Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Oficina de fotografia de palco - Faísca

937 views

Published on

Festival de Artes e Interações Socioculturais de Alfenas - Faísca
Material da oficina de Fotografia de Palco.

Ministrado por Thiago Bode

Published in: Art & Photos

Oficina de fotografia de palco - Faísca

  1. 1. O QUE É FOTOGRAFIA DE PALCO? Evidenciar talentos, capturar emoções e transmitir momentos.
  2. 2. O FOTÓGRAFO DE ESPETÁCULOS Concentração Sensibilidade Conhecimento Técnico Rapidez
  3. 3. CONCENTRAÇÃO É preciso estar completamente concentrado e atento a tudo que se passa diante dos olhos. Tudo acontece muito rápido, uma distração pode ser fatal.
  4. 4. SENSIBILIDADE A sensibilidade é quem vai dizer ao fotógrafo a melhor maneira de fotografar. Quanto mais envolvido com as vibrações emanadas do palco, maior a chance de captar boas cenas.
  5. 5. CONHECIMENTO TÉCNICO Você encontrará muitas situações, luzes e nescessidades diferentes. Saber como proceder é fundamental.
  6. 6. RAPIDEZ É preciso rapidez para escolher o que deve ser clicado. Nada adianta uma centena de fotos mal elaboradas.
  7. 7. BRAÇO FORTE Na grande maioria da vezes, será necessário fotografar em baixa velocidade. Manter a camera estável é imprescindível.
  8. 8. FOTOMETRIA E MEDIÇÃO A fotometria é a ciência que se preocupa em medir a luz.
  9. 9. Fotômetro usado na maioria das câmeras DSLR Subexposição Superexposição
  10. 10. MEDIÇÃO MATRICIAL É a medição usada na maioria das câmeras automáticas. Considera toda quantidade e tipos de luz existentes na cena. A área cinza da segunda imagem representa o que será priorizado na foto. Vantagem: Maior controle de leitura. Desvantagem: Ineficiente em situação de variação de luzes .
  11. 11. MEDIÇÃO CENTRAL PONDERADA Possui uma precisão um pouco maior que a anterior e define uma prioridade para a área central. A área cinza da segunda imagem representa o que será priorizado na foto. Vantagem: Melhor desempenho em destacar o assunto do fundo (retratos). Desvantagem: Composição limitada.
  12. 12. MEDIÇÃO DE PONTO A fotometria é feita apenas no ponto de focagem, descartando a informação de todo o restante da cena. A área cinza da segunda imagem representa o que será priorizado na foto. Vantagem: Controle preciso. Desvantagem: Variações bruscas na leitura.
  13. 13. DICA RÁPIDA: Não se preocupe em fotometrar a todo momento, aproveite as trocas de luzes. Experimente!
  14. 14. ISO Usar um ISO alto concede ruídos indesejáveis às fotos. Todavia, uma imagem com ruídos pode ter um certo charme. Lembre-se: O conteúdo é o mais importante.
  15. 15. BALANÇO DE BRANCO E TIPOS DE LUZ Luzes e suas temperaturas.
  16. 16. BALANÇO DE BRANCO Automático Fim de tarde - 3000-4000 K Luz do dia - 5000-6500 K Nublado - 6500-8000 K Tungstênio - 2500-3500 K Fluorescente - 4000-5000 K Flash - 5000-5500 K Sombra - 9000-10000 K Customizável
  17. 17. RAW VS JPEG ENTENDENDO OS PRINCIPAIS TIPOS DE ARQUIVOS
  18. 18. VANTAGENS - Arquivos menores. - Fotos semi prontas. - Não precisam de conversão. - Maior velocidade entre cliques. DESVANTAGENS - Compressão das informações. - Menor controle na pós edição. - Necessidade de escolha do WB préviamente. JPEG
  19. 19. VANTAGENS - Possibilidade de escolha posterior do WB. - Maior gama de cores. - Nenhuma compressão de imagem. - Melhor correção de exposição. - Maior quantidade de Informações nas sombras e altas luzes. DESVANTAGENS - Arquivos pesados. - Dificuldade na leitura. - Baixa velocidade de cliques. RAW
