Postura e Comportamento (Nelson Remondi) - Cidadão do Futuro 2010

24,204 views

Published on

Apresentação do gerente de Recursos Humanos da Smar, Nelson Remondi, para o projeto Cidadão do Futuro com o tema "Postura e Comportamento".

Published in: Education

Postura e Comportamento (Nelson Remondi) - Cidadão do Futuro 2010

  1. 1. Postura e Comportamento Nelson José Remondi D’Antonio
  2. 2. Apresentação Nelson José Remondi D’Antonio • Gerente de Recursos Humanos – Na Smar há 25 anos • Formação: – Direito – Univ. Ribeirão Preto – Ciências Contábeis – Univ. Moura Lacerda – MBA – Gestão de Organizações – USP – MBA – Gestão de Pessoas - FAAP
  3. 3. Postura e Comportamento Objetivo: Informar sobre a importância de se ter boa aparência e boa postura diante das diversas situações que se apresentam no campo pessoal e profissional ao longo da vida, que podem influenciar no sucesso da carreira.
  4. 4. A importância da boa aparência no Mercado de Trabalho • MBA nos Estados Unidos, fluência em vários idiomas e capacitação técnica não são o suficiente no mercado de trabalho • Os entrevistadores muitas vezes dão uma olhada geral nos candidatos, antes de começar a entrevista, procurando dicas visuais para economizar seu tempo. • Assim já são eliminados automaticamente os que estão passando mensagens negativas por meio de sua aparência ou maneiras..
  5. 5. Imagem Pessoal • É possível construir um boa imagem pessoal e profissional?
  6. 6. A Imagem Pessoal • É construída normalmente em três momentos distintos: – A Primeira Impressão • que é formada nos três primeiros segundos; – A Imagem Inicial • que é formada nos primeiros contatos; – A Imagem propriamente dita • que é aquela imagem já formada que temos que manter e melhorar.
  7. 7. A Formação da Imagem • Aqui estão em jogo os nossos comportamentos, hábitos, postura, ética, conhecimentos, habilidades e competência. • Temos que utilizá-los corretamente para conquistar a pretendida credibilidade e confiança de todos à nossa volta.
  8. 8. A Formação da Imagem • A primeira impressão oriunda do contato inicial é fundamental na construção de uma boa imagem. • Essa boa primeira impressão, dependerá especialmente da forma de como você estiver vestido, da sua postura corporal e do modo como se expressar.
  9. 9. A Primeira Impressão • “Ninguém Tem Uma Segunda Oportunidade Ninguém De Causar Uma Boa Primeira Impressão” • Estudos* atestam que são necessários somente 3 segundos, para a formação da Primeira Impressão. • Nesses escassos segundos, os principais fatores que influenciam na formação da imagem são: – A Visão do primeiro impacto com 35%; – O Tom da Voz com 22%; – A Adequação das palavras utilizadas com 18%; – A Linguagem Corporal com 15%.
  10. 10. Primeira Impressão: A Visão do Primeiro Impacto • O interlocutor é influenciado principalmente pela aparência e pelo vestuário. • O que mais chama a atenção além dos tradicionais traços de higiene pessoal, é a expressão facial. • Espera-se desta expressão nos três segundos iniciais que seja de um sorriso que demonstre sinceridade. • No conjunto que compõe a expressão facial, – Mulheres: Maquiagem leve e Cabelos penteados – Homens: Cabelos penteados e barba feita.
  11. 11. Primeira Impressão: A linguagem corporal do Primeiro Impacto • Nos primeiros 3 segundos do primeiro impacto, é importante ter em atenção a colocação da cabeça e tronco, que devem estar eretos. • Não se deve manter a curvatura dos ombros que denota cansaço ou mesmo desânimo. • Por outro lado, se estiver na posição de sentado, esta deve manter- se correta no assento, pois caso contrário, a primeira impressão que causar será negativa
  12. 12. A linguagem Corporal: O Cumprimento • Paralelamente à linguagem corporal ressaltamos especial atenção sobre o cumprimento social e o contato visual. • O cumprimento na nossa cultura materializa-se com um “aperto de mão”, ato que deve obedecer a algumas regras simples: – A mão deve ser fechada de forma firme e sem apertar; – O braço não deve balançar mais que 3 vezes e de forma natural, porém segura. – Manter a distância de dois antebraços do interlocutor.
