Slide Teologia

17,478 views

Published on

0 Comments
8 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
17,478
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
82
Actions
Shares
0
Downloads
703
Comments
0
Likes
8
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Slide Teologia

  1. 1. Estudo básico de Teologia <ul><li>Valdete Marques Cerqueira </li></ul><ul><li>[email_address] </li></ul><ul><li>Este slide esta baseado nas apostilhas do estudo de Teologia do Centro Educacional da Palavra e do Poder da Assembléia de Deus Ministério da Palavra e do poder com o Pr. Ricardo Mota </li></ul>
  2. 2. “ Por esta razão dobro os meus joelhos perante o Pai,... para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais robustecidos com poder pelo seu Espírito no homem interior;..., a fim de que,..., possais compreender,..., e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios até a inteira plenitude de Deus...” (Efésios 3:14-20) “ Aquele que busca conhecimento, com o propósito de se exibir para as pessoas, torna-se sinônimo de vaidade. Aquele que busca conhecimento, com o intuito de ensinar outras pessoas, torna-se sinônimo de amor. Mas aquele que busca conhecimento, visando aplicar o conhecimento adquirido em sua própria vida, torna-se sinônimo de sabedoria.” (Pr. Richard Baxter, autor do livro 'O Pastor Aprovado')
  3. 3. <ul><li>Estudo de Teologia </li></ul><ul><li>é a ciência de Deus e Suas relações com o universo . </li></ul><ul><li>A importância do estudo da teologia </li></ul><ul><li>Alcançar um conhecimento mais amplo de Deus e de seus atos e planos </li></ul><ul><li>eternos </li></ul><ul><li>Conhecer a Bíblia, não apenas em seu contexto original, mas na situação e </li></ul><ul><li>ambiente em que vivemos hoje, em meio a este continente do hemisfério sul </li></ul><ul><li>A teologia nos ajuda a apreciar muito mais a gloriosa realidade da salvação </li></ul><ul><li>que temos recebido por meio de Jesus Cristo. </li></ul><ul><li>Poder distinguir entre ensinamentos certos e errados, fato que é de grande </li></ul><ul><li>valor. A teologia bíblica argumenta em prol da verdade, com uma visão </li></ul><ul><li>histórica, eclesiástica, filosófica e ética. </li></ul><ul><li>A teologia, feita de forma séria, nos convida a buscar a santidade com mais </li></ul><ul><li>zelo e odiar o pecado com mais intensidade; algo que não deve jamais </li></ul><ul><li>ser desprezado. </li></ul><ul><li>A teologia deve nos ensinar a adorar com o coração e a vida.. </li></ul><ul><li>A teologia tem como alvo preparar os cristãos para combater eficazmente </li></ul><ul><li>heresias e desvios doutrinários, além de outras práticas reprováveis . </li></ul>
  4. 4. <ul><li>O Estudo da Teologia pode ser dividido em quatro áreas </li></ul><ul><li>A Teologia Exegética </li></ul><ul><li>Ocupa-se diretamente do estudo do texto sagrado e assuntos relacionados, tais como auxílio na restauração, orientação, ilustração e interpretação daquele texto. </li></ul>
  5. 5. A Teologia Histórica . Traça a história do povo de Deus através da Bíblia e da igreja desde a época de Cristo. Ela trata da origem, desenvolvimento e dispersão da verdadeira religião e também das suas doutrinas, organizações e práticas.
  6. 6. A Teologia Sistemática. Toma o material fornecido pela teologia exegética e histórica e o arranja em ordem lógica sob os grandes títulos do estudo teológico. Em outras palavras, a teologia sistemática é uma correlação de informações bíblicas como um todo de modo ordenado, a fim de explicar e apresentar sistematicamente o conteúdo total referente a aspectos distintos da revelação de Deus.
  7. 7. A Teologia Prática . Trata da aplicação da teologia na regeneração, santificação, edificação, educação e serviço dos homens. Ela busca aplicar à vida prática aquilo que os outros três departamentos da teologia contribuíram
