Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Workshop Planejamento Estratégico da Comunicação para Empreendedoras

513 views

Published on

Apresentação do workshop realizado em abril na Casa Feminaria sobre planejamento estratégico da comunicação para empreendedoras.

Published in: Business
  • Hello! Get Your Professional Job-Winning Resume Here - Check our website! https://vk.cc/818RFv
       Reply 
    Are you sure you want to  Yes  No
    Your message goes here

Workshop Planejamento Estratégico da Comunicação para Empreendedoras

  1. 1. INTERNET | EMPREENDEDORISMO | DIVERSIDADE TAÍS OLIVEIRA
  2. 2. Formada em Comunicação Social com habilitação em Relações Públicas (Conrerp/2: 4318) pela FAPCOM e mestranda em Ciências Humanas e Sociais na UFABC. Dos oito anos de atuação em internet (no setor público, privado e agências de comunicação) tem experiência em mídias sociais em planejamento editorial e de campanhas, curadoria e produção de conteúdo, gerenciamento de canais e equipes, atendimento ao consumidor e gestão de mídia online. Fundadora e colunista no Versátil RP, blog especializado em Relações Públicas e comunicação.
  3. 3. NOME / IDADE FORMAÇÃO / TRABALHO O QUE TROUXE O QUE ESPERA LEVAR
  4. 4. WORKSHOP PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DA COMUNICAÇÃO
  5. 5. _Programa do workshop _Processos _Ferramentas _Fontes de Informações _Casinhos _Exercícios _Conceito _Níveis
  6. 6. PLANEJAMENTO
  7. 7. _Conceito planejamento urbano planejamento familiar planejamento financeiro planejamento escolar planejamento logístico planejamento do dia planejamento governamental planejamento de uma viagem planejamento de um evento
  8. 8. _Conceito Planejamento Estratégico da Comunicação “O planejamento é um processo, um conjunto de fases (subprocessos, processos) pelas quais se realiza uma operação. Sendo um conjunto de fases, um processo, a sua realização não é aleatória. O processo é sistematizado, obedece a relações precisas de interdependência que o caracterizam como um sistema, como um conjunto de partes (fases, processos) coordenadas entre si, de maneira a formarem um todo, um conjunto coerente e harmônico visando alcançar um objetivo final (produto, resultado) determinado.” (p. 89) Juan Diaz Bordenave e Horacio Martins de Carvalho no livro Comunicação e Planejamento
  9. 9. _Conceito Planejamento Estratégico da Comunicação “É preciso considerá-lo [o planejamento], sobretudo, como um ato de inteligência, um modo de pensar sobre determinada situação ou realidade, enfim, como um processo racional-lógico, que pressupõe estudos, questionamentos, diagnósticos, tomadas de decisões, estabelecimentos de objetivos, estratégias, alocação de recursos, curso de ações etc.” (p. 203) Margarida Kusch no livro Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada
  10. 10. NÍVEIS
  11. 11. ESTRATÉGICO TÁTICO OPERACIONAL _Níveis
  12. 12. “Esses três tipos de planejamento coexistem e são interdependentes nas organizações. Todos são necessários e se complementam. [...] São indispensáveis e acontecem conjuntamente, tendo como referência fundamental os objetivos globais estabelecidos pelas organizações com vistas em sua sobrevivência no mercado e no cumprimento da sua missão na sociedade.” (p. 215) Margarida Kunsh no livro Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada _Níveis
  13. 13. PROCESSOS
  14. 14. _Auto conhecimento _Públicos _Comunicação _Macroambiente _Concorrentes _Análise Fofa _Pesquisas _Diagnóstico _Soluções _Investimento _ P r o c e s s o s _Avaliações
