Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO Professores Conectad...
Problema de Pesquisa  As redes sociais on-line e a inserção das tecnologias da informação e da comunicação no trabalho de ...
Que contradições movimentam o processo de inserção das TIC no trabalho de professores brasileiros da educação básica, no c...
Quais as possíveis implicações da presença on-line, marcada pelo   blogue pessoal e pela interação nas redes sociais const...
As redes sociais on-line podem constituir espaços de interação intra, inter e extrainstitucionais que possibilitam a artic...
Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar a formação e o desenvolvimento das redes sociais on-line de profe...
Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar as contradições e sentidos da presença on-line de professores, po...
Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar as transformações no trabalho de professores brasileiros da educa...
Tese Professores brasileiros da educação básica, em redes sociais on-line, constituem espaços públicos que interconectam a...
Teses secundárias Os espaços públicos em rede conectam dimensões on-line e off-line das redes, bem como seus espaços intra...
Teses secundárias Estas sub-redes são o espaço de possibilidade de uma contrainternalização pela qual o professor pode sup...
Teses secundárias O professor tem no blogue uma interface de mediação entre as suas sub-redes e por meio dele constitui um...
 
Trabalho, educação e tecnologia  Redes sociais  A internet  A blogosfera  Espaços-tempos de aprender em rede  Professores ...
Trabalho Educação Tecnologia Tempo Professores Conteúdo Espaço Escola Professores em rede TIC Quantidade Qualidade Redes F...
Pesquisa Qualitativa Netnografia Observação participante
Sujeitos de Pesquisa Os 14 sujeitos, escolhidos intencionalmente, foram 11 professoras e 3 professores da educação básica,...
Coleta de dados e informações Nos blogues Entrevista semiestruturada Geral: entre 2007 e 2010 Específica: entre ago/2008 e...
Agregador de conteúdo
Registros no Blogue de Campo
Coleta nos Blogues <ul><li>Anotações síncronasassíncronas realizadas cotidianamente no blogue de campo </li></ul><ul><li>b...
Registros em planilhas  Tabelas Conteúdo Tabela I Registra mês a mês o número de publicações, de comentários, de respostas...
 
Entrevistas Perguntas gerais e específicas como complementação às informações coletadas nos blogues Realizadas em dez de 2...
Google Wave
Sínteses Em uma pequena porção de rede de 14 professores, 4 publicações e mais de 2 comentários ou referências diários ent...
 
 
As relações sociais se tornam visíveis nos textos e nos diálogos que circularam na sub-rede de professores e que se articu...
Formação da Rede
O claro-escuro das contradições O professor O tempo A escola
Possibilidades Redes Sociais Acesso Conhecimento Formação Vivência Trabalho Inter, Intra, Extrainstitucional Caminho compa...
 
Fechando janelas Práxis utilitária x Práxis revolucionária Formação Inicial Formação Continuada Espaços públicos em rede A...
Manter a crítica da prática individual, coletiva, educativa, social e a crítica da realidade como parte da construção sist...
Compreender que a sub-rede não é uma autocriação espontânea e que necessita de estratégias, planos e suporte, elaborados e...
Andrew Dewitt - E HOW - http://www.ehow.com/ Créditos CAD effect - http://www.cadeffect.com/ KG University - http://ist.ks...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Professores Conectados: trabalho e educação nos espaços públicos em rede

