Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Hepatite C vs Doença Renal Crônica

75 views

Published on

Hepatite C vs Doença Renal Crônica

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

Hepatite C vs Doença Renal Crônica

  1. 1. Alexandre Naime Barbosa MD, PhD Professor Doutor - Infectologia 3º Simpósio de Atualização em Hepatites Virais HC UFG - Gastroenterologia e Hepatologia Ago 2017 - Goiânia - GO - Brasil
  2. 2. Declaro ter recebido incentivos na forma de inscrições de eventos científicos e/ou; viagens aéreas e terrestres e/ou; gastos com alimentação, hospedagem e translados e/ou; patrocínio para a realização de congressos; pagamentos por serviços prestados e/ou consultorias das seguintes empresas ou instituições nos últimos 12 meses: - Abbvie - Bristol-Myers Squibb - CNPq - DECIT - FAMESP - FAPESP - Gilead - GSK-ViiV - Jansen - MRG - DISTAH - Ministério da Saúde - Merck Sharp and Dohme - Prefeitura de Botucatu - SMS - Sanofi Pasteur - Sociedade Brasileira de Infectologia - UNESP
  3. 3. O material que se segue faz parte do projeto didático do Prof. Dr. Alexandre Naime Barbosa Objetivos 1. Ensino: Treinamento de Estudantes e Profissionais da Área de Saúde; 2. Extensão: Facilitar o Contato da População em Geral com Conceitos Científicos; 3. Científico: Fomentar a Discussão Científica e Compartilhar Material Didático. Autoria e Cessão 1. Conteúdo: Os dados contidos estão referenciados, em respeito ao autor original; 2. Uso: Está permitido o uso do material, desde que citada a fonte; 3. Contato: fale com o autor e conheça o seu projeto didático em:
  4. 4. Histórico - Homem, 49 anos - 2007: D(x) Hepatite C Crônica, Gen 1b, F2 - Indicado IFN-Peg + RBV - Intolerância após 2 semanas -> perda de seguimento - 2010: Transplante Renal em outro serviço (causa?)
  5. 5. Qual o impacto da Infecção pelo VHC na Doença Renal Crônica?
  6. 6. RR: 1,26 RR: 1,21
  7. 7. Nefrites Túbulo Intersticiais
  8. 8. Histórico - Homem, 49 anos - 2007: D(x) Hepatite C Crônica, Gen 1b, F2 - Indicado IFN-Peg + RBV - Intolerância após 2 semanas -> perda de seguimento - 2010: Transplante Renal em outro serviço (causa?) - Fev/2016: Retoma seguimento HVC Elastografia F2 (7,5 kPa) CV VHC: 836.988 (5,92 log) Creatinina: 2,6 - 2,7 mg/dL TFG (CKD-EPI): 26 - 28 mL/min/1,73 m2 Em uso de: 1. Tacrolimus 2. Micofenolato 3. Prednisona 4. Omeprazol 5. SMX-TMP *paciente com bom plano de saúde
  9. 9. Qual seria sua opção de tratamento da HVC nesse caso? 1. Não tratar 2. SOF + DCV................... 12 semanas 3. SOF + SIM................... 12 semanas 4. OBV/VRP/r + DSV (3D) ....... 12 semanas 5. Outra opção?
  10. 10. Histórico - Homem, 49 anos - 2007: D(x) Hepatite C Crônica, Gen 1b, F2 - 2010: Transplante Renal em outro serviço (causa?) - Fev/2016: Retoma seguimento HVC Elastografia F2 (7,5 kPa) CV VHC: 836.988 (5,92 log) Creatinina: 2,6 - 2,7 mg/dL TFG (CKD-EPI): 26 - 28 mL/min/1,73 m2 Em uso de: 1. Tacrolimus 2. Micofenolato 3. Prednisona 4. Omeprazol 5. SMX-TMP *paciente com bom plano de saúde -> Abr/2016: Iniciado OBV/VRP/r + DSV (3D) por 12 semanas
  11. 11. Histórico - Homem, 49 anos - 2007: D(x) Hepatite C Crônica, Gen 1b, F2 - 2010: Transplante Renal em outro serviço (causa?) - Fev/2016: Retoma seguimento HVC Elastografia F2 (7,5 kPa) CV VHC: 836.988 (5,92 log) Creatinina: 2,6 - 2,7 mg/dL TFG (CKD-EPI): 26 - 28 mL/min/1,73 m2 -> Abr/2016: Iniciado OBV/VRP/r + DSV (3D) por 12 semanas -> Jul/2016 (fim de tratamento): CV VHC Não Detectado -> Nov/2016 (RVS 12 sem): CV VHC Não Detectado
  12. 12. Obrigado pela Atenção! SAE de Infectologia HC UNESP Botucatu Faculdade de Medicina UNESP

×