Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Uso da vírgula

2,483 views

Published on

Uso da vírgula

Published in: Education
  • Be the first to comment

Uso da vírgula

  1. 1. CONTEÚDO: USO DA VÍRGULA PROFESSORA: THAISE ALVES
  2. 2. Objetivos: Perceber a pontuação como um recurso gramatical que contribui para a construção de sentidos do texto. Compreender o uso da vírgula como um aspecto lógico- sintático e não simplesmente prosódico. Empregar corretamente a vírgula em períodos simples e compostos.
  3. 3. QUADRO DE TRABALHO Exercícios – Nota de aula
  4. 4. Pontue, corretamente: Se o homem soubesse o valorSe o homem soubesse o valor que tem a mulher andaria deque tem a mulher andaria de quatro à sua procura.quatro à sua procura.
  5. 5. Respostas: Se o homem soubesse o valor que tem aSe o homem soubesse o valor que tem a mulher, andaria de quatro à sua (da mulher)mulher, andaria de quatro à sua (da mulher) procura.procura. Se o homem soubesse o valor que tem, aSe o homem soubesse o valor que tem, a mulher andaria de quatro à sua (do homem)mulher andaria de quatro à sua (do homem) procura.procura.
  6. 6. Uma vírgula pode mudar tudo…Uma vírgula pode mudar tudo…
  7. 7. 1. Vírgula pode ser uma pausa... ou não. Não, espere. Não espere. 2. Ela pode sumir com seu dinheiro. 23,4. 2,34. 3. Pode ser autoritária. Aceito, obrigado. Aceito obrigado.
  8. 8. 4. Pode criar heróis. Isso só, ele resolve. Isso só ele resolve. 5. E vilões. Esse, juiz, é corrupto. Esse juiz é corrupto. 6. Ela pode ser a solução. Vamos perder, nada foi resolvido. Vamos perder nada, foi resolvido. 7. A vírgula muda uma opinião. Não queremos saber. Não, queremos saber. (ABI -100 anos)
  9. 9. Uso da vírgulaUso da vírgula A vírgula é gramatical (lógico-sintática). Na leitura, pode haver pausa onde não há vírgula. A vírgula pode ser pessoal. Não há uniformidade entre os escritores quanto ao emprego da vírgula. Não há regras absolutas. A vírgula apenas assinala uma separação de sentido que já existe mentalmente. O principal objetivo da vírgula é esclarecer. (PIACENTINI, 2003)
  10. 10. Uso da vírgulaUso da vírgula As palavras na sua posição natural não precisam de vírgula. Na casa 1 – sujeito; Na casa 2 – verbo; Na casa 3 – complementos (elementos necessários ao verbo ou ao sujeito); Na casa 4 – circunstâncias (tempo, lugar, modo e outras). (LUFT, 2002)
  11. 11. 1 2 3a 3b A guerra de hoje será a vitória de amanhã. O rapaz deu o livro ao colega. 1 2 3 4 A CPI revelará toda a verdade segundo o deputado. OBS.: Quem sabe, sabe. (opcional) Quem diz vou, não vai. (opcional)
  12. 12. LOGO... Não se admite, no interior de orações, o uso da vírgula para separar o sujeito do predicado verbal, o verbo do seu complemento e o núcleo do substantivo de um adjunto adnominal ou de complemento nominal. (Abaurre, 2006)
  13. 13. A VÍRGULA NO INTERIOR DAS ORAÇÕES
  14. 14. Separa constituintes sintáticos idênticos Ganhei livros, revistas, discos e cds. (O.D) Os livros, as revistas, os discos e os cds serão guardados com carinho. (SUJ.)
  15. 15. Isola o aposto, o vocativo e termos repetidos Tudo, os livros, as revistas, os discos e os cds, será guardado com carinho. Amigos, guardem seus objetos com carinho. Tudo, tudo, tudo o que li me fez crescer.
  16. 16. Isola o adjunto adverbial deslocado e/ou quando extenso Durante toda a festa, só me interessavam meus discos e livros. Estivemos, toda a tarde, ouvindo música.
