Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Inovar é olhar pra trás

Slides de palestra realizada no 15º EDTED em Salvador.

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to comment

Inovar é olhar pra trás

  1. 1. Inovar é olhar pra trás Inovar é olhar pra trás
  2. 2. Apresentação Tarcízio Silva – mestrando no PPGCCC-UFBA, membro do GITS e sócio-consultor da PaperCliQ. www.poscom.ufba.br www.gits.poscom.ufba.br www.papercliq.com.br www.slideshare.net/papercliq www.tarciziosilva.com.br/blog www.twitter.com/tarushijio Inovar é olhar pra trás
  3. 3. “Não há pior tragédia do que uma grande ideia fadada à obscuridade.” Brian David Johnson Arquiteto de Experiência do Consumidor da Intel Digital Inovar é olhar pra trás
  4. 4. Discurso sobre a comunicação digital As Mídias Sociais estão sendo discutidas entre empresas, agências, academia, imprensa e a sociedade em geral. Cada âmbito possui vários tipos de experiências e conhecimentos que devem ser circulados e discutidos. Inovar é olhar pra trás
  5. 5. Inovar é olhar pra trás? Produtos Informação Imprensa Oficial, Blogs e Produtos Editoriais Jornais, Empresas Jornalistas, Blogs, Revistas, Programas etc. Comunicação Academia e Agências Institutos de Universidades, Tradicionais, Mercado Publicitário Pesquisa Faculdades, Agências Digitais, e Comunicação Pesquisadores, Produtoras, Corporativa Professores, Publicitários, RPs Estudantes etc. etc. Conhecimento Inovar é olhar pra trás
  6. 6. Imprensa Oficial, Blogs e Produtos Editoriais Pessoas Empresas Academia e Institutos de Mercado Publicitário Pesquisa e Comunicação Corporativa Inovar é olhar pra trás
  7. 7. Inovar é olhar pra trás? ! Inovar é olhar pra trás
  8. 8. Inovar é olhar pra trás? ? Inovar é olhar pra trás
  9. 9. Inovar é olhar pra trás? ? Inovar é olhar pra trás
  10. 10. Discurso sobre a comunicação digital A conquista da consolidação do mercado e respeito aos profissionais que exercem tarefas como produção de conteúdo e monitoramento de mídias sociais envolve: - desenvolvimento contínuo dos serviços - abandonar o foco na retórica do novo - mostrar que a comunicação, interação e redes sociais existem desde sempre. Inovar é olhar pra trás
  11. 11. Inovar é olhar pra trás? Inovação pode envolver reutilizar velhas ideias para novos problemas. Imagem: aspencountry.com Inovar é olhar pra trás
  12. 12. Exemplos  Etnografia Digital para entender melhor os grupos e comunidades de consumidores  Gerenciamento de Impressões para entender como as marcas e empresas são percebidas Inovar é olhar pra trás
  13. 13. Mídia Social? Fonte: Andreas Kaplan e Michael Haenlein “ As Mídias Sociais fazem parte de um grupo de aplicações para Internet construídas com base nos fundamentos ideológicos e tecnológicos da Web 2.0, e que permitem a criação e troca de Conteúdo Gerado pelo Usuário (CGU)" Inovar é olhar pra trás
  14. 14. Mídia Social? Fonte: Danah Boyd e Nicole Ellison “ Serviços de web que permitem aos usuários (1) construir um perfil público ou semipúblico dentro de um sistema conectado, (2) articular uma lista de outros usuários com os quais eles compartilham uma conexão e (3) ver e mover-se pela sua lista de conexões e pela dos outros usuários.” Inovar é olhar pra trás
  15. 15. Etnografia Digital? Inovar é olhar pra trás
  16. 16. Etnografia? Etnografia é o principal método usado pelos antropólogos para coletar dados. O pesquisador emerge no grupo pesquisado para entender as crenças, desejos, referências e práticas de um determinado grupo. Bronislaw Malinowski Inovar é olhar pra trás