  8. 8. <ul><li>Deus se revela ao homem de duas formas: </li></ul><ul><li>Através da “revelação geral ” </li></ul><ul><li>b) E a “revelação Específica “ </li></ul>
  9. 9. A Revelação Geral Ela é encontrada na natureza, na história e na consciência ” (também chamada de revelação universal ou natural) “ Os céus proclamam a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Um dia faz declaração a outro dia, e uma noite revela conhecimento a outra noite.” (Salmo 19:1-2)
  10. 10. A revelação específica São atos de Deus pelos quais Ele dá a conhecer a Si próprio e a Sua verdade em momentos especiais e a povos específicos. (também chamada de revelação particular ou especial ) na forma de milagres, na forma de profecias, na pessoa de Jesus Cristo, nas Sagradas Escrituras e através da nossa experiência pessoal.
  11. 11. Qual a importância da utilização de alguns termos técnicos teológicos <ul><li>Ajuda na compreensão de leituras realizadas em outros livros que tratam do mesmo assunto; </li></ul><ul><li>b) Facilita a realização de uma pesquisa posterior sobre um determinado assunto ou quando precisamos nos aprofundar um pouco mais sobre algum tema específico. </li></ul>
  12. 12. O que é teofania <ul><li>A TEOFANIA </li></ul><ul><li>Teofania, do grego (theophánia), é uma palavra formada por (Theós = Deus) + (Phaínos = aparecer). Literalmente significa “alguma manifestação visível (perceptível) de Deus, na forma que Ele quiser”. </li></ul><ul><li>( é um termo teológico que indica qualquer manifestação temporária e normalmente visível de Deus. ) </li></ul>
  13. 13. Epifania, do grego (epipháneia), significa “o que aparece de repente” ou “manifestação”. Em que a teofania difere da epifania
  14. 14. Em que a teofania difere da epifania Tanto a teofania como a epifania podem se referir a um tipo de manifestação de Deus. Mas dentro do estudo teológico a maior diferença entre a teofania e a epifania está no fato de que, enquanto a teofania se refere à manifestação temporária de Deus, a epifania refere-se à manifestação permanente de Deus (na encarnação de Cristo).
  15. 15. Dentro do estudo de teologia o que é antropomorfismo? <ul><li>Antropomorfismo. Do grego (anthropos = homem) + (morphé = forma, figura, aspecto exterior). Significa literalmente “de forma humana”. É a idéia de que Deus tem alguma espécie de formato, similar à anatomia humana. </li></ul><ul><li>O antropomorfismo aparece comumente no Antigo Testamento. Ali Deus é apresentado sob forma humana (Êxodo 15:3; Números 12:8), com pés (Gênesis 3:8; Êxodo 24:10), mãos (Êxodo 24:11; Josué 4:24), boca (Números 12:8; Jeremias 7:13), coração (Oséias 11:8). Além dessas formas, atribuímos a Deus qualidade e emoções humanas (Gênesis 2:2; Gênesis 6:6; Êxodo 20:5; Oséias 11:8). </li></ul>
  16. 16. Qual é a diferença entre a imanência e a transcendência de Deus? O significado de imanência é que Deus está presente e ativo dentro de Sua criação e dentro da raça humana, mesmo naqueles membros que não crêem nEle ou não Lhe obedecem. Sua influência está em toda a parte. Ele age nos processos naturais e por meio deles. Imanência significa que Deus faz grande parte de Sua obra por intermédio de meios naturais. Ele não se restringe a milagres. Ele chega a usar pessoas descrentes comuns como Ciro, a quem descreveu como seu “pastor” e “ungido” (Isaías 44:28; 45:1). Ele usa a tecnologia, as habilidades e o aprendizado humanos.
  17. 17. A transcendência de Deus O significado de transcendência é que Deus não é limitado à nossa capacidade de compreendê-Lo. Sua santidade e bondade vão muito além, infinitamente além das nossas, e isso também é verdade em relação a Seu conhecimento e poder. Ele é infinitamente maior que qualquer evento natural ou humano

×