Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Julio cesar durante

910 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Julio cesar durante

  1. 1. Como VENDER PARA o GoVERNo mERCADo DE ComPRAS GoVERNAmENtAiS 2
  2. 2. O Ciclo do Desenvolvimento 3
  3. 3. 8 milhões de negócios formais (99%) 56,1% da força de trabalho formal urbana 26% da massa salarial 20% do PIB 13% do fornecimento para o governo 2% das exportações
  4. 4. O Estatuto Nacional das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte – Lei Complementar 123, de 14/12/2006. Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.
  5. 5.  Estatuto da Cidade:  C.F. – Art. 1º,3º,5º,6º,18,23,30,31,182 e 183  Lei 10.257, de 10 de julho de 2001  Estatuto do Idoso  Lei 10.741, de 1º de outubro de 2003  Estatuto da Criança e do Adolescente  Lei 8.069, de 13 de julho de 1990.
  6. 6. EMBASAMENTO LEGAL Art. 179. A União, os Estados , o Distrito Federal e os Municípios dispensarão às microempresas e às empresas de pequeno porte, assim definidas em lei, tratamento jurídico diferenciado, visando a incentivá-las pela simplificação de suas obrigações administrativas, tributárias, previdencíárias e creditícias, ou pela eliminação ou redução destas por meio de lei.
  7. 7. E A QUESTÃO DA INCONSTITUCIONALIDADE?  "a inconstitucionalidade é um estado – estado de conflito entre uma lei e a Constituição“  "inconstitucional é toda lei que viola os preceitos constitucionais“  "omitir a aplicação de normas constitucionais quando a Constituição assim o determina"
  8. 8. E A QUESTÃO DA ISONOMIA ? Ruy Barbosa baseando-se na lição Aristotélica proclamou que: “a regra da igualdade não consiste senão em tratar desigualmente os desiguais na medida em que se desigualam. Nesta desigualdade social, proporcional e desigualdade natural, é que se acha a verdadeira lei da igualdade. Os mais são desvarios da inveja, do orgulho ou da loucura. Tratar com desigualdade os iguais, ou os desiguais com igualdade, seria desigualdade flagrante, e não igualdade real. Os apetites humanos conceberam inverter a norma universal da criação, pretendendo, não dar a cada um, na razão do que vale, mas atribuir os mesmos a todos, como se todos se equivalessem”.
  9. 9. Constituição Federal DOS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS Art. 1º . A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos: I - a soberania; II - a cidadania; III - a dignidade da pessoa humana ; IV - os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa ; V - o pluralismo político.
  10. 10. Lei Complementar 123/2006 Desburocratização TRIPÉ Desoneração Desenvolvimento Inovação Oportunidades Empreendedorismo
  11. 11. ACESSO A MERCADOS Art. 47.  Nas contratações públicas da União, dos Estados e  dos  Municípios,  poderá  ser  concedido  tratamento  diferenciado  e  simplificado  para  as  microempresas  e  empresas  de  pequeno  porte  objetivando  a  promoção  do  desenvolvimento econômico e social no âmbito municipal e  regional, a ampliação da eficiência das políticas públicas e o  incentivo  à  inovação  tecnológica,  desde  que  previsto  e  regulamentado na legislação do respectivo ente. 
  12. 12. Quem regulamenta a Licitação? A União disciplina regras gerais que deverão ser obedecidas por todos os demais entes da federação (Estados, Distrito Federal e Municípios, mesmo quando não há uma regulamentação local). 14
  13. 13. Quem regulamenta a Licitação? No entanto, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios podem regulamentar: aspectos específicos de licitação, respeitando as normas gerais já estabelecidas pela União: a aplicação dos benefícios específicos para as Micro e Pequenas Empresas (artigos 47 e 48 da Lei nº 123/2006) 15
  14. 14. Súmulas e Acórdãos Acórdão 702 – TCU – as disposições dos Artigos de 42 a 45 da Lei nº 123/06 são de aplicação obrigatória... Acórdão 1.785/08 – TCU – Plenário: prever nos Editais de Licitação os benefícios de que trata a LC nº 123/06... 16
  15. 15. Ampliação do mercado Compras governamentais Artigos e Conteúdos Lei nº 123/2006 – capitulo V • Artigos 42 e 43 – tratam da regularidade fiscal. • Artigos 44 e 45 – estabelecem os critérios para o empate. • Artigo 46 – Cédula de Crédito Microempresarial. • Artigo 47 e 48 – criam benefícios específicos: Tipo I – Licitação exclusiva de até R$ 80.000,00 Tipo II – 30% em subcontratação de MPE e pagamento direto. Tipo III – 25% em lotes para as Micro e Pequenas Empresas. • Artigo 49 – mostra quando os benefícios dos Artigos 47 e 48 não devem ser aplicados 17
  16. 16. Ampliação do mercado Compras governamentais Regulamentar no âmbito municipal • Art. 47 e 48 da Lei Complementar 123/2006 • Promoção do desenvolvimento econômico e social • Ampliação da eficiência das políticas públicas • Incentivo à inovação tecnológica 18
  17. 17. Ampliação do mercado Compras governamentais Compras até R$ 80 mil Critério de desempate MERENDA ESCOLAR Cotas de 25% para todas as compras 30% Sub-contratação 19
  18. 18. Ampliação do mercado Compras governamentais ACESSO PARA AS MPES ÀS COMPRAS PÚBLICAS LEI GERAL: NOVO PARADIGMA DAS COMPRAS PÚBLICAS PARADIGMA ANTERIOR: EFICIÊNCIA e CONTROLE Comprar mais rápido e melhor pelo menor custo possível e com o máximo de controle. + NOVA POLÍTICA DE COMPRAS: USO DO PODER DE COMPRA DO MUNICÍPIO - Comprar de segmentos estratégicos e relevantes para o desenvolvimento econômico e social sustentável. NOVO PARADIGMA: EFICIÊNCIA + USO DO PODER DE COMPRA DO MUNICÍPIO 20
  19. 19. E A QUESTÃO DA SUSTENTABILIDADE ? Decreto nº 7.746, de 5 de junho de 2012 Art. 4o São diretrizes de sustentabilidade, entre outras: I – menor impacto sobre recursos naturais como flora, fauna, ar, solo e água; II – preferência para materiais, tecnologias e matérias-primas de origem local; III – maior eficiência na utilização de recursos naturais como água e energia; IV – maior geração de empregos, preferencialmente com mão de obra local; V – maior vida útil e menor custo de manutenção do bem e da obra; VI – uso de inovações que reduzam a pressão sobre recursos naturais; e VII – origem ambientalmente regular dos recursos naturais utilizados nos bens, serviços e obras.
  20. 20. Inovação tecnológica 20% das dotações de instituições de fomento ligadas a tecnologia voltados para MPEs Programas específicos de apoio tecnológico Possibilidade de redução de tributos na aquisição de equipamentos Parque Tecnológico 22
  21. 21. Estímulo a inovação Política municipal de inovação e acesso a tecnologia para a MPE Parcerias: Universidades e Instituto de pesquisa 23
  22. 22. RESULTADO Medida Micro e Pequena Empresa Desenvolvimento 1.700.000 empresas formais 3.400.000 empresas informais 600.000 desejam abrir empresas 5.700.000 empresas 24
  23. 23. vender Para 0 governo, UMa nova reaLIdade Para aS PeQUenaS eMPreSaS! O Sebrae-SP agradece! juliod@sebraesp.com.br 25

×