  13. 13. Linguagem Corporal: O Contato Visual • O olhar deve ser direto nos olhos do nosso interlocutor e ao mesmo tempo deve demonstrar segurança e seriedade, mas tendo cuidado para não parecer demasiado intrusivo. • Assim, os olhos são a “janela da alma”, e o nosso olhar deve transmitir exatamente a nossa saudação sincera.
  14. 14. Postura Corporal Inadequada • Coluna curvada • Ombros caídos • Cabeça baixa • Demonstram cansaço, desmotivação e desânimo.
  15. 15. Postura Corporal Correta • Coluna ereta • Ombros alinhados • Cabeça levemente erguida • Demonstra motivação, vontade, energia e atenção.
  16. 16. Postura Mental • Pensar sempre de forma positiva. • No âmbito profissional, eliminar da mente todos os problemas que não estejam ligados à empresa. • É melhor faltarmos um dia para liquidá-los do que tê-los em nossa mente, bloqueando nossas ações ou pensamentos.
  17. 17. Postura Comportamental • Temos que ter bom humor, mas nos portar como profissionais ativos, sérios e atentos ao nosso trabalho. • Brincadeiras ou piadas em demasia e em horas impróprias induzem as pessoas a pensarem que não nos importamos com o nosso trabalho. • Podemos até adquirirmos a reputação de palhaço da seção e perdermos nossa credibilidade.
  18. 18. Roupas e Aparência • Se você almeja ser uma pessoa de sucesso, tenha a aparência de uma pessoa de sucesso. • A roupa de trabalho é diferente das escolhidas para o final de semana ou lazer. Ela tem a tarefa de passar o conceito da empresa e a credibilidade da pessoa que a usa. • · Não utilizar roupas demasiadamente decotadas, justas, curtas ou transparentes. • · Nunca utilize bonés e óculos escuros. • · Brincos exagerados e piercings raramente serão “bem recebidos”. • · As cores da roupa e dos acessórios precisam estar em harmonia (em dúvida, use no máximo três cores diferentes).
  19. 19. Roupas e Aparência • Use roupas discretas e adequadas. Simplicidade e discrição caem bem em qualquer ambiente. • • Seu cabelo, unhas e pele podem ser entendidos como acessórios! • Tatuagens, quando possível, devem ser escondidas. • O asseio pessoal será avaliado pela aparência de sua barba, pelo cuidado com suas unhas e cabelo • · Utilize perfume suave.
  20. 20. O Tom de Voz e a Utilização das palavras • A fala é um dos mais importantes instrumentos de comunicação. • O modo como você é percebido depende, muito do modo como fala e do que fala. • Sua expressividade é resultado de: – Dicção – arte de dizer, de recitar; – Variação de volume – tom com que nos pronunciamos (alto, moderado, baixo); – Velocidade das falas – forma como nos pronunciamos (rápido, devagar,moderado); – Vocabulário usado – maneira como utilizamos as palavras (gírias, expressões,dialetos).
  21. 21. O Tom de Voz e a Utilização das palavras • Cuidado com o uso correto dos gêneros (masculino e feminino), número (plurais) e grau. • Exemplo: – Quando falamos "Nós vamo"..."Os carro"... Ou então: "Para mim consertar"...
  22. 22. Como promover uma imagem positiva • Comportamentos: – Tenha bons hábitos – Seja ético – Seja educado – Tenha humildade – Demonstre competência
  23. 23. Ter Bons Hábitos • Ser assíduo e pontual. • Chamar o cliente pelo nome. • Não interromper a pessoa que está falando, por nenhum motivo.
  24. 24. Ser Ético • Nunca falar mal da sua concorrência – Apenas enfatize o que você tem de bom. – Se possível fazer com que o cliente descreva os pontos negativos dos outros; – Ainda não sabe de onde ele veio e nem vai saber para onde vai no futuro, cative um aliado, esteja ele onde estiver; • Guarde sigilo das informações.
  25. 25. Ser Educado • Cumprimente seus colegas e demais funcionários ao chegar e quando for embora. • Respeite a privacidade de seus colegas. • Controle seu mau humor e lembre-se que todos têm problemas e o ambiente de trabalho não é o melhor lugar para discuti-los.
  26. 26. Demonstrar Competência • A importância da Imagem: Além de “ser” é preciso “parecer” competente. • Assim, antes do estabelecimento do contato deve-se estudar a mensagem que se quer transmitir, treinar e visualizar mentalmente os resultados pretendidos.
