Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Cerebro

18,049 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Cerebro

  1. 1. O Cérebro<br />
  2. 2. Cérebro e as suas divisões <br /> O cérebro é muito complexo, sendo ele que controla a maioria dos comportamentos e processos mentais.<br /> O cérebro situa-se no sistema nervoso, mais propriamente no sistema nervoso central. O sistema nervoso central divide-se então em duas partes: a espinal medulae o cérebro; por sua vez o próprio cérebro divide-se, também ele, em duas partes: o córtex cerebrale as estruturas subcorticais. <br />
  3. 3.
  4. 4. Os Neurónios<br /> São as unidades básicas do sistema nervoso.<br /> Os neurónios são células nervosas responsáveis pela recepção e transmissão dos estímulos do meio.<br /> Um neurónio é constituído por quatro elementos fundamentais: <br />  corpo celular<br />  dendrites<br />  axónio<br />  bainha mielina<br />
  5. 5. A transmissão da informação no cérebro é feita através de dois processos:<br /> Eléctrico<br />  Químico os neurónios têm vesículas sinápticas que segregam substâncias químicas, os neurotransmissores.<br /><ul><li>A conexão entre os neurónios chama-se sinapse, mas esta conexão é feitas através do processo químico, pois não existe contacto físico entre os neurónios. </li></li></ul><li>Espinal Medula<br />Estrutura nervosa com dupla funcionalidade <br />Função Condutora<br />Função Coordenadora<br />Coordena os actos reflexos, involuntários<br />Transporta ou conduz informação somatossensorial para o cérebro para este transmitir informação motora aos músculos <br /><ul><li> Uma lesão na espinal medula pode provocar paralisia e insensibilidade</li></li></ul><li>Os Actos Reflexos <br /> Nos actos reflexos os receptores sensoriais transmitem a sensação aos nervos sensoriais, que por sua vez, transmitem a mensagem à espinal medula. Na espinal medula existe um nervo de associação que transmite a mensagem aos nervos motores, estes aos músculos que actuam instantaneamente. Deu-se então o acto reflexo, os actos reflexos são de extrema importância, pois minimizam o tempo de reacção e consequentemente o impacto da sensação, por exemplo numa queimadura. <br />
  6. 6.  Cerebelo<br /> Bolbo Raquidiano<br /> Sistema Reticular Activante<br /> Tálamo<br /><ul><li> Hipotálamo
  7. 7. Amígdala </li></ul> Hipocampo<br />
  8. 8. Córtex Cerebral<br />O córtex cerebral é o responsável pela capacidade de realizar as funções mentais superiores.<br />O córtex cerebral tem duas áreas funcionais<br />Áreas Primárias ou Sensoriais <br />Áreas Secundárias ou Psicossensoriais <br />Processam a informação <br />Recebem e produzem informação sensorial <br />
  9. 9. O cérebro esta dividido em dois hemisférios, os quais estão divididos em quatro lobos:<br />  Lobos Occipitais <br />  Lobos Temporais<br />  Lobos Parietais <br />  Lobos Frontais <br />
  10. 10. Lobos Occipitais <br /><ul><li>Os lobos occipitais são a zona do córtex cerebral especializada na visão, os lobos occipitais localizam-se na parte posterior do córtex cerebral.
  11. 11. Lesões:</li></ul> Cegueira Cortical– incapacidade de ver<br /> Agnosia Visual – incapacidade de reconhecer e identificar aquilo que se vê<br /> Cegueira Verbal – incapacidade de ler por não reconhecer as letras, ainda que veja o grafismo<br />
  12. 12. Lobos Temporais<br /><ul><li>Os lobos temporais são a zona do córtex cerebral responsáveis pela audição e situam-se perto das têmporas, zona lateral do cérebro.
  13. 13. Lesões:</li></ul> Surdez Cortical – incapacidade de ouvir <br /> Agnosia Auditiva – incapacidade de atribuir significado aos sons ouvidos<br /> Surdez Verbal – incapacidade de interpretar o significado do que se ouve, lesão na Área de Wernicke <br />
  14. 14. Lobos Parietais<br /><ul><li>Os lobos parietais são importantes porque recebem informações sobre as sensações corporais, os lobos parietais situam-se atrás do lobos frontais.
  15. 15. Lesões:</li></ul> Anestesia Cortical – incapacidade de receber sensações tácteis<br /> Agnosias Somatossensoriais – incapacidade de localizar e quantificar as sensações sentidas.<br />