5,822 views

Published on

Tese defendida em 16 dez 2010 junto ao PPGEDU da UFRGS

Published in: Education, Business, Technology

Professores Conectados: trabalho e educação nos espaços públicos em rede

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO Professores Conectados : trabalho e educação nos espaços públicos em rede Suzana de Souza Gutierrez Orientadora: Profª Drª Carmen Lucia Bezerra Machado
  2. 2. Problema de Pesquisa As redes sociais on-line e a inserção das tecnologias da informação e da comunicação no trabalho de professores brasileiros da educação básica – suas tendências, contradições e possibilidades no trabalho do professor e na educação.
  3. 3. Que contradições movimentam o processo de inserção das TIC no trabalho de professores brasileiros da educação básica, no contexto de constituição e desenvolvimento de redes sociais on-line? Questões
  4. 4. Quais as possíveis implicações da presença on-line, marcada pelo blogue pessoal e pela interação nas redes sociais constituídas por blogueiros, para o trabalho do professor?
  5. 5. As redes sociais on-line podem constituir espaços de interação intra, inter e extrainstitucionais que possibilitam a articulação e construção de alternativa potencialmente transformadora para o trabalho dos professores?
  6. 6. Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar a formação e o desenvolvimento das redes sociais on-line de professores brasileiros da educação básica e os processos de inserção das TIC, considerando as suas relações com o trabalho do professor e a educação. Objetivos
  7. 7. Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar as contradições e sentidos da presença on-line de professores, por meio dos seus blogues e da interação em redes sociais on-line, para a formação e para o trabalho do professor.
  8. 8. Conhecer, descrever, interpretar, compreender e explicar as transformações no trabalho de professores brasileiros da educação básica, no contexto de interação nas redes sociais on-line e de inserção das tecnologias da informação e da comunicação.
  9. 9. Tese Professores brasileiros da educação básica, em redes sociais on-line, constituem espaços públicos que interconectam as suas diversas redes e constroem elos cooperativos que são condição de possibilidade para enfrentar as contradições da inserção das TIC em seu trabalho e para o estabelecimento de processos de autoeducação.
  10. 10. Teses secundárias Os espaços públicos em rede conectam dimensões on-line e off-line das redes, bem como seus espaços intra, inter e extrainstitucionais constituindo um campo de ligação entre todas as sub-redes dos professores.
  11. 11. Teses secundárias Estas sub-redes são o espaço de possibilidade de uma contrainternalização pela qual o professor pode superar a pseudoconcreticidade de suas concepções em relação às TIC.
  12. 12. Teses secundárias O professor tem no blogue uma interface de mediação entre as suas sub-redes e por meio dele constitui um ambiente pessoal de aprendizagem.
  13. 14. Trabalho, educação e tecnologia Redes sociais A internet A blogosfera Espaços-tempos de aprender em rede Professores (des)conectados Metáfora Modelo Totalidade Acesso O comum Web 2.0
  14. 15. Trabalho Educação Tecnologia Tempo Professores Conteúdo Espaço Escola Professores em rede TIC Quantidade Qualidade Redes Forma Informação Comunicação Modo de Produção Relações de Produção Contradição Elos Cooperativos Autoeducação Internalização Contra Internalização Pseudoconcreticidade EPR Blogues Internet
  15. 16. Pesquisa Qualitativa Netnografia Observação participante
  16. 17. Sujeitos de Pesquisa Os 14 sujeitos, escolhidos intencionalmente, foram 11 professoras e 3 professores da educação básica, blogueiros e atuantes em redes sociais on-line.
  17. 18. Coleta de dados e informações Nos blogues Entrevista semiestruturada Geral: entre 2007 e 2010 Específica: entre ago/2008 e jul/2009
  18. 19. Agregador de conteúdo
  19. 20. Registros no Blogue de Campo