  15. 15. _ A u t o c o n h e c i m e n t o É sobre conhecer profundamente a sua empresa. Data de criação/início das atividades? Onde está e onde quer chegar? Tem missão, visão e valores? Quais as especialidades do seu serviço / produto? Tem site? Cartão de visita? Material impresso? Quanto tempo um cliente permanece com seu produto /serviço? Como funciona o atendimento aos clientes? Quanto está disposto a investir em comunicação?
  16. 16. Você consegue definir a essência e a função da sua empresa em uma frase curta e objetiva? _ A u t o c o n h e c i m e n t o
  17. 17. _ P ú b l i c o s “Analisar, pela conceituação lógica, todos os componentes da interação empresa-públicos para determinar o nível de compartilhamento nas decisões, definir interesses e o comportamento das partes e as formas de comunicação produtiva entre elas.” (p. 63) Fabio França no livro Públicos – Como identifica-los em uma nova visão estratégica
  18. 18. _ P ú b l i c o s Tipo de Público Tipo de Relacionamento Objetivos da Empresa Expectativa da Empresa Expectativa dos Públicos Empregados Legal Manter a produtividade Dedicação Lealdade Reconhecimento Salário Justo Clientes Negócios Dar excelente atendimento Credibilidade Satisfação Produtos de qualidade Bom atendimento Fornecedores Negócios Fechar bons contratos Cumprimento dos contratos Pagamentos na data combinada Tabela adaptada do modelo de Fabio França, página 101.
  19. 19. _ C o m u n i c a ç ã o Modalidade da Comunicação Descrição Administrativa Dos processos internos de uma empresa, aquela que faz as tarefas acontecerem. Mercadológica Das vendas, seu objetivo é tratar diretamente dos negócios (serviço/produto) da empresa. Interna A intenção é estabelecer e mantar uma conversa entre empresa e colaboradores, por meio de ferramentas bem definidas e alinhadas com um objetivo. Institucional Responsável por tornar público a missão, filosofia e identidade de uma organização, aqui o objeto não é a venda propriamente Tabela adaptada do modelo de Margarida Kusnch, página 152.
  20. 20. _ M a c r o a m b i e n t e Análise das cinco variáveis externas que podem impactar o seu negócio.
  21. 21. _ M a c r o a m b i e n t e
  22. 22. _ C o n c o r r e n t e s Quem são os concorrentes? Diretos, indiretos, mesmo serviço/produto. Quais suas estratégias? Preço, diferencial, atendimento, entrega. Quais seus objetivos? Lucro, público ou região. Quais suas forças e fraquezas? Participação no mercado, ROI, custo de produção. Quais seus padrões de reação? A reação do concorrente frente a uma ameaça. Modelo proposto por Philip Kotler, página 202.
  23. 23. _ P e s q u i s a s “A pesquisa os ajuda a buscar respostas para inúmeros questionamentos em relação à audiência (públicos) envolvida em determinado programa às ações comunicativas (mensagens, canais, receptores) e a averiguar as expectativas dos públicos, com vistas no uso da persuasão de forma científica e correta.” (p. 279) Margarida Kunsh no livro Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada
  24. 24. _ P e s q u i s a s | G o o g l e F o r m
  25. 25. _ P e s q u i s a s | G o o g l e F o r m
  26. 26. _ P e s q u i s a s | G r u p o s n a s m í d i a s s o c i a i s
  27. 27. _ P e s q u i s a s | D a d o s s e c u n d á r i o s São empresas especializadas que oferecem dados e análises sobre variados temas e setores.
  28. 28. _ P e s q u i s a s | D a d o s s e c u n d á r i o s Segmentação de dados baseada em técnicas analíticas e estatísticas. O Mosaic Brasil classifica a população brasileira em 11 grupos e 40 segmentos, considerando aspectos financeiros, geográficos, demográficos, de consumo, comportamento e estilo de vida.
  29. 29. A técnica SWOT consiste em reunir tudo o que foi analisado até aqui e aplicar em uma tabela ilustrativa quais são as Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças da organização. _ A n á l i s e F o f a