  17. 17. Indica inversões ou elipses Uma enorme alegria, eu senti quando li aquele livro. (O.D.) Na estante, livros, revistas e cds. (Há, havia)
  18. 18. Isola expressões corretivas, explicativas, escusativas ou conjunções intercaladas Devo dizer que adoro livros, aliás, discos também. Gosto de livros, não costumo, contudo, comprá-los.
  19. 19. Isola números, e topônimos de datas FORTALEZA, 14 DE MARÇO DE 2012. Av Santos Dumont, 485 Obs: Quando o numeral se refere ao substantivo do qual é adjunto, não há vírgula.
  20. 20. A vírgula entre orações
  21. 21. Coordenadas Assindéticas Foi à livraria, folheou os livros, nada comprou. Sindéticas (não introduzidas pela conjunção e) Foi à livraria, mas nada comprou. Antes da conjunção e, quando os sujeitos forem diferentes Eu comprei livros, e meu amigo, cds.
  22. 22. Subordinadas substantivas Somente as substantivas apositivas (, ou :) Eu só desejo uma coisa, que a música o acalme. Eu só desejo uma coisa: que a música o acalme.
  23. 23. Subordinadas adjetivas Somente as adjetivas explicativas Os livros, que estavam expostos, foram vendidos. Os livros que estavam expostos foram vendidos. (Adjetiva restritiva)
  24. 24. Subordinadas adverbiais Antepostas ou intercaladas à principal Logo que ouviu a música, acalmou-se. Obs.: Se pospostas, o uso da vírgula é facultativo. Acalmou-se quando ouviu a música. Acalmou-se, quando ouviu a música.
  25. 25. Atividade de fixação QUESTÃO 1) Em seguida vai um pequeno trecho de Machado de Assis, pontuado de diversos modos. Só uma vez a pontuação estará de acordo com as normas gramaticais. Assinale-a: a) Homem gordo, não faz revolução. O abdômen, é naturalmente amigo da ordem. O estômago pode destruir, um império: mas há de ser antes do jantar; b) Homem gordo não faz revolução. O abdômen é naturalmente amigo da ordem; o estômago pode destruir um império: mas há de ser antes do jantar; c) Homem gordo não faz revolução, o abdômen é, naturalmente, amigo da ordem. O estômago, pode destruir um império: mas há de ser antes do jantar; d) Homem gordo não faz revolução: o abdômen e naturalmente, amigo da ordem. O estômago pode destruir um império: mas há de ser antes do jantar; e) Homem gordo não faz revolução: o abdômen é naturalmente amigo da ordem. O estômago pode destruir um império mas há de ser, antes do jantar.
  26. 26. Atividade de fixação QUESTÃO 2) Assinale a opção em que a supressão das vírgulas alteraria o sentido do anunciado: a) Os países menos desenvolvidos vêm buscando, ultimamente, soluções para seus problemas no acervo cultural dos mais avançados. b) Alguns pesquisadores, que se encontram comprometidos com as culturas dos países avançados, acabam se tornando menos criativos. c) Torna-se, portanto, imperativa uma revisão modelo presente do processo de desenvolvimento tecnológico. d) A atividade científica, nos países desenvolvidos, é tão natural quanto qualquer outra atividade econômica. e) Por duas razões diferentes podem surgir, da interação de uma comunidade com outra, mecanismos de dependência.
  27. 27. REFERÊNCIAS ABAURRE, M L M PONTARA. Gramática: Texto, análise e construção de sentido. São Paulo: Moderna, 2006. CEREJA, W R e MAGALHÃES, T C. Gramática Reflexiva: texto, semântica e interação. São Paulo: Atual, 2005. LUFT, C P. A vírgula. São Paulo: Ática, 2002. PIACENTINI, M T Q. Só vírgula. São Paulo: UFSCar, 2003.

×