível, amostras de riscados e sedas de todas as qualidades e padrões que tiverem em armazém. </li></ul><ul><li>Se os preços e as qualidades me agradarem, farei imedia-tamente uma encomenda. </li></ul><ul><li>Aguardando a resposta, subscrevo-me com estima e con-sideração. </li></ul><ul><li>De V. Sas. </li></ul><ul><li>Mto. Ato. e Obrigado </li></ul><ul><li>Camilo Arantes </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Prezados Senhores, </li></ul><ul><li>Receptiva a nova proposta de trabalho na área Administrativo-Financeira, apresento-vos o meu currículum vitae anexo. </li></ul><ul><li>Entre as minhas características básicas destaco: a adaptabi-lidade, o dinamismo, (…) dedicação ao trabalho e bom rela-cionamento em geral. </li></ul><ul><li>Disponibilizo-me para viagens, de acordo com a necessidade da organização. </li></ul><ul><li>Aguardando posterior contacto da V. parte, coloco-me à disposição para prestar mais esclarecimentos. </li></ul><ul><li>Atenciosamente, </li></ul><ul><li>Maria Tavares </li></ul>
  11. 11. Estrutura da carta <ul><li>Cabeçalho; </li></ul><ul><li>Fórmulas de saudação; </li></ul><ul><li>Corpo da carta; </li></ul><ul><li>Fecho; </li></ul><ul><li>Fórmulas de despedida; </li></ul><ul><li>Post-scriptum </li></ul>
  12. 12. Cabeçalho <ul><li>local e data </li></ul><ul><li>denominação e saudação ao destinatário </li></ul><ul><li>Marrazes, 02 de Novembro 2006 </li></ul><ul><li>Amiga Joana, </li></ul>
  13. 13. Fórmulas de saudação <ul><li>a saudação inicial varia consoante a relação com o destinatário: </li></ul><ul><li>a um representante de entidades colectivas; </li></ul><ul><li>a um desconhecido; </li></ul><ul><li>a um superior / a uma pessoa respeitável; </li></ul><ul><li>a um amigo; </li></ul><ul><li>a um familiar. </li></ul>
  14. 14. Fórmulas de saudação inicial Exmos. ou Ilmos. Senhores Exmas. ou Ilmas. Senhoras Exmo. Senhor + título (Exmo. Sr. Procurador da República) Exmo. Senhor Exma. Senhora Querido pai Querida mãe Caros tios (…) Nome próprio António Caro + nome próprio Caro António Amigo+ nome próprio Amigo António (…) A um representante de entidade colectiva A uma pessoa respeitável A um desconheci-do A um familiar A um amigo
  15. 15. Corpo da Carta <ul><li>INTRODUÇÃO : </li></ul><ul><li>- para saudar ou apresentar brevemente o objectivo da carta ; </li></ul><ul><li>DESENVOLVIMENTO : </li></ul><ul><li>- para tratar com algum pormenor o assunto principal, introduzir outros assuntos e apresentar argumentos, se necessário; </li></ul><ul><li>CONCLUSÃO : </li></ul><ul><li>- para encerrar o assunto e fazer despedidas </li></ul>
  16. 16. INTRODUÇÃO <ul><li>Depois de tão grande ausência de notícias, decidi escrever-te para te falar de mim e para te dizer que aguardo novas tuas. </li></ul>
  17. 17. DESENVOLVIMENTO <ul><li>Cheguei ontem de férias, que, este ano, foram bastante variadas: quinze dias no Algarve, um mês no campo e uma semana, em Londres. </li></ul><ul><li>E tu, como passaste as tuas férias? Estou ansiosa por saber por onde e com quem tens andado. A tua família continua fixe? Já sabes quando começam as aulas na tua escola? </li></ul>
  18. 18. CONCLUSÃO <ul><li>E por aqui me fico, esperando que, em breve, cheguem várias notícias tuas . </li></ul>
  19. 19. Fórmulas de Despedida <ul><li>Saudades aos teus pais e irmãs e um grande abraço para ti da tua amiga. </li></ul><ul><li>Ana </li></ul>Assinatura
  20. 20. Fórmulas finais de despedida <ul><li>a fórmula de despedida depende também da relação com o destinatário (amizade, delicadeza, etc.) a: </li></ul><ul><li>a um representante de entidades colectivas; </li></ul><ul><li>a um desconhecido; </li></ul><ul><li>a um superior / a uma pessoa respeitável; </li></ul><ul><li>a um amigo; </li></ul><ul><li>a um familiar. </li></ul>
  21. 21. Fórmulas finais de despedida Com os mais respeitosos cumprimentos Apresento a V. Exa. os meus respeitosos cumprimentos Com os nossos melhores cumprimentos. Com toda a atenção Abraços e beijos Saudades Beijinhos Um abraço Um beijo Cumprimen-tos Chau, etc. A um representante de entidade colectiva A uma pessoa respeitável A um desconhecido A um familiar A um amigo
  22. 22. Post-scriptum : <ul><li>do latim: depois de escrito; </li></ul><ul><li>registo de algo após conclusão da carta </li></ul><ul><li>(facultativo) </li></ul>
  23. 23. Post-scriptum : <ul><li>P.S. – Esqueci-me de te dizer que espero ir a tua casa nas férias do Natal. </li></ul>
  24. 24. Sobrescrito REMETENTE DESTINATÁRIO SELO
  25. 25. Sobrescrito De : Ana das Flores Rua do Vaso, n.º2 Floreira 8000-200 Florelândia
  26. 26. Sobrescrito Para : Joana das Silvas Rua da Mata, Lt 2 r/c Matagal 2000-800 Bosquelândia
  27. 27. Sobrescrito
  28. 28. Sobrescrito Para : Joana das Silvas Rua da Mata, Lt 2 r/c Matagal 2000-800 Bosquelândia De : Maria das Flores Rua do Vaso, n.º2 Floreira 8000-200 Florelândia

×