  17. 17. Etnografia? Bronislaw Malinowski nas Ilhas Trobriand Inovar é olhar pra trás
  18. 18. Etnografia Digital? Marco: estudo “Digital Kids”, realizado pela Saatchi & Saatchi em 1998. Os pesquisadores gravaram, ao todo, mais de 500 horas do uso de computadores por crianças, no ambiente familiar. Puderam perceber nível de atenção das crianças, sites e Imagem: wikimedia.org atividades realizadas, gestualidade, reações emocionais etc. Inovar é olhar pra trás
  19. 19. Etnografia Digital? Etnografia Digital, ou Netnografia, é a aplicação dos conceitos e metodologia etnográficas no ambiente online. Assim como a etnografia tradicional, tem sido aplicada comercialmente para entender mercados, consumidores e usuários. As mídias sociais fornecem diversas possibilidades Robert neste sentido, através da publicação de conteúdo, Kozinets interações, relações e das comunidades online que podem configurar. Inovar é olhar pra trás
  20. 20. Comunidades Online Kozinets explica que as comunidades online são compostas de dois elementos básicos:  Consumo – a ação básica que as pessoas realizam na comunidade  Relações – os tipos de relações entre os participantes. Inovar é olhar pra trás
  21. 21. Etnografia Digital: pra que serve? Traduzido a partir de “Netnography”, de Robert Kozinets Inovar é olhar pra trás
  22. 22. Etnografia Digital: pra que serve? 1)Tornar evidente o “óbvio”, o que significa nos tornar cientes do que as pessoas fazem, mas que elas nem percebem ou param pra refletir Imagem: smallestuser.wordpress.c om 2) Analisar em profundidade as dinâmicas de apropriação e consumo de ideias e objetos Imagem: casodesucesso.com Inovar é olhar pra trás
  23. 23. Etnografia Digital: pra que serve? 3) Ajudar comunicadores a falar com suas audiências com suas próprias linguagens, isto é, comunicar com eles mais efetivamente usando suas formas particulares de comunicação 4) Identificar necessidades, desejos, vontades e estilos de vida. Entender como o grupo percebe a realidade, suas aspirações, motivações e expectativas Imagem: praiaclube.com.br Inovar é olhar pra trás
  24. 24. Etnografia Digital: pra que serve? 5) Descrever ambientes socio-culturais específicos, como o ambiente e cultura dos consumidores ou da corporação Imagem: arcoweb.com.br Inovar é olhar pra trás
  25. 25. Etnografia Digital: níveis > Corporações > Pesquisas Pontuais > Desenvolvimento Individual Inovar é olhar pra trás
  26. 26. Etnografia Digital: etapas Demandas de Instrumentos de Mapeamento de conhecimento Armazenamento ambientes Coletar Dados e Observação e Navegação pelos Fazer Anotações Participação ambientes Análise Aplicação Inovar é olhar pra trás
  27. 27. Etnografia Digital: etapas - Conhecer uma comunidade online específica? Demandas de conhecimento - Saber como um produto é apropriado? - Entender melhor uma prática? - Identificar demandas de serviços? Inovar é olhar pra trás
  28. 28. Etnografia Digital: etapas - Tipo de Mídia: textual, sonora, audiovisual Instrumentos de Armazenamento - Programas - Armazenamento Online x Offline Inovar é olhar pra trás
  29. 29. Etnografia Digital: etapas - Começar por um ambiente Mapeamento de - Observar as referências e links Ambientes - Mapear e coletar ambientes Inovar é olhar pra trás
  30. 30. Mapeamento de Ambientes Inovar é olhar pra trás
  31. 31. Etnografia Digital: etapas - Leitura e consumo do conteúdo Navegação pelos - Navegar por perfis Ambientes Inovar é olhar pra trás
  32. 32. Etnografia Digital: etapas - Criação de Laços Observação e - Envolvimento Participação - Publicação de Questionários Inovar é olhar pra trás
