Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Narrativas Pop - Aula 1

592 views

Published on

Aula de conceitos iniciais da disciplina "Narrativas Pop", da Pós Graduação em Mídias Digitais do IED.

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Narrativas Pop - Aula 1

  1. 1. NARRATIVAS POP Primeiros conceitos
  2. 2. NARRATIVAS POP  As tecnologias digitais, os novos modelos de comercialização de mídia e as crescentes mudanças nas plataformas de comunicação alteraram decisivamente as narrativas ficcionais na contemporaneidade. Narrativa Transmídia Mitologia e Storytelling HQ, cinema, tv e web Estudo de casos
  3. 3. NARRATIVAS HOJE
  4. 4. CONEXÃO MULTIPLATAFORMA  As produções são pensadas para se “espalhar” pelas diferentes plataformas, oferecendo uma experiência mais completa aos espectadores/usuários.  A consciência da segunda tela leva os produtores a criar alternativas para que as narrativas co-existam em plataformas diferentes e continuem quando uma delas se encerra.
  5. 5. COMERCIAL X ARTÍSTICO  Cinema e TV, principalmente, dividem-se entre produções de cunho artístico e as de foco completamente comercial  Existe uma crença no mercado produtor de mídia de que essa é uma divisão fixa e que algo “vendável” é sempre superficial e que não há aderência das massas aos conteúdos mais elaborados.
  6. 6. A CURA Numa trama que misturava mistério, espiritualidade e relações com o passado, o jovem médico Dimas (interpretado por Selton Mello) começa a manifestar um dom de cura – reeditando o mesmo poder demonstrado anos antes por outro médico, Otto (que pode vir a ser seu pai). O mesmo dom curador parece ter nascido muito antes, no século XVIII, com o menino Ezequiel.
  7. 7. HOJE É DIA DE MARIA É a fábula infantil de uma menina órfã de mãe, cuja madrasta a seduziu com favos de mel para depois lhe dar o fel. Sua madrasta a enterrou nas terras do pai viajante e lá cresceu um capim muito verde. Quando o pai retornou, ao passar por aquele terreno, ouviu o canto da menina e a desenterrou, ressuscitando-a. Cansada do inferno no lar, causado pela madrasta, Maria foge em busca das franjas do mar, e faz um longo passeio pelos contos populares brasileiros. Em sua viagem, Maria se encontra com vários personagens fantásticos e é amparada pela imagem de Nossa Senhora da Conceição, que dá alento.
  8. 8. BOARDWALK EMPIRE Rodada em Atlantic City, a série é uma adaptação do livro de Nelson Johnson, Boardwalk Empire: The Birth, High Times, and Corruption of Atlantic City, escrita por Terence Winter, produtor e roteirista da premiada The Sopranos. Boardwalk Empire se passa durante a época da Lei Seca nos EUA e tem como protagonista o ator Steve Buscemi, no papel de Enoch "Nucky" Thompson. O primeiro episódio foi dirigido por Martin Scorsese.
  9. 9. QUEM É O NOVO CONSUMIDOR? • Online o tempo todo • Ansiedade • Velocidade • Multitarefa • Necessidade de regras claras
  10. 10. PERCEPÇÃO Como percebemos o mundo? Olfato Paladar Tato Visão Entendimento Audição
  11. 11. PERCEPÇÃO A tecnologia mudou a forma de percebermos o mundo •Tecnoestese: tipo de estimulo sensorial criado pelos aparatos tecnológicos • Híperestese: Condição do mundo atual de constante e extremo estimulo sensorial Isso muda a forma de falar com o espectador
  12. 12. PERFIL DO NOVO CONSUMIDOR Os contatos são mais diretos  Sociedade do espetáculo  Falta de privacidade  Todos se “conhecem”, mesmo que virtualmente
  13. 13. PERFIL DO NOVO CONSUMIDOR Rapidez de pensamento  Já nasceram com o computador pessoal em casa / O computador faz parte de seu cotidiano de forma indissociável  A mente funciona como a internet, fazendo ligações em rede
  14. 14. PERFIL DO NOVO CONSUMIDOR É necessário ter conteúdo Baixo nível de atenção  Somente com conteúdo forte é possível manter a atenção  Busca constante por experiências  Envolvimento emocional 
  15. 15. PERFIL DO NOVO CONSUMIDOR Entretenimento é a chave O que une as pessoas são as similaridades (o que gosta e o que faz)  Pressões diárias aumentam necessidade de escapismo  Venda direta X Venda emocional  Relação de vida com as marcas 
  16. 16. Cenário • Alta dispersão • 65% dos americanos se sentem “constantemente bombardeados” por mensagens • 59% sentem que elas têm pouca relevância para eles. •Quase 70% afirmaram que estariam interessados em produtos ou serviços que lhes ajudassem a evitar as iniciativas de marketing. Fonte: Yankelovich Partners
  17. 17. Novo Perfil de Consumo
  18. 18. Economia Afetiva  80% das compras são feitas por 20% da base de consumidores de uma empresa. Manter a lealdade desses 20% estabiliza o mercado e permite que sejam adotadas outras abordagens para atrair outros 20%.
  19. 19. CULTURA DA CONVERGÊNCIA Tudo está conectado: o consumidor/cliente, as marcas, os aparatos tecnológicos e, principalmente, as histórias que são contadas em cada meio e em todos eles ao mesmo tempo.
  20. 20. TRANSMÍDIA Fluxo de conteúdos através de múltiplas plataformas de mídia, cooperação entre múltiplos mercados midiáticos e comportamento migratório dos públicos dos meios de comunicação, que vão a quase qualquer parte em busca de experiências de entretenimento que desejam.

×