  20. 21. Coleta nos Blogues <ul><li>Anotações síncronasassíncronas realizadas cotidianamente no blogue de campo </li></ul><ul><li>b) Registros assíncronos de informações coletadas mediante o sistema de arquivos do blogue </li></ul><ul><li>c) Registros realizados retomando o desenvolvimento de episódios, situações, diálogos em suas transformações e repercussões. </li></ul>Realizada entre 2008 e 2010
  21. 22. Registros em planilhas Tabelas Conteúdo Tabela I Registra mês a mês o número de publicações, de comentários, de respostas a comentários, de imagens, áudio, vídeo e outras mídias usadas nos textos, e a quantidade de ligações externas e internas. Tabela II Registra os comentários recebidos de outros sujeitos de pesquisa em cada mês. Tabela III Recupera das tabelas individuais de comentários recebidos (II), os comentários feitos por cada professor Tabela IV Recupera das tabelas individuais as ligações recebidas (V) de outros professores do grupo. Tabela V Registra as ligações feitas para textos ou para o blogue de outro professor do grupo
  22. 24. Entrevistas Perguntas gerais e específicas como complementação às informações coletadas nos blogues Realizadas em dez de 2009 Suporte: Google Wave
  23. 25. Google Wave
  24. 26. Sínteses Em uma pequena porção de rede de 14 professores, 4 publicações e mais de 2 comentários ou referências diários entre os participantes, sinaliza a existência dos laços, evidencia o espaço em rede que se forma na intersecção das diversas redes que os professores habitam. Publicações Nº Médias detalhes Entradas (hipertextos) 1.458 122 por mês 4 por dia Comentários em Geral 2.887 2 por texto 8 por dia Comentários respondidos 880 3 por dia 31% Comentários na sub-rede 486 1-2 por dia 20% do geral Referências na sub-rede 313 26 por mês 1 por dia
  25. 29. As relações sociais se tornam visíveis nos textos e nos diálogos que circularam na sub-rede de professores e que se articulam sob diversas formas em torno dos mesmos temas que atravessam a totalidade das redes. Tipo Assunto referências Datas especiais Natal, ano novo, páscoa, dia do professor... 35 Eventos I Congresso de Tecnologias na Educação 19 Best Blogs Brazil 15 Campus Party 13 Prêmio Educadores Inovadores MS 11 Interdidática 9 Gerais Invasão da faixa de Gaza 18 Twitter 12 Gripe H1N1 8 Eleições norte-americanas (2008) 7 Crise econômica mundial 6 Eleições no Brasil (2008) 5 Específicos Acordo Ortográfico 13 Projeto Voo Portugal-Brasil-França 8 Revista Veja (matéria ataca Paulo Freire) 7 Dissertação de Juliane Guedes 5 Susan Boyle 5 Memes 'Prêmio' Dardos 14 Blogagem coletiva A escola forma para o futuro ou para o passado? 8
  26. 30. Formação da Rede
  27. 31. O claro-escuro das contradições O professor O tempo A escola
  28. 32. Possibilidades Redes Sociais Acesso Conhecimento Formação Vivência Trabalho Inter, Intra, Extrainstitucional Caminho compartilhado Elos Cooperativos Autoeducação
  29. 34. Fechando janelas Práxis utilitária x Práxis revolucionária Formação Inicial Formação Continuada Espaços públicos em rede A rede na escola Sub-redes
  30. 35. Manter a crítica da prática individual, coletiva, educativa, social e a crítica da realidade como parte da construção sistemática da sub-rede e como forma de autoeducação. Ativar o poder da ideologia emancipadora como forma de consolidar a autonomia da sub-rede e criar condições para um possível movimento de contrainternalização de valores e concepções. Pensar a educação também como movimento social e manter vínculos com os demais movimentos sociais da rede. Alguns caminhos para as sub-redes
  31. 36. Compreender que a sub-rede não é uma autocriação espontânea e que necessita de estratégias, planos e suporte, elaborados e avaliados entre os pares. Fazer da sub-rede um espaço público, ambiente de trocas, de pesquisa, de documentação, que preserve a memória e alimente os processos. Garantir a autonomia e a continuidade da sub-rede na prática, usando tecnologias abertas e livres, independentes de serviços que possam ser descontinuados, optar pela simplicidade das soluções e pela cooperação entre os pares como forma de ação.
  32. 37. Andrew Dewitt - E HOW - http://www.ehow.com/ Créditos CAD effect - http://www.cadeffect.com/ KG University - http://ist.ksc.kwansei.ac.jp/ Contato

×