  33. 33. Inovar é olhar pra trás
  34. 34. Inovar é olhar pra trás
  35. 35. Etnografia Digital: etapas - Coleta de conteúdos representativos Coleta de Dados - Anotações sobre as experiências e Anotações - Descrições Inovar é olhar pra trás
  36. 36. Etnografia Digital: etapas Apropriações de um Produto Inovar é olhar pra trás
  37. 37. Etnografia Digital: etapas Inovar é olhar pra trás
  38. 38. Etnografia Digital: etapas “Lenda Urbana”: Forte demais: serve como repelente. “Lembra a meu avô”: produto como representação de vínculo familiar e emocional Inovar é olhar pra trás
  39. 39. Etnografia Digital: etapas - Análise das Atividades Análise - Análise dos Relacionamentos Inovar é olhar pra trás
  40. 40. Etnografia Digital: etapas - Uso dos Dados, Anotações, Experiências Subjetivas e Análise em: Aplicação • Relatórios Gerais • Redação de Campanhas • Avaliação de Atuação • Diretrizes para Comunicação • Etc. Inovar é olhar pra trás
  41. 41. Gerenciamento de Impressões? Inovar é olhar pra trás
  42. 42. Gerenciamento de Impressões Gerenciamento de Impressões é o conjunto de práticas cotidianas que alguém realiza para: • Fornecer imagem idealizada aos interlocutores • De acordo com modelos aceitos pela sociedade ou grupo • Exibindo atributos desejáveis • Para alcançar aceitação e seus Erving desdobramentos Goffman Praticamente qualquer ação social possui algum nível de gerenciamento de impressão. Inovar é olhar pra trás
  43. 43. Gerenciamento de Impressões Inovar é olhar pra trás
  44. 44. Gerenciamento de Impressões Inovar é olhar pra trás
  45. 45. Gerenciamento de Impressões Obra de David Harber Inovar é olhar pra trás
  46. 46. Gerenciamento de Impressões Imagem: Dissertação de José Ricrdo Costa de Mendonça Inovar é olhar pra trás
  47. 47. Gerenciamento de Impressões Inovar é olhar pra trás
  48. 48. Gerenciamento de Impressões INTERAÇÃO Inovar é olhar pra trás
  49. 49. Gerenciamento de Impressões desejo de imagem imagem aceitação desejo de aceitação idealizada idealizada de si de si expectativas expectativas INTERAÇÃO avaliação Inovar é olhar pra trás
  50. 50. Gerenciamento de Impressões desejo de imagem imagem aceitação desejo de aceitação idealizada idealizada de si de si expectativas expectativas ação ação avaliação INTERAÇÃO ação ação ação Inovar é olhar pra trás
  51. 51. Gerenciamento de Impressões Inovar é olhar pra trás
  52. 52. Gerenciamento de Impressões Inovar é olhar pra trás
  53. 53. Gerenciamento de Impressões As empresas também buscam gerenciar as impressões que seus clientes e a sociedade em geral formam sobre suas marcas. Inovar é olhar pra trás
  54. 54. GI Corporativo nas Mídias Sociais Nas Mídias Sociais, o enfoque é na relação. As empresas e pessoas públicas, como políticos, tentam representar a si com os atributos desejáveis de acordo com sua área, público, produto e diferencial. Inovar é olhar pra trás
  55. 55. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos Inovar é olhar pra trás
  56. 56. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos O que vai ser analisado: - Post de blog corporativo - Atualizações no Facebook - Tweets - Releases Enviados - etc. Inovar é olhar pra trás
  57. 57. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos Como vai ser coletado - Agregador de Feed - Software de Monitoramento - Coleta Manual em Planilhas Inovar é olhar pra trás
  58. 58. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos Leitura e Atribuição de Categorias - Categorias de Gerenciamento de Impressões - Métricas de Alcance, Engajamento, Influência ou Adequação Inovar é olhar pra trás