  16. 16. Lobos Frontais<br /><ul><li>Nos lobos frontais podem se distinguir duas áreas:</li></ul>Área Motora – área responsável por controlar movimentos precisos e voluntários.<br /><ul><li>Lesões:</li></ul> Paralisia – incapacidade de controlar os movimentos<br /> Apraxia – incapacidade de coordenar e ajustar os movimentos executados<br /> Agrafia – incapacidade de coordenar os movimentos para escrever, lesão na Área de Broca<br />
  17. 17. Córtex Pré-Frontal – é a zona responsável pela integração e coordenação de várias estruturas corticais e subcorticais e é bastante importante para a definição da nossa personalidade. <br /> Devido a ele podemos:comunicar, ter lembranças, imaginar, reflectir, planificar e modificar acções, sentir, decidir, etc.<br /> O córtex pré-frontal ajusta a personalidade individual.<br />
  18. 18. Estruturas Subcorticais<br /><ul><li>Cerebelo</li></ul> O Cerebelo é responsável por coordenar a actividade motora e manter a harmonia dos movimentos do corpo, mantendo também, a posição e o equilíbrio do corpo.<br /><ul><li>Bolbo Raquidiano</li></ul> O Bolbo Raquidiano é um ponto de passagem de fibras nervosas que transportam informações .<br /> É muito importante porque controla parte das funções vitais, tornando-se essencial à vida. <br />
  19. 19. <ul><li>Sistema Reticular Activante</li></ul> O Sistema Reticular Activante controla a capacidade de atenção e vigilância, tornando possível ao cérebro fazer a descodificação das informações recebidas.<br /> Este sistema é bastante importante pois filtra as informações, distinguindo as importantes das superficiais.<br /><ul><li>Tálamo</li></ul> O Tálamo é um local por onde passam e são coordenadas as informações sensíveis.<br /><ul><li>Hipotálamo</li></ul> O Hipotálamo é uma estrutura bastante importante, pois é ele que regula a maior parte da necessidades biológicas, controla os circuitos nervosos que regulam alguns órgãos internos e também controla e dirige o sistema endócrino.<br />
  20. 20. <ul><li>Amígdala </li></ul> A Amígdala está envolvida na produção de impulsos de várias origens, mas principalmente impulsos agressivos.<br /><ul><li>Hipocampo</li></ul> O Hipocampo desempenha um papel de primeira ordem na formação da memória e na retenção da mesma.<br />
  21. 21. Plasticidade e Complexidade do Cérebro<br /> A ideia de especialização das áreas do cérebro em determinadas funções, após várias investigações e comparações do papel dos Hemisférios do Cérebro, foi confirmada pois estes assumem funções distintas.<br /><ul><li>Hemisfério Esquerdo</li></ul> Está especializado em funções que dizem respeito à linguagem, às aptidões matemáticas e controla o lado direito do corpo.<br /><ul><li>Hemisfério Direito</li></ul> Está relacionado com as relações espaciais e visuais e controla o lado esquerdo do corpo. <br />
  22. 22.  O cérebro funciona da forma especializada mas também de forma integrada, pois apesar de algumas áreas e estruturas cerebrais estarem mais ligadas a umas funções que a outras, todos os processos mentais exigem uma interacção de diversas áreas e estruturas cerebrais.<br /> Exemplo disso é a linguagem em que se usam a Área de Broca para a produção do discurso oral e a Área de Wernicke para a compreensão do mesmo.<br /> Plasticidade Cerebral – refere-se à flexibilidade do cérebro que permite criar novas sinapses e ligações entre os neurónios, é esta plasticidade que permite que se aprenda toda a vida.<br />
  23. 23. A Unidade Funcional do Cérebro<br /> Função Vicariante ou de Suplência do cérebro<br /> É a capacidade que o cérebro tem de se modificar e reorganizar recuperando uma capacidade, após uma lesão, numa outra área, ou seja, quando uma área é danificada a função que lhe esta associada não desaparecerá irremediavelmente.<br /> A mesma função exige a maior parte das vezes o recurso a várias áreas e estruturas<br />
  24. 24. Conclusão<br />Um cérebro<br />Desempenha várias funções<br />Interacção de várias áreas e estruturas<br />FIM<br />

×