Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Vacinas

459 views

Published on

.

Published in: Healthcare
  • Be the first to comment

Vacinas

  1. 1. FACULDADE JK VACINAS Criança e Gestante Discentes: Alex Santos Brenda Oliveira Flávia Aline Kátia Cilene Whitney Vieira Docente: Msc. Kelle Moreira Gama DF- 2015
  2. 2. INTRODUÇÃO  Surgiu no Século XX  Revolta da Vacina  PREPARAÇÕES => REAÇÃO NO SISTEMA IMUNOLÓGICO => formação de anticorpos => tornando o indivíduo imune. (FUNDAÇÃO OWVALDO CRUZ, 2015)
  3. 3. OBJETIVO GERAL  Controlar uma doença de forma intensiva ou ampliar a cobertura vacinal para complementar trabalho da rotina;  Vacinar um determinado número de pessoas em curto espaço de tempo; OBJETIVO ESPECÍFICO  Prevenir a população das doenças;  Evitar que se manifeste de forma mais grave;
  4. 4. METODOLOGIA Embasamo-nos também nos pressupostos teóricos do cultor da área de metodologia de ensino Pedro Ferraz (2010), através de seu livro Procedimentos autodidatas para aquisição de conhecimento acelerado', onde a pesquisa foi baseada em Manuais do Ministério da Saúde, e no site da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ).
  5. 5. CONSIDERAÇÕES FINAIS As vacinas são mais úteis e mais efetivas no controle de doenças infectocontagiosas do que o uso de medicamentos para sua cura, além de ser um método mais barato para controle da saúde pública. O Brasil é um dos países que oferece o maior número de vacinas à população, disponibilizando mais de 300 milhões de doses (FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ, 2015)
  6. 6. REFERÊNCIAS  Manual de Normas e Procedimentos para Vacinação, MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2014.  Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, 2015.  Calendário Nacional de Vacinação, MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2015.

×