  30. 30. _ A n á l i s e F O FA FORÇAS FRAQUEZAS OPORTUNIDADES AMEAÇAS INTERNO EXTERNO
  31. 31. _ D i a g n ó s t i c o O diagnóstico segue o raciocínio de uma consulta médica. Você vai ao médico por alguma queixa, conta seus sintomas, ele te examina, te diagnostica e sugere um tratamento. problemas de comunicação O diagnóstico segue o raciocínio de uma consulta médica. Você vai ao médico por alguma queixa, conta seus sintomas, ele te examina, te diagnostica e sugere um tratamento. sugestão de resolução dos problemas processo de estudo da organização análise do que foi estudado
  32. 32. Agora é a hora de tirar conclusões do que foi estudado e propor as soluções para cada problema identificado. _ S o l u ç õ e s
  33. 33. _ S o l u ç õ e s logística da implantação das ações passo-a-passo da ação principais objetivos da organização ESTRATÉGICO TÁTICO OPERACIONAL Desenvolver a comunicação digital da marca de forma atraente e engajadora. Definir quem serão os desenvolvedores, designers, social media, plataformas e ferramentas. Elaborar um cronograma de ações cotidianas para alcançar o objetivo estratégico (e executá-las).
  34. 34. _ I n v e s t i m e n t o grana bufunfa money tostões merreca trocado dim dim papel valioso golpinhos cascalho faz-me rir montante recursos
  35. 35. O que adianta ter um serviço/produto maravilhoso se a comunicação não entrou no seu plano de negócios? _ I n v e s t i m e n t o
  36. 36. A comunicação deve ser tratada como parte do investimento! _ I n v e s t i m e n t o
  37. 37. _ Av a l i a ç ã o “Definir os parâmetros de avaliação e mensuração dos resultados faz parte de todo o processo, pois permite uma visão crítica do que está sendo planejado e, posteriormente, o que foi realizado e dos resultados obtidos.” (p. 275) Margarida Kusch no livro Planejamento de Relações Públicas na Comunicação Integrada
  38. 38. _ Av a l i a ç ã o Desenvolver a comunicação digital da marca de forma atraente e engajadora. Definir quem serão os desenvolvedores, designers, social media, plataformas e ferramentas. Elaborar um cronograma de ações cotidianas para alcançar o objetivo estratégico. - O site é bonito e funcional? Traz as principais informações sobre sua empresa? É atualizado periodicamente? Qual a taxa de visitas? - As mídias sociais são padronizadas? Tem conteúdo de qualidade e interação? Reverte visitas no site? - As pessoas envolvidas no processo de desenvolvimento desse objetivo cumpriram o combinado sem maiores problemas? Estão satisfeitos? Indicariam seus serviços? - A comunicação digital estruturada reverte em vendas, contatos e/ou imagem positiva da marca?
  39. 39. FERRAMENTAS
  40. 40. _ F e r r a m e n t a s Canvas - Para elencar conceitos chaves da marca.
  41. 41. _ F e r r a m e n t a s Google Agenda - Organização, datas, prazos Trello - Gerenciamento de tarefas Feedly - Curadoria de conteúdo Pomodoro - Foco, produtividade
  42. 42. UNS CASINHOS
  43. 43. _ C a s i n h o s | M e u Tu r b a n t e M i n h a C o r o a
  44. 44. _ C a s i n h o s | E r a U m a Ve z o M u n d o
  45. 45. _ C a s i n h o s | X o n g a n i M o d a A f r o
  46. 46. EXERCÍCIO PRÁTICO
  47. 47. Vamos descobrir quais são os públicos da Feminaria e classificá-los? _ E x e r c í c i o p r á t i c o
  48. 48. EXERCÍCIO PARA CASA
  49. 49. Agora que você aprendeu o processo, que tal elaborar o seu próprio planejamento de comunicação? ;) _ E x e r c í c i o p a r a c a s a
  50. 50. _ B i b l i o g r a f i a
  51. 51. _ B i b l i o g r a f i a O objetivo desse conteúdo é apresentar o processo, conceitos e algumas ferramentas de forma simplificada, para que aqueles empreendedores que precisam trabalhar a comunicação de suas marcas.
  52. 52. contato@taisoliveira.me / tais.oliveira@versatilrp.com.br Obrigada! :)

×