Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Como os processos de testes <br />ajudam na obtenção de melhores resultados<br />Lisboa, 9 de Fevereiro de 2011<br />Luís ...
Luís Amaral<br />Co-fundador e Director da Strongstep – Innovationin Software Quality<br />Na Strongstep contribui para a ...
Sobre a Strongstep<br /><ul><li>A Strongstep é uma empresa especializada em Engenharia de Software que contribui para a me...
Queremos induzir mudança nas organizações que represente um passo sustentável e inovador – um strongstep!
Missão:
Promover a melhoria dos processos de desenvolvimento de software através da implementação de práticas que endereçam as pes...
Ter uma abordagem pragmática e orientada para os resultados, que promova a cooperação entre as empresas, universidades e i...
“The quality of a software system is governed by the quality of the process used to develop and evolve it.”<br />Watts Hum...
Porquê também focar nos processos?<br /><ul><li>Complementa o foco nas pessoas</li></ul>Por vezes a experiência das pessoa...
CMMICapability Maturity Model Integration<br />O CMMI é um modelo de melhoria de processo que da às organizações elementos...
CMMI v1.3 para desenvolvimento<br />Nível 2<br />Nível 3<br />Nível 4<br />Nível 5<br />
Verificação e Validação<br />SG 1 Prepare for Verification<br />SP 1.1 Select Work Products for Verification<br />SP 1.2 E...
Custo da não qualidade<br />
Um bom processo de testes<br />Define critérios organizacionais, adaptados a aplicações e criticidades<br />Define clarame...
O que o modelo nos traz para além dos testes<br />Apoio nas decisões estratégicas<br />Objectivos claros e definidos<br />...
QuickWins<br />Métricas<br />Uma forma uniforme de trabalhar e adaptada a cada situação<br />Maior controlo<br />Outras té...
Outros modelos e normas complementares<br />ISTQB<br />International Software Testing Qualifications Board<br />TMMI<br />...
Conclusões <br />O softwarehoje em dia é muito complexo<br />O modelo CMMI é o mais reputado modelo de certificação para m...
O sucesso vem do trabalho de equipa<br />
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Como os processos de testes ajudam na obtenção de melhores resultados

970 views

Published on

Como os processos de testes ajudam na obtenção de melhores resultados

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Como os processos de testes ajudam na obtenção de melhores resultados