  20. 20. VANTAGENS - Possibilidade de escolha posterior do WB. - Maior gama de cores. - Melhor correção de exposição. - Nenhuma compressão de imagem. - Maior quantidade de Informações nas sombras e altas luzes. DESVANTAGENS - Arquivos pesados. - Dificuldade na leitura. - Baixa velocidade de cliques. RAW
  21. 21. TELE OBJETIVAS Características - Expressa emoções. - Facilidade em mostrar apenas um assunto. - Aproximação do assunto Desvantagens - Menor profundidade de campo. - Cenas fechadas.
  22. 22. GRANDE ANGULARES Características - Imersão no momento. - Maior possibilidade de composições. - Maior profundidade de campo. Desvantagens - Muitos elementos em cena. - Distorções.
  23. 23. NUNCA USE FLASH - Acabam com a iluminação e magia do palco; - Revelam elementos indesejáveis; - Causam sombras; - Atrapalham o espetáculo.
  24. 24. ACESSÓRIOS ÚTEIS BATTERY GRIP ALÇA DE MÃO
  25. 25. Composição é o que vai transformar fotos em FOTOGRAFIAS A composição é a ordem dos elementos, do primeiro plano e dos elementos secundários. É também qualidades estéticas que combinadas formam uma imagem comunicativa e agradável de se ver.
  26. 26. ELEMENTOS
  27. 27. Elementos secundários: Agarre-os ou fuja! Pedestais, amplificadores, instrumentos, cenários e até pessoas podem dificultar a composição e estragar suas fotos. Procure inseri-los com inteligência ou fazer com que não influenciem na cena.
  28. 28. A luz do palco garante grandiosidade à fotografia. As luzes em alguns casos, poderão ser o pesadelo de um fotógrafo. Utiliza-las ao seu favor é a melhor estratégia. Procure adiciona-las a composição e usa-las como o elemento cenográfico que é.
  29. 29. Expressividade = Clímax Momentos de expressividade corporal, normalmente são o clímax de um ato. Capta-los concede emoção e fortalece a carga dramática da cena.
  30. 30. ENQUADRAMENTOS
  31. 31. Seus ângulos definirão as sensações que a foto causará Posicionar os elementos corretamente na cena, garante a harmonia e podem funcionar como um roteiro para a visualização.
  32. 32. CENAS
  33. 33. Nenhum show é igual, procure cenas diferentes! Um espetáculo é composto por várias cenas, normalmente elas acontecem muito rapidamente. Fique atento e saia da mesmice.
  34. 34. PLATÉIA
  35. 35. O público também da show! Um espetáculo é sempre uma troca entre artista e público. Retratar esta sinergia é a melhor maneira de demonstrar o clima do show.
  36. 36. PÓS EDIÇÃO
  37. 37. O que é pós edição? A pós edição remete ao laboratório de revelação, onde o fotógrafo calibrava as cores e equilibrava o contraste, entre outras técnicas.
  38. 38. ADOBE LIGHTROOM Simula o laboratório de revelação, podendo alterar todas as configurações, colorização e remover distorções.
  39. 39. ADOBE PHOTOSHOP Dá mais liberdade de manuseio. É ideal para fazer crops e outras edições manuais.
  40. 40. CONCLUSÃO EMOÇÃO O maior objetivo de um fotógrafo de palco é capturar emoções. Equipamentos de caros e conhecimento técnico nada adiantam se as fotografias não expressarem os momentos e a energia criada no palco.
  41. 41. AULA PRÁTICA APRESENTAÇÃO ARTÍSTICA
  42. 42. www.flickr.com Usuario: fotografiadepalco@yahoo.com.br Senha: Faisca2014
  43. 43. MUITO OBRIGADO www.thiagobode.com.br contato@thiagobode.com.br facebook.com/thiagobodemusicphotography

×