Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Historia do Teatro-PaginaSeguinte11

5,154 views

Published on

  • Be the first to comment

Historia do Teatro-PaginaSeguinte11

  1. 1. O TEATROPágina Seguinte – 11º Ano
  2. 2. O TEATRO NA GRÉCIA ANTIGATeve a sua origem nos Com fantasias erituais em honra de Dionísio máscaras, eram entoados cânticos, os ditirambos. O Teatro de Dionísio em reconstituição do século XIX. Máscara teatral de personagem típica da Comédia Nova, século II a.C. Página Seguinte – 11º Ano
  3. 3. O TEATRO NA GRÉCIA ANTIGA Época áurea do teatro grego tragédia comédiaÉsquilo Sófocles Eurípedes Aristófanes Página Seguinte – 11º Ano
  4. 4. O TEATRO ROMANOOs romanos tinham uma forma embrionáriade teatro.Quando os romanos entraram em contatocom a Grécia, copiaram as formas gregas.Começaram por traduzir peças gregas (séc. Theatrum MarcelliIII AC).Estrangeiros radicados em Romae, depois, romanos escreverampeças, adaptando temas gregos, ouinventando temas romanos. Theatrum Pompeium
  5. 5. O TEATRO ROMANOApogeu do teatro romano. comédia tragédiaPlauto Terêncio Séneca Página Seguinte – 11º Ano
  6. 6. O TEATRO DA IDADE MÉDIAAs antigas tragédias e comédias, gregas e romanas, foram praticamenteesquecidas.As peças passaram a ser encenadas dentro das igrejas ou nos adros empalcos improvisados.O objetivo do teatro passou a ser ensinar aos fiéis o caminho da salvaçãoda alma.O auto surgiu por volta do século XII e, progressivamente, desenvolveugéneros próprios (mistérios, milagres e moralidades). Página Seguinte – 11º Ano
  7. 7. O TEATRO DA IDADE MÉDIA Teatro profanoespetáculos populares de praça e representações na Corte sermão burlesco, sottie, farsa, arreme dilho, momo e entremez.
  8. 8. O TEATRO VICENTINO GIL VICENTE, O PAI DO TEATRO PORTUGUÊS (1465?- 1536)A obra dramática do autor vemno seguimento do teatro ibérico Gil Vicente recorreu ao cómicopopular e religioso que então se para ridicularizar a sociedadefazia, mas de forma menos portuguesa do século XVI.profunda. Gil Vicente expoente máximo do teatro europeu do seu tempo. Página Seguinte – 11º Ano
  9. 9. O TEATRO RENASCENTISTA António Ferreira (1528-1569)Foi o grande teorizador do Tragédia “ CASTRO”humanismo renascentista emPortugal, no que concerne à de inspiração clássica.arte literária. A mais admirável obra dramática do classicismo português. Tem como tema os amores de D. Pedro e D. Inês de Castro. Página Seguinte – 11º Ano
  10. 10. O TEATRO NEOCLÁSSICO António José da Silva, o Judeu 1705-1739 Escreveu sátiras, criticando a sociedade portuguesa da época, influenciado pelas ideias igualitárias do Iluminismo francês. A sua obra rompeu com os modelos clássicos, inspirando-se no espírito e na linguagem do povo. Incluiu o canto e a música no espectáculo teatral. Preso pela Inquisição em 1737, foi garrotado antes de ser queimado num Auto-de-Fé em Lisboa em Outubro de 1739. É considerado o dramaturgo português mais importante do período entre Gil Vicente e Almeida Garrett. Página Seguinte – 11º Ano
  11. 11. O TEATRO ROMÂNTICO Almeida Garrett (1799 – 1854) D. Filipa de Vilhena, peça Um Auto de Gil representada pela primeira vez Vicente, levado à cena pela em 1840. primeira vez, em 1838. Otto Antscherl,crítico alemão, classificou o Frei Luís de SousaA versão integral só foi levada como a "obra maisà cena no Teatro Nacional brilhante que o teatro(atual Teatro Nacional de D. romântico produziu".Maria II) em 1850. Frei Luís de Sousa Página Seguinte – 11º Ano
  12. 12. O TEATRO NACIONAL D. MARIA II Em 1836, Passos Manuel assumiu a direção do Governo e encarregou Almeida Garrett de desenvolver o teatro português, incumbindo-o de apresentar “sem perda de tempo, um plano para a fundação e organização de um teatro nacional, o qual, sendo uma escola de bom gosto, contribua para a civilização e aperfeiçoamento moral da nação portuguesa”. Página Seguinte – 11º Ano

×