  27. 27. Ter Humildade • Seja comedido em demonstrar excesso de conhecimento. • Forneça informações na medida necessária e do interesse do seu cliente. • Não queira “aparecer” como o “sabe-tudo”, pois tal atitude pode interferir negativamente na sua imagem.
  28. 28. Boas Maneiras no Trabalho
  29. 29. Boas Maneiras no Trabalho • Ética e educação no trabalho Cumprimente seus colegas ao chegar e quando for embora. • Seja tolerante e flexível. • Respeite a privacidade de seus colegas. • Controle seu mau humor e lembre-se que todos têm problemas e o ambiente de trabalho não é o melhor lugar para discuti-los. • Muito cuidado com as brincadeiras. Muitas pessoas sentem-se ofendidas com determinadas brincadeiras.
  30. 30. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • E-mail • Evite enviar correntes, piadas e arquivos com imagens pesadas. Isso só atrapalha a vida de quem recebe. • Cuidado ao usar “caps lock”. Na comunicação eletrônica, palavras escritas em maiúsculas dão impressão de que você está gritando. • Cuidado ao utilizar as caixas CC (em cópia) e BCC (cópia oculta). • Copie seu chefe apenas no que for importante. Ele não precisa saber tudo o que você faz. • Cuidado com as brincadeiras feitas pelo e-mail, elas poderão ser usadas contra você. Lembre-se que um e-mail é um documento.
  31. 31. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Telefone É uma ferramenta ideal para esclarecer mal entendidos e explicar com mais clareza suas idéias. • Não fale alto ao telefone, isso tira a concentração dos seus colegas de trabalho. • Caso atenda um telefonema no aparelho do seu colega, procure se manter de pé e seja rápido. • Evite invadir a mesa ou se instalar como se estivesse em seu lugar
  32. 32. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Reuniões • Prepare-se para a reunião. Não chegue atrasado. • Desligue o celular durante a reunião. • Não fique sussurrando com outro colega. • Preste atenção nas perguntas e sugestões de seus colegas para não repeti-las ou ser pego de surpresa. • Caso não possa comparecer à reunião, comunique antecipadamente.
  33. 33. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Convivendo com o seu chefe Trate-o sempre com respeito, por mais intima que seja a relação, principalmente quando estiver na frente de outras pessoas. • Leve os problemas e as possíveis soluções para o seu chefe. • Discuta idéias novas que promovam benefícios para a organização. • Reconheça seus erros e procure entender os erros do seu chefe.
  34. 34. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Relacionamentos Pessoais Você pode ter um namorado(a) na empresa, mas não namorar na empresa. • Problemas da vida particular do casal devem ser resolvidos fora da empresa. • Se você se envolver emocionalmente com seu/sua chefe, é aconselhável um dos dois mudar de área. Nessa situação converse com seu RH para que a situação seja resolvida da melhor maneira. • E o principal, seja discreto.
  35. 35. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Rumores e fofocas • Evite falar mal de colegas ou da empresa onde você trabalha para o mundo interno e externo. A prática apenas depõe contra você. • Afaste-se de fofocas. Evite comentar rumores. • Fique de olhos abertos para não se envolver em assuntos constrangedores. • Colabore para levantar o "astral" e não degradar o ambiente de trabalho.
  36. 36. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Banheiro • Dê sempre a descarga. Não jogue papel no chão. • Evite molhar o chão do banheiro quando for escovar os dentes. • Ao escovar seus dentes não deixe a pasta cair fora da pia do banheiro. • Ao pentear os cabelos, não os jogue dentro da pia nem dentro do vaso sanitário. • Utilize o cesto de lixo para descarte de absorventes e outros materiais, como papel higiênico. Além de criar um aspecto ruim, eles podem entupir o vaso.
  37. 37. Boas Maneiras no Trabalho Boas Maneiras no Trabalho • Elevador • Não aperte os dois botões (subir e descer). Pressione apenas o botão que corresponda à direção que você quer ir. • Libere espaço para a entrada e saída de pessoas. • Não segure a porta do elevador para terminar um assunto ou esperar um colega. • Não fale alto no interior do elevador.
