Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Ciclo Celular

Biologia 11º ano.
Ciclo Celular.
Fases do ciclo celular

Ciclo Celular

  1. 1. Estrutura dos cromossomas das células eucarióticas Fases do ciclo celular
  2. 2. 2 A divisão celular permite que a partir de uma célula inicial, se forme um organismo constituído por milhões de células. Da célula depende a manutenção e continuidade da vida.
  3. 3. 3 100 µm Reprodução da amiba. Reproduzem-se por divisão celular
  4. 4. 4 Dependem da divisão celular para: Desenvolvimento do ovo/zigoto Crescimento Regeneração de tecidos  Renovação de algumas células
  5. 5. 5  A divisão celular origina células-filhas geneticamente iguais entre si e à célula-mãe.  Há que assegurar que cada célula filha recebe uma cópia exata do material genético, o DNA.  Antes da divisão celular, a célula progenitora duplica o seu material genético --» Replicação semiconservativa do DNA
  6. 6. 6 --»O DNA está organizado em cromossomas, constituídos por cromatina --»DNA associada a proteínas.
  7. 7. 7 A condensação dos cromossomas resulta de um arranjo estratégico entre a molécula de DNA e as histonas (proteínas).
  8. 8. 8  Célula em divisão --» cromatina condensada --» filamentos curtos e espessos --» cromossomas visíveis ao microscópio.  Célula não está em divisão --» cromatina dispersa no núcleo --»filamentos longos e finos --» cromossomas não visíveis ao microscópio. Célula prestes a dividir-se Célula que não se encontra em divisãoCromossoma visível Filamentos de cromatina longos e finos
  9. 9. 9 0.5 µm Duplicação do cromossoma (inclui a síntese de DNA) Centrómero Separação dos cromatídios Cromatídios Centrómeros Cromatídio Uma célula eucariótica tem vários cromossomas. Antes da duplicação, cada cromossoma tem uma só molécula de DNA. Depois da replicação, o cromossoma apresenta dois cromatídios ligados pelo centrómero. Cada cromatídeo contém uma cópia da molécula de DNA. Processos mecânicos separam os cromatídios em dois cromossomas distribuindo-os pelas duas células filhas. Quando o DNA duplica, o cromossoma passa a ser constituído por dois cromatídeos. Os dois cromatídios, que se separam durante a divisão celular.
  10. 10. 10 Quando o cromossoma se duplica passa a ser constituído por 2 cromatídeos, isto é por duas moléculas de DNA associado a proteínas. Os 2 cromatídeos encontram-se ligados por uma estrutura sólida e resistente – o centrómero Centrómero Cromatídeos
  11. 11. 11 9 A parte terminal dos cromossomas designa-se por telómero e previne o encurtamento causado por enzimas que degradam o DNA a partir das extremidades da molécula. São importantes na manutenção e estabilidade dos cromossomas. Telómeros Braço curto Braço longo
  12. 12. 12  Conjunto de todos os cromossomas de uma célula ordenados por tamanho e forma.  Homem--»46 cromossomas  22 pares somáticos + 1 par sexual (XX ou XY)
  13. 13. 13
  14. 14. Ciclo celular Interfase Fase G1 Fase S Fase G2 Fase Mitótica Mitose Prófase Metáfase Anáfase Telófase Citocinese 14
  15. 15. INTERFASE G1 S (Síntese de DNA) G2  O ciclo celular tem duas fases:  Interfase – ocorre duplicação do material genético.  fase mitótica – ocorre divisão do núcleo (mitose), seguida da divisão do citoplasmas (citocinese). 15
  16. 16.  Apresenta 3 fases:  Fase G1 – a célula trabalha intensamente na biossíntese de materiais; formação de organitos; crescimento celular.  Fase S – ocorre a replicação semi-conservativa da molécula do DNA. Cada cromossoma passa a ter 2 cromatídios.  Fase G2 - sintetiza biomoléculas necessárias à divisão celular; crescimento celular e formação de organitos celulares. Período que decorre entre o fim de uma divisão celular e o início da divisão seguinte.  É a fase mais longa do ciclo celular.  Envolve as atividades normais da célula.  Parte da interfase é gasta a preparar a célula para a divisão.
  17. 17. 17
  18. 18.  Na fase mitótica consideraram-se duas fases:  Mitose = divisão do núcleo  Citocinese = divisão do citoplasma Assim a partir de uma célula- mãe formam-se duas células filhas idênticas entre si e idênticas à células-progenitora. 18
  19. 19. 19 Fase G0 Fase G1 Fase S Fase G2 Divisão Mitose e citocinese Células filhas
  20. 20.  Processo que permite que um núcleo se divida, originando dois núcleos –filhos, cada um contendo uma cópia de todos os cromossomas do nucelo original e, consequentemente a totalidade da informação genética.  É um processo contínuo, na qual se distinguem quatro fases:  Prófase  Metáfase  Anáfase  Telófase 20