  1. 1. Como os processos de testes <br />ajudam na obtenção de melhores resultados<br />Lisboa, 9 de Fevereiro de 2011<br />Luís Amaral<br />
  2. 2. Luís Amaral<br />Co-fundador e Director da Strongstep – Innovationin Software Quality<br />Na Strongstep contribui para a melhoria da qualidade de software através de serviços de formação, certificação, melhoria, investigação e inovação<br />Trabalhou e vivou em vários países europeus durante mais de 8 anos nas áreas de desenvolvimento de software e processos<br />Mais de 10 anos de experiência incluindo consultoria, desenvolvimento de software e empreendedorismo<br />Vice-Presidente da PSTQB – Associação Portuguesa de Testes de Software e membro do grupo de trabalho internacional de Marketing do ISTQB<br />
  3. 3. Sobre a Strongstep<br /><ul><li>A Strongstep é uma empresa especializada em Engenharia de Software que contribui para a melhoria da qualidade do software em Portugal e no Mundo.
  4. 4. Queremos induzir mudança nas organizações que represente um passo sustentável e inovador – um strongstep!
  5. 5. Missão:
  6. 6. Promover a melhoria dos processos de desenvolvimento de software através da implementação de práticas que endereçam as pessoas, os processos e as ferramentas da empresa.
  7. 7. Ter uma abordagem pragmática e orientada para os resultados, que promova a cooperação entre as empresas, universidades e instituições de referência mundial..</li></li></ul><li>Contexto<br />Desenvolver e gerir software é um desafio extremamente complexo<br />Erros de desenvolvimento e operação são praticamente inevitáveis e podem ditar fortes atrasos e perdas<br />Maior complexidade e dispersão geográfica dos projectos de software e de serviços criam novos desafios com desenvolvimento e operações multisite<br />A falta de qualidade no software custa tempo e dinheiro tanto durante as fases de desenvolvimento como nas fases de operação do software<br />Hoje em dia o software e os seus serviços são vitais para a maioria das empresas e negócios<br />
  8. 8. “The quality of a software system is governed by the quality of the process used to develop and evolve it.”<br />Watts Humphrey<br />
  9. 9. Porquê também focar nos processos?<br /><ul><li>Complementa o foco nas pessoas</li></ul>Por vezes a experiência das pessoas não é suficiente<br />A “culpa” não deve estar nas pessoas mas sim nos processos<br />O foco deve ser em trabalhar de forma pensada e “esforçada”<br />Um bom processo descreve formas bem pensadas de fazer o trabalho<br /><ul><li>Complementa o foco nas ferramentas</li></ul>As ferramentas por si só, se mal utilizadas e com os propósitos errados não acrescentam valor<br />Não basta sermos eficientes é preciso sermos eficazes<br />
  10. 10. CMMICapability Maturity Model Integration<br />O CMMI é um modelo de melhoria de processo que da às organizações elementos essenciais para processos eficientes e eficazes levando à melhoria da sua performance<br />O modelo é gerido pelo SEI (Software EngineeringInstitute da Universidade de Carnegie Mellon, EUA)<br />Hoje em diz são feita avaliações formais à luz do modelo chamadas de SCAMPI (Standard CMMI AppraisalMethod For ProcessImprovement) que mostram a prova de qualidade do desenvolvimento de software.<br />
  11. 11. CMMI v1.3 para desenvolvimento<br />Nível 2<br />Nível 3<br />Nível 4<br />Nível 5<br />
  12. 12. Verificação e Validação<br />SG 1 Prepare for Verification<br />SP 1.1 Select Work Products for Verification<br />SP 1.2 Establish the Verification Environment<br />SP 1.3 Establish Verification Procedures and Criteria<br />SG 2 Perform Peer Reviews<br />SP 2.1 Prepare for Peer Reviews<br />SP 2.2 Conduct Peer Reviews<br />SP 2.3 Analyze Peer Review Data<br />SG 3 Verify Selected Work Products<br />SP 3.1 Perform Verification<br />SP 3.2 Analyze Verification Results<br />SG 1 Prepare for Validation<br />SP 1.1 Select Products for Validation<br />SP 1.2 Establish the Validation Environment<br />SP 1.3 Establish Validation Procedures and Criteria<br />SG 2 Validate Product or Product Components<br />SP 2.1 Perform Validation<br />SP 2.2 Analyze Validation Results<br />
  13. 13. Custo da não qualidade<br />
  14. 14. Um bom processo de testes<br />Define critérios organizacionais, adaptados a aplicações e criticidades<br />Define claramente quando estamos preparados para certificar os produtos <br />Cobertura<br />Número de defeitos críticos<br />Classificação de defeitos<br />Não deixa critérios abertos a cada pessoa<br />Catalisa um bom processo de requisitos<br />
  15. 15. O que o modelo nos traz para além dos testes<br />Apoio nas decisões estratégicas<br />Objectivos claros e definidos<br />Visão do ciclo de vida<br />Melhor ligação entre as equipas e departamentos<br />Resultados no investimento<br />
  16. 16. QuickWins<br />Métricas<br />Uma forma uniforme de trabalhar e adaptada a cada situação<br />Maior controlo<br />Outras técnicas de teste (revisões e inspecções)<br />
  17. 17. Outros modelos e normas complementares<br />ISTQB<br />International Software Testing Qualifications Board<br />TMMI<br />Test Maturity Model Integration<br />TPI<br />Test Process Improvement<br />ISO 9001<br />ISO 15004<br />
  18. 18. Conclusões <br />O softwarehoje em dia é muito complexo<br />O modelo CMMI é o mais reputado modelo de certificação para melhoria de processo de desenvolvimento de software<br />Os modelos podem ajudar na definição e de processos e na melhoria de eficiência, eficácia e performance das organizações<br />A área de testes beneficia por ter uma boa articulação com as áreas de trabalho com que interagem<br />
  19. 19. O sucesso vem do trabalho de equipa<br />
  20. 20. Questões?<br />
  21. 21. Strongstep a criar excêntricos!<br />
  22. 22. Contactos<br />Luís Amaral<br />luis.amaral@strongstep.pt<br />+351 93 910 50 60<br />Strongstep – Innovationin software quality<br />Email: geral@strongstep.pt<br />Web: www.strongstep.pt<br />Telefone: + 351 22 030 15 85<br />Rua Actor Ferreira da Silva, UPTEC<br />4200-298 Porto, Portugal<br />

×