  38. 38. A manutenção da imagem • Uma vez que a imagem já esteja formada, devemos colocar periodicamente a nós próprios as seguintes questões: – Será que eu sei realmente como sou visto pelos outros? – Estou realmente cumprindo todas as minhas obrigações e promessas? – Tenho feito efetivamente o suficiente pelos meus clientes?
  39. 39. É possível construir uma boa imagem • Boa Aparência • Higiene pessoal, Roupas Adequadas • Tom de Voz • Usar bem a Língua Portuguesa • Para causar sempre uma boa primeira impressão • Boa Postura Corporal • Para demonstrar motivação • Bons Comportamentos / Boas Maneiras • Para demonstrar competência e confiança
  40. 40. Concluindo.... • Vocês viram algumas dicas muito importantes para se agir de maneira ética e ter uma boa postura profissional. • Espero que elas sejam úteis em diversas situações que ocorrem dentro de um ambiente corporativo. • Muitas delas podem ser aplicadas na nossa vida pessoal também.
  41. 41. Postura e Comportamento Obrigado pela Atenção!
  42. 42. Desenvolvendo Competências •Interpessoais •Intelectuais •Estratégicas
  43. 43. COMPETÊNCIAS INTERPESSOAIS • São aquelas que favorecem a interação com as pessoas, inclusive diante de situações conflitantes. • É a habilidade de entender e tratar as outras pessoas com sensibilidade.
  44. 44. COMPETÊNCIAS INTELECTUAIS • São aquelas que possibilitam a análise de dados e fatos, e a compreensão da relação de causa e efeito necessária às tomadas de decisões. • Possibilitam a organização de idéias, de forma lógica e racional, a partir de objetivos estabelecidos.
  45. 45. COMPETÊNCIAS ESTRATÉGICAS • São aquelas que permitem analisar a posição competitiva da organização, considerando as tendências de mercado e do setor, clientes atuais e potenciais, além de pontos fortes e fracos em comparação aos concorrentes
  46. 46. Competências Interpessoais • Liderança • Habilidade interpessoal de estimular pessoas à execução de um ou mais objetivos predeterminados. – Exemplos: • Técnico de um time esportivo. • Representante de sala, entre outros. – Como desenvolver: • Sempre que surgir uma oportunidade, ofereça-se para coordenar a equipe, como um trabalho em grupo na escola / faculdade, time de futebol etc. • Participe de um grupo informal em seu bairro (associação de moradores, por exemplo), e seja responsável por algumas atividades.
  47. 47. Competências Interpessoais • Flexibilidade • Disposição para mudar de opinião,apresentando abertura a novas e diferentes formas de pensamento e comportamento. – Exemplo: – Mudar o estilo do vestuário, adequando-se ao ambiente, entre outros. – Como desenvolver: • Experimente algumas pequenas mudanças: corte de cabelo, estilo de roupas, planos diferentes para o final de semana. • Experimente um caminho alternativo para ir à escola.
  48. 48. Competências Interpessoais • Comunicação • Facilidade em expressar idéias por meio da fala ou da escrita, de forma clara e objetiva, fazendo com que os outros entendam suas mensagens. – Exemplos: – Fala – apresentar seminários. – Escrita – elaborar uma redação, entre outros. – Como desenvolver: • Contribua na redação de um jornal interno na escola / faculdade. • Prepare-se antecipadamente para a apresentação de um seminário ou palestra.
  49. 49. Competências Interpessoais • Negociação • Capacidade de expressar argumentos claros e de ouvir o outro, considerando interesses e necessidades que satisfaçam os dois lados. – Exemplos: – Solicitar o empréstimo de um objeto a alguém extremamente zeloso. – Conseguir a aprovação dos pais para passar o fim de semana na praia com os amigos, entre outros. – Como desenvolver: • Participe de pequenas negociações em seu círculo de amizades ou família, sempre com a idéia de que o resultado seja favorável para ambos. • Experimente vender um objeto usado a outra pessoa
  50. 50. Competências Interpessoais • Trabalho em equipe • Capacidade para trabalhar com outras pessoas, unindo esforços individuais e as diferenças de comportamento e conhecimento a fim de atingir um objetivo comum. – Exemplos: – Trabalhos escolares em grupo.
  51. 51. ERROR: stackunderflow OFFENDING COMMAND: ~ STACK:

×