  59. 59. GI Corporativo: como avaliar Categorias de Táticas de Gerenciamento de Impressão (Tedeschi) Defensivas Assertivas Desculpa Agrado Justificativa Intimidação Retratação Súplica Incapacidade Entitulamento Satisfação Realce Acusação Associação Exemplificação Inovar é olhar pra trás
  60. 60. GI Corporativo: como avaliar Exemplificação: Associação: Realce: Agrado: Inovar é olhar pra trás
  61. 61. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos Análise - O gerenciamento de impressões está de acordo com os objetivos? Inovar é olhar pra trás
  62. 62. GI Corporativo: como avaliar Definição Coleta Adição de dos Análise Aplicação Integrada Informação Objetos Aplicação - Correção nas estratégias - Treinamento de equipe Inovar é olhar pra trás
  63. 63. GI Figura Política: como avaliar Serra Inovar é olhar pra trás
  64. 64. GI Figura Política: como avaliar Serra Serra enfatiza conteúdo da categoria “Exemplificação” para focar nas suas melhores características, de administrador experiente. Inovar é olhar pra trás
  65. 65. GI Figura Política: como avaliar Dilma Inovar é olhar pra trás
  66. 66. GI Figura Política: como avaliar Dilma Dilma, comparativamente, enfatiza conteúdo da categoria “Associação”, por ter na ligação com Lula seu maior trunfo. Inovar é olhar pra trás
  67. 67. GI Figura Política: como avaliar Média de RTs Inovar é olhar pra trás
  68. 68. GI Corporativo: como avaliar Livraria A Inovar é olhar pra trás
  69. 69. GI Corporativo: como avaliar Perfil de Livraria A A empresa, de menor porte, com oferta de livros teóricos e acadêmicos mais intensa, foca em marketing cultural para um público que procura material especializado. Inovar é olhar pra trás
  70. 70. GI Corporativo: como avaliar Perfil de Livraria B Inovar é olhar pra trás
  71. 71. GI Corporativo: como avaliar Perfil de Livraria B A empresa, de maior porte e com produtos mais diferenciados foca-se no entretenimento. Publica, sobretudo, conteúdo com promoções e interações lúdicas com os seguidores. Inovar é olhar pra trás
  72. 72. Aplicando > Aprender > Incorporar > Cruzar teorias e contextos > Desenvolver métodos > Comparar e Discutir Inovar é olhar pra trás
  73. 73. Concorrência Etnografia Digital Monitoramento Cliente Público Planejamento Estratégico Mensuração Digital Gerenciamento de Impressões Mercado Inovar é olhar pra trás
  74. 74. Renovem ideias! Inovar é olhar pra trás
  75. 75. Fontes • Netnography: Doing Ethnographic Research Online – Robert Kozinets • Netnography: The Marketer’s Secret Wearpon – Robert Kozinets • A Representação do Eu na Vida Cotidiana – Erving Goffman • Developmento of a Self-Presentation Tactics Scale - Suk-Jae Lee, Brian M. Quigley, Mitchell S. Nesler, Amy B. Corbett, James T. Tedeschi • Listerine Netnography - http://www.slideshare.net/Nicky3540/listerine- netnography Inovar é olhar pra trás
  76. 76. Tarcízio Silva www.twitter.com/tarushijio www.tarciziosilva.com.br Comunicação e Estratégia Digital + Conteúdo: www.papercliq.com.br www.papercliq.com.br/blog www.slideshare.net/papercliq www.twitter.com/papercliq Tel.: (71) 3013-1432 Av. Tancredo Neves – Ed. Esplanada Tower, 939 – Sala 403 – Caminho das Árvores | CEP 41.820-021 | Salvador-BA Inovar é olhar pra trás

    Be the first to comment

    Login to see the comments

  • ninasantos

    Aug. 5, 2011

Slides de palestra realizada no 15º EDTED em Salvador.

Views

Total views

1,918

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

553

Actions

Downloads

28

Shares

0

Comments

0

Likes

1

×