  21. 21.  A célula entra em mitose  Os cromossomas condensam, tornando-se mais curtos e densos.  Os dois pares de centríolos movem-se em sentidos oposto  Começa-se a formar o fuso acromático ou mitótico (feixe de microtúbulos proteicos)  A membrana nuclear desorganiza-se e desaparecem os nucléolos Nota: O centrossoma (conjunto de centríolos) permite o formação do fuso acromático e funciona como um ponto de ancoragem e de estabilização para o sistema de microtúbulos. 21
  22. 22.  Os cromossomas atingem a máxima condensação.  Os pares de centríolos localizam-se nos pólos da célula.  O fuso acromático está completamente formado e os microtúbulos ligam-se aos cromossomas  Disposição dos cromossomas no plano equatorial da células --» Placa equatorial  Os cromossomas estão equidistantes de cada pólo 22
  23. 23. 23
  24. 24.  Dá-se o rompimento do centrómero.  Os cromatídios separam-se e movem-se em aos pólos da célula – ascensão polar dos cromossomas filhos 24 Nota: a ascensão polar dos cromossomas filhos é provocada pelos microtúbulos do fuso acromáticos que encurtam, puxando os cromossomas.
  25. 25.  Os cromossomas alcançam os polos da célula  O fuso acromático desorganiza-se  Os cromossomas descondensam-se  Reorganiza-se a membrana nuclear  Reaparecimento dos nucléolos. 25 Nota: A célula fica com dois núcleos, cada um com a mesma quantidade de cromossomas/DNA.
  26. 26. 26  O citoplasma é dividido  São formadas duas células
  27. 27.  Nas células animais 27 Sulco de clivagem Anel contráctil de microfilamentos Células-filhas 100 µm A citocinese ocorre por um processo de estrangulamento do citoplasma. No plano equatorial da célula ocorre a formação de um anel contrátil que se contrai, causando o divisão do citoplasma em duas porções iguais – formação de 2 células filhas.
  28. 28. Citocinese nas células vegetais 28 Células-filhas 1 µmVesículas que vão formar a lamela mediana Parede celular da célula parental Lamela mediana Parede celular nova
  29. 29.  As vesículas do Golgi alinham-se na região equatorial, fundem-se, originando uma placa celular.  Á medida que as vesículas se vão fundindo formam-se as mem. celulares. A posterior deposição de celulose junto da placa celular origina as paredes celulares. 29
  30. 30. 30
  31. 31.  Prófase 31 G2 da INTERFASE PRÓFASE PROMETÁFASE Centrossoma (com um par de centríolos) Cromatina (duplicada) Fuso acromático Centrómero Fragmentos da membrana nuclear Nucléolo Membrana nuclear Membrana plasmática Cromossoma, com dois cromatídios
  32. 32.  Metáfase, Anáfase e Telófase 32 Separação dos cromatídios (ficam dois cromossomas independentes) METÁFASE ANÁFASE TELÓFASE E CITOCINESE Fuso acromático ou mitótico Placa equatorial ou metafásica Formação do nucléolo Sulco de clivagem Formação da membrana nuclear
  33. 33. 33 Interfase Mitose Profase Prometafase Metafase Anafase Telofase e citocinese
  34. 34. 34 Diferenças no ciclo celular Células Mitose Citocinese Animais Existência do centrossoma, estrutura formada pelos centríolos, que organiza o fuso acromático Formação de um anel contráctil, que divide o citoplasma em duas porções semelhantes – estrangulamento do citoplasma Vegetais Ausência de centrossoma, a função é desempenhada por estruturas similares- Centros Organizadores de Microtúbulos (MTOC) Formação de uma placa celular, que permite a formação da membrana celular e também da parede celular.
  35. 35. 35
  36. 36. As células-filhas, formadas a partir da mitose, asseguram não só a continuidade da célula-mãe mas ainda a manutenção das características hereditárias desta. Porquê? Porque cada uma delas possui uma quantidade de DNA e sequência de nucleótidos exatamente iguais às da molécula de DNA progenitora.
  37. 37. 37
  38. 38. 38
  39. 39. Após a mitose e a citocinese, as células podem seguir diferentes processos:  1. Diferenciação e maturação (é o que acontece com as hemácias que, após a sua formação, deixam de cumprir o ciclo celular) ;  2. Entrada em fase G1 prolongada (também chamada G0, ocorre em células com longo período de vida e que raramente se dividem, como é o caso de algumas células do fígado), entrando mais tarde em fase de síntese e mitose;  3. Início de uma nova fase de síntese e preparação para uma nova mitose (como acontece no ovo ou zigoto)

×