Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

TDC2016POA | Trilha Ruby - Como não fazer do Rails o seu pesadelo

124 views

Published on

Como não fazer do Rails o seu pesadelo

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

TDC2016POA | Trilha Ruby - Como não fazer do Rails o seu pesadelo

  1. 1. Como não fazer do Railso seu pesadelo
  2. 2. @bahartmann
  3. 3. Quando conhecemos Ruby on Rails...
  4. 4. Programar é fácil
  5. 5. Aplicações mais complexas + Relações entre dados + Lógica de negócio + Features + Código!
  6. 6. Aplicações mais complexas + Relações entre dados + Lógica de negócio + Features + Código!COMO FAZ?
  7. 7. Aprenda Ruby (independente de Rails) 1/9
  8. 8. http://railshurts.com/quiz/
  9. 9. Aprenda Ruby ORIENTAÇÃO A OBJETOS BOAS PRÁTICAS
  10. 10. Vá além das convenções 2/9
  11. 11. Recebe requisições para a aplicaçãoController
  12. 12. Comunica com o Banco de Dados Model
  13. 13. NÃO TENHA MEDO DE CRIAR NOVAS CLASSES
  14. 14. ✓ ✘ https://www.sitepoint.com/ddd-for-rails-developers-part-1-layered-architecture/
  15. 15. Remova lógica das views 3/9
  16. 16. https://nandovieira.com.br/usando-presenters-no-rails ✓ ✘
  17. 17. https://nandovieira.com.br/usando-presenters-no-rails
  18. 18. https://nandovieira.com.br/usando-presenters-no-rails
  19. 19. Outras soluções...
  20. 20. Repense suas Gems 4/9
  21. 21. e continua... Rails Adm in
  22. 22. Reveja suas queries SQL 5/9
  23. 23. N+1
  24. 24. Desapegue de suas migrations 6/9
  25. 25. Pratique TDD 7/9
  26. 26. Pratique TDD Feedback durante o desenvolvimento
  27. 27. Pratique TDD Confiança para: Mudar a aplicação Corrigir bugs Refatorar
  28. 28. Pratique TDD Qualidade e Design do Código + Coesão - Acoplamento
  29. 29. Acompanhe a comunidade 8/9
  30. 30. Lembre-se que trabalhamos com pessoas 9/9
  31. 31. Perca o preconceito com outras ferramentas bônus
  32. 32. Obrigada! barbara.hartmann@thoughtworks.